1. Spirit Fanfics >
  2. Vivendo em um relacionamento possessivo-CHANYEOL,SUHO (EXO) >
  3. Casamento e os três filhos de ChanYeol

História Vivendo em um relacionamento possessivo-CHANYEOL,SUHO (EXO) - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


B O A L E I T U R A S W E E T' S!❤️

Capítulo 8 - Casamento e os três filhos de ChanYeol


 -JunYeol?-Ele perguntou desacreditado e incrédulo.

-Hurum.-concordei positivamente,sem graça.-Você fez muito por mim JunMyeon,mas o ChanYeol ainda é o pai,mesmo não sendo futuramente no papel.Então,eu vim pensando muito nesses dias e tive uma decisão de colocar a conjunção dos nomes de vocês.-forcei um sorriso e ele soltou um suspiro em reprovação.

-Ele nunca fez nada pra você.NADA!-ele gritou a última palavra e me encolhi assustada.-Me desculpe!Só estou nervoso com o nascimento do meu filho.-Deu ênfase no "meu" e pegou em minha mão.-O nosso JunYeol é tão lindo quanto você,amor!-ele me deu um selinho e o ChanYeol limpou a garganta.

-Eu estou doido para ver o meu filho.-Pronunciou de repente e JunMyeon rolou os olhos rindo assoprado.

-O meu filho você quer dizer.-corrigiu e ChanYeol fez cara feia.

-S/n,obrigado por colocar um pedaço do meu nome,no nos...-SuHo forçou uma tosse e ChanYeol revirou os olhos.-no seu filho.Eu fico muito grato!Realmente fui um péssimo pai e estou muito arrependido.-ele parecia sincero.Sorrio reconfortante e peguei em sua mão.

-Está tudo bem,ChanYeol.

-Senhorita Kang,seu filho necessita de ser amamentado.Consegue andar?-a enfermeira perguntou e eu coloquei os pés no chão.Concordei com a cabeça e JunMyeon me ajudou me levando até a sala aonde o meu bebê estava.-Seu bebê nasceu saudável,mas como foi cesária ele necessita ficar nessa encubadora.-A enfermeira me explicou mais algumas coisas necessárias sobre o bebê e ela disse que ele terá que ficar pelo menos uns quinze dias ali,até pegar um pouco mais de peso.

(...)

Os dias passaram rápido.Inclusive foi o aniversário da JungYeon de três anos,entretanto não pude fazer algo para comemorar,então fomos em um parque com ela.ChanYeol e JunMyeon lhe encheram de presentes,tanto que nem cabe no quarto.Eu estava muito anciosa em trazer para a minha família conhecer o bebê.Quando cheguei em casa,fui recebida com cartazes e parabéns.

Todos estavam ali,a minha sogra era a vovó mais coruja que já conheci.Minha mãe não estava gostando nada disso.Desde o dia das palavras duras ditas pela a senhora Park quando eu me separei de ChanYeol,mamãe não deixava eu me aproximar dela.Também não é pra tanto,ela foi super ignorante,mas não sou de guardar rancor.Passado é passado!

-Filho,você deveria mudar de casa,não é?Olha o tamanho desse apartamento!?Você acha que consegue sustentar você,o meu neto,a minha nora e a filha dela nesse lugar?Em breve vocês terão muito mais filhos e não sei se aqui é bom.-começou com os papos de boa mãe!

-Está tudo bem,mãe!Em breve eu e a S/n vamos nos casar e veremos uma outra casa.Mas por enquanto,ela está dormindo comigo e o quarto da JungYeon é junto com o do JunYeol.

-Filho,se quiser eu posso pedir para o ChanYeol para vocês morarem lá.É grande e espaçoso e além do mais,tem vários quartos.Dá para abastecer vocês e os filhos dele com a YuNa.-gelei na hora ao ouvi tais palavras.

-Não,mãe.Eu agradeço pelo convite,mas a S/n ainda está se recuperando,não seria legal conviver em uma casa que sofreu por tantos anos.-ela deu um sorriso forçado e mais nada disse.

-Falando nisso,cadê o ChanYeol?-YooRa perguntou.-Eu sei que ele não é o pai do bebê,mas achei que ele viria do jeito que ele é.-justificou.

-Ele está atrás dos preparativos do casamento.-respondeu a senhora Park.Suspirei baixinho,tomando um gole do meu refresco.Estava triste,confesso.Mas a fila anda.Agora estou namorando e ele está noivo,melhor assim!-Falando em casamento,que dia pretendem se casar?-abaixei a cabeça respirando fundo.

-Como já falei mãe,a S/n ainda está se recuperando.Ela ainda está muito abalada,não vou força-lá a casar.Tudo no seu tempo!-Acariciou minha mão sorrindo e retribuí.Ouvimos a senhora Park bufar e soltar um grunhindo em reprovação.Suspirei e fui amamentar JunYeol.

-Como você é a cara do seu papai,meu amor!-Passei meu dedo levemente na ponta do seu nariz e ganhei em troca,um sorriso banguelo.

-Eu ou o ChanYeol?-Soltei um soluço pelo susto e virei em direção ao JunMyeon,que mantia um sorriso no rosto.Aquela pergunta,me pegou de surpresa.Nunca parei pra pensar.JunMyeon e ChanYeol eram irmãos,então,provavelmente,JunYeol é a cara dos dois.

-Bom...Aish!-Ele me deixou em saia justa!Soltei um resmungo e ouvi ele ri e me abraçar por trás.

-Se ele não fosse filho do ChanYeol,eu até acharia que era meu.-sorrio e ele me dá um beijo no pescoço.Arfo e paro de amamentar,colocando novamente dentro do berço.Cobri meus seios envergonhada e ele tirou minhas mãos,deixando meus seios expostos.Corei fortemente e ele alisou minha bochecha.-Você é linda de várias maneiras,mas tem uma que não conheço.-deu um risinho malicioso e dei um tapa forte em seu braço.

-Bobo!Alguém pode entrar aqui.-Adverti e levantei minha blusa.

-O pessoal já está indo embora.-avisou antes de saí do quarto.Acompanhei e me despedi de todos.Quando foram realmente embora,SuHo me prensou na parede e tomou meus lábios.

-Mamãe!-Ouvi a voz da minha pequena e JunMyeon bufou.Rio da sua frustação e fui até a garota.-Eu quero leite quente.-pediu coçando os olhinhos.Consenti e fomos até a cozinha.Esquentei e depois de pronto,deixei esfriar um pouco e entreguei para a mesma.

Eu e o JunMyeon esperamos ela dormir e deixamos JungYeon sobre a sua caminha.

-Agora vai!-JunMyeon sussurrou,talvez para ele mesmo,mas conseguir ouvir e acabei por soltar um risinho.Atacando meus lábios com desejo,SuHo pegou em minha coxa me dando impulso para estrelaçasse em sua cintura.Sem delongas,tirei minha blusa deixando expostos meus seios que se encontrava sem sutiã.Ele deu um sorriso e beijou cada um deles.-Pelo jeito não é só o JunYeol que vai mamar.-Sorri malicioso e começou a brincar com os meus bicos.

-Jun...-de maneira manhosa chamei-ó.-Eu preciso de você agora!-implorei e ele sem tardar,me colocou deitada na cama e tirou rapidamente minhas roupas.Ele tirou as deles também,ficando totalmente nú.Abri minhas pernas para que ele se encaixasse,e quando estava pronto para entrar,JungYeon entrou.

-Mamãe posso dormir com vocês?-Olhei em direção á porta e a mesma estava parada na porta sem expressão,apenas com um ursinho nos braços.JunMyeon engoliu á seco e cobriu nós rapidamente.Não era a primeira vez que a JungYeon encontrava-me dessa maneira.Sempre ocorreu do ChanYeol esquecer de trancar a porta e JungYeon presenciar a cena.-Mamãe você estava fazendo exercício com o titio JunMyeon?-tombou a cabeça para o lado,inocentemente.Eu e o ChanYeol,inventamos essa história de exercício quando fomos pela primeira vez pegos no flagra e ela começava a interroga-nos.Com esses pensamentos em mente,acabei por gargalhar.

-Estava ensinando o seu tio,filha!-pisquei para o mesmo sorrindo maliciosa e ela murmurou um "ah".-Pode dormir aqui.-bati no meio da cama e SuHo me olhou desacreditado.-Desculpa!-sussurrei e forcei um sorriso sem graça.

Com cuidado,JunMyeon correu para o banheiro e foi se aliviar.Tendo certeza que ela estava dormindo me troquei também.Bufando,JunMyeon voltou e se deitou de costas para mim.

-Amor,me desculpe!-Supliquei manhosa.-Amanhã te darei a melhor noite de todas,hum?-alisei seu braço.

-Está tudo bem,amor!Agora durma!-Inclinou a cabeça e beijou meus lábios.

(...) 2 dias depois...

Bem a promessa que tinha feito pro JunMyeon não pode ser comprida.Esses dois dias,ele teve que viajar e volta hoje para o casamento do seu irmão.

ChanYeol e YuNa me convidaram para o casamento,e bem,eu não recusei.Arrumando o meu vestido,fiquei em frente ao espelho me admirando.

-Esse vestido caiu bem em você.-Sorrio e me viro me deparando com JunMyeon escorado na porta,não demorou para ele caminhar até mim e me prensasse em seu corpo.

-Senti saudade!-Desabafei sorrindo,enquanto brincava com o colarinho de sua camisa social.

-Eu também senti muita saudades de você.Principalmente do seu cheiro!-Selou nossos lábios.-Do seu carinho...-Deu um beijo em meu pescoço.-Deveríamos deixar esse casamento de lado,hum?-Me prensou na parede,porém desviei.

-Não.Estamos atrasados,amor.Mas prometo que hoje irei recompensa-ló.-sorrio maliciosa vendo sua expressão frustada mudar para uma carregada de malícia.

-Só vou tomar meu banho,estarei pronto em dois minutos.-Disse me dando um selinho e foi até o banheiro com uma toalha no braço.

(...)

A igreja estava linda,me fez lembrar do dia do meu casamento.Engoli o choro e sufoquei um soluço que estava prestes á vim.Me sentei no banco e JunMyeon se sentou ao meu lado,com a JungYeon em seu colo.

Deixei JunYeol com a ex-babá da JungYeon.Eu tinha um pouco de confiança nela,entretanto,o apartamento do SuHo tem câmeras.Eu sei que o ChanYeol já me traiu com ela,mas isso é passado.

YooRa veio me comprimentar,mas ela teve que voltar para o altar.Ela seria madrinha da YuNa,junto com o JongDae.O do ChanYeol,seria o Yixing e a senhora Park.YooRa deixou KyungWoo com a gente.

O casamento tinha começado.ChanYeol estava posicionado no altar com um terno impecável,parecido com o que ele usou no nosso casamento.YuNa estava com os braços dado com um cara mais velho,suponho que é o pai dela.Ela nem precisava falar nada.Simplesmente linda!Seu vestido era rodado,assim como foi o meu.

O homem que estava lhe acompanhando,disse algo para o ChanYeol que consentiu e pegou na mão da sua futura mulher.O padre começou a ditar aquelas lindas palavras.No mesmo momento me lembrei do dia inesquecível da minha vida!

FLASHBACK ON

Nervosa,talvez é a melhor forma de me descrever nesse momento.De um em um minuto,perguntava a minha mãe se meu vestido estava lindo mesmo,se eu não estava feia,entretanto ela respondia com um singelo sorriso no rosto e me elogiava o tempo todo,tentando despachar a tensão que me consumia.Eu não via a hora de ser a mulher do ChanYeol,ser uma Park.Eu queria aquilo mas do que tudo.

As horas foram se passando e a hora mais esperada chegou.O homem da minha vida,me esperava em pé no altar,quando me viu,observei seus olhos brilharem,não dúvido está diferente dele.Meu pai alertou ele para cuidasse bem de mim quando me entregou nas mãos de ChanYeol.

-Park ChanYeol,você aceita Kang S/n como sua futura esposa?Promete respeita-lá e ama-lá até os fins de suas vidas?-O padre questionou e eu olhei para o ChanYeol sorrindo.Sem tardar ele disse a palavra mais esperada por mim.

-Sim!-Apertou um pouco a minha mão e pude senti-lá suada.

-Kang S/n,você aceita Park ChanYeol como o seu legítimo marido?Promete respeita-ló e ama-ló até o fins de suas vidas?-Olhei novamente para ChanYeol que me olhava esperançoso.Dei um longo suspiro e assenti com a cabeça.

-Sim!-Trocamos nossas alianças e a hora mais esperada chegou.A hora do beijo!Envergonhada em beijar na frente de outras pessoas,me aproximei aos poucos,percebendo meu estado,ele deu a iniciativa agarrando minha cintura e tomando meus lábios com paixão.

Depois de temos nos separados,todos bateram palmas.Quando saímos da pequena igreja,fomos recebidos com grãos de arroz pela minha família.Por ser de classe alta,a senhora Park resmungou,enquanto olhava aquilo com incredulidade.

-Eu te amo Park S/n!-Por nós não sermos um casal meloso,não costumávamos demonstrar muito afeto.Portanto,que essa simples palavra fez meu coração acelerar.

-Eu também te amo,Park ChanYeol!-Nos beijamos outra vez,na frente da igreja e fomos recebidos com aplausos e gritos eufóricos.

FLASHBACK OFF

Pensando nisso,deixei uma lágrima solitária escorregasse pela minha bochecha.A limpei rapidamente e JunMyeon pegou em minha mão,sorrindo.Retribuí apoiando minha cabeça em seu ombro.

-Se alguém tem contra esse patrimônio,fale agora ou cale-se para sempre!

-Eu tenho algo contra senhor Padre!-Olhamos para a mulher que estava um pouco alterada.Observei bem e percebi que era aquela jararaca da HaYeon.Olhei para ChanYeol que arregalou os olhos na hora.

-O que você está fazendo?-Sussurrou ChanYeol incrédulo e ela passou a mão em seus fios loiros jogando para trás.

-Deixe eu falar.-Advertiu séria.-ChanYeol você não vai contar do nosso filho?Conta para o povo que você traía a S/n e teve um filho comigo e nunca quis assumir ele.-Todos olhamos surpresos para ChanYeol que tremia de raiva.-SABE ESSE CARA QUE VOCÊS TANTO IDOLATRA?ENTÃO,ELE TEVE UM FILHO COMIGO.UM NÃO!DOIS!-Gritou.-POR QUÊ VOCÊ NÃO CONTA QUE A JUNGYEON É A MINHA FILHA,HUM CHANYEOL?-Olhei para a minha filha que estava com os olhinhos arregalados sem entender nada.

 JungYeon é filha legítima do ChanYeol?


Notas Finais


Eu fico tão feliz quando eu escrevo o capítulo dessa fic,n pelo tema mas me sinto tão bem e triste ao mesmo tempo kkkkk😂❤️
Amo vcs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...