1. Spirit Fanfics >
  2. Viver ao Seu Lado >
  3. De Volta ao Serviço

História Viver ao Seu Lado - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - De Volta ao Serviço


Fanfic / Fanfiction Viver ao Seu Lado - Capítulo 7 - De Volta ao Serviço

Os dias passam rápido. E a Jessica volta para o serviço desanimada, pois Cláudio, Karen e Luiz gostam humilhar ela por seu jeito simples. E em sua casa estava pensando:

“– Aff! Trinta dias passa rápido demais e agora vou ter que voltar para aquele lugar para enfrentar aqueles três!”.

 

Jessica e alguns funcionários não conhecem os donos da empresa “Desenvolvedor Software”! Carla também é sócia da empresa junto com JK e Raul. Esse lugar é grande e dividido em três partes.

A primeira parte é debaixo se chama Departamento A! Neste lugar, funciona cursos de Informática e Inglês e outros serviços gráficas. E é onde Jessica trabalha como secretaria dos cursos.

No segundo andar é Departamento B onde ficam o pessoal que desenvolvem os sistemas e o RH quem estão neste lugar são: Cláudio, Karen e Luiz. E o último, Departamento C são os executivos que ficam neste lugar. Artur e Renato estão neste lugar. Ambos não têm mínima ideia que a Jessica é funcionária desta empresa e vice-versa.

Artur e Renato não tem interesse em saber quem são os funcionários; o único interesse deles são, deixar a empresa funcionando bem. Os dois conseguiram erguer a empresa. JK e Raul estavam falando deles. Karen tem essa função de cuidar dos funcionários e ela quem sabe quem é cada um deles. Tadeu trabalha neste lugar!

 

Na casa do Raul… Raul, JK e Carla estão sentados à mesa na cozinha tomando café da manhã.

Raul: – Não se preocupe com o andamento da nossa outra empresa!

Carla: – Aquele desgraçado vai ter o que merece!

JK: – Pelo visto vocês estão investigando!

Carla: – Já!

Raul: – Eles são jovens!

JK: – Então é uma equipe!

Raul: – Sim!

Carla: – Já apontamos quem nós estamos desconfiados! O incrível que parece um deles já estava investigando o caso!

JK: – Interessante!

Raul: – Coincidência!

Carla: – A sorte está ao nosso lado!

JK: – Raul você nunca me disse que tinha duas irmãs para nós!

Carla: – Verdade! Ficamos surpresos quando descobrimos que Suzana e Jessica são suas irmãs!

Raul: – Tenho mais um irmão! Na verdade, meio irmão!

JK: – O André?

Carla: – Não! Na verdade, ele já contou que tem irmãs!

JK: – Verdade, Carla! Mas nunca falou o nome delas!

Raul: – André é o filho do Josué!

JK: – Josué é aquele que casou com sua mãe?

Raul: – Não! Josué queria casar com minha madrasta a mãe dos gêmeos Derek e Jessica! Mas não conseguiu casar com ela!

JK: – Entendi!

Raul: – Minha madrasta separou do meu pai por causa de mim!

Carla: – Como assim?

JK: – Também estou curioso!

Carla: – Conta logo!

Raul: – Naquela época, eu pensava que meu pai estava traindo minha mãe! Durante o processo da separação, eu tinha 12 anos. Eu e minha irmã morávamos com minha tia materna. E meu pai estava com a mãe e os filhos dela já tinham 6 anos!

JK: – Você nunca nos contou!

Carla: – Verdade!

JK: – Por que você nunca nos contou? Nesta época já nos conhecíamos!

Raul: – Nós não tínhamos intimidades! Comecei a pensar que meu pai largou minha mãe para morar com essa família! Alimentei minha raiva e planejei uma vingança!

JK: – Como assim?

Carla: – Que babado!

JK: – Raul você é louco!

Carla: – Deixe-o contar a história para nós continue Raul!

Raul: – Então meu pai nos buscou para morar com eles! No fundo eu não aceitei isso. Já minha irmã Suzana aceitou de boa! Até que um dia resolvi me vingar dela! Já com 16 anos com ajuda do Josué, coloquei sonífero na bebida dela e nós a colocamos para deitar ao lado do Josué! Quando meu pai viu a cena ficou arrasado e desesperado. E ele a largou e os gêmeos também!

Carla: – Sua irmã Suzana também participou disso?

Raul: – Não!

 

Com lágrimas nos olhos Raul fala: – Eu me arrependo! Pois depois daquele dia a dona Solange a mãe dos gêmeos ficou louca e desesperada a ponto de largar os filhos dela! Meu pai um mês depois descobriu a verdade!

Carla: – Nossa!

JK: – Nossa!

Carla: – Por causa do seu ódio… Por isso que você nunca falou para nós!

Raul: – Depois meu pai descobriu que eu fiz isso e ele pensou que a Suzana fez parte disso… Infelizmente nos expulsou!

JK: – E sua mãe?

Raul: – Nunca mais nós encontramos quando meus pais se separaram!

Carla: – Nossa!

Raul: – Meu pai tem ódio de nós dois! Eu e minha irmã Suzana formos embora e ficamos 15 dias na rua comendo lixo para sobreviver!

Carla: – Sua tia ficou sabendo que seu pai abandonou vocês?

Raul: – Ela nos buscou!

JK: – E os gêmeos?

Raul: – Nesta época o pai deles pensou que eles morreram em um acidente!

JK: – Poxa! Que mancada meu amigo!

Raul: – Concordo com você amigo!

Carla: – Você estar colhendo o que plantou!

Raul: – Sim! Estou consciência disso!

JK: – Sinto muito por você!

Raul: – Passou e não tem mais volta!

JK: – Verdade!

Carla: – Isso já passou!

Raul: – A minha tia cuidou dos gêmeos e minha irmã lá na Paris! Contei para eles a verdade e eles me odiaram e ficamos um bom tempo sem nos comunicar!

Carla: – Por isso que você nunca falou deles!

 

Suzana estava escutando e logo fala: – Nós sofremos, mas perdoamos você!

JK: – Quando a felicidade bate à porta… Infelizmente acontece acidente com você!

Suzana: – Isso ficou para trás e eu vou me recuperar!

Carla: – Vai sim!

Raul: – Com certeza!

JK: – Vocês têm notícia do seu pai?

Suzana: – Não!

Carla: – Ele sumiu do mapa?

Raul: – Não sumiu!

Suzana: – Na verdade, eu me encontrei com ele!

JK: – O que aconteceu?

Suzana: – Ele me pediu perdão!

JK: – Quando?

Suzana: – Isso foi antes de eu sofrer acidente! Ele descobriu que eu não tive nada o que aconteceu, mas ele me disse que nunca vai te perdoar, Raul!

Carla: – Raul sinto muito por você!

Raul: – Pelo visto ele está bem!

Suzana: – O pai já conseguiu encontrar a Solange!

JK: – Você contou sobre os gêmeos?

Suzana: – Sim!

Carla: – Qual foi reação deles?

Raul: – Ficaram surpresos!

Suzana: – Eles conhecem os gêmeos, mas eles não sabem que eles são seus pais!

JK: – Nossa!

Raul: – Eles não tiveram coragem de falar?

Suzana: – Eles moram em Paris! Os dois conheceram Derek e Jessica neste país!

 

Jessica estava tranquila até antes Karen chegar e assim que ver a moça logo fala:

– Já chegou, “querida”! Que saudade que tive de você!

E em seguinte abraça a moça e no pensamento Jessica:

“– Que falsidade! Um dia a casa cai para você, “querida”! Para Cláudio e Luiz também!"


Notas Finais


Continuação...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...