História Você não é tão mal assim... - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias League Of Legends
Personagens Lulu, Veigar
Visualizações 33
Palavras 922
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Harem, Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Então... Tenham uma boa leitura, a titia Squid aqui fica feliz por vocês que se interessaram na história e espero que gostem bastante dela!

Boa leitura 🐙🐙🐙

Capítulo 1 - Pique-esconde


Era mais um dia monótono em Bandle City, apesar de ser um final de semana e vários Yordles estarem de folga do trabalho, a cidade continuava calma e organizada. Um pouco afastado da cidade, próximo aos campos floridos um grupo de quatro Yordles brincavam pelas redondezas, mais especificadamente esses amigos eram: Tristana, Rumble, Teemo e Lulu. Todos eles brincavam de pique-esconde embora Teemo sempre ganhasse todos por causa de sua habilidade escoteira, eles se divertiam bastante brincando daquilo, mas hoje uma Yordle estava determinada em derrotar o rei do pique-esconde (Teemo). 

- Você vai ver só Teemo! Hoje eu vou ganhar de você. - Falava Lulu dando pulinhos. 

- Só acredito vendo. - Diz Teemo rindo da situação. 

E então eles fizeram um jogo para decidir quem começaria contando e o escolhido foi Rumble, ele teria que contar até cem. 

- Vou começar, se escondam! - Rumble se preparou fechando os olhos e apoiando a cabeça em uma árvore. - Um! Dois! Três... 

Todos saíram correndo cada um para um lado, Teemo foi para a moita mais próxima usando sua invisibilidade, Tristana saltou subindo em cima dos telhados da casa se camuflando. Lulu sempre ficava sem lugar para se esconder, até porque sua magia não conseguia ajudar ela a se esconder, diferente dos outros. Desta vez ela tinha uma carta na manga, por mais assustador que pudesse ser ela iria ganhar de Teemo estava determinada à isso, ela entrou na floresta Yordle, o porquê dela sentir medo?

Em Bandle City, há boatos de que bem longe na floresta próxima têm um ser monstruoso que uma vez já fora uma Yordle fofo e alegre como os outros, mas ele foi dominado por magia negra e vontade de ter poderes ser o mais forte do mundo se tornando impiedoso e cruel, sendo capaz de matar qualquer um que entrar no caminho. Dizem que quem entra nela, nunca mais volta para contar. 

Lulu tem bastante medo desse boato, mas como realmente queria vencer teria de entrar em uma local em que ninguém teria coragem, e sua único opção era lá. Tremendo de medo, mas entrou, correu bem para o meio dela até parar de ouvir a voz de Rumble. 

- Esse lugar é assustador... - Dizia olhando para os lados. 

De repente, ouve-se um barulho, Lulu pega seu pequeno cetro de madeira e Pix entra para dentro de seu chapéu também com medo. Lobos aparecem na frente Lulu, saindo do matagal com seus olhos vermelhos sedentos em sangue, Lulu recua devagar, mas sem querer acaba pisando em um galho de árvore fazendo ele se quebrar e fazer um barulho não muito alto, mas o suficiente para os lobos ouvirem e irem para cima dela. 

Lulu saiu correndo para o lado oposto dos lobos e eles foram atrás dela, ela subiu em seu cetro e usou sua velocidade indo um pouco mais rápido que os lobos, mas não durou por muito tempo, a velocidade logo se esgotou, ela acabou tentando correr mais rápido, só que não viu o cipó na sua frente caindo de costas em uma árvore, machucando-se. Os lobos foram se aproximando e ela usou seu lança porpurina, ferindo a patinha de um que estava se aproximando, o que o fez rosnar e os outros ficarem ainda mais zangados. 

Quando um dos lobos foram para cima dela, pode-se ouvir uma risada maligna e macabra vindo atrás dos lobos, e eles foram acertados por uma magia sombria que caiu dos céus fazendo eles fugirem em disparada para mais fundo na floresta. O ser se aproximou de Lulu e ela não tinha dúvidas de quem era, sua aparência era igual haviam descrito em Bandle. 

O ser do mal era um Yordle de pelos pretos e olhos amarelos profundos e impiedosos, ele usava um traje azul junto com um enorme chapéu da mesma cor, tinha um cetro pequeno de onde saía a maioria de sua magia e ele tinha uma risada maligna. 

Lulu se arrepiou inteirinha quando o viu se aproximando, ela se encolheu dolorida e fechou os olhos com medo, ela tremia bastante e apertava seu cetro com força, quando o Yordle foi encostar nela, Lulu logo imploro. 

- Por favor... Não me machuque! - Implora surpreendendo o Yordle. 

- Por que eu te machucaria? Acabei de te salvar. - Ele pergunta erguendo o cenho. 

- É que... Todos na cidade dizem que você é cruel e mata qualquer coisa que vê pela frente. 

- Francamente... Essas pessoas não se cansam de inventar boatos ridículos? - Pergunta irritado elevando a voz, fazendo Lulu se encolher mais. 

O Yordle acabou percebendo o desconforto e desespero de Lulu, e se aproximou dela cuidadosamente para evitar assusta-la novamente. 

- Eu me chamo Veigar e não vou te machucar. - Diz tentando se aproximar ainda mais. 

- Promete? - Lulu pergunta abrindo os olhos. 

- Prometo. - Diz suspirando. 

- Então eu acredito! - Ela sorri. 

- Agora... - Ele olha ela toda suja. - Posso cuidar de você? - Lulu assente. 

Veigar se virou ficando de costas para ela e se agaxou ficando um pouco mais baixo do que já era, Lulu lhe olhou curiosa ainda sentada. 

- Venha. - Ordenou. - Vou te levar até minha casa para cuidar dos seus machucados. 

- Certo. - Ela concorda. 

Veigar esperou pacientemente ela subir, demorou um pouco e ela resmungava de dor a cada passo que deu para chegar até suas costas, mas conseguiu. Assim que se sentou sobre ele, Veigar segurou suas pernas e se levantou levando-a para sua casa. 





Notas Finais


Bo! Até o próximo capítulo. 🐙🐙🐙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...