História Você é o dono de meu coração - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter, Homem de Ferro (Iron Man), Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Harry Potter, Hermione Granger, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pepper Potts, Ronald Weasley, Sirius Black, Steve Rogers
Tags Almas Gêmeas, Harry Ciumento, Harry Protetor, Revelaçoes, Romance, Tony Stark Protetor
Visualizações 300
Palavras 2.523
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Luta, Magia, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mina peço desculpas pela demora na postagem deste capitulo. Enfim, tive inúmeros imprevistos que me impossibilitaram de atualizar esta fic, mas vou fazer o possível para compensá-los postando outro capítulo ainda este mês.

Quero agradecer por cada favorito, visualização e comentários. Vcs são demais e realmente me incentivam a continuar escrevendo.


Para aqueles que leem a minha fic "Contanto que esteja a seu lado" quero informar-lhes que estou reescrevendo alguns capítulos. Ela foi minha primeira fic e quando a escrevi estava internada no hospital me recuperando de uma cirurgia, então a escrita não foi tão boa quanto eu gostaria, mas como gosto de escrever essa estória, farei o meu melhor para continuar as postagens ainda nesse mês.

Bjos😙 a todos vcs e obrigada por não desistirem de acompanhar esta fic.


Tenham uma boa leitura😉

Capítulo 3 - Seu coração é tão caloroso quanto o sol


Cinco horas e trinta minutos depois

Harry e Tony finalmente chegaram à torre Stark. Eles estavam exaustos, mas o bruxo insistiu em fazer runas e feitiços de proteção em torno de seu novo lar. E por mais que seu companheiro considerasse um exagero, Harry estava decidido a realizá-los antes que o cansaço consumisse suas últimas forças.   

Concentrando sua magia realizou 5 feitiços de proteção em torno da Torre. Estava cansado, mas lançou o Protego Máximo, seguido por Fianto Duri (feitiço que fortalece e prolonga a duração de outros feitiços de proteção) e Repello Inimicum (feitiço que cria um campo de força, no qual a pessoa que tentar ultrapassá-lo será destruído e dilacerado). Lembrar-se dos “Vingadores, Shield e Dumbludore” fez Harry lançar também o Repello Trouxatum e Aparato Repelio. Edward dizia que ele estava exagerando, mas com sua “sorte” era melhor prevenir do que remediar.

Quando o bruxo lançou todos os feitiços foi surpreendido por seu marido que o abraçou por trás e disse: Vamos comer algo gostoso, tomar um banho e dormir, bebê. – dando-lhe beijos no pescoço que faziam Harry gemer – Estou morrendo de vontade de te fazer meu. – o bruxo corou fortemente ao ouvir as últimas palavras de Tony. Mesmo que quisesse ceder a vontade de fazer amor com seu marido, se conteve, pois tinha que instruir Jarvis sobre o plano de proteção que criou. Olhando para o teto falou: Olá Jarvis, ativar protocolo de proteção nível Alfa. – a inteligência artificial solicitou: É um prazer ouvi-lo senhor, por favor, me confirme à ativação do protocolo. – Harry, quase que imediatamente, respondeu: Ativar protocolo de proteção nível Alfa, código de acesso Beta 45 15 Delta 74 95 Ômega 00 12 36. – Jarvis requereu: Por favor, confirme verbalmente quais diretrizes o protocolo deve seguir. – ainda nos braços de seu companheiro respondeu: Eu, Harry James Potter Stark revogo todos os cartões de acesso dos Vingadores e Shield a torre Stark ou em quaisquer instalações pertencentes a SI ou a Anthony Edward Potter Stark. Aprovo a utilização de qualquer método para proteger nosso patrimônio ou a integridade física e psicológica de Edward e, a partir de hoje Nicholas Joseph Fury, Natalia Alianovna ou Natasha Romanoff, Clint Barton e qualquer agente da Shield está estritamente proibido de se aproximar de meu marido. E Jarvis querido, preciso em no máximo 48 horas, que prepare um dossiê completo sobre os membros da iniciativa Vingadores, agentes da Shield e possíveis aliados. – sentindo a agitação do corpo de seu companheiro atrás de si argumentou: Amor aprendi uma coisa nessa vida, e é que não se confia em uma organização que usa o seu dinheiro para se manter ou em pessoas que se fingem de amigas, se infiltram em sua empresa e usam uma seringa para injetar uma substância desconhecida em seu pescoço, contra a sua vontade. – se virou e olhou nos olhos de seu marido – Eu te amo Edward e quando nos casamos você prometeu que confiaria em minhas decisões. Posso não os conhecer, mas tenho doutorado em pessoas que te usam como ferramenta e te exploram pelo poder que detêm. Amor, você os ajuda e eles o usam como tapete para ser pisado. Pare de se importar com aqueles que não ligam para sua existência e se concentre naqueles que te amam. – se aproximou e beijou-o docemente – Faço isso para o seu bem e não me contrarie, meu amor  – passou as mãos no abdômen de seu companheiro e sussurrou em seu ouvido “Ou como castigo passará um bom tempo sem me tocar”.

Seu marido tinha razão Natasha ou Natalia se aproximou para lhe espionar e trai-lo, além do mais, aquela avaliação “Homem de Ferro – sim, mas Tony Stark – não recomendado”, ainda estava entalado em sua garganta, pois aquela espiã sabia sobre seu envenenamento por paládio e mesmo assim fez uma avaliação tendenciosa, na esperança da Shield e do Governo Americano colocar as mãos em sua armadura do Homem de Ferro. O pior é que todos naquela equipe apontam-lhe o dedo e julgam suas ações, como se tivessem moral para isso. Inferno! A maioria deles matou mais do que ele e mesmo assim o olham como se fosse pior que Hitler. Harry tem absoluta razão, ele deve se importar com aqueles que o amam. Ao ver aqueles olhos verdes expressando tanto amor e carinho, não resistiu e capturou seus lábios rosados em um beijo apaixonado, após o beijo afirmou: Bebê será como você decidir. Não vou contrariá-lo, pois sei que tudo que diz é a mais pura verdade. – puxando-o para seus braços – A partir de hoje, você é o responsável por decidir sobre nossas empresas, porque minha vida e meu coração são seus desde o dia em que te conheci. Eu te amo. – carregou-o em seus braços e caminhou em direção ao quarto. Ao chegarem à suíte, Tony disse: Jarvis, ninguém entra nesta torre. Pode estar acontecendo o apocalipse lá fora, mas eu não quero ter meu tempo com Harry interrompido. – a inteligência artificial respondeu: Entendido senhor!

 Entre beijos e caricias Tony deitou na cama juntamente com seu marido. Harry o único capaz de despertar seu coração. Aquele que derrubou todas as suas defesas e via claramente por trás de cada máscara construída para proteger seu destroçado coração. A cada toque, beijo e caricia seus corpos imploravam por mais. Seu corpo ansiava por tornar Harry seu novamente. Roupas foram descartadas pelo chão e quando estavam completamente nus, as caricias se intensificaram. Tony beijou, mordeu e chupou o pescoço de seu companheiro fazendo-o gemer. Os gemidos incentivavam-no a começar uma lenta e torturante masturbação em Harry. O bruxo arfava de prazer. Capturando seus lábios em um beijo possessivo, acelerou os movimentos até que seu marido gozasse em sua mão.

Ele estava exausto, mas precisava que Edward o fizesse seu naquele momento, então suplicou manhoso: Amor, por favor, não aguento mais! – beijando-o apaixonadamente – Me faça seu Edward!

Tony não precisou ouvir duas vezes e começou beijar seu companheiro. Os beijos ficaram mais exigentes. Ambos estavam corados, suados e com dificuldade para respirar. As caricias estavam enlouquecendo Harry. Ele precisava sentir seu companheiro dentro de si. Seu vinculo implorava para que fosse reafirmado naquele exato momento. O vinculo permitiu a Tony sentir as emoções de seu marido e não perdendo tempo começou a prepará-lo. Beijou-o lentamente quando introduziu o primeiro dedo em seu interior. No inicio o bruxo sentiu um desconforto, mas foi substituído por prazer quando dois dedos foram entrando e saindo de seu interior. E arfou de prazer quando o terceiro dedo acertou sua próstata. Tony retirou os dedos quando sentiu que seu marido estava pronto para recebê-lo. Lentamente começou a introduzir seu pênis em Harry, polegada por polegada ambos gemiam e o bruxo agarrava fortemente os lençóis. Gemeu de prazer ao estar inteiramente dentro de seu companheiro. Naquele momento ambos se sentiam completos e através do vinculo podiam sentir o amor que tinham um pelo outro. Olhando nos olhos verdes do homem que ama começou a se movimentar.

Entre beijos, caricias e declarações de amor, Harry implorou: A-amor aahh – delirando de prazer – Mais rápido ahh......Mais forte ahh – Tony acelerou seus movimentos quando acertou a próstata de seu marido. Sabendo que ambos não durariam muito começou a masturbá-lo. O bruxo estava chegando ao ápice do prazer, mas Tony ao ver o olhar de amor, carinho, prazer, luxúria e devoção destinado a si, declarou: aaah Harry – intensificando cada estocada – Eu te amo aahh – com mais algumas estocadas ambos atingiram o ápice do prazer e gozaram.

Tony gentilmente saiu de dentro de seu marido e puxou-o para descansar sob seu peito. Ele estava feliz. Somente Harry o fez se sentir amado e aceito. O bruxo sempre fez de tudo para compreender seu raciocínio e suas decisões para poder expressar uma opinião. O homem que ama nunca o julgou por nenhuma de suas ações. Harry era sua vida, seu tudo e o motivo que o faz tentar ser uma pessoa melhor. Sem ele em sua vida provavelmente estaria se afogando no álcool, drogas e em transas de uma noite para tentar lidar com seus traumas. Ao olhar para seu companheiro se surpreendeu quando recebeu um beijo lento e apaixonado, após o beijo, Harry declarou: Eu te amo Edward e consigo sentir suas emoções. Cada dor, traição, desespero e tristeza. Minha vida também não foi um mar de rosas e apesar desses sentimentos negativos, – dando-lhe um selinho – também sinto seu amor, carinho, fidelidade, lealdade e sua vontade de proteger as pessoas que ama. Nunca te julguei ou duvidei de você, porque conheço seu coração. E posso te garantir que ele é tão caloroso quanto o sol e tão brilhante quanto à lua.

Emocionado, Tony se aproximou e capturou os lábios de seu marido em um beijo apaixonado e ao se separarem encostou a sua testa nas de Harry. Lembrou-se de tudo que passaram para estarem juntos, até Pepper chegou a pensar que o bruxo queria seu dinheiro, mas semanas de tratamento silencioso foi o suficiente para fazê-la reconsiderar. Rhodes descobriu por acaso e como sua relação estava estremecida, depois que ele roubou uma de suas armaduras, a opinião de seu “amigo” não importava. Já Feliz adorou Harry desde que o conheceu e isso era o suficiente para deixá-lo satisfeito, afinal seu amigo de longa data, pela primeira vez, colocou um selo de aprovação em seu relacionamento. Tony teve suas inseguranças por estar apaixonado por alguém mais jovem, porém todas elas desapareceram no momento em que se beijaram pela primeira vez. Olhando-o carinhosamente declarou: Eu te amo e tê-lo ao meu lado é o suficiente para me fazer feliz pelo resto de minha vida. Harry, tu és o que tenho de mais importante. – beijando-o castamente – Bebê, Te protegerei com a minha vida, porque sem você não tenho motivos para continuar vivendo. – Harry conteve as lágrimas que se formavam em seus olhos e sorrindo brilhantemente falou: Eu te amo e você é tudo que preciso para ser feliz.

Sonolento Harry se aconchegou nos braços de seu companheiro e seus olhos se fecharam lentamente. Tony olhou carinhosamente para seu marido e sussurrou: “Eu te amo”.

 

 

 

[...]

   

Na manhã seguinte – Shield

Fury estava frustrado. As tentativas de manipular Tony não estavam surtindo nenhum resultado. Houve uma redução significativa no financiamento da Shield pelas Starks Industries e nem a agente Romanoff conseguia descobrir a razão. Stark não atendia suas ligações e olhando para a janela de seu escritório lembrou-se da última vez que conversou pessoalmente com ele.

 

Flash Back ON

Após uma missão, a maioria dos Vingadores estava com raiva. Como sempre Tony não sabe seguir ordens e isso irrita o Capitão América. No avião que os levaria a Shield, Natasha e Clint passaram 30 minutos jogando indiretas para Tony.

Ele queria sair voando em sua armadura, mas ela estava muito danificada e Feliz já estava indo buscá-lo na sede da Shield. Obviamente, que o moreno poderia convocar outra armadura, porém ele tinha que colocar um basta naquela situação. Porra! Ele faz o possível e o impossível para ajudá-los e mesmo assim nada está bom. Tony está cansado de ser julgado por suas ações, e cobrado para dar-lhes mais dinheiro e equipamentos com tecnologia Stark Tec.

Harry realmente tinha razão, ele quase se mata para dar-lhes o melhor e as sanguessugas exploradoras (como seu companheiro os chama) o usam como tapete. Tony foi retirado de seus pensamentos quando Steve se aproximou e disse: Stark, você não pode agir contra as minhas ordens! Tínhamos um plano para executar. – praticamente gritando no rosto do moreno – Você tem que deixar de ser egoísta! – Tony não aguentando aquelas acusações argumentou: Rogers até onde sei não me alistei no Exército Americano para estar sob seu comando. Não sou seu subordinado. Não devo satisfação de minhas ações a ninguém e, principalmente, não preciso de sua aprovação para agir. – olhando para Clint e Natasha – Posso ser “egoísta”, mas pelo menos não me finjo de bonzinho. Antes de virem apontando o dedo para mim, lembre-se de tudo que fizeram em suas vidas como agentes seja da Shield ou KGB. Rogers, minhas ações salvaram a vida de 50 crianças. E fique sabendo que sou apenas um consultor e sinceramente nem isso eu quero ser. – e saiu do avião que tinha acabado de aterrissar.

Clint, Natasha e Steve ficaram chocados com a atitude de Tony, pois ele nunca tinha agido daquela forma.

 

Shield – Sala de reuniões     

Todos estavam sentados ouvindo Fury falar por mais de 30 minutos sobre a missão e suas responsabilidades como Vingadores. E o que isso significa? Uma reunião dessas é mais uma forma de dizer “Tony, você deve pensar na equipe” ou “Tony, você deve projetar armas mais eficientes para a equipe”. Após 1 hora de reunião, Fury pensando que Tony iria pedir desculpas por suas ações, permitiu que ele falasse, mas se surpreendeu com o que ouviu.

Tony estava exausto e Jarvis fez questão de enfatizar que tinha costelas quebradas e uma leve concussão. Sua Inteligência Artificial ameaçou contar para Harry, caso não procurasse cuidados médicos e, ele não queria estar no lado ruim de seu noivo. Seu casamento seria em alguns dias e ser punido não estava em seus planos. Decidido a resolver essa situação, se levantou da cadeira e explanou: Fury estou aqui para esclarecer nossa relação. Sou apenas um consultor, lembre-se da avaliação tendenciosa da agente Romanoff “Homem de Ferro – sim, mas Tony Stark – não recomendado”. Ela sabia que eu estava morrendo e mesmo assim me avaliou como instável, narcisista, com problemas para trabalhar em equipe e entre outras coisas. Mas, o que ninguém tentou compreender era que minhas ações foram os mecanismos de enfretamento que utilizei para lidar com meus traumas, como por exemplo, meu sequestro no Afeganistão. – olhando firmemente para Fury – Enfim, não vamos falar sobre o passado. Fury, eu não sou Vingador. Meu vinculo com a Shield é de consultor e, a partir de hoje quero ser tratado como tal. Para todos vocês sou Dr. Stark, afinal tenho 3 doutorados e serei pago de acordo com as minhas qualificações. Consegui a autorização do presidente dos Estados Unidos para agir de forma independente e poder ajudar nas missões, mas não me tratem como parte desta equipe disfuncional, pois não sou! – olhando para o relógio percebeu que iria se atrasar para o almoço com Harry, então finalizou: E Nick, minha querida CEO Pepper estará lhe enviando nos próximos dias meu novo contrato como consultor. Agora tenho que ir.

Todos ficaram perplexos com a atitude de Tony. E mesmo que Fury o chamasse, ele continuou a se distanciar.

Flash Back OFF  

 

Fury foi retirado de seus pensamentos quando a agente Hill entrou em seu escritório para informar-lhe que Virginia Potts negou, pela terceira vez, a proposta enviada pela Shield, no que concerne o pagamento de cada consultoria realizada por Tony Stark.

Esse assunto estava se tonando uma dor de cabeça, pois nem a agente Romanoff conseguiu localizar Stark. Fury precisava encontrar uma forma de manipular ele novamente, mas querer e conseguir eram verbos diferentes. Furioso por seus planos estarem desmoronando sem o apoio de Stark ordenou: Agente Hill rackeie os sistemas das Stark Industries e descubra qualquer informação que possa ser utilizada contra Tony Stark.


Notas Finais


Adorei escrever esse capitulo. Tudo fluiu tão naturalmente que me fez sorrir quando terminei de escrevê-lo.

No próximo capitulo Harry, de fato, encontrará os Vingadores e Fury.

Sugestões, críticas, observações e elogios é só deixar um comentário.


Até o próximo capitulo😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...