História Vida de uma k-pobre (imagine park jimin) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jungkook, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, Tao, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 97
Palavras 798
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura♥
Espero que gostem♡
Desculpe qualquer erro ortográfico!

Capítulo 1 - Convencer a mãe ;-;


Fanfic / Fanfiction Vida de uma k-pobre (imagine park jimin) - Capítulo 1 - Convencer a mãe ;-;

Segunda-feira 

Acordo com o som do despertador, levanto, desligo o despertador e vou pro banheiro fazer minhas higienes matinais, tomo banho, visto o uniforme e vou pra cozinha encontrando meus pais lá.

Mãe: bom dia filha- disse me abraçando.

Pai: bom dia k-pop- disse sorrindo.

Eu: bom dia pai, bom dia mãe, pai, passa a manteiga por favor?!- falo já com pressa pra ir pra escola.

Pai: toma, come devagar pra não morrer engasgada, não vou pagar hospital pra ninguém não!- disse fazem eu e minha mãe rir.

Eu: nossa pai- digo dando uma mordida no pão com manteiga.

Acabo, escovo os dentes e vou pra escola, chego lá e vejo minhas duas amigas k-poopers tbm. Gabriela e samara.

Eu: oiii gente- falo me sentando ao lado delas.

As duas: oi- falam em coro e sorrindo.

Gabriela: gente eu não consigo parar de ouvir dramarama do monsta x- fala cantarolando- tentando- um trecho da música.

Eu: já eu, estou mais na vibe gogo.

Eu/ samara: YOLO YOLO YOLO YO- cantamos em coro, fazendo todas nós rirem.

Samara: gente vamos entrar- entramos no colégio, cada uma foi pra sua sala, eu e Samara somos da mesma sala, e Gabriela de outra. Como o professor demora um pouco pra chegar eu fico sempre com a Gabriela no corredor das nossas salas. Ficamos conversando até meu professor cruzar na nossa frente, eu dou xau pra ela e fui pra sala, o professor deu a aula chata de sempre, bateu o horário dele e entrou a prof de religião, tivemos que fazer uma tarefa em trio, então fui eu e mais dois amigos da minha sala. Diego e Lucas.

Lucas: acho melhor a gente começa, se não a professora vai reclamar- fala olhando pra mim e pra Diego.

Eu: tbm acho- falo olhando pra ele.

Diego: então tá né- fala abrindo o caderno, eu e Lucas fazemos o mesmo.

Eu: ai, meu dedo ta doendo de tanto copiar- falo balançando a mão.

Diego/ Lucas: o meu tbm- falam em coro fazendo eu rir baixinho.

TRIMMMMMM

Finalmente a aula dela acabou.

Eu: amém irmãos- falo quardando as coisas na mochila.

Lucas: amém mesmo, vc vai comprar lanche?- perguntou ele pegando dinhero da mochila.

Eu: sim- pego meu celular (já que como todo brasileiro de raiz, quarda seu dinheiro na capinha.) e desci com ele pro pátio comprar lanche. Eu pequei um pastel e ele coxinha. Subimos cada um em uma direção, eu fui procurar Gabriela, mas ela não estava na sala, então fui pra minha. Me sentei na cadeira e fiquei comendo tranquila, até que um ser chega perto de mim e fala.

Xxxx: me da um pedaço?!- pede ele com cara de quem vai conseguir.

Eu: nem vem Felipe- falo já com raiva, Felipe é um nenino pertubado da sala (só tem pertubado na minha sala).

Felipe: ruim- fala ele com voz de choro.

Eu: me prossesa então fofo- falo como uma digna k-pobre que sou.

Felipe: aish- fala saindo de perto de mim.

O sinal pra aula bateu, o professor entrou e deu a aula dele, logo o sinal bate pra ir pra casa, pego minhas coisas e vou pra fila, lá encontro Gabriela sentada ouvindo música, vou até ela e falo.

Eu: oi vaca, não te vi no recreio- falo, e antes que ela pudesse falar, uma menina do lado dela fala.

xxx: é intervalo que fala garota- fala como se ela fosse a topzera das quebrada me corrigindo.

Eu: se eu quiser eu chamo de hora do lanchinho, e se você abrir essa boca pra falar de novo eu juro que tampo ela com uma voadora- falo já sem paciência, fazendo Gabriela rir e fazendo com que a menina se retirasse do local. Amém.

Gabs: ksksks, amei essa, voltando ao assunto do recreio, eu fui na diretoria ver se a diretira põe música no colégio as sextas, pra por kpop-disse ela cantando-berrando- ko ko bop do exo.

Eu: tá né, ksksks- falo me despedindo dela e indo pra casa. Chego em casa me troco, como e vou falar com minha mãe sobre meu aniversário.

Eu: mãe, quero falar sobre o que eu quero de presente no meu aniversário- falo me sentando ao seu lado no sofá.

Mãe: fale minha filha- fala ela com um sorriso no rosto.

Eu: quero ir pra Coréia- falo com um sorriso estampado de orelha a orelha no rosto.

Mãe: então....- fala ela que é interrompida por mim.

Eu: mãe, eu vou fazer 19 anos. Eu esperei muito pra isso- falo com cara de cachrro podão.

Mãe: tá tá, mais vc vai ter que ir só- fala ela com um sorriso pequeno no rosto.

Eu: VALEU MÃE, TUDO BEM, AI DEUS COMO EU TE AMO- falo pulando em cima dela.

Mãe: chega de bajulação, vai para o seu quarto dormir, até amanhã bjs- fala se soltando de mim.

Eu: kkkk, xau mãe, boa noite- falo subindo pro meu quarto, deito na cama (sim já era de noite) e durmo sonhando com a viagem pra Coréia do Sul.


Notas Finais


Até o próximo capítulo!
Desculpas qualquer erro ortográfico!
Bjs♡♥♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...