1. Spirit Fanfics >
  2. Vingando um crime (Kim Taehyung) >
  3. Prólogo

História Vingando um crime (Kim Taehyung) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Hello babys❤

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Vingando um crime (Kim Taehyung) - Capítulo 1 - Prólogo

Taehyung Pov's

Estou tão feliz, acabei de passar na ultima etapa para me tornar um detetive, caramba eu estou tão animado! Eu acabei de mandar mensagem para minha namorada,Lizy, o nome dela é Jung Lizy, veio com os pais para Seul a cerca de 5 anos, ou seja,quando ainda tinha seus 15 anos,antes ela morava em Daegu, ela é perfeita,tem uma pele branca de porcelana, pequenas sardas espalhadas por seu nariz, olhos verdes com um tom castanho, seu corpo tem uma coxa grossa e cintura larga,um tanto diferente de um corpo de uma coreana,mas para mim, seu corpo,aos meus olhos, é perfeito.
  Okay voltando ao assunto, eu mandei uma mensagem pedindo para ela me encontrar hoje a noite em uma sorveteria perto de sua casa,eu quero comemorar com ela,que sempre me apoiou, e eu ainda não contei a ela as boas novas,contarei hoje.
Quebra de tempo

Eu estou na sorveteria esperando Lizy chegar, sentado em uma das cadeiras que ficam do lado de fora da sorveteria grande com paredes cor de menta, eu realmente gosto daqui, tem as paredes cor de menta, janelas de vidro, no canto tem o sorveteiro que Lizy chama carinhosamente de "tio",ao que entendi ele é amigo da familia dela.
  Logo sinto mãos abraçarem meu peito e pequenas mãos descendo, logo um queixo repousa levemente em cima da minha cabeça e eu dou uma risada.

-oi -ela diz sorrindo e deixa um beijo em minha bochecha.

-oi -digo sorrindo enquanto ela se sentava na cadeira. Logo o dono da sorveteria (que se chama Blue Cream).

-olá crianças,como estão? -Ele pergunta se aproximando de nós com um sorriso.

-bem tio e você? -Lizy pergunta sorrindo.

-melhor agora que vocês chegaram. O que querem hoje? -ele perguntou sorrindo.

-hm eu quero um milk shake de chocolate -Lizy diz sorrindo.

-e eu quero o mesmo que o dela -digo sorrindo e o senhor vai preparar nossos pedidos.

-já pode dizer Taehyung -ela diz sorrindo.

-o que? - ela tá fazendo aquilo de novo.

- você está com cara de quem quer dizer algo, e então... -ela aguarda uma resposta.

-EU CONSEGUI! -digo sorrindo me referindo ao teste.-começo na proxima semana!

- UAU! Isso é incrivel Taeh! -Ela diz animada e eu sorrio.

- eu estou tão animado! -Eu digo e ela sorri.

-aqui está -diz o dono da sorveteria que eu sempre esqueço o nome que entrega nossos milk-shakes.

-obrigado tio -diz Lizy sorrindo.

-vejo que estão animados -ele diz sorrindo.

-você está ao lado do mais novo detetive de Seul, Detetive Kim! -Lizy diz animada.

-oh parabens garoto! -ele diz sorrindo e me dando leves tapas nas costas.

-obrigado.

-Quebra de tempo-

Eu e Lizy ficamos conversando sobre nosso dia e como eu estava animado para meu novo cargo,que assumirei semana que vem.
Terminamos nosso Milk-Shake e estamos andando tranquilamente pela rua, já está um pouco tarde, as ruas desertas, o vento gelado fazendo carinho em minha pele, a mão quente de Lizy na minha, algo tão simples,mas ao mesmo tempo tão importante para mim, ela está conversando que a empresa de sua familia estava fazendo um contrato com uma outra empresa,pouco conhecida.
  A proxima cena parece passar em camera lenta,Lizy é retirada de meus braços e eu sou encostado com força na parede enquanto ela grita meu nome, eles a seguram e eu não consigo fazer nada, a rua deserta, armas apontadas para nós por 8 homens de capuz e mascaras, sendo 2 segurando Lizy,3 me segurando e o resto nos apontavam armas a todo segundo,logo Lizy é arrastada para um beco,quando fiz sinal de abrir a boca um homem diz:

-se gritar eu mato você e a menina -le diz e eu sinto desespero em meu coração,logo os dois homens e Lizy sa de minha vista e os 3 que me seguravam me viraram para o lado oposto do qual Lizy havia vindo.
  E meu coração parece parar.
O som de dois tiros chegam ao meu ouvido, e está obvio o que aconteceu.

-NÃOO! -grito e os homens que me seguravam me enfiam dentro da van preta que estava estacionada na esquina.
   LIZY
   LIZY
  LIZY
É só nela que penso agora.
As chances de eu a ter perdido são enormes.
Lagrimas escorrem por minha bochecha.
O fato de que a van ainda não saiu do lugar me preocupa, mas logo o homem que estava com Lizy abriu a porta e se dirigiu aos homens que estavam ali.
-está feito -ele diz serio e sou literalmente jogado para fora da van,mas não me importo com a dor, não quando pode existir uma dor bem maior que é perder Lizy.
Vou até o beco em que a tinham levado e não encontro nada lá.
Onde ela está?

___________


Notas Finais


Espero que tenham gostado?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...