História Você é burro,mas é meu burro - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Carlos Ycaro "Ycro" Gabryel, Rodrigo "Saiko" Ximenes
Tags Sycaro
Visualizações 28
Palavras 579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa a demora

Capítulo 7 - Eu sou um lixo


saiko:o que aconteceu ycaro?

ycaro:s-saiko - ele fala com dificuldade por causa do choro - um m-menino m-me bateu m-muito

saiko:mas porque? - pergunto abraçando o loiro.

ycaro:e-ele disse q-que eu e-era seu namorado e que tinha nojo da gente,e quando eu foi responder ele me bateu.

eu fiquei muito assustado pois aquilo era culpa minha,embora ycaro seja minha única razão para viver,sei que ele vai sofrer por minha minha,ele nao merece isso,sei que isso vai me machucar muito,mas é o melhor para ele

saiko:vou cuidar dos seus machucados e depois vou embora

ycaro:por que?

saiko:ycaro eles fizeram isso com você por minha causa,se você continuar falando comigo eles vão te pertubar que nem eles fazem comigo.

ycaro:mas s-saiko você é meu melhor amigo

saiko:relaxa,vai ser melhor para você,e como a gente se conhece a pouco tempo vai ser fácil a gente se afastar - ycaro me abraça chorando muito,eu nao acredito que eu sou o culpado pela suas lágrimas

ycaro:por favor saiko,nao faz isso - ele fala chorando muito

saiko:vai ficar tudo bem - falo baixo enquanto abraço o menor.

saiko:eu vou embora - falo segurando o choro e separando o abraço,ycaro nao tenta me impedir,assim que chego na porta olho para trás e vejo ycaro de cabeça baixa, provavelmente chorando,abro a porta do quarto de ycaro,e vou embora

e agora?o que eu faço?voltei a estaca zero,estou sozinho de novo,acho que vou para minha casa

quando eu chego em casa,meu pai nao estava em casa(graças a Deus)minha mãe estava sentada na sala assim que me vê ela se assustar

mãe.s:Rodrigo?

saiko:Oi mãe - fala com a cabeça baixa - sei que meu pai falou para você que eu me matei,quando ele me ligou para falar isso eu fiquei com medo,então fiquei um tempo na casa de um amigo - ex amigo ;-;

minha mãe nao fala nada apenas me abraça muito forte

~quebra de tempo~

meu pai tinha chegado e minha mãe estava muito puta (óbvio)

pai.s:amor cheguei

mãe.s:amor o caralho,por que você falou que o Rodrigo morreu - eles começaram a brigar (estou com preguiça de escrever ;-;)

pai.s: nossa quem me dera sua irmã estivesse viva,ela era muito melhor que você e ela morreu por sua culpa- eu nao acredito que ele está falando da minha irmã

Flash back on

eu tinha 8 anos e minha irmã 14,a gente foi até um mercadinho que tinha perto de casa e como eu era uma criança muito traveza eu saí correndo,eu só estava brincando eu era uma criança,foi um acidente eu nao queria...bem,eu nao vi que tinha um carro vindo minha irmã gritou meu nome mas eu nao liguei,ela pulou na frente do carro para me tirar dela,eu caí com tudo no chão,quando olhei para trás minha irma estava deitado no chão

- maninha? - eu perguntava por ela e ela nao respondia.minha irmã está morta e a culpa é minha,isso foi um acidente eu nao queria eu juro,eu era uma criança,nao foi minha culpa

Flash back of

mãe.s:sai daqui agora - meu pai foi embora

saiko:mãe? - vejo ela cheia de lágrimas nos olhos

mãe.s:vai para seu quarto Rodrigo,por favor - faço o que ela mandou e vou para meu quarto.

qual é o meu problema?eu estrago a vida de todo mundo acabei com a vida do ycaro meu melhor amigo,arruinei a vida da minha PROPRIA mãe,e eu literalmente cabei com a vida da minha irma.começo a chorar,"eu sou um lixo"era a única coisa que eu pensa,resolvi pegar a lâmina do meu apontando e começei a me cortar

- porque eu faço tudo errado?

caboooo


Notas Finais


Desculpa a demora,eu estava pensando em cancelar a fic,mas vou continuar.mas até que o cap ficou grande


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...