1. Spirit Fanfics >
  2. Vizinhas de quarto (Jenlisa) >
  3. Cap 2

História Vizinhas de quarto (Jenlisa) - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Cap 2


(Lalisa ON)

Hoje é terça, e como acostumada terá a limpeza do ambiente então terei de entrar em uma roupa de proteção ligada a oxigênio e andar pelo hospital. To tão acostumada com isso que nem ando pelo hospital. Mas algo em mim disse pra eu dar uma passeada ja que estou aqui a praticamente 10 anos. Conheço esse hospital com as palmas das minhas mãos e ver pessoas entrando doentes e saindo com saúde me dá uma certa tristeza. E ver pessoas entrando mal e saindo mortas até que não parece ser ruim. Eu praticamente não tenho vida nesse lugar. E a única pessoa pessoa que me faz levantar da cama todos os dias é minha mãe. Mas infelizmente isso nao vai durar muito tempo porque minha mãe está com câncer.

Como eu disse, me preparo para me vestir, e então um residente chega pra me ajudar. Entrega a roupa de proteção e veste a sua. Então, entra no meu "quarto" é me ajuda colocar os respiradores. E então me permite sair enquanto começa a organizar meu "quarto" e vejo vários homens entrando com equipamentos, como ja sou acostumada.

(Lalisa OFF)

Uma garota da entrada no hospital com múltiplas queimaduras de 3° e 4° A correria no hospital chama a atenção de Lalisa. Não é sempre que isso acontece. Mas ela nao pode se aproximar muito da garota.

Uma das médicas vê Lalisa e então vai conversar com ela.

-Lalisa! Como você está? Está tomando os remédio direitinho?-a mulher sorridente pergunta

-Estou normal. A não ser pelo fato te não estar fora desse plástico horrível! E sim, estou tomando os remédios Chae. Agora eu lhe pergunto, conquistou a interna Jisoo?

-Que indelicadeza da sua parte. Ela não é interna, é uma residente. E sim. A gente está saindo e nos conhecendo. Agora vá procurar o kook porque ele está te procurando.

E com isso elas se despedem e Lalisa vai procurar kook. Kook é seu melhor amigo. Eles estão no hospital a praticamente o mesmo tempo. Kook tem o mesmo problema que Lalisa.

__...__...__

-A garota apresenta queimaduras de 3° e 4° , precisa de 4 miligramas de lorazepã e 1 miligrama de morfina. Chamem a Cardio a Plástica. Tentem encontrar os pais da garota agora! -um dos médicos dizia em um só fôlego enquanto usava seus instrumentos de trabalho para ajudar a garota. O local estava sendo totalmente coberto por plásticos e equipamentos eram colocados no local. Enquanto tudo isso acontecia, Lalisa prestava atenção. E lembrava de quando a mesma chegou no hospital e foi colocada em um quarto coberto por plásticos a 10 anos atrás. E então alguém tira ela de seus pensamentos.

-Lisa! Eu estava te procurando! Tenho uma notícia pra the contar!-o garoto dizia em um só fôlego quando percebe que Lisa estava a olhar para a emergência.-Que que foi? Porque você está assim?

-Uma garota deu entrada aqui agora. Ela teve queimaduras e vai viver igual a mim, entre plásticos. Isso me fez lembrar que como todo mundo, ela ainda vai sair primeiro que eu.

-Ei relaxa. Você vai ficar bem. Vamos pensar positivo. Eles podem encontrar a cura em piscar de olhos. Relaxa. -ele dizia mesmo não acreditando 100% em sua próprias palavras.

O silêncio tomou conta e então os dois reparam que a garota está em uma maca levada as preças pelos médicos que corriam preocupados.

-LEVEM ELA PARA A SALA DE CIRURGIA E CHAMEM A OBSTETRÍCIA! DUAS MILIGRAMAS DE ADRENALINA AGORA! SEGUREM O ELEVADOR!!! -um dos médicos dizia em alto e bom som acompanhando os colegas

Depois disso Lisa e Kook estavam preocupadíssimos. Querendo ou não, é uma vida que está em risco. Até que a atenção de Lisa é totalmente voltada para o microfone que chamava por seu nome:

-Lalisa Manoban, por favor volte para seu quarto!

___...___...___

-Senhor e Senhora Kim, a senhorita Kim está em coma e infelizmente perdeu o bebê. Teve queimaduras muito graves e terá que passar por muitas sessões de reconstrução de pele. Felizmente seu rosto não teve nenhuma queimadura mas como medida de segurança, não poderá ter contato com nenhuma bactéria ou vírus. Logo, caso queiram falar com ela, terão que usar essas roupas protetoras para entrar no quarto dela para que ela não tenha complicações mais graves.

___________________________________

Eai galera! Aqui é a autora! Queria dizer que essa fic é muito especial pra mim. E que eu gostaria que vocês  me deem sugestões. Criticas construtivas eu aceito! Por favor compartilhem. Beijos e até mais!

760 palavras



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...