História Virtual Love - Romance Lésbico. - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Amor, Amor Lésbico, Amor Virtual, Colegial, Garotas, Mensagens, Romance Lésbico
Visualizações 17
Palavras 424
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 31 - Trinta e um - Aalyah


Aalyah:

Aquela manhã de sábado amanheceu fria, e a melhor coisa foi abrir os olhos e dar de cara com Luiza dormindo serenamente enquanto se agarrava a mim por conta do frio.

Meu coração batia acelerado toda vez que eu me lembrava onde estava e com quem estava, aquele era a primeira vez que eu estava bem comigo mesma em um relacionamento, e era inevitável sorrir somente por saber o quanto aquela garota que entrou tão de repente em minha vida me fazia tão bem.

Ontem nós dormimos juntas um pouco, mais exatamente até sua mãe chegar, e então descemos para o andar de baixo para conhecer a mãe da minha namorada que por acaso se apresentou como "sogra".

Minha mãe, Cristina e Evelyn ficaram apenas conversando na cozinha enquanto eu, Luiza e Gabi conversavamos na sala, na verdade eu zoava da cara da Gabi pelo jogo ter virado, agora era ela quem segurava vela.

Acariciei seu rosto enquanto sorria pela menina incrível que eu tive a sorte de conhecer, logo me pus a distribuir beijos por todo seu rosto que abriu um sorriso ainda de olhos fechados e logo se virou para me abraçar apertado.

– eu jurava que era um sonho...- ela diz antes de respirar fundo em meu pescoço.

– felizmente não é...- sorrio.

Me levanto e busco uma roupa na mala para ir ao banho, quando sai ela entrou e eu me troquei em seu quarto mesmo.

Vesti uma calça jeans preta e uma regata da mesma cor solta com um moletom por cima, coloquei meu sapato preto e quando ela saiu do banheiro entrei, tanto pra ela se vestir, quanto pra arrumar meus cabelos.

Peguei duas mechas laterais do mesmo e levei ao alto de minha cabeça fazendo um "coque" deixando todo o resto do cabelo solto. Assim que sai a mesma já estava pronta, havia feito um rabo de cavalo em seu cabelo e um vestido soltinho.

A olho sorrindo da porta do banheiro e ela não me olha, sabia que ela já estava com vergonha novamente dos meus olhares.

– para de me olhar assim Lyah...- a mesma diz me fazendo rir de leve.

– assim como amor?- pergunto, ela ficava linda toda constrangida. A mesma apenas se levanta e me dá um tapa leve nos braços e logo nós saímos de seu quarto descendo até a cozinha onde estava apenas Gabi que falava ao telefone, provavelmente com sua mãe ou Zack.

Pego meu celular para ligar por facetime para o meu pai, que me fez prometer que o faria para que ele visse a "garota incrível das mensagens".



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...