História Vermelho e preto. - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias 50 Tons de Cinza, Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Chloé Bourgeois, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Plagg, Sabine Cheng, Tikki, Tom Dupain
Visualizações 1.071
Palavras 892
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hehehe espero que gostem do capitulo , meus docinhos . Boa leitura.

Capítulo 11 - Por acaso


Mari on
As lágrimas jogavam dos meus olhos , entrei em casa ainda com as pernas bombas , arrumei as malas e deixei em cima da cama .
Me sentei no sofá da sala ,e desabei. Escutei a porta se abrir,  me joguei nos braços da Alya , ela começou a fazer cafune nos meus cabelos.
- Que horas você vai para boate?  Perguntei com o voz mais firme possível.
- Daqui meia hora.  Falou.
- Espera só um minuto,  não vou ficar chorando por quem não merece uma lágrima minha. Falei determinada.
Levantei e fui para o quarto.Lavei meu rosto, ajeitei meus cabelos em coque alto e desajeitado, fiz uma mac bem escura com um baton vermelho escarlate Matte.  Vesti um vestido  vermelho com um decote bem no meio,  ele era justo no corpo e tinha uma abertura pequena no lado.  Calcei um sapato de salto alto,  ele era preto com a sola vermelha.
Votei para a sala e vi o queixo da Alya cair,  sorri com a sua reação.
- Meu deus , você tá de mais , simplesmente linda ....OMG esse sapato. Falou apontando para os meus pés.
- Deu a loka no dia em que eu os comprei.  Falei com um sorriso falso no rosto.
Saímos juntas rumo a uma ressaca. Cheguei na  boate e toda atenção se voltou para mim , corei era bem atenção do que eu esperava.  Jonas veio me abraçar, quase quebrei no meio.
- Por que a bonequinha ficou sem vim aqui por dois dias?  Perguntou ainda me abraçando.
Fui levantar o rosto de seu ombro quando meus olhos se cruzaram com os de um loiro.
- É meio que pessoal Jo . Falei ainda com os olhos cravados no loiro.
- Que pessoal que nada , ela arrumou um bofe escândalo,  aí eu não sei o que aconteceu.  Falou a bocuda da Alya.
- Um ....Quem é o tal boy?  Falou brincalhão .
- Nosso chefinho . Falou a Alya toda animadinha .
Separei o Abraço ainda um pouco em choque e Jonata fez o mesmo , olhei para os dois chocada 
- Como assim " Chefinho?  Perguntei perplexa.
- Ele é dono da Sky Laush, você não sabia?  Ele vem aqui frequentemente para dar uma olhadinha nas coisas.  Falou a ruiva.
- Gente eu vou na bolha preciso de um tempinho.  Falei já saindo.
- Tomara que esse tempinho não borre sua maquiagem . Gritou a morena segurando o Jonas pelo braço.
Sai em rumo uma daquelas cabines,  entrei em uma e liguei a luz que indicava que ela estava sendo usada .
Ouvi a porta se abrir , não olhei para trás olhei apenas para o cardápio a minha frente.
- Eu vou querer um chá gelado , por favor.  Falei para atendente.
- Hahaha , não sou a atende . Falou o Adrien trancando a porta.
Me distanciei o máximo possível.
- SAI DAQUI. .Gritei
- Se quiser sair a chave está aqui.  Falou apontando para a porta .
Me levantei do sofá de coro vermelho e me direcionei até a porta. Quando toquei a maçaneta , senti uma respiração contra o meu pescoço.  Os seus braços rodaram minha cintura , ele me puxou fazendo minha costa colar no peitoral esculpido dele.
Tombei a cabeça para o lado ainda muito relutante.
- Eu queria que você me escutasse , antes de sair daqui.  Falou com a voz extremamente sexy.
- Fala . Falei derrotada.
- Sim o que você ouviu da boca da Chloe é verdade , mas não Faso mais isso e eu sou incapaz  de fazer isso com você...Por que. .. Falou já gaguejando no final.
Ele me apertou mais contra ele , soltei um suspiro.
- Por que? Perguntei curiosa.
- Por que eu te amo.  Falou e me virou para o olhar nos olhos.
Fiquei em silêncio , eu não sabia o que falar , o meu mundo desabou.
Ele colocou a mão no meu e outra na minha cintura. Os seus lábios esmagaram os meus em Beijo cheio de desejo e de luxúria. Ele me apertou mais contra ele , como se quisesse impedir do vento passar entre nós.
Separamos o beijo muito ofegante,  colamos nossas testa em quanto tomávamos fôlego .
- Eu tenho que voltar , a Alya vai ficar preocupada.  Falei.
Adrien on
Fiquei feliz dela pelo menos ter correspondido,  agora claro que eu vou desligar o modo romântico que eu nem sabia que tinha, e  ligar o modo perversão.
Puxei ela novamente para perto de mim , ela me olhou nos fundos dos olhos , os seus olhos azuis estavam mais escuros pelo desejo que ela sentia e queria esconder.
- Nós já vamos,. Falei ao pé do ouvido dela .
Saímos juntos da cabine , a Alya logo lançou um olhar malicioso para nós  .
- Vocês já vão?  Perguntou com a sombracelha arqueada.
- Sim senhorita NÓS já vamos.  Falei dando ênfase no nós.
Ela apenas assentiu com a cabeça e deu uma piscadela para amiga .
Entramos no carro e o Taylor deu uma rápida olhada pra trás .
- Fique andando por Paris até eu dizer que é para parar.  Falei ele apenas assentiu e fechou a divisória.
- Por que vamos ficar andando por paris ?Perguntou com a sombracelha arqueada.
-Vamos ter longas aventuras. 

CONTINUA

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Se sim comentem e favoritem. Bjos da tis Lady.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...