História Vida de merda de um ser de merda - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Anthony Kiedis, Arin Ilejay, Brooks Wackerman, Chad Smith, Flea Balzary, Johnny Christ, Josh Klinghoffer, M. Shadows, Personagens Originais, Synyster Gates, The Rev, Zacky Vengeance
Tags Agonia, Alegria, Amizades, Amor, Aparência, Autoestima, Baixa Autoestima, Bandas, Beijos, Casa, Ciumes, Companhia, Confiança, Coragem, Crença, Decepções, Depressão, Desgraça, Desprezo, Dinheiro, Elogios, Emprego, Escola, Escolaridade, Etnia, Família, Fetiches, Filmes, Futuro, Gostos, Insegurança, Lamentações, Medo, Músicas, Namoros, Paixão, Palavrões, Paz, Perda, Prazer, Preparação, Professores, Relações, Relevância, Romances, Surpresas, Trabalho, Tristeza, Vida
Visualizações 3
Palavras 398
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, LGBT, Misticismo, Musical (Songfic), Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 15 - Sinfônico


Fanfic / Fanfiction Vida de merda de um ser de merda - Capítulo 15 - Sinfônico

Quem me ver hoje nunca vai pensar que eu não queria estudar música, eu fiz aula de teoria musical na igreja que eu frequento, e fiz aula para tocar trompete (instrumento de metal de sopro, usado na maior parte por mexicanos), e eu faltava a maior parte das aulas, o professor já tinha me chamado a atenção várias vezes, até que eu fui quase firme nas aulas.

Chegou o dia de pegar o instrumento em mãos e levá-lo para casa, eu ia começar a fazer aula de verdade em uma escola gratuita da cidade, e eu não sabia nada do meu instrumento, eu segurava errado, assoprava errado, e só conseguia notas não tão agudas, e isso me fez desacreditar de mim, foi aí que resolvi estudar mais em casa, chegando no outro dia sendo um dos melhores tocadores da sala.

Meio ano depois, comprei meu violão, é sim, foi o melhor instrumento que já toquei (por enquanto, Aguarde), e eu foquei no violão muito mais do que foquei no trompete, é o violão me ajudou muito a me aprofundar mais no ramo musical, e uma das minhas primeiras músicas que aprendi no violão foi "Para Nossa Alegria" e "The Kiss Aren't alright" da banda The Offspring.

Passando o tempo, comprei uma guitarra, um teclado, um ukulele e outra guitarra. Vamos começar com a guitarra preta, A Vênus, foi com ela que aprendi a maioria das músicas que sei, meu teclado não fiquei nem 3 meses com ele, já está quebrado, e está a muito tempo, mas... Esses dias foi levado pra arrumar, espero que volte logo, quero quebra-lo de novo. Ui ui, brincadeira, não faço isso com instrumentos, guardo minha raiva para os mortais.

Já falei sobre o ukulele, então... Vamos pular para a guitarra branca, o Yuzawa, essa guitarra foi comprada recentemente, mas aprendi várias coisas do meu guitarrista favorito, Mateus Asato, Meu o que quiser acreditar, ele toca demais.

E hoje, escrevi algumas letras de músicas, odeio todas, estão muito ruins, mas... Fazer o que, só a última que eu acho que está melhorzinha, só que puta que pariu, eu quero aprender a compor melhor.

E foi assim que entrei no mundo da música, o que eu queria que existisse no mundo, é o interesse de todo o mundo pra aprender um instrumentos, uma guitarra é mais forte que uma arma, toca na alma, não na cabeça, mas os humanos são burros.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...