História Você disse que seria para sempre (Jikook) - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Jikook Bts
Visualizações 194
Palavras 2.348
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Esporte, Ficção Adolescente, Lemon, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeong suas lindas ♥
Tudo bom hoje? Espero que sim 😊😆✌
Mais um cap para vocês, espero que gostem, beijooo 😘

Capítulo 23 - O Acampamento Pt2


Fanfic / Fanfiction Você disse que seria para sempre (Jikook) - Capítulo 23 - O Acampamento Pt2

Jungkook On

Eu estava sentado com os outros junto da fogueira, o Taehyung estava a tocar uma canção no violão bem bonita por sinal e estava tudo bem até ao desaparecimento do Jimin. Eu reparei que ele saiu com um dos moços da turma dele mas eu não sabia que ele tinha intimidade com esses moços, ele nunca havia me falado sobre eles, porque eles queriam falar com o Jimin longe do grupo? Minutos se passaram e com eles a minha ansiedade  crescia..

- gente o Jimin ainda não voltou !- digo me levantando 

- ha ele provavelmente está conversando com os amigos dele- Somin diz 

- aqueles moços não são amigos do Jimin, ele nunca me falou sobre eles -digo enquanto olho para o local onde eles desapareceram

- e porque ele falaria? É a vida privada dele mesmo...você está se preocupando por nada, eles devem estar chegando- ela diz e eu volto a me sentar tentando esperar mais um pouco

Depois de mais alguns minutos Vejo os dois moços sairem da floresta sem o Jimin  e me levantanto em um salto correndo até eles

- hey você!- digo o puxando pelo braço

- o que foi?

- cadê o Jimin?

- o Jimin? Não sei moço ele já deve ter saído- ele diz caminhando em frente

- moço tu não brinca comigo, eu fiquei olhando todo esse tempo, e não vi ele sair, vocês entraram juntos ,porque ele não saiu também??-disse já irritado enquanto o segurava forte pelo braço

Vejo os outros se aproximarem de mim e tentaram entender o que estava acontecendo

- Jungkook o que foi?- Taehyung pergunta

- esse idiota aqui não está colaborando comigo, o Jimin ainda não saiu da floresta e eu quero saber o que vocês fizeram com ele, se não me contar já , você vai perder os dentes que tem nessa boca imunda- digo o agarrando pelo pescoço

- Jungkook tenha calma- Hoseok diz 

- calma? O Jimin pode estar mal nesse momento, sozinho na floresta, vocês não se importaram com ele? E você?- digo apontando para a Somin 

- eu o quê? - ela diz 

- você é namorada dele, não está nem aí para ele pois não? Aposto que só quer o dinheiro dele- digo irritado

- Jungkook chega!!, isso não é da sua conta, vamos voltar para tenda e dormir- IU diz segurando o meu braço

- você cale a boca por um minuto-digo e a encaro sério fazendo todos me olharem com espanto

-com você eu converso depois-digo soltado o Mark e me dirigi para a floresta

- Jungkook tá doído?? Volte para aqui, está muito tarde e escuro, você vai acabar se perdendo- ouço Taehyung dizer

- eu preciso encontrar o Jimin- digo enquanto caminho 

- nós podemos esperar e se ele não voltar hoje , amanhã cedo a gente procura sim?- Namjoon diz

- vocês podem ir para as tendas, eu não preciso de nenhum de vocês para me acompanhar, se o Jimin estiver algures nessa floresta eu vou achar ele!

- vou chamar os professores- Hoseok diz e eu começo a correr bem rápido , com todas as forças que tinha até que olhei para trás e tudo o que eu via eram enormes árvores e escuro...muito escuro...Continuei entrando na floresta sem olhar para trás, não conseguia ver nada e acabei caindo várias vezes em algumas coisas, estava picando minhas pernas nas plantas e peguei o meu celular para ter mais luz, já não tinha muita bateria, mas desejava que fosse a suficiente para poder achar o Jimin. Aquela floresta era enorme...ele podia estar em qualquer lugar...

-JIMIIIN- gritei alto na esperança de obter resposta, mas só conseguia ouvir o som dos bichos da noite no meio das ervas, estava frio agora de noite e aquilo era bastante assustador, mas eu não era medroso, nunca seria medroso ao Ponto de deixar ele sozinho ali, eu vou encontrar você Park. Continuei caminhando por uns longos minutos, estava mais perdido do que O park talvez e vejo o meu celular morrer sem bateria

-haa não...não agora..- digo tentando ligar mas sem sucesso. Caminhei sem luz mesmo, pelo menos tinha a luz da lua que não deixava tudo escuro na sua totalidade, continuei gritando o nome dele mas sem resposta e comecei a me desesperar, estava com tanta raiva por não ter protegido ele....o que foi que fizeram com você Jimin...penso para mim enquanto chego perto do lago e quase caí lá dentro, corri para me afastar dali e mais na frente consigo ver um corpo sentado no chão, eu achava que era um corpo, talvez fosse um animal selvagem?? Foge Jeon! Pensei mas tinha algo que não me deixava fugir, eu precisava ver o que era...caminhei lentamente até lá e vejo mais tarde que era mesmo uma pessoa, era o Jimin, estava encostado na árvore e parecia quase adormecido

- Jimin??! - digo e vejo o corpo se mover

- Jeon é você??- ele diz e eu me aproximo quando ouço a sua voz

- Jimin...sou eu sim- digo e apenas sinto seu corpo chocar com o meu e ele me abraçou forte, eu o apertei em meus braços e ouvi o seu choro baixo em meu ombro.

- o que fizeram com você amor?- disse enquanto encarava o rosto dele com preocupação

Ele apenas chorava em meu ombro sem dizer nada...me senti tão impotente nesse momento ...o que foi que fizeram com ele...porque eu não consegui proteger ele ...

- eu estava com muito medo Jungkook- ele diz baixo

- eu estou aqui agora com você, não precisa ter mais medo- digo e vejo ele se sentar no chão novamente perto da árvore. 

- vamos voltar para o acampamento, você precisa se aquecer, e me contar o que aconteceu- digo 

- não Jeon...não quero voltar ali agora, fique aqui comigo- ele diz no meio do choro e eu me baixo me sentando do lado dele.

- mas Jimin..

- por favor..- ele diz olhando em meus olhos e eu assenti. Ele encostou a cabeça na árvore e prendeu o choro, eu apenas ignorei o facto da chantagem da IU , eu estava tão triste, tão irritado por ver ele assim.

- o que conteceu?-digo e ele me olha com o rosto molhado

- como se você se importasse com isso Jeon- ele diz e eu engulo um seco, ele achava mesmo que não significava nada para mim??

- eu acho que foi só mais uma pessoa que nem você que só quiz me comer- ele diz e sinto um choque em meu coração, olhei para ele com atenção, bagunçado, sujo de terra nas roupas, será que ?

- Jimin você foi..

-não precisa demostrar a sua compaixão agora, não irá reverter essa situação- ele diz deitando a cabeça no meu ombro e eu apenas o olhava sem saber o dizer ou fazer, o meu corpo estava paralisado, mil coisas se passaram na minha cabeça, eu imaginei tudo aquilo que o jimin podia ter sofrido e chorei de raiva e dor mordendo o lábio, ele ouve o meu choro e tira a cabeça do meu ombro me olhando 

- o que foi Jeon?- ele diz surpreso

Eu o puxei e o abracei com força, com tanta força que podia rebentar.

- você não Merecia isso...me perdoe por não ter te protegido Jimin, eu me sinto tão culpado por isso- digo e vejo ele se afastar

- não era sua obrigação me proteger

- Jimin..você não entende não é mesmo?...,eu nunca deixei de te amar, eu nunca quiz você apenas para te comer, a IU me forçou a dizer isso- digo e vejo ele fazer um beiço quase pronto para chorar novamente.

- mas você disse isso..

- eu disse mas eu não queria dizer, a IU descobriu as mensagens em meu celular e disse que se eu não terminasse com você ela contaria ao seu pai essa relação que nós tínhamos... agarrei os meus joelhos enquanto fitava o chão e sentia tudo cair na minha frente, tantas coisas estavam acontecendo naquele momento...imaginar o Jimin ser abusado por aquele porco estava me fazendo enlouquecer de raiva... 

- nós temos- ele disse

- o quê?- digo confuso

- a relação que nós temos, não a relação que nós tínhamos- ele diz e logo se senta no meu colo juntando as nossas testas, nossos rostos estavam vermelhos do choro eu sorri mas chorava assim como ele , seus olhos brilhavam por conta das lágrimas que se formavam lá dentro e eu o apertei com força contra mim

- me perdoe Jimin..me perdoe por não ter te contado...- digo me desfazendo em um choro que eu prendia à muito tempo- eu podia ter evitado tudo isso se eu tivesse te contado tudo...e agora você foi abusado por minha culpa...eu não consigo me perdoar Jimin

Ele limpava as minhas lágrimas com o polegar

- hey amor...não é culpa sua isso que aconteceu, você devia ter me contando logo é verdade,  mas agora eu entendo que você só quiz me proteger da minha família eu entendo agora o seu lado...suas razões, você está perdoado 

- senti tanto a sua falta- disse fechando os meus olhos quando sinto o contacto dos seus lábios roçarem os meus levemente, queria sentir o seu beijo novamente, como eu senti falta dele,daquele toque, do Jimin que eu tanto amava. Virei o meu pescoço para o lado e dei um leve selinho em seus lábios, sentido a sua respiração acelerada sobre o meu rosto e eu sabia que ele queria tanto aquilo como eu, mas como sempre, eu que tomo essa iniciativa... puxei o seu corpo mais para mim e roçei os nossos narizes ouvido ele se manifestar baixinho e irritado

- não vai me beijar não?- ele diz com o rosto colado no meu e com os seus olhos fechados e eu sorri

- porque não me beija você dessa vez?..

Senti então seus lábios tocarem os meus com carinho, aquele beijo era inocente...apenas um beijo que demonstra a saudade que ele tinha de mim, tão lento e prazeroso que me fez sentir um aperto no estômago, um arrepio  percorreu o meu corpo me fazendo arrepiar, era incrível a forma como ele brincava com os meus lábios, ele me conhecia tão bem...eu já estava me descontrolando nesse momento meu corpo aquecia, e eu precisava parar aquilo naquele momento, eu sabia o quão frágil ele estava, sabia que ele tinha acabado de ser abusado e não ia se entregar a mim tão facilmente

- Jimin..- digo entre o beijo

- eu sei..eu já senti o volume- ele diz rindo 

- não consigo me controlar com você, me desculpe - digo e ele deu vários selinhos em minha boca 

- a culpa não é sua, não se desculpe por estar assim, não é como se a gente nunca tivesse transado antes...mas dessa vez é diferente, você sabe...minha bunda dói- ele diz e eu viro meu rosto para o lado com uma sensação de ódio,.ódio daquele moço que fez isso com o Jimin

- mas eu quero você novamente...eu quero sentir que dessa vez é você, me fazendo esquecer o outro toque, me preenchendo novamente acabando com cada vestígio dele que ainda tenha em meu corpo, e para que assim só exista você, só exista a sua marca, o seu cheiro...você espera até eu me recuperar ?...

Eu segurei na mãozinha pequena  e branquinha dele

- eu posso ficar com você mesmo sem tensar, não é isso que me faz te amar, vamos superar isso juntos, eu vou sempre te apoiar, nunca te vou forçar a nada, mas escute Jimin...

- o quê?

- esse moço...eu vou matar esse moço

- não Jeon, eu não quero que ninguém saiba disso...não quero que você arrume briga por minha culpa ...

- você não entende que mesmo que me peça eu não irei me segurar? Quando eu vir ele na minha frente eu acho que eu vou desfazer cada parte do corpo desse porco, eu te prometo que ele vai sofrer mais do que você e depois sim, você vai comigo contar para a Polícia, eu quero esse monstro preso até morrer- digo e ele sorri fraco 

- Eu nunca amei ninguém como eu te amo Jimin...eu prometo que agora você é oficialmente meu, mesmo com essa chantagem eu sempre vou ficar do seu lado, seja meu Jimin, eu vou dar um jeito de fazer a IU sair da minha vida sem prejudicar a sua..

- Jungkook...

- seja meu, sem mais separações...quer ser o meu namorado Jimin?- digo sentindo minha face arder e minhas pernas tremiam como varas verdes, como eu era bobo 

Vejo o seu rosto fitar o chão com um sorriso tímido e o olhei hesitante esperando a sua resposta

- não me mate de ansiedade Jimin...- digo batendo com os dedos freneticamente no chão

- eu quero - ele diz - , eu quero ser seu para sempre, porque eu te amo mais do que qualquer outra coisa, e se eu precisar deixar minha carreira por você eu não irei pensar duas vezes..- ele diz e eu sorri feliz mais feliz do que nunca

- estão..estamos oficialmente namorando?- eu digo 

- sim, mas não oficialmente, isso será o nosso pequeno segredo- ele diz e eu o aperto com força.

- vamos voltar?- digo e ele nega com a cabeça

- essa noite serei apenas eu e você, sem mais ninguém- ele diz saindo do meu colo e se senta do meu lado, estava tanto frio...e ele apenas de regata

- essa regata é minha- digo tirando o meu moletom quente e logo o coloco no Jimin 

- deixa de ser brega- ele diz e eu ri

- eu estou passando frio por você, seja mais agradecido - digo e ele deita a cabeça em minhas pernas me olhando de baixo 

- Eu te amo Jeon- ele diz e eu ri com vergonha

- já chega Jimin kkkk

- que lindo que você fica assim quando está sem jeito - ele diz 

- Jimin!! 

- eu só quero provar que posso ser mais brega que você

- você venceu! - eu disse e brinquei com os seus cabelos vendo o seu rosto olhar o meu durante alguns segundos até que seus olhos fecham e eu o vejo dormir tranquilamente em meu colo.

- eu vou vingar você Jimin...- digo tentando me esquecer do frio que estava ali.

Esse moço...ele que se prepare para a maior porrada da vida dele.



Notas Finais


Uui esse Jeon tá virando fera, eu espero que ele mate esse porco do Mark ..
Espero que tenham gostado 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...