História Villainous - Dr.Flug x Black Hat - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 292
Palavras 954
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishounen, Fantasia, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Lemon, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá , comecei essa nova fic , e estou usando o metodo de escrita de uma escritora daqui do spirit que eu gostei muito de seu meio de escrever e espero que vocês gostem também .
boa leitura!

Capítulo 1 - New House


Fanfic / Fanfiction Villainous - Dr.Flug x Black Hat - Capítulo 1 - New House

Chapter 1- New House.

Point of View ( Dr.Flug)

 

Eu estava olhando para o lado de fora do ônibus , a chuva caia forte e mal dava para se ver a estrada , eu estava segurando um pacote de Cheetos , que no caso estava pela metade . Sempre me dizem que eu devo gostar dessas comidas por ser adolescente , mas eu particularmente odeio , sem gosto ruim e faz muito mal . Pego meu celular e vejo a hora , depois desvio o olhar para as pessoas que estavam sentadas do meu lado .Me abaixo e procuro meus fones na mochila , coloco no celular e boto para tocar a música Drugs- Eden .

*( Quebra de Tempo)*

Eu cheguei a rodoviária e pequei minhas malas com o motorista , chamei um taxi e fui para uma casa meio velha que meus pais compraram para mim , eu sei que eles só compraram para não sujar o nome deles com um filho que mudou de cidade e agora dorme na rua . Eu abaixo de novo para procura as chaves no bolso da mochila , quando acho vou andando até a porta e destranco .

A casa tem cheiro de velho e mofo , eu ando para a sala e jogo as malas e mochila no sofá com aparência de velho e empoeirado , depois volto para fechar a porta .

~Ah... To vendo que vou ter que comprar remédio para renite .... – Eu falo baixo para mim mesmo , tiro os tênis e joga na entrada da casa . Eu subo as escadas para ver o quarto .

A casa tem dois andares , no andar de baixo tem sala , cozinha e área de lazer , no andar de cima tem o quarto , banheiro e escritório . Eu sempre uso a sala que sobra como laboratório , afinal eu só sei fazer experimentos e pesquisas cientificas. Eu começo a arrumar minhas coisas nos armários e estantes e fazer a ligação da energia da casa , afinal não estava afim que tomar banho gelado logo no primeiro dia . Eu vou até o quarto e vejo um espelho enorme na parede perto da cama box de casal .

~ah, que coisa nojenta . Pra que um espelho desse tamanho ? – Eu digo enquanto me aproximo do espelho para o tirar , vejo meu reflexo .

Moleton com um avião quebrado , calça moleton preta e o velho saco na cabeça . Passo a mão de leve no saco e saio do quarto com raiva batendo a porta com força , me sento no chão e tiro o Mp3 do bolso do moleton , coloco uma musica do Eden para tocar e fico pensando um pouco .

(Quebra de Tempo)

Eu finalmente me levanto e enxugo as lagrimas , ajeito o saco e me preparo para sair , afinal a dispensa estava vazia . Pego a chave em cima da mesa da entrada e saio de casa. A rua era estranha , não tinha muitas casas e a maioria estava abandonada e velha , não parecia ter muitos moradores naquele bairro .

Eu ando por alguns metros e vejo um mini mercado na esquina de uma rua . Entro no mercado e já vejo alguns meninos jogando fliperama em uma maquina retro que ficava perto da entrada do mercado .

~Boa noite ! Seja bem-vindo !- Eu olho e vejo uma menina jovem com boné e avental sorridente , eu retribuo o “boa noite” e continuo andando pelo mercado , eu pego uma cesta e começo a colocar algumas coisas , como bolachas integrais e pão sem gluten , etc . Quando termino vou até o caixa e puxo a carteira no bolso , pago a moça e saio com as sacolas .

Eu estava perto de minha casa quando escuto uma risada sinistra pela rua , eu olho ao redor para ver se algum maníaco estava me seguindo , mas não vejo nada . Eu abro a porta e entro rapidamente .

Vou até a cozinha para pegar um copo e um prato para comer quando escuto alguém batendo na porta . Deixo tudo em cima da mesa e vou ver quem era , quando eu abro a porta , uma menina , com cabelo vermelho e verde bagunçado em roupa estranha rindo para mim .

~Ce é o menino novo , né? – Ela estende a mão e eu aperto .

~Sou sim , prazer , Flug Jhonsons . – Ela ri de novo e acena para mim , ficamos calados por alguns segundos , quando eu tento quebrar  o silencio .- Então .... Você veio , para?

Ela dá um pequeno pulo , como se tivesse tomado um susto , e olha para mim com mais atenção .

~Eu vim para dar as boas vindas . – Ela sorri e coloca os braços para trás .

~Pela noite? Que estranho ... – Ela da de ombros.

~Meu chefe só deixa eu sair a noite . – Eu aceno como se tivesse entendido.

Depois de alguns minutos de conversa jogada fora a menina vai embora , eu a sigo com os olhos , vejo que a rua está escura demais e peço para lhe acompanhar .

Fomos andando até o final da rua , quando paramos enfrente a uma mansão negra e velha , só de olhar me deu calafrios , a menina me olha .

~Bom , até amanhã ! – Eu aceno para ela , que da as costas e sai andando e cantarolando . Eu levanto o olhar para as janelas da mansão e de repente vejo um brilho verde e vermelho , rápido na janela . Logo após sinto calafrios . 


Notas Finais


Bom , até o proximo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...