1. Spirit Fanfics >
  2. Você é o meu melhor presente (Beuany) >
  3. "Senti sua falta"

História Você é o meu melhor presente (Beuany) - Capítulo 21


Escrita por:


Capítulo 21 - "Senti sua falta"


POV Any

Estou dormindo quando escuto meu celular tocar alto, o procuro com a mão e os olhos fechados. Era a Raíssa

Chamada on

- Alô - digo com uma voz sonolenta

Raíssa: Ai amiga foi mal eu esqueço que o fuso é diferente.

- Tudo bem, também não tá tão cedo assim.

Raíssa: Eu liguei só pra perguntar se ta tudo bem - me sento empolgada na cama ao lembrar de ontem.

- Tá tudo ótimo, eu fiz as pazes com o Josh.

Raíssa: Ahh finalmente em, como é que foi.

- Eu fui a rainha do baile... - Ela me interrompe

Raíssa: Mentira?

- Calma deixar eu terminar - Ela fica em silêncio e eu conto tudo.

Raíssa: Eu tô chocada, parece até cena de filme.

- Pareceu mesmo - me levanto e vou em direção ao banheiro - Rai vc tem alguma notícia da minha mãe? Ela não me liga desde sexta.

Raíssa: Não, ela não me avisou nada, fica tranquila ela só deve ter esquecido.

- Deve ser.

Raíssa: Amiga eu tenho que desligar, minha mãe me chamou pra almoçar, beijo

- Beijo

Chamada off


Realmente fiquei preocupada agora, minha mãe não me liga desde sexta, e nem a Raíssa sabe dela.

Faço minhas higienes pessoais e desço pra tomar café, na mesa estão: Sofya, Úrsula e Fernando.

Úrsula: Bom dia Any.

- Bom dia.

Sofya: Acordou cedo em.

- Uma amiga me ligou - digo e sento na mesa, tomo café da manhã.

Úrsula: Vamos Sofya!

Sofya: Vamos sim eu só vou lá pegar a minha bolsa.

- Onde vcs vão?

Úrsula: Um almoço na casa do meu irmão, quer ir?

- Não, tá tudo bem.

Úrsula: Então tá, vamos logo Sofya - Ela desce apreçada e me dá um beijo na bochecha.

E agora eu estou sozinha nessa casa sem nada pra fazer.

Josh: Eles já foram?

- Que susto! - digo colocando a mão no peito - foram, a propósito porque não foi com eles.

Josh: Detesto ir pra casa do meu tio - desce das escadas - Bom dia - vem até o sofá e me dá um selinho.

- Bom dia - senta do meu lado e pega o controle da minha mão - me devolve Josh.

Josh: Não - diz esticando a controle pra cima - vamos ver - passa alguns canais e para em um canal para maior de 18 - esse.

- Eu não vou ver filme de putaria, me dá isso.

Josh: Vem pegar - ele se levanta do sofá e core pela sala, e eu me levanto correndo atrás dele, o mesmo sobe correndo a escada e quando vou subir tropeço e bato a cabeça do corrimão - ANY! - ele vê que eu cai e desce desesperado.

- Calma tá tudo bem - digo com a mão na cabeça.

Josh: Não, não tá, sua testa ta sangrando vem aqui - ele me levanta e vamos até a cozinha - senta aí - me sento em uma das cadeiras e ele entra na dispensa, e sai com uma caixa do primeiro socorros.

Ele cuida do meu machucado na testa e eu fico o olhando.

POV Josh

Any: Onde foi que vc aprendeu a ser médico em? - em Rio de canto com seu comentário.

- Eu não aprendi, mas tô quase virando, já é a segunda vez que vc se machuca e eu ciudo, vou virar seu médico particular desse jeito - Ela ri.

Any: Eu quero um médico particular lindo desse jeito - ela diz com um sorriso malicioso no rosto.

- Mas eu não posso ter uma paciente tão gostosa assim - Ela fica confusa - senão eu vou querer levar ela pra cama todo dia.

Any: Talvez a paciente não se incomode - diz dando beijos no meu pescoço.

- Não faz assim Any!

Any: Assim como? - se faz de desentendida, ela desce do banco e me prensa contra a parede - assim? - ela aperta o meu membro por cima da calça.

- Any para com isso.

                       🔥🔥🔥🔥🔥🔥
Any: quer mesmo que eu pare? - diz entre um selinho e outro. Eu nego com a cabeça a puxando para um beijo, era um beijo sem um pingo de malícia, era saudade, era desejo.

A pego no colo e subo pro meu quarto, ela não me dá tempo de fazer nada, já me beija e me prensa contra a parede.

- Tá apressada vc em?

Any: Querido eu to um mês na seca, qualquer mulher ficaria - Eu tiro sua camisola a deixando cair no chão e liberando uma das vistas mais lindas que eu já vi: O corpo de Any Gabrielly.

Vou a beijando no pescoço, foi ali que eu tive uma ideia: Vou provocar ela. Fui empurrando até a cama e tirei sua lingerie.

Do pescoço fui descendo e lambendo seu corpo todo até chegar na virilia onde eu lambi, chupei, mas não fiz nada sua intimidade.

POV Any

Ele quer brincar? Então vamos brincar.

Então começo a provoca-lo também, com um só movimento mudo as posições ficando por cima dele começo a tirar sua blusa e assim tambem depositando beijos pelo seu corpo, do seu pescoço percorrendo até seu membro que está totalmente ereto, mas não fico e volto a beijar sua boca o provocando. Ele me pega pela cintura e se levanta em um movimento rápido me prensando contra a parede, me dá um beijo e sussurra no meu ouvido

Josh: Vc quer brincar Gabrielly? Então vamos brincar - ele começa a passar seu membro na minha intimidade sem me penetrar, eu já não aguentava mais, sem querer um gemido involuntário sai da minha boca - já tá excitada Any? - sim vc não não imagina o quanto.

Eu assinto ele ri e me joga na cama de novo.

Josh: Me diz o que vc quer - ele sussurra no meu ouvido com uma voz sexy demais que me faz arrepiar, é incrível o poder que ele tem sobre mim.

- Eu quero senti-r v-você dentro de mim.

Josh: Seu pedido é uma ordem - e enfim ele me penetra, começa com os movimentos devagar e vai acelerando.

- Mais ra-rápido - ele me obedece e chega em uma velocidade que eu nunca imaginei que existisse, logo chegamos no ápice juntos.
                      🔥🔥🔥🔥🔥🔥

Josh: Vc perdeu.

- A gente vai ver na próxima.

Josh: Eu senti sua falta.

- Eu também.

Josh: PUTA QUE PARIU!! A CAMISINHA

- CARALHO A GENTE ESQUECEU


Continua...


Notas Finais


E agora?

Deixe a sua opinião sobre esse capítulo aqui nos comentários 👇
Amo vcs💖

Até segunda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...