História Virtual Friends - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Austin & Ally
Personagens Ally Dawson, Austin Moon, Dez, Patricia "Trish" Maria De La Rosa
Tags Auslly, Romance, Virtual
Visualizações 114
Palavras 1.349
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIIII

nossa faz tanto tempo que não apareço aqui né
desculpa galerinha rs

esse capítulo tem avisos:
- a parte das mensagens foram propositalmente escritas da forma informal
- tem palavrão


são mil e trezentas e sei lá o que palavras e isso é muito considerando que demorei cinco meses pra pensar numa ideia de capítulo e escrever tudo em três dias

gente eu tenho muita falta de criatividade mAS EU JURO QUE NÃO VOU EXCLUIR A FANFIC ANTES DE FINALIZAR

agradeço aos comentários do capítulo anterior e aos novos favoritos, VOCÊS QUE COMEÇARAM A LER AGORA: BEM VINDOOOOS!!

twitter: @_twenttyfive
instagram: @lett.q

amo vocês <3
boa leitura!

Capítulo 6 - Capítulo 6


Se passaram duas semanas desde o aniversário de Trish, ou seja, faltam cinco meses para Austin voltar para Miami e hoje é o primeiro dia de aula. Estava ansiosa.

Acordei sete horas da manhã como de costume em dias úteis, fiz tudo o que sempre faço e, por fim, o loiro passou em minha casa para irmos juntos. Como era duas quadras de distância, fomos a pé. Não víamos problema e não queríamos chegar causando impressão de “riquinhos”.

- Então, como é esse colégio? Ficam até que horas? São quantas matérias? Você tem muitos amigos? – fez perguntas;

- Calma, Aus. Vai dar tudo certo. – respondo sabendo que ele estava desesperado. Pego em sua mão, tentando passar calma.

Suspirou fundo.

- Tudo bem. Mas, você tem muitos amigos? Pelo que me dizia nas mensagens, tinha.

- Eu converso com todo mundo. Espero ser amiga de todos.

- Ah, então não vai ter tempo para mim.

- Ei! Claro que vou! – bato em seu ombro com minha mão livre - Acha que vou te deixar sozinho? Enganadíssimo. Em todo lugar que você estiver, eu estarei também.

Ele sorriu para mim, corado.

- Obrigado, Ally.

- De nada. – sorrio de volta - Vai querer andar comigo de mãos dadas ou ficar de olho nas meninas?

- Se você não se incomodar, adoraria mostrar pra todo mundo que estou muito bem acompanhado.

- Não me incomodo. As piranhas vão cair no chão quando me verem com um gatão como você. – fecho o punho pensando em cada criatura de minissaia que existe nessa escola;

- Ô, ciumentinha, para se sentir melhor lembre que eu estou mandando elas para o inferno. Não dou bola para oferecida.

- É por isso que sou sua melhor amiga. – sorri, orgulhosa - Bom, chegamos. – digo ao perceber que já estávamos no portão do colégio;

Fica tenso.

- Vamos entrar? – ele me olha receoso- Está tudo bem, Austin. Eu estou com você. –acaricio sua bochecha.

Sorrimos e começamos a andar. Ao entrar dentro do prédio algumas pessoas nos olharam. Cumprimentei com um aceno quem conheço.

- Ally, ei!

Me viro. Dallas.

- Oi, Dallas. – ele me dá um beijo na bochecha e me sinto desconfortável. Não temos tanta intimidade.

- Oi. E aí, Austin? – o loiro sorri de lado - Não sabia que estudaria aqui. Legal. Vamos encontrar Trish, Ally?

- Vou ir com Austin até a diretoria. Ele precisa pegar o número do armário e conversar com o diretor. – Dallas sorriu decepcionado - Desculpe.

- Está tudo bem. Bem-vindo, Austin.

E foi embora.

- Tudo bem. Não vou fazer cena, mesmo que eu queira. – dou risada com o comentário do loiro - Vamos.

Fizemos todo o procedimento de um estudante novo até que o sinal bateu: primeira aula. O diretor achou melhor que Austin estudasse todos os períodos comigo. Compreendeu que o mesmo está me visitando, mas não poderia deixar de estudar.

Era aula de matemática. Todas as salas tinham carteiras em dupla, então sentamos juntos assim como faremos nas outras. Escolhemos uma mais ou menos no meio. Poucos momentos depois o professor chegou na sala.

- Bom dia. Mais um ano, o último das suas vidas. Menos nas de alguns. Né, Drake? – todos rimos. Drake era o zé droguinha da turma. - Vejo apenas uma cabeleira nova. Levante-se e apresente-se, garoto loiro.

Todos olharam para Austin. Ficou vermelho. Olha para mim e eu sorrio, tentando passar confiança. Levanta e começa a falar:

- Meu nome é Austin, tenho dezessete anos e sou de Miami. Vou ficar aqui apenas por cinco meses.

- Intercâmbio, Austin? – o professor pergunta;

- Não. Vim visitar a Ally.

- Ah, ok. Vamos começar a aula. Seja muito bem-vindo, rapaz.

- Obrigado.

Se sentou. Virou para mim e me olhou envergonhado. Minha criança estava vermelha e minha única reação foi rir.

***

WhatsApp

ally a + gata: austin

ally a + gata: austin

ally a + gata: austin

ally a + gata: cade vc aaa

austin minha princesa: oi qq foi

ally a + gata: onde vc ta garoto

austin minha princesa: to chegando

austin minha princesa: vc ja ta sentindo minha falta ne

ally a + gata: nao to nao se quiser pode ir embora de volta pra miami

ally a + gata: mentira te amo fica aq

austin minha princesa: ta mas oq vc quer pq me chamou

austin minha princesa: alias tb te amo bb

ally a + gata: eh q vc ta demorando demais grr

ally a + gata: vc falou q so ia tomar banho

ally a + gata: ridiculo

austin minha princesa: eu ja disse que sou uma princesa

austin minha princesa: e

austin minha princesa: princesas precisam de tempo

austin minha princesa: pra ficarem lindas

austin minha princesa: bjs recalcada

ally a + gata: filho da puta vem logo

ally a + gata: a mas espera vc lembrou do sorvete ne

ally a + gata: se nao lembrou eu vou fazer vc engolir cola

austin minha princesa: a unica coisa que engulo eh sua língua

ally a + gata: a

ally a + gata: pode ser tb rs

ally a + gata: mentira sou hetero

austin minha princesa: a mas ue

ally a + gata: VEM LOGO MEU DEUS DO CEU

austin minha princesa: ABRE A PORTA DA SUA CASA ENTAO SUA GORDA

 

Desci as escadas correndo. Abri a porta e encontrei o loiro me olhando divertido.

- GORDO É VOCÊ! – grito - Mas cadê o sorvete?

- Nossa, calma. Tá aqui. – ergueu um pote- Flocos, como pediu.

- Muito obrigada. Estou bem mais satisfeita agora. – o deixo para ir em direção a cozinha, onde pego duas colheres.

- Eu não. Te trouxe sorvete e o que ganho é você me dando as costas e acabo virando o responsável por fechar e trancar a porta.

- Se esse for o caso... – o abraço apertado – Melhor, donzela?

- Não. Quero sorvete também. Abre isso logo e me dá uma colher.

- Aqui, toma.

Sem celebrar colocamos uma série para assistirmos enquanto comemos a delícia congelada. Flocos era meu sabor favorito, então mais que a metade foi direto para o meu estômago. Austin felizmente não reclamou. Provavelmente sabe que eu baterei nele caso faça algum comentário.

Passamos a tarde vendo qualquer coisa na televisão e conversando, até que levo um susto quando grita em meu ouvido:

- ALLY!

- O que foi criatura?

- Eu tive uma ideia esplêndida. A melhor ideia do mundo!

- Se for atuar num filme pornô gay, eu apoio. – brinco;

- Para de me zoar! Eu gosto de garotas. – bateu o pé e eu dei risada – Ridícula.

- Você me ama.

- Infelizmente.

- Blá, blá, blá. Fala logo a ideia!

- E se trocarmos nossos users no Twitter pelas datas do nosso aniversário? Eu sempre quis fazer aquelas contas combinando. E já que nascemos no mesmo dia, se torna meio que nossa marca.

- Ah, tudo bem.

- Que?! Eu estou dando uma ideia superanimadora e você me fala apenas “ah, tudo bem”?! Pelo menos finge que gostou!

- Para de drama. Vamos fazer logo isso.

- Hm, ok.

E assim fizemos. Agora meu user era “@_ninetwenty” e o de Austin “@_twentynine”.

- Devo admitir, loiro, essa ideia foi ótima.

- Eu sei. Eu sou maravilhoso.

- Maravilhoso e princesa. – acrescento;

- Qualquer dia desses eu te mostro que princesas não gostam de garotas como eu gosto.

- E como me mostraria? Não pode me forçar a ver o que faz com outras garotas.

Em um piscar de olhos eu estou em seus braços, criticamente próxima considerando nosso status social.

- E se eu fizer com você?

Passando-se três segundos nós dois começamos a rir.

- Idiota! – bato em seu peito.

- Adoro ter uma amiga que posso brincar de qualquer coisa e ela não levar a sério.

- Calma aí, não foi sério? Droga, eu ia aceitar.

- Ah, se você quer, eu quero.

E em meio a piadas e menções no Twitter, finalizamos a noite. Austin, sem querer, acabou dormindo aqui e, como o fiz de travesseiro, não vi problema nenhum.


Notas Finais


eai o que acharam?

sobre ross e suas novidades: ESTÃO PREPARADOS PRA THE CHILLING ADVENTURES OF SABRINA???? é muito legal esse nome, porque meu nome também é sabrina HEHEHE gente a série vai lançar dia 26 de outubro (SPOILER o harvey morre) EU JÁ SHIPPO DEMAAAIS HARBRINA <3<3 a kiernan é mt fofa, a jaz aparenta ser muito legal E O GAVIN É O NOVO CALUM AAAAA eu amo tanto o cast

e a fanfic recomendada de hoje é: Um Verão Com Você, da @SweetPrincess19

é isso, tchaaau!! c;

twitter: @_twenttyfive
instagram: @lett.q

afterglow pega preacher man no colo, É MIL VEZES MELHOR


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...