História Você Não Lembra ? ( Michaeng ) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, Jihyo, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Personagens Originais, Sana, Tzuyu
Tags Chaeyoung, Michaeng, Mina, Myoui Mina, Son Chaeyoung, Twice
Visualizações 119
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Comédia, Escolar, Romance e Novela, Shoujo-Ai, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hellou pessoas

Tubo baum ?

Obrigado pelos 20 favs

Capítulo 3 - Chapter Two




Depois do meu engano na biblioteca, eu e Mina fomos até uma cafeteria que quase fechando.

— O que você quer ? — pergunto após pedir café e biscoitos. 

— Eu não lembro do que eu gosto — ela diz meio nervosa — Talvez esse capuccino.

— Okay — o moço diz estranhando ela não lembrar do que gosta — Eles estão saindo em poucos minutos.

— Obrigado — eu e Mina falamos em uníssono.

— Momo é sempre assim, Chaeyoung ? — Mina pergunta brincando com os dedos.

— Sim. Na verdade, ela é bem pior. Somente sabe a hora certa de fazer.

— Entendi — ela diz — Pode me contar mais sobre eles ? Ou até mesmo eu ?

Isso vai ser difícil. Mina e os outros têm péssimas imagens na escola e, infelizmente, eu só sei o que as imagens dizem.

— Okay. Não me leve a mal mas eu só vou falar o que todos pensam dele e pensavam de você — respiro fundo — Momo é egoísta e adora brincar com os sentimentos dos outros. Sana somente tem carinha de anjo mas de anjo não tem nada. Yuta é só mais um cara normal que precisa de um grupinho para sobreviver; e você é uma mistura de todos eles. 

Ela me olhou assustada e estava com os olhos marejados. 

— Você disse que eu sou, e não que eu era ! — ela diz — "e você é somente uma mistura de todos eles" — repete o que eu disse — Chaeyoung, não me compare mais a eles ! Eu não sou assim, eu não sou daquele jeito.

Ela estava para chorar. Aquilo foi muito pesado ? Eu devia ter tomado cuidado ? 

— Desculpa, Mina — Digo meio nervosa.

— Não sei por que eu estou com raiva disso — Mina diz estranhando a si própria — Eu era de me irritar fácil ? 

— Não sei. Como eu disse, não era próxima de você, apenas sabia de coisas que toda a escola sabia — Digo. 

— Entendi — Ela diz — Chaeyoung, você acha que se eu falar com alguém que me conheça, eles irão me ajudar a lembrar ou algo do tipo ?

— Quem lhe conhece são más influências, mas, se é isso que quer pode ir — Digo tomando um gole do meu café que tinha acabado de chegar. 

— Eu quero muito lembrar, Chaeyoung — ela diz — Por favor, deixe !

Ela estava pedindo minha permissão para falar com pessoas que conhecem ela. Por que ? 

— Mina, você pode fazer o que quiser. Só estou lhe dizendo para tomar cuidado com quem anda. Não é todos que tem uma chance de recomeçar — falei besteira.

— Acha que eu tive sorte ?! Sério ? Como você-

— Eu não quis dizer isso-

— Mas disse — estamos cortando uma a outra — Se você acha que eu tenho sorte de estar nessa posição, sofra um acidente e esqueça sua personalidade, pessoas que ama, até mesmo seus pais. Até mais Chaeyoung — ela se levanta e sai.

Eu falei tanta besteira assim ? Sim ou claro ? 

— Espera !

Boto o dinheiro encima da mesa e a sigo.

Quando vejo, Mina estava jogada na calçada. O que aconteceu com ela ?

Vou até ela, coloco sua cabeça no meu ombro, dou um "abraço" de lado nela e vou até nosso dormitório na escola que não era longe da cafeteira.

________

— Acorda acorda — Digo ao colocá-la na minha cama — Por que agora !? 

— Calma Chaeyoung. Ela vai acordar ! Qualquer coisa a gente chama uma professora ou algo do tipo — Tzuyu diz.

Nessa hora eu devo ter olhado Tzuyu da pior forma possível. 

— Chaeyoung se você for matar a Tzuyu não suje minha cama — Dahyun diz.

— Nossa Dahyun ! Me protege Unnie ! — Tzuyu diz.

Antes que pudéssemos começar uma briga ali, Mina começa a resmungar coisas sem sentido nenhum e bota a mão na testa.

— Quer água benta ? — Tzuyu pergunta é sem querer eu acabo rindo. 

— Hm... Eu... Lembrei de algo — Mina diz baixo mas mesmo assim eu entendi.

— Do que você lembrou ? — Pergunto a olhando fixamente.

— Que eu, Sana e Momo estávamos andando pela rua e nos encontramos com você. Depois disso eu vi um branco e quando ele passou, eu te vi. Você estava jogada num beco, resmungando alguns palavrões e palavras sem sentido. 

Eu lembro desse dia. Vou tentar explicar melhor.

Eu estava indo esfriar a cabeça pois tinha brigado com Jeongyeon pela segunda vez por causa da brincadeira que fizemos com Mina. Enfim, Mina, Sana e Momo me agarraram e começaram a me bater dizendo coisas do tipo "não mexa com a J-line" ou "aprenda a brincar com as pessoas e com quem brinca". Isso provavelmente se trata da brincadeira.

— Nossa — Dahyun e Tzuyu murmuram, provavelmente lembraram do dia.

— Desculpa — Ela diz envergonhada por — Essa é a primeira lembrança que eu tenho é ela é assim. Credo. 

— Não se preocupa. Isso faz tempo.

Dois meses para ser exata...

— Okay — Ela diz — Eu vou para meu dormitório. Tchau Chaeyoung e...

— Dahyun e Tzuyu — Digo.

— Dahyun e Tzuyu — Ela repete — Até mais.

Foi estranho ? Sim. 

Mina e eu nunca tivemos uma boa relação. Sempre que nos encontravamos ela me batia junto a Momo e Sana que ficavam me segurando. Isso é leve para o que meu amigo Taeyong passou, mas, mesmo assim eu voltava arrasada para o dormitório; ligava para Jeongyeon e pedia para ela vir até o dormitório. Quando ela chegava começávamos a brigar e foi num dia desses que aquilo aconteceu.

— Chaeyoung, acho que você não devia ajuda-la — Dahyun diz — E se ela lembrar que te odeia ? 

— Eu já falei a ela — Digo — Ela sabe do que eu fiz. E aposto que depois do que ela lembrou não vai mais me odiar.

— Você que sabe — Tzuyu diz se jogando na cama — Vamos dormir.

Isso vai ser difícil. Se Mina só lembrar que fez maldades com todos, ela vai se achar uma pessoa péssima e provavelmente vai querer que eu diga se aquilo era verdade ou não, e eu vou ter que dar uma de tia.

Isso vai ser mais difícil do que eu pensei.


Notas Finais


Desculpa os erros

Baye pessoas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...