História Vi meu irmão se masturbando, Jimin. - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink
Personagens B.M, Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Somin
Tags Bangtan Boys (BTS), Drama, Fanfic, Hot, Imagine Jimin, Imagine Kpop, Incesto, Jimin, Romance, Taehyung, Você
Visualizações 175
Palavras 1.123
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Hentai, Literatura Feminina, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha só quem tomou vergonha na cara e resolveu atualizar ;-;
Boa leitura!!

Capítulo 6 - Detetives.


Fanfic / Fanfiction Vi meu irmão se masturbando, Jimin. - Capítulo 6 - Detetives.

O barulho do portão da frente se abrindo fez os dois se afastarem rapidamente. Jimin correu pra cozinha enquanto Janny continuou na sala sentada no sofá.

Sra. Park - Crianças? – As mais velha se pronuncia entrando em casa ao lado de seu marido.

Janny - Mãe – Foi até a mesma – Que bom que chegou! – A abraçou logo a mais velha a retribuio calorosamente.

Sr. Park - Ninguém faz festa com a minha chegada. – Fez bico.

Jimin - O senhor já está velho demais para birra, não acha? – O loiro inicia indo em direção ao mais velho – E eu também estava com saudades – O abraçou logo sendo retribuído.

Janny - Nós preparamos o jantar! 

Sra. Park - Você que fez, querida?

Janny - Sim – Jimin deu um beliscão na cintura da menina a fazendo olhar pra ele – Com a ajuda do Jimin, claro. – Mordeu os lábios tentando bolar uma desculpa para não os acompanhar no jantar – Mãe… Tenho umas atividades para fazer, então podem comer sem mim.

Sra. Park - Espero não ver neguinha perdendo de ano! – Gritou.

Janny - Jamais...


Janny POVs

Dei um beijo em mãe e pai e subi as escadas seguindo pro meu quarto e em poucos minutos o Jimin apareceu lá também.

– O que foi aquilo? – Perguntei tentando não gritar.

Jimin -  Teremos que estabelecer umas regrinhas já que será minha submissa – Sorriu malicioso mostrando suas bochechas ficando vermelhinhas.

– E quando foi que concordei com essa maluquice?! – Sentei na ponta da cama observando o mais velho a minha frente.

Jimin - Não se faça de boba maninha – Caminhou até mim – Vamos experimentar uma vez, caso goste… Continuaremos.

– Você deve ter minhocas no lugar do cérebro, não é possível que você sozinho tenha essas ideias – Revirei os olhos.

Jimin - Então isso é um sim – se aproximou de mim ficando em pé entre minhas pernas – Começaremos amanhã – Pegou meu queixo elevando minha cabeça fazendo meus olhos ficarem nos seus – Seja uma boa menina – Selou seus lábios no meu logo se afastou saindo do quarto.

– Isso é fato de que o maluco do meu irmão voltou com um parafuso a menos – Falei vendo o mesmo sair – E eu sou mais maluca ainda por aceitar essa maluquice – Deitei na cama encarando o teto. Meu celular vibrou chamando minha atenção.


Seulgi - Janny! O Yoongi…

_ O que tem ele?

Seulgi - Meu pai e toda aquela história de casamento com o tal herdeiro lá… O Yoongi, ele… Está internado.

_ Como assim?

_ Qual hospital? Vou ai agora.


Levantei da cama pegando meu sobretudo e sai do quarto encontrando minha Mãe lavando os pratos.

– Mãe vou na casa da Seulgi.

Sra. Park - Pode voltar aqui mocinha! – Sai antes mesmo dela terminar de falar – Janny!!

(...)

– Porquê veio atrás de mim?! – Perguntei vendo Jimin me acompanhar até a sala em que o Yoongi estava.

Jimin - Não podia lhe deixar vim sozinha essa hora da noite – Desviou o olhar do meu – Há muitos pervertidos por aí, atrás de meninas como você.

– Vou nem falar nada – Adiantei meus passos até chegar no tal quarto. – Seulgi! – A chamei e a mesma veio em minha direção me abraçando.

Seulgi - Os médicos disseram que ele acabou torcendo o braço e também com um leve torcicolo na costela.

Yoongi - Eu já disse que estou bem – O pálido falou chamando a atenção da gente.

Seulgi - Ta nada! – Fez bico – Meu pai pagou uns cara para bater nele.

Yoongi - Ainda não temos certeza que foi seu pai o suposto mandante – Tentou levantar da cama se apoiando no encontro da mesma.

Jimin - Como é isso tudo?

Seulgi - O que o aluno novo ta fazendo aqui?!

– Ah, esqueci de contar – Sorriu sem graça – Ele é meu irmão.

Seulgi - O jimin é teu irmão?!!!

– História longa, depois te conto. O foco agora é saber quem fez isso com seu namorado.

Seulgi - Ainda há dúvidas de que meu pai mandou?! – Perguntou perplexa.

Yoongi - Seulgi!

Jimin - Epa epa! Sem gritos – Se aproximou do Yoongi – Vamos investigar.

– A pronto, virou uma história de detetive agora – Caçoou.

Jimin - Alguma ideia melhor, maninha?! – Provocou.

Seulgi - Eu posso ver algumas coisas lá em casa.

Jimin - Pronto! Conte-nos sua versão da história Yoongi.

– Tava saindo da faculdade, por volta das dez? – Franziu o cenho parecendo pensativo – Enfim, estava a caminho do ponto quando uns quatro cara me parou e do nada, aleatoriamente, começou a me bater. Claro, tentei revidar mas eram quatro contra mim.

Seulgi - Conte a outra parte – O interrompeu.

Yoongi - Estava provavelmente a ponto de desmaiar quando vi um dos cara no telefone falando "Fizemos o que o senhor mandou".

Jimin - Lembra dos cara?

Yoongi - Tava escuro, mas acho que sim... – Um sorriso se iluminou na face do Jimin fazendo todos o olhares estranho.


"Dia Seguinte"

Jimin - Acorda! – Balanço a moça que parecia uma pedra na cama – Acorda pirralha!

– O que você quer? – Viro pro outro lado.

Jimin - Vai se atrasar. Depois não diga que avisei!

Levanto da cama assustada vendo a cara de satisfeito do loiro ao meu lado.

– Sai, tenho que me arrumar ja que – Olho pro relógio e ainda eram seis da manhã – Avá pro inferno Jimin!

Jimin - Você que veio pro meu quarto de madrugada – Sorriu.

– Oi?!

Jimin - Não lembra né.


"Noite passada" - Jimin POVs

Estava no bem bom tentando me aliviar quando a porta do meu quarto se abre revelando Janny toda sonolenta.

– O que você quer?! – Fecho a tela do computador.

Janny - Não to conseguindo dormir – Caminhou cambaleando até minha cama e deitou me ignorando e ignorando aquela cena.

– Você é uma menina atrevida – Suspirei.

"Atual" Jimin OFF


– Ai que merda, Jimin! – Gritei me levantando – Você tava se masturbando.

Jimin - É a coisa mais normal do mundo se você parar e pensar – Disse pleno.

– As vezes dá vontade de te mandar de volta pra tua Mãe, bastardo! – Sai do quarto.

Essa é a história que ninguém sabe, o Jimin na verdade é filho de uma amiga dos meus pais. A mesma se mudou pra fora pra seguir carreira de pintura no exterior e deixou a guarda dele com meus pais quando ainda éramos novinhos.

Ele voltou esse ano da casa na mãe biológica dele, alegando que não era a mesma coisa lá.

Sra. Park - Bom dia querida! – Me comprimentou.

– Bom dia… É… Hoje vou chegar tarde, tenho umas coisas pra resolver junto com a Seulgi.

Sra. Park - Eu e seu pai também temos que botar em dias o trabalho de quando ficamos fora, então é provável que não voltaremos essa noite.

Jimin - Vão passar a noite no trabalho? – O loiro pergunta se juntando a mim na mesa.

Sra. Park - É provável.


- Esse é o momento...




Notas Finais


Até o próximo!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...