1. Spirit Fanfics >
  2. Vause escarlate. >
  3. Quem ama, cuida!

História Vause escarlate. - Capítulo 19


Escrita por:


Notas do Autor


Capitulo para atualizar, desculpe os erros e a demora.🌷

Capítulo 19 - Quem ama, cuida!


Com direçao tomada pelo navio, o Orange navegava em direçao ao leste do Atlântico. Nicole sabia que Alex daria essa ordem, mas, reduziu a velocidade, indo de forma suave sobre as aguas.

Indiferente a isso tudo, Piper olhava pela enésima vez e pensava em uma forma de dar banho em Alex de forma eficaz. Já tinha perdido a conta de quantas vezes baixou e tornou a cobrir a adormecida capitã.

Colocou a mão no rosto, em franco desespero. Se falasse pra alguém, que apesar de ter tido a mais profunda intimidade que duas pessoas podem ter. Estava totalmente sem jeito de deixar Alex nua. Isso por que de fato, durante o ato sexual, ela estava tão excitada e seduzida, que não pensou, só sentiu o calor daquele corpo, e a maciez da pele alva sobre a sua, e só de pensar, seu corpo respondia involuntáriamente.

Seu rosto queimou em lembrar do encaixe de seus corpos, do mover suave e firme e da  gostosa sensação do êxtase que ela lhe deu.

Queria sentir de novo. Admitiu pra si, com uma angustiante sensação de derrota. Saberque amava Alex, poderia ser sinal de sofrimento.

O sol já alcançava a metade do dia e Piper ainda não decidira o que fazer. Suspirou. Fundo e retirou o lençol de sobre ela, decidida.  Com maos inseguras,Piper  retirou a túnica ainda manchada de sangue, revelando o corte limpo, mas ainda havia sinais de sangue no restante do corpo, Alex usava uma segunda peça, que lhe cobria os seios, era feita de linho e metal, preso por três amarras. Devia ser eficaz contra uma investida de espada naquela área. Seu coração começou a acelerar, quando desamarrou os fios, revelando os seios alvos, firmes, e de forma perfeita. Tocou a pele ferida com carinho. Alheia a seu dilema,  Alex respirava tranquilamente, enquanto continuava sua angustiante e inquietante tarefa. Em seguida, Piper foi ate a calça preta e larga que a pirata ainda vestia, nem isso apagava as formas sedutoras e esguias de Alex, ela era alta e linda! Engoliu em seco ao retirar a peça, com certo esforço, Alex agora estava nua diante dela. Piper correu os dedos sobre a tatuagem de uma rosa vermelha que ela tinha no braço esquerdo, a maciez da pele era incrível, fechou os olhos, e voltou para a agua com espuma perfumada e uma pequena dose de álcool. Embebeu uma esponja e passou suavemente pelo rosto dela, olhando com cuidado, todos os detalhes, enxugou em seguida pra não molhar a cama. Fez isso com o restante do corpo, deu atenção especial aos seios, mas ao chegar na parte que tentou evitar olhar, não resistiu..

O sexo de Alex era uma tentação a parte, uma forma perfeita e pra sua surpresa, era depilada. Não sabia por que, mas sentiu uma estranha sensação no ventre. Lavou rapidamente o local, enxugando e vestindo uma calça limpa. Retirou então a túnica que ainda permanecia sob o corpo. Essa manobra Piper teve que abraçar pra poder inclinar para limpar as costas. Um calor correu pelo seu corpo e Piper fechou os olhos." céus! Vou enlouquecer " pensou, " controle se, ela esta dormindo!" 

Terminada a tarefa, ajeitou os cabelos negros em um rabo de cavalo lateral. Olhou satisfeita e cansada. Ela era pesada!" Mas, quando esta sobre mim, parece leve como uma carícia" Pensou bobamente..

Bateram na porta alguns minutos depois.

-- seu almoço, Piper.

Lorna entrou, trazendo uma bandeja com frango, batatas, e feijão-- Como ela está ?

Perguntou, colocando a bandeja sobre o criado mudo.

Piper percebeu que estava com fome.

-- só falta abrir os olhos.

Respondeu, levando uma garfada da refeição à boca.

-- acho que ela vai gostar de abrir os olhos, afinal.

Lorna foi ate o baú e  retirou uma rede de descanso, pendurando nos ganchos que haviam nas paredes da cabine-- Descanse um pouco, você esta precisando.

Piper olhou agradecida, afinal, estava um caco e umas horas de sono em uma boa rede,  parecia um sonho.

Agradeceu a gentileza da morena.

-- obrigado Lorna, mas, pra onde estamos indo?

-- não sei ao certo. Tudo que sei é que Nikky esta fazendo o que Alex ordenou.

Sorriu -- descanse!

Apontou a rede, e saiu.

Piper não tinha muito o que fazer, foi ate a cama e olhou o belo rosto adormecido.

-- Oque vou fazer com esse sentimento.

Susurrou pra si mesma.

Respirou fundo, e deitou se na rede, em poucos minutos, caiu no sono.


Alex abriu os olhos rápido, estranhando esta deitada, fez um gesto  pra se levantar e voltou a deitar, sentindo uma pontada aguda em seu ombro esquerdo, levou a mao e apalpou o curativo., lembranças vieram em sua mente, mas nada muito nítido. 

Viu a rede pendurada a sua frente. Quanto tempo havia dormido? Um dia ? Dois ? Morta não estava, pois a pontada de dor lhe deixava claro isso. Apesar de inicio ser potente, agora já conseguia se mover um pouco melhor. Levantou se com cuidado e foi ate a rede. A imagem de Piper adormecida lhe roubou a respiração por alguns segundos. Mesmo em meio aos problemas, não havia como negar, amava lady Piper Chapman, mas, como saber o que ela realmente sentia. Esse pensamento angustiava a pirata, que, respirando profundamente, caminhou meio cambaleante,  ate a porta. 

A tarde já estava alta e o princípio da noite já se anunciava com o veludo azul escuro cobrindo a imensidão do mar. 

Nikky foi a primeira a ver Alex sair da cabine, ainda com passos vacilantes.

-- Alex!

Com um mixto de contentamento e preocupação, Nicole correu ate a amiga, a sustentando.-- não devia sair da cama ainda, capitã!

A repreendeu. 

Alex franziu o cenho, como quem não gosta de ser alertada.

-- onde estamos ?

-- ainda estamos no Atlântico.

Informou Nikky. 

-- vá para o Caribe, existe aquela ilha deserta. 

-- e depois...

Quis saber, caminhando com ela em seu apoio. 

-- Tortuga. 

Alex estava fraca e percebeu ao sentir a visão turva. 

-- me leve de volta pra cabine e me traga algo pra comer!


As dores no corpo ainda dizia que precisava descansar mais, mas, tinha assuntos emergentes. 

Sentada na cama, esperando a refeição, Alex pensava muitas coisas, umas delas é que não devia fazer nada nos próximos dois dias. A solução era fazer uma pequena pausa em uma ilha qualquer do Caribe e traçar um plano para deter Bloom e seus mercenários. Mas, tinha em seu maior desafio, a mulher que dormia profundamente em uma rede em seu quarto. 

Pennsatucky trouxe lhe a refeiçao: frango assado, batatas feijão e arroz, Sorriu irônica, ao ver Piper dormindo pesadamente na rede.

-- fez um ótimo trabalho, Tiffany. 

Comentou Alex, enquanto atacava o prato de comida, estava faminta! 

Pennsatucky examinou o ferimento, e sorriu.

-- eu só tratei, acho que a sua enfermeira foi uma das principais causas de sua recuperação milagrosa.

Alex parou de comer e olhou para a rede, onde ela via apenas parte do cabelos loiros.

-- ela cuidou de mim?

Havia uma grata surpresa em sua voz.

-- a noite toda.

Pennsatucky fingiu sorrir e levantou apos examinar o ombro da pirata.-- incrível! Parece que esta ótimo. Apenas se alimente bem e beba bastante liquido. E seja lá o que for que ela tenha feito, te fez se recuperar rapidamente.

Pennsatucky saiu do quarto, deixando uma Alex otimista e intrigada. Piper começou a se mover na rede, dando indício de despertar. Alex escondeu o prato e voltou para a cama,  se cobriu é fingiu dormir.









Notas Finais


Vou tentar não demorar.🌷


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...