1. Spirit Fanfics >
  2. Viagem sem retorno (BTS GANG) >
  3. Capitulo 2

História Viagem sem retorno (BTS GANG) - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capitulo 2


Fanfic / Fanfiction Viagem sem retorno (BTS GANG) - Capítulo 2 - Capitulo 2

S/n havia acabado de descer no aeroporto de Seoul, estava sentindo-se um caco e com fome, pensava em ir direto para o restaurante mais barato do lugar, porém, precisava ir primeiramente a um banheiro e se arrumar.

Seus cabelos estavam um pouco desalinhados por conta dos pequenos cochilos que S/n havia dado em meio a viagem.

 

Já com sua mala, ela caminhou com um pouco de pressa até entrar a um corredor, de um lado banheiro masculino, do outro feminino e a diante o especial para deficientes fisicos.

 

Entrou onde teria que entrar e se arrumou um pouco enquanto algumas mulheres entravam e saiam, S/n estava cansada mas ainda teria que arrumar um lugar para ficar onde não fosse muito caro e em seguida arranjar um emprego, pois o dinheiro que lhe restava não era eterno.

 

Guardou todo oque usou de volta na mala, fechou-a e saiu novamente, mas antes de pudesse dar um passo para fora do corredor, sentiu seu antebraço ser segurado firmemente e puxado não com muita força. A mesma olhou para o dono do ato e viu um homem sul coreano, ele sorria fazendo-a contemplar suas covinhas nas bochechas da pele perfeitamente bronzeada. O rapaz vestia-se de preto da cabeça aos pés e na gola de sua camiseta havia um óculos de sol de marca.

 

S/n saiu de seus pensamentos desorganizados com a voz do mesmo.

 

Até que enfim uma bela moça! Como vai?

- Quem é você? - Engoliu seco.

- Tudo oque você precisa saber agora é que você tem que vir comigo e sem nenhum pio!

- O-oque? Eu não...

 

A garota interrompeu-se com um ar assustado quando ele pegou um revolver, seu rosto estava sério e parecia não estar para brincadeiras. E não estava.

 

Você vai vir comigo? - Sem tirar o olhar do objeto ela acenou positivo com a cabeça rapidamente fazendo o da pele bronzeada sorrir satisfeito, novamente expondo as covinhas.

 

Quebrando o tempo.

 

O rapaz e S/n sairam do aeroporto passando por uma multidão de pessoas e para que ela não fugisse ele entrelaçou seus dedos nos dela e caminharam para fora como se fossem um casal, o mesmo ja havia novamente posto seu óculos de sol e se S/n não estivesse com medo poderia até acha-lo encantador.

Chegaram num carro preto e o rapaz destravou-o com um alarme e abriu a porta do acompanhante do motorista para quie S/n entrasse e assim ela fez sem questionar.

 

Coloque o cinto de segurança. - Assim a mesma fez e ele tirou do porta luvas uma algema.

O que?

- É só uma garantia de que não irá fugir.

- E você acha que sou idióta a ponto de pular de um carro em movimento?

- Te acho idióta por estar argumentando comigo ao invés de obedecer calada!

 

 

Continua?

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...