1. Spirit Fanfics >
  2. Você de novo? >
  3. Onze horas é muita coisa

História Você de novo? - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


* Coisas importantes *

• Não relacionem a cor do cabelo dos membros com a época que eles pintaram ok? Eu apenas escolhi as cores que eu achava legal e talvez eu até coloquei uma cor pela qual ele nunca pintou.

• Naomi Watson é o nome da nossa personagem principal

• Olívia raramente chama sua tia de Naomi em público pq seu pai disse que é falta de respeito com alguém mais velho, mas Naomi sempre deixa Olívia chamar ela pelo nome.

Por enquanto é só me desculpem por qualquer erro

Capítulo 3 - Onze horas é muita coisa


Fanfic / Fanfiction Você de novo? - Capítulo 3 - Onze horas é muita coisa


Eu estava tão entendida, queria tanto estar com a minha sobrinha falando qualquer coisa boba, o fato é que eu queria conversar com alguém mas estava do lado de um cara aparentemente chato e eu não ia puxar assunto com ele.

Naquele momento eu comecei a sentir um certo calor, talvez por causa do nervosismo do avião já estar saindo da pista, decide tirar a jaqueta que Olívia tinha me emprestado, estiquei ela e dobrei bem bonitinha pra colocar perto da minha bolsa. 

Nessa momento o menino que estava sentando do meu lado me olhou com cara de poucos amigos e falou:

- Você está nos seguindo? - Ele dizia enquanto me encarava com uma expressão um tanto irritada.

- O que? Do que você tá falando? Eu nem conheço você. - Fiquei um pouco assustada com aquela pergunta, acho que era só um mal entendido.

Ele observou atentamente a jaqueta que eu estava vestindo e soltou um risada pelo nariz como se estivesse debochando de mim. Ok, aquela era uma jaqueta muito adolescente para alguém no auge dos seus vinte e poucos anos, mas qual o problema? Era tão ruim assim?


- Então está me dizendo que é pura coincidência você ter conseguido um assento do lado do meu? - Ele me olhava com ainda mais deboche.


Então eu senti vontade de rir, agora que eu tinha reparado no sotaque dele, que merda de inglês era aquele? 

Ele continuou falando e falando até um momento que eu comecei a ficar vermelha de vontade de rir, então eu realmente ri, na cara dele mesmo.

- Você quer que eu falei na sua língua? Seu inglês é horrível. - Disse olhando pra ele com uma expressão inocente no rosto.

Ele parece ter ficado ofendido porque tava com uma cara ainda pior.

*Falando em coreano*

- Você deve estar me confundindo com alguém menino, eu realmente não sei quem é você. - Respondi calmamente para ele.

Ele então me olhou indignado e perguntou sobre o desenho das costas da jaqueta de Olívia.

- Você costuma andar com roupas que não sabe o significado? Ele me olhava intensamente.

- Essa jaqueta é da minha sobrinha, eu estou viajando a trabalho e quis trazer ela comigo, como tava bem acessível na mochila dela ela me emprestou. 

Então quer dizer que esse cara é um dos coreanos que a Olívia gosta? Puta merda que azar o meu, esse cara parece ser muito chato.

Pela primeira vez em mais de dez minutos ele suavizou sua expressão e deu um meio sorriso.

- Menos mal, imagina se além de feia ainda fosse perseguidora. - Ele falava tranquilamente com os olhos fechados.


Loading...77%....84%....96%....100%


Ele me chamou de feia?

eLe Me ChAmOu De FeIa??

ELE ME CHAMOU DE FEIA???


Minha vontade era de mandar ele tomar bem fundo no cu dele mas na hora eu lembrei da minha sobrinha que aparentemente amava ele, das fãs surtadas que eu vi mais cedo e percebi que era bom eu ficar quieta ou arrumaria uma encrenca com alguém que compraria meu apartamento só com uma peça de roupa.

Eu vou fingir que não escutei e vou colocar meus fones, se passaram dois, três, cinco, oito, se passaram dez minutos e eu ainda queria mandar ele tomar no cu, ele aparentemente estava feliz com o meu silêncio, feliz até demais.

Então veio a aeromoça servido café em copos parecidos com o do starbucks, o garoto aparentemente parecia ter dormido e o que era aquilo? Esse garoto é lindo, com a boca fechada parece um anjo. 

Fiz sinal chamando e ela veio com um copo na minha direção, no momento em que ela foi me dar o copo eu me surpreendi com o quanto aquilo estava quente e acabei derrubando na única pessoa no mundo que eu não deveria ter feito aquilo.

Logo que eu derramei ela já veio com um guardanapo mas hesitou de colocar a mão no colo do garoto para tentar enxugar aquilo da calça dele, o garoto estava vermelho e eu estava morrendo de pena por ter feito aquilo, então sem pensar duas vezes peguei o guardanapo das mãos dela e coloquei nele, fiquei um tempo com a mão ali até perceber o que tinha feito e me levantar dizendo que faria algo pra ele não ficar sujo o resto da viajem. 

Então quando eu ia passar por ele, ele segurou o meu pulso um tanto quanto rude.

- Por favor, sente-se aí e não me cause mais problemas. - Ok, eu acho que ele não era um garoto a julgar pelo modo que e falou comigo.

Eu me sentei e virei para a janela para disfarçar minha vergonha enquanto ele mantinha uma expressão irritada, então eu tive a brilhante idéia de tantar amenizar um pouco aquela situação.

- Me desculpe, eu não queria ter derramado em você. - Disse com a cabeça baixa.

- Eu imagino que não. - Ele falou e eu pude sentir a ironia naquela frase dar dois tapas na minha cara.

- Sabe... Eu acho que tudo isso não passa de um mal entendido e que você tá me odiando atoa, eu normalmente sou alguém legal.

- Eu não me importo. - Não foi uma boa idéia tentar ser legal com ele, só espero que ele não me processe por isso, eu provavelmente iria ter que morar embaixo da ponte caso isso acontecesse.

- Meu nome é Naomi Watson e o seu? - Ficamos um tempo em silêncio e eu achei que ele não iria responder, pra falar a verdade seria bom se ele não respondesse e eu conseguisse dormir o resto da viajem.

- Suga. 

- HAHAHAHAHAHA. - Tentei controlar um pouco minha risada e finalmente consegui.

- Qual a graça? - Ele parecia um pouco envergonhado e com raiva.

- Como alguém como você pode ter um nome desses? - Disse sorrindo para ele.

- Pode me chamar de Yoongi se quiser, esse é meu nome de verdade mas raramente me chamam assim. - Ele então virou para me encarar e novamente eu achei que ele fosse muito bonito quando estava quieto.

- Ok Yoongi e quantos anos você tem? 

- Vinte e seis.... - Ele parecia mais calmo agora, acho que ele não estava mais com raiva de mim.

- Tá falando sério? - Eu disse incrédula.

- Estou sim, porque? - Ele parecia já esperar a resposta que ia vir.

- É que você é tão pequeno, tem o rosto tão fofo que eu achei que tivesse no máximo dezenove anos. - O que foi isso? Eu acabei de elogiar ele? Quer merda foi essa Naomi? 

- Você está me elogiando? - Ele me olhava com uma cara nada inocente nesse momento.

- Na verdade não, foi só o modo de dizer. - Falei seca na esperança de que ele entendesse que eu tinha falado aquilo da boca para fora.

- Watson Naomi 

- Sim?

- Acho que até o final dessa viagem você vai estar apaixonda. - Ele falou aquilo num tom de piada e eu sinceramente queria enfiar minha cara no meu cu.



Notas Finais


Por hoje é só, espero que não tenha nenhum erro e obrigada por chegar até aqui.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...