História Vidro quebrado - Capítulo 46


Escrita por:

Postado
Categorias Seraph of the End (Owari no Seraph)
Personagens Akane Hyakuya, Ashuuramaru (Asura Tepes), Ferid Bathory, Guren Ichinose, Horn Skuld, Krul Tepes, Kureto Hiiragi, Mahiru Hiiragi, Makoto Narumi, Mikaela Hyakuya, Mirai Kimizuki, Mitsuba Sangu, Personagens Originais, René Simm, Seishirou Hiiragi, Shihou Kimizuki, Shinoa Hiiragi, Shinya Hiiragi, Tenri Hiiragi, Yoichi Saotome, Yuuichirou Hyakuya
Tags Drama, Fluffy, Gureshin, Kimiyoi, Mikayuu, Mitsunoa, Romance, Yaoi, Yuri
Visualizações 184
Palavras 1.276
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, FemmeSlash, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Orange, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Kkk, eae mens

Ta aq o vuccu vuccu que eu prometi, é isto

Capítulo 46 - Capítulo 46


Fanfic / Fanfiction Vidro quebrado - Capítulo 46 - Capítulo 46

Autora:

O beijo dos dois começou suave e completamente atrapalhado, tanto pela vergonha de ambas a partes e tanto pela falta de experiência, era o primeiro beijo de ambos, mas a medida que o tempo passava e ambos iam se beijando mais e mais, iam perdendo a vergonha, em um determinado momento, Shinya sentiu seu corpo ser delicadamente colocado sobre a cama de Guren, logo em seguida, sentiu o corpo de Guren encima do seu, o mesmo lhe beijava por cima de si e segurava seus pulsos contra a cama, Shinya ficou tão feliz que deixou uma lágrima escorrer, mas Guren percebeu a mesma e se assustou

Guren-S-Shinya??? V-você tá chorando??? Droga... você não queria? Me desculpa, e-eu.. -Shinya acabou soltando uma risada

Shinya-Guren? Você tá preocupado com alguém que não é você?

Guren-e-eu...-disse corado, não completou por que Shinya o abraçou

Shinya-estou chorando de felicidade, Guren...-disse no abraço-por que eu amo você... e agora eu ganhei o melhor presente de natal de todos...

Guren-Shinya..-Guren o abraçou de volta e logo em seguida o beijou mais uma vez, o beijo mais uma vez começou suave e em algum tempo começou a ficar mais intenso, os dois começaram a usar a língua e Guren começou a tocar o corpo de Shinya, os gemidos sôfregos escapavam da boca do albino, até que os dois separaram o beijo para que Guren removesse a camisa do albino

Shinya sabia o que ia acontecer, mas não recuou, nem mesmo por um segundo, queria sentir aquilo com a pessoa que mais amava nesse mundo

Guren levou os dedos polegar e indicador da mão direita até um dos mamilos de Shinya e deu uma beliscada

Shinya-ahn!

Guren-machucou?

Shinya-n-não... é que é estranho-corou-f-faz cócegas....

Guren-fofo-começou a lamber um dos mamilos rosados e beliscar o outro

Shinya-a-ahn!-arregalou os olhos surpreso pela onda de prazer que lhe invadiu, mesmo que fosse pequena comparada ao que viria a seguir, era algo que o de olhos azuis nunca tinha prescenciado antes-G-Guren... ahn...-depois de alguns poucos minutos só naquilo, Shinya percebeu algo-H-hey Guren... v-você ainda está com muita roupa...

Guren-nhhm... e verdade-soltou um sorriso malicioso e removeu a camisa da maneira mais sexy o possível, realmente o hobby de treinar todo tipo de esporte fez muito bem ao ichinose, o mesmo tinha um ótimo físico, um peitoral completamente definido, Shinya corou observando aquilo e virou a cabeça pro lado

"Jesus Cristo"-pensou o albino muitíssimo corado-"será que foi uma boa idéia ter pedido pra ele tirar a roupa? Me sinto humilhado agora

Guren-o que foi? Sou muito bonito pra você?-mordeu o lábio ficando ainda mais sedutor, Shinya corou ainda mais (se é que isso era possível) e bateu com um travesseiro no moreno

Shinya-para com isso seu narcisista pervertido!-o moreno riu

Guren-desculpa-abraçou o albino-não fica assim, você é lindo também

Shinya-m-mesmo?-os olhos azuis brilharam

Guren-quase tão lindo quanto eu-riu

Shinya-pra você isso é um elogiu e tanto-sorriu

Guren-pois é né?-beijou shinya mais uma vez

No meio do beijo, as mãos morenas desceram até a parte debaixo do pijama, o qual se assustou um pouco, mas logo se deixou levar, Guren segurou o membro do albino por debaixo da cueca e o masturbou um pouco

Shinya-ahn...

Guren-wow, você é maior do que eu imaginei

Shinya-não me diga que eu posso ser o seme

Guren-hahahaha-gargalhou-não-e começou a tirar a calça do pijama e a cueca

Shinya-imagi... Ah!-arregalou os olhos e sufocou um gemido ao sentir que Guren caiu de boca em seu membro-G-Gureen... ahn...-cobriu a boca tentando conter os gemidos

Guren cintinuou com os movimentos, mas por ser o primeiro boquete que Shinya recebia, o mesmo não durou nem 3 minutos e gozou na boca de Guren, que conseguiu engolir tudo, quando separou os lábios do pau do albino, um fio de saliva ligava seu membro ao pau do albino

Shinya-n-não... deveria ter engolido, n-não deve ter um gosto bom, n-não me masturbo com muita frequência

Guren-por que não engoliria? É uma parte de você

Shinya-e-eh? Nhm...-cerrou os olhos quando o moreno depositou um beijinho em seu nariz, depois rodeou os lábios rosados, Shinya entendeu o recado e começou a chupar e lamber os dedos do moreno, quando o mesmo percebeu que estavam devidamente lubrificados, tirou-os da boca do albino e inseriu um bem devagar-G-Guren... ahn...-gemeu o menor-d-doi...

Guren-shhh... calma Shinya, calma, a dor já vai passar-disse metendo o dedo bem devagar

Guren começou a brincar um pouco, as vezes tirava o dedo e colocava de novo, as vezes o girava e etc... quando o menor se acostumou, Guren colocou o segundo dedo e começou a fazer movimentos de tesoura com o mesmo

Shinya-a-ahn... G-Guren... v-vai rápido... nhm...

Guren-assim você me provoca-disse removendo os dedos e qualquer peça de roupa que tivesse e começou a esfregar sua intimidade no ânus de Shinya-Shinya... eu vou entrar

Shinya-o-ok-abraçou o pescoço do maior, poucos segundos depois, sentiu o membro nada pequeno de Guren lhe invadir-a-ah... G-Guren... nhm....

Guren-nhm...-gemeu prazeroso ao sentir o interior apertado-v-você é gostoso pra caralho... ahn...

Shinya-nhm... d-dói...-disse chorando um pouquinho de dor

Guren-shhh....-beijou ambos os olhos azuis-eu espero você se acostumar

Shinya-o-obrigado...-escondeu o rosto no peitoral de Guren

Algum tempo depois, Shinya já havia se acostumado com o membro enorme de Guren, e deu uma rebolada, dizendo que ele poderia continuar, o mesmo entendeu o recado e começou a estoca-lo

Shinya gemia e gemia, claro que doía no começo, mas Guren fazia tudo devagar para que o menor se acostumasse, e logo o prazer chegou, o ritmo devagar do Ichinose já não era o suficiente

Shinya-Guren... m-mais...-gemeu arranhando as costas de Guren-Mais rápido...

Guren-você é que manda-estocou mais rápido, fazendo Shinya ter que sufocar os gemidos cobrindo a boca

Shinya-a-ahn...-sentia as lágrimas de prazer escorrendo, Guren segurou o membro duro do menor e começou masturba-lo preguiçosamente, G-GUREN!-o menor se assustou, e teve que morder a própria mão para não gemer alto e acordar Naomi

Logo o calor começou a subir, os dois sabiam que não durariam muito tempo e se beijaram, nesse momento, os dois alcançaram seu orgasmo, Shinya nos lençóis e Guren dentro do albino, os dois separaram o beijo e sorriram um para o outro

Guren-amo você-disse jogando o peso do corpo em cima de Shinya e deitando a cabeça em seu ombro

Shinya-eu te amo também-disse chorando de felicidade

~quebra de tempo~

Já era de manhã, os dois garotos estavam tomando café da manhã, Guren comia uma tigela de cereal com leite e Shinya uma torrada, os dois mal se falavam quando Naomi entrou

Naomi-bom dia meninos

Guren e Shinya-bom dia-disseram em uníssono

Naomi-como foi a noite de vocês?

Shinya-foi... ótima-sorriu

Guren-é verdade

Naomi-é, pelo que eu ouvi ontem foi muito boa mesmo-os dois se engasgaram com o que comiam

Guren e Shinya-QUE???

Naomi-por que não me contaram que estão namorando?-a expressão da mulher estava indescritível

Shinya-n-nós...-Shinya não sabia o que dizer, como dizer para sua "sogra" que não houve pedido, parecia que era apenas sexo? Mas o albino não precisou dizer nada, pois Guren o enlaçou pelos ombros e falou

Guren-é que começamos a namorar ontem

Shinya-Guren...-o albino sorriu abertamente e abraçou o pescoço do namorado-obrigado!!!

Guren-baka, não sei por que está agradecendo

Shinya-pornme amar-sorriu corado

Naomi-ai meu deus que coisinha fofa-disse chorando de orgulho

Guren-e-espera, por você tudo bem mãe?

Naomi-filho, eu não sou homofobica, você sendo feliz está tudo bem

Guren-muito obrigado mãe!-o moreno sorriu, estava duplamente feliz

Naomi-só mais uma coisinha-a mulher pegou uma colher de pau na mesa

Guren-an?-tomou um gole de café

Naomi-é bom você não ter sujando o lençol que eu troquei ontem Guren-disse sorrindo com uma áurea assasina-senão você apanha-o moreno cuspiu o café na mesa e começou a rir de nervoso

Guren-hehehe... então... sabe mãe... er... me dá só um minutinho, sim?-o moreno saiu correndo para o interior da casa, e poucos segundos depois pôde-se ouvir ele gritando-MÃE, COMO LIGA A MÁQUINA DE LAVAR???

Naomi-eu te mato, Guren Ichinose-disse indo atrás do filho com a colher de pau enquanto Shinya tentava controlar o ataque de riso que teve


Notas Finais


Atualmente Guren Ichinose se encontra internado no hospital, mas não se preocupem, ele passa bem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...