História Vínculo perfeito! (jungkook) - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts Jungkook
Visualizações 55
Palavras 1.128
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Hentai, Mistério
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura..

Capítulo 25 - Só um sonho


Fanfic / Fanfiction Vínculo perfeito! (jungkook) - Capítulo 25 - Só um sonho

"Ele me perseguia e cada vez que eu corria com meus filhos mais eu ia ficando cansada, corro muito até que eu caio e Bato com minha cabeça em uma pedra, meus filhos choravam e me gritavam e eu apenas adormeci vendo o homem levando eles"

Acordo tão assustada com o sonho que eu tive, não gosto de pesadelos e ainda mais quando tem filhos no meio. Eu não reconhecia o rosto do homem, só sei que aquilo estragou o meu dia.

Acordo e vou tomar um banho, pois hoje irei a faculdade, não posso largar tudo assim, eu tenho uma vida e não vou desistir dela.

Acabo o banho e vou tomar café, jungkook está dormindo ainda então acho que ele não vai a faculdade hoje, não vou acordar ele, se ele não quer ir quem sou eu para mandar. Se bem que eu sou a mãe dos filhos dele e eu tenho o direito. Mais não, não vou acorda- lo.

Ultimamente eu estou com mais fome do que o normal, já comi quatro pedaços de bolo e ainda  não estou satisfeita, isso e normal? Tomara, pois comer e muito bom.

Coloco o meu uniforme e vejo o qual diferente ele está em meu corpo, mais definido? Talvez, mais eu não posso usar ele por muito tempo, pois minha barriga está crescendo.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Chego na escola e todos me olham, fofocas daqui, fofocas dali, trocas de olhares, tudo o que uma pessoa não gostaria de receber.

Estava andando nos corredores e vejo panfletos nas mãos dos estudante, um menino qualquer estava dando mole com o seu na mão então eu peguei e percebo que ele não reagiu apenas abaixou a cabeça.

- MAIS QUE POHA E ESSA? - digo olhando pro menino e apontando ao folheto -

- Desculpa S/n, mais a lisa está entregando isso a todos daqui. - me olhou confuso -

- Olha, eu quero que faça um favor pra mim, recolha o máximo de panfletos que você conseguir, não quero isso rodando pela escola! 

- Tudo bem!

Quando ele ia se virar eu perguntei.

- Qual e o seu nome? 

- Me chamo jin! - sorriu franco -

- Obrigado jin! - devolvi o sorriso -

Aquele menino me parece familiar, já vi ele em algum lugar. Ahh já sei, ele e amigo do jungkook, ele fica na rodinha com os outros meninos. Ele e bem gentil.

Voltando ao assunto dos panfletos, a vadia da lisa estava falando sobre minha gravidez, que era uma farsa e que não era filho do jungkook, falou também que eu já trai o jungkook. Ela e louca ou se fingi? Tudo isso só por causa que ela gosta do jungkook? Ela literalmente e louca. Mais eu não vou deixar isso baixo não. 

mandei o jin recolher o máximo que ele conseguisse pois ela colou em tudo que e canto, armários, portas, mesas, e assim por diante, pelo menos posso ficar um pouco em "paz", não eu não posso, paz e uma coisa que eu não tenho. 

Continuei andando em direção a minha sala e vejo lisa e suas amigas em cima de um palanque gritando que eu estava grávida e que não era filho do jungkook, Aigo, essa menina e um fardo para minha vida. 

Chego nela e mando ela descer do palanque pois eu queria ter uma conversa com ela.

- O que você ta fazendo? - disse me controlando pra não bater nela ali mesmo -

- Ue, o que você acha que eu estou fazendo? - Olhou ao redor e sorriu cínico -

- Oque você quer em lisa? 

- Você roubou o que era meu! - Tentou subir ao palanque mais eu a puxei com tanta força que ela caiu -

- Vou repetir só mais uma vez, O JUNGKOOK ESCOLHEU A MIM, EU NÃO TENHO CULPA SE ELE NÃO GOSTA DE VOCÊ, E PARA DE SE INTROMETER NA MINHA VIDA. 

- Eu não fazeria isso se fosse você! - riu -

Com um golpe rápido lisa me derrubou, a sorte foi que eu cai com a barriga pra cima, pois o médico deixou claro que eu deveria tomar cuidado pois estou com trigêmeos. 

- Eu posso está grávida, mais eu não estou morta! - Derrubei ela com o pé -

- Toma cuidado S/n, você pode perder o seus bebês falsos! 

- como ousa falar dos meus filhos desse jeito, sua vadiazinha medíocre! - como ela estava caída eu aproveitei e puxei o cabelo dela, fazendo com que eu ficasse em cima dela -

- Você vai mesmo fazer isso? - Ela me olhou com um tom de raiva nos olhos -

- Se você quiser, tudo bem! 

- Tabom, só não diga que perdeu os bebês por minha causa! - Me jogou para trás e começou a me chutar -

Eu tentava bater nela mais ela está mais forte? Não pode ser, além de gravida eu estou fraca? Eu não posso perder pra ela e não vou deixar ela me chutar. Mais uma vez caída no chão eu consigo puxar a perna dela e ela caiu, era sempre assim, uma levantava e a outra caia. Ela caiu e eu levantei, mais levantei nervosa, descontei tudo que eu tinha de raiva na cara dela, por sinal ela só tentava segurar meu braço mais eu não deixava. 

Acabou que fomos separada pelo diretor que mandou nós irmos para a sala dele.

- As senhoritas pode explicar o que aconteceu lá fora?

- Ela começou a me bater,e eu não fiz nada com ela! - Lisa disse tentando força uma lágrima -

- Ahh senhor, não vai acreditar nela não né?

- Eu não vou acreditar em ninguém, mais senhora lisa, se algo acontecesse aos filhos dela você teria uma culpa muito grande. Então não quero mais briga aqui! 

Apenas bufei e sai da sala indo em direção a minha.

Eu estou com tanto ódio dela, como ela consegue ser tão estúpida e incrédula com três crianças? Eles não tem culpa de nada, a lisa tem que entender isso. Ela não aceita ao fato que o jungkook não quis ela, e depois que ela soube que eu estou grávida a raiva dela piorou. Maldita lisa, eu te odeio.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Acabou a aula e quase ninguém veio hoje, eu fiquei sozinha no recheio até o jin chegar e tentar me acalmar. Ele e uma pessoa muito legal e querida, aposto que o jungkook gosta muito dele. 

Bateu o sinal e eu fui embora, jin se despediu e sumiu naquele campus e eu apenas fui andando a minha casa com a cabeça abaixada.

Aquele sonho não saia da minha mente, várias perguntas sem respostas, aquilo estava me deixando louca, eu adoraria ver o rosto do tal homem misterioso, e pelo jeito no sonho eles conhecemos meus filhos muito bem. Mais não vou me preocupar com isso eu tenho mais coisa pra fazer, afinal, isso e só um sonho certo?.



Notas Finais


Desculpem pelo capítulo pequeno, eu estou muito cansada e não consegui escrever direito! Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...