1. Spirit Fanfics >
  2. Você é o melhor de mim >
  3. Miranda Andrea

História Você é o melhor de mim - Capítulo 88



Notas do Autor


Boa Leitura meus leitores Panda.
Quero agradecer a todos que me acompanharam desde o começo em “Você é o melhor de mim”. Só tenho que agradecer a VOCÊS meus fies leitores pelo carinho, amor e paciência nessa longa jornada em que passamos juntos com essa linda história.
Espero de coração que tenham gostado da história. Juro que escrevi com todo o meu amor e muito carinho a história de Miranda e Andy.
Desejo a todos uma maravilhosa leitura e um imenso abraço Panda *-*

Capítulo 88 - Miranda Andrea


Fanfic / Fanfiction Você é o melhor de mim - Capítulo 88 - Miranda Andrea

Miranda & Andrea

Seis meses depois... 

Seis meses havia se passado, seis meses de muitos acontecimentos na vida de Miranda e Andrea. Depois da conversa que Miranda teve com Andy a mais nova não tocou mais no assunto de ter mais um filho, o que deixou a mais velha feliz.

Mais um ano consecutivo, Miranda Priestly, foi eleita uma das mulheres mais lindas e imponentes do mundo da moda, o que deixou Lá Priestly com um largo sorriso no rosto.

A Runway foi uma das revistas de modas mais bem vendidas nos últimos vinte anos, o que gerou uma grande reputação para Miranda Sachs Priestly elevando a Elias Clark como a revista mais bem conceituada de Nova York.

 Naquela manhã de inverno Nova York amanheceu sobre neve e frio, um ótimo dia para passar deitada debaixo das grossas cobertas de algodão. Miranda e Andy estão deitadas lado a lado uma olhando para a outra.

–O que foi Sweet? Conheço esses olhinhos. Seus doces lábios estão reprimidos o que significa que está pensativa para me contar algo.  

–O aniversário do Henry está chegando Miranda, o que vamos fazer?

Um sorriso se forma nos lábios de Miranda, fazendo com que Andy revire seus olhos.

–Vamos fazer uma festa em casa, An-dre-ah, apenas para os mais íntimos dos nossos conhecidos. Não gosto de ver meu Dear na mídia. Henry é apenas uma criança e o quanto Eu puder o manter afastado dos urubus vou manter.

–Eu concordo. Faremos uma festinha simples como meu príncipe me pediu, vou pedir ajuda ao Nigel.

–Ele vai surtar, Sweet.

–Tudo bem, Miranda?

–A casa fica tão silenciosa sem as Bobbseys. Sinto falta de sua mãe.

–Como é que é? Miranda Priestly sentindo falta da sogra?

–Deixa de ser chata, An-dre-ah!

–Gosto de implicar com Você, meu amor.

–Você é uma menina tola.

–A sua menina tola, Miranda Priestly. 

–Não acredito que Henry vai fazer seis aninhos, foi ontem que Ele nasceu Andy.

–Gosto quando me chama de Andy... O tempo passa Miranda, quando olho para as meninas ou para o Henry que vejo como faz tempo que estamos juntas. Eu não sou mais aquela menina que usa suéter azul e sapato Oxford.

–Saiba que Você era linda, Senhora Sachs Priestly.

–Agora que me fala isso?

–Há coisas que jamais devemos dizer An-dre-ah!

–Compreendo.

–Você fica linda com esse cabelo desalinhado e maiores meu amor.

–O que Você está querendo, An-dre-ah?

–Seu corpo meu amor. Quero te amar de corpo e alma, Miranda. Preciso sentir seu gosto contra meus lábios.

 –Seu pedido é uma ordem majestade.

Naquela imensa cama sobre o frio de Nova York, Miranda e Andrea, se amaram se entregando aos desejos carnais com um sessenta e nove divino. Os refizeram suas juras de amor prometendo amar uma à outra até o último sopro de vida.

**

**

Uma semana depois ....

Miranda está sentada em sua cadeira de couro confortável na Runway olhando para a tela de seu notebook concentrada nas últimas tendências de moda de inverno dos últimos trinta anos.  Seus olhos azuis celestes nem pisca, o que a deixa com uma expressão sensual diante dos olhos de Andrea.

– Eu fechei a porta da sua sala. –A voz doce de Andy percorre toda a sala de Miranda chegando até suas terminações nervosas fazendo com que sua intimidade lateje de prazer. –Emily, saiu para buscar os tecidos para os novos croquis e Nigel foi almoçar com Doug, estamos sozinhas meu amor. Ame-me nessa mesa, Miranda.

–Não posso Sweet.

Andy sorri se se sentando à mesa de Miranda onde abre as pernas para a editora chefa da revista Runway. –Gosta do que vê Miranda?

–S-Sem calcinha, An-dre-ah?

–Quero facilitar seu trabalho... Agora me dá prazer, meu amor.  

Naquele momento Miranda proporciona os melhores orgasmos para Andy que segura seus cabelos platinados sentindo a língua de sua esposa dentro de sua vagina sensível por dois orgasmos seguidos.

–OHHH! M-Miranda!

Os gemidos roucos de Andy percorrem entre as quatro paredes. Miranda massageia seu clitóris com seu dedo médio proporcionando o terceiro orgasmo para Andrea, com sua língua quente e ágil chupa e lambe todo o liquido doce que tanto ama.  

–Não me provoque An-dre-ah!

–E-Eu amo quando Você me domina, Miranda.

–Você fica linda entregue a mim, menina. Agora vai para sua sala. Antes se limpe Sweet.

Após se limpar no banheiro do escritório de Miranda, Andy, segue caminho para sua sala toda sorridente com suas pernas tremulas depois de três orgasmos intensos seguidos.

**

**

Alguns dias depois...

Os dias seguintes foram calmos, uma calmaria do qual Miranda e nem Andrea estão acostumadas. O aniversário de Henry chegou e com essa data uma linda festa muito simples organizada por Nigel e Andy. O tema da festa foi pirata um pedido do pequeno Priestly que deixou Miranda de cabelos em pé. De presente de aniversário Henry pediu uma bicicleta, o que Miranda foi prontamente contra com medo de seu pequeno cair se machucando quebrando um dente ou até mesmo um braço.

Caroline e Cassidy voltaram apenas para o aniversário do irmão caçula.

Caroline está com os cabelos ruivos mais longos o que a deixa mais responsável.  Está no primeiro semestre de sua faculdade de Administração, o orgulho de Miranda e Andy.

Cassidy está com seus cabelos menores, o que a deixa com um ar mais sério, começou sua tão sonhada faculdade de advocacia. Para a surpresa de Miranda veio acompanhada de seu namorado Liam um jovem muito tímido, o que não deixou Miranda em nada feliz com a noticia de sua Bobbsey’s estar namorando.

–Tudo bem, Miranda? –Pergunta Andy se aproximando de Miranda onde toca seu braço delicadamente sentindo a pele quente e macia.

 –Ela está namorando, An-dre-ah.

–Você devia estar preparada, meu amor.

 –Eu não estou preparada para ser Vovó, Sweet.

–Não sofra antes do tempo, tenho certeza que nenhuma das duas pensa em ter filhos nesse exato momento.

–E se um dia acontecer?

–Você será a Vovó mais coruja de toda Nova York. Ele é um bom rapaz e ama Cassy, olha como os dois se olham. E Caroline me prometeu de dedinho ficar de olho na irmã.

–Eu nunca pensei que minhas Bobbsey’s fossem namorar.

–Deveria ter pensado meu amor. Olha como o Henry está feliz. Ele não sai de perto da Emma... Em breve será o nosso menino, Miranda.

–Eu preciso de uma dose forte de Uísque, An-dre-ah.

–Deixa de ser boba. Você precisa de nada.

Miranda olha para Andy beijando seus lábios em um beijo cheio de amor e carinho.

–Obrigada, por ser o melhor de mim, An-dre-ah Sachs.

–Eu que agradeço por tudo, Miranda. Você também é o melhor de mim, meu amor. Quero e vamos viver muitos momentos juntas, apenas nos duas como um casal. Não é o fim, é o começo de um novo recomeço. Enquanto estivermos viva sempre estaremos vivendo um dia após o outro. Olha a nossa volta Miranda, essas pessoas que estão aqui ama nós duas e desejam nossa felicidade.

Andy olha para seus pais que estão sorridentes olhando para Emma e Henry que correm.

Nigel e Doug estão olham para Thomas e Ethan.

Eva está em uma conversa agradável com Lilly.

Caroline, Cassidy e Liam comem os brigadeiros da mesa de doces.

Henry brinca com Emma, o pequeno é apenas sorrisos.

Andy abraça o corpo quente de Miranda inalando o doce aroma amadeirado que tanto ama. 

–Tudo parece um sonho do qual não quero acordar, An-dre-ah.

–Então, somos duas meu amor.

Lentamente Miranda beija os lábios de Andy que sorri.

–Gosto que faça isso, Miranda.

–O que?

–Que me beije sem ter medo das pessoas verem ou nos julgar.

–Deixa de ser tola menina. Eu sou Miranda Priestly .

–Eu te amo, Miranda.

–Eu te amo, An-dre-ah.

Ambas deram as mãos olhando para todos sorridentes.  A felicidade entre Miranda e Andrea, é nítida assim como seus sorrisos e os olhos brilhantes.

**

**

Os dias foram se passando assim como os meses seguintes.

Tudo era uma calmaria que chega assustar Miranda. Nunca mais ouviu falar de Stephen e para sua surpresa nem mesmo o nome do cozinheiro o que era um alivio, a última vez que soube de Nate descobriu que havia voltado para Ohio e depois desse dia nunca mais ouviu falar de Nathaniel Seltzer.

Cassidy se casou com Liam, onde foi realizada uma simples cerimônia. Algo que Miranda foi contra e depois de muita conversar com sua Bobbseys aceitou com a ameaça se Liam fizer sua babby chorar vai lhe deixar sem nada por todo o universo. Uma ameaça que deixou o jovem advogado assustado com a fama da sogra ser o Diabo Veste Prada.

Caroline, se casou no mesmo dia que Cassidy e Liam. Algo que foi uma grande surpresa para Miranda e Andrea. Sua Bobbseys namorou seis meses com John e já se casou com o administrador alegando que a vida é muito curta para ficar namorando e perdendo tempo com acontecimentos clichês como noivado.

Ambas as gêmeas Priestly seguiram seus caminhos, ambas muito bem casadas morando em Paris.

Emilly e Jocelyn, aumentaram a família um pedido da pequena Emma que pediu uma irmãzinha para lhe fazer companhia.  A pequena Ashley uma babby com dois aninhos ruivas dos olhos verdes como Jocelyn foi adotada trazendo muito amor, carinho e sorrisos para as duas mulheres.

Nigel e Doug, também aumentaram a família adotando a pequena princesinha Abbie,uma bebê com três meses de vida.

Eva e Lilly, estão em uma amizade colorida. Sem compromisso de ambas as partes, apenas vivendo o momento e nada mais.

Elizabeth e Richard, mudaram para a Mansão Priestly, um pedido de Harry.

Meryl e Irv, se casaram. Ambos adotaram a pequena Megan com cinco aninhos.

Jacqueline Follet, se mudou para Miami, sendo a presidente de uma nova revista da Runway.

Miranda e Andrea são apenas felicidades. Ambas estão a cada dia mais apaixonadas. Depois de tudo o que passaram Miranda retirou umas férias da Runway viajando com Andrea para a cidade luz. Onde ficaram hospedadas luxuoso Plaza Athénée.  Como todos os casais de apaixonadas saíram por Paris conhecendo os mais belos pontos turísticos da cidade do amor, parando em frente  Place de la Concorde,  a maior praça da cidade, fácil de reconhecer pelo obelisco trazido do Egito e pela fonte . Andy olha concentrada para a ponto com seus olhos brilhantes.

–Eu não quero acordar desse sonho, Miranda.  

–Eu amo Paris. –A voz de Miranda é doce e amorosa, sua mão passa pelas costas de Andy sentindo o tecido de seu vestido preto que reveste seu corpo.

–Promete me amar por toda a vida, Senhora Priestly?

–Até meus últimos dias de vida, An-dre-ah.

Miranda segura na mão de Andy olhando para a fonte em seguida para a praça.

 –Vamos andar pela Avenue Montaigne, onde faremos compras pelas lojas de grifes em seguida jantaremos no L’Avenue com direito a um bom vinho e terminaremos nossa noite olhando Paris da Torre Eiffel.
Os lábios de Andy se abrem em um imenso sorriso aquecendo o coração de Miranda Priestly.

–Pensou em tudo, meu amor?

–Sempre, Sweet.
Miranda segura na mão de Andy seguindo caminho para o carro que as espera indo em direção a Avenue Montaigne.
Ambas dentro do carro olham para as luzes da cidade do amor, Andy fica maravilhada vendo as luzes da cidade pela janela do carro. Elas passam pelo Ópera Garnier, pela estátua de Joana D’Arc pertinho do Louvre seguindo caminho para Avenue Montaigne. Dentro do carro Miranda segura na mão de Andy olhando no fundo dos seus olhos negros. 

–Você é o  melhor de mim, An-dre-ah. Obrigada, por tudo Sweet.

–Você é o melhor de mim, Miranda. Obrigada, por me amar meu amor.
Com todo o carinho e amor, Miranda, se aproxima beijando os lábios doce de Andy que fecha seus olhos sentindo os lábios de sua esposa.

–Não é o fim, An-dre-ah...

–É o começo de um novo começo, Miranda.
Ambas se afastam voltando a olhar para a janela do carro olhando para as luzes que encanta os olhos deixando o coração saltitante assim como as mãos tremulas.
 

 


Notas Finais


Estou com a sensação de dever alcançado.
É muito gratificante começar e terminar uma fanfic, não tenho palavras para agradecer a Deus por me dar essa grande oportunidade de dar vida aos meus pensamentos e agradecer a Vocês meus leitores por ler, “Você é o melhor de mim”.
Obrigada a todos.
Mil vezes obrigada por tudo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...