História Vingança a meia noite - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 4
Palavras 603
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 13 - Sofra o mesmo que sofri


depois de 6 anos que passaram Anne iria em busca de vingança  encontraria ele custe o que custar,Anne atendeu seu telefone :

alo,quem é 

lembra se de mim,!Anne

não  quem é ?? 

 irei  atrás de você. 

sei bem quem você  é 

lembrou,espere que sei onde você  mora. 

pode apostar cretino. 

Anne estava Armando sua vingança  desligou o telefone com tudo. espere por espera Edgar. 

numa rua deserta estava Edgar indo com seu carro ao seu posto de gasolina,na mesma rua que Anne fugiu,estava colocando gasolina não  avistou ninguém  lá,achou estranho por que sempre havia seu colega por perto. 

olhou o período de quando estava  a gasolina 30 quando ia desligar  a máquina,sentiu um gole na cabeça  olhou para trás,vendo quem era até ser goleado novamente. 

Edgar sentia pesadelos  ruiins estava  se sentindo  muito mal  até ser acordado com um balde de água fria. 

avistou um cara.quem é  você? 

não te interessa jogando água fria novamente. 

Edgar estava com  arrepio de frio,havia  3 homens na sala,que olhavam o encarando. 

quem são  vocês  eu pagarei tenho dinheiro  se vcs quere m eu te darei. 

não  queremos seu dinheiro  respondeu um deles. 

queremos te matar  disse o segundo. 

Edgar engoliu em seco. 

aé mesmo quem é  seu chefe ele paga melhor  do eu quando te pagam.

muito mas do que você. 

eu pago  muito  melhor que ele o que eu fiz para estar aqui empurrando  a cadeira tentando  se soltar. 

mas um deles lhe apontou  o bastão. 

nem pense.

Edgar sentia frio dor de cabeça  por que ainda doia muito seus ferimentos,era tarde demais. minutos  ali sofria. 

mas um som de lá  de cima foi tocado. erã como um violino agudo a tocar. 

Edgar ouviu passos na escada de salto alto,era alguma mulher ria por um instante  suspeitou de algumas  mulheres que pegou quando ficou rico,mas apenas um o quis era muito sombrio sua história  se sentia  triste mas não  se importava morrer. 

Anne fugirá iria em sua busca  novamente  mas quem  seria aquela mulher. 

Anne desceu as escada devagar até chegar a sala,onde os três homens estavam olhou fortemente para Edgar que por um instante  viu que era Anne so que  havia mudado seu cabelo,agora seria um Preto com mecha azul era agora  realmente uma mulher,estava perdido do que ele pudera fazer se senti culpado 

lembra se de mim??? Anne ficou ali em direção dele  parou. 

você  se lembra de mim responda. 

edga desviou o olhar. 

claro que me lembro. 

jogaram novamente  um balde água. 

ah que rosto molhado bem feito em. 

era isso que você  queria Anne sua vingança??? 

si mm sorriu ela

Minha vingança. 

Anne chegou sobre seu rosto você  ta bem mal em Edgar. 

batam nele. 

Anne saiu para cima

os caras  mostravam o tacos. 

eiii esperam caras pago o doblo quádruplo  mas que ela. 

eles sorriram. 

me soltem agora que lhes pagarei. 

Edgar do sendo soltado por eles Anne estava na escada e ouviu  tudo. 

eu paguei  as vocês façam o serviço .

ele pagam bem mas Edgar foi sendo soltado,Anne apenas engoliu em seco. 

viu seu mundo desabar. 

Edgar estava solto. 

mas ele sorriu. 

Anne fechou os olhos estava nocauteada. 

Edgar piscou para ela é com movimentos. 

deu lhe socos no Primeiro cara com um bastão,foi abatido  por detrás mas não  iria perder para elés,sócio o segundo  e tacou  lhe o bastão,assim o terceiro veio com um soco mas Edgar bateu na cabeça  com tudo caíram no chão. 

veja Anne eu disse que você  seria minha você  achou que esses caras eram de alguma  coisa,já foi do exército sabia. 

Anne estava perplexa podia ter fugido  agora estava ali novamente  presa a um homem  que  ao queria vingança 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...