1. Spirit Fanfics >
  2. Você quer... jogar? - Showki (Hiatos) >
  3. Eu estou ferrado... De novo!

História Você quer... jogar? - Showki (Hiatos) - Capítulo 24


Escrita por:


Notas do Autor


Oi gente, consegui terminar mais um capítulo, uh? 💕

Capítulo 24 - Eu estou ferrado... De novo!


Fanfic / Fanfiction Você quer... jogar? - Showki (Hiatos) - Capítulo 24 - Eu estou ferrado... De novo!

Eu sou um idiota.

Prometi a mim mesmo que nunca mais iria a nenhum jogo esportivo e principalmente de basquete, mas adivinhem?

Não resisti a aqueles olhinhos de risquinhas implorando que eu fosse ver o jogo decisivo das finais... E aqui estou, com um pacote de salgadinho e um suco natural, procurando um lugar no fundo para me sentar...

Minhyuk diz que isso é meu karma, e se for, sim: o karma é uma vadia.

Suspirei pesado quando achei um lugar e me sentei em silêncio, esperando o jogo começar sem ânimo nenhum... A bandinha tocou, as líderes de torcida se mostraram como sempre e o mascote fez graça com os alunos sentados nas primeiras fileiras... Havia esquecido como isso era tão idiota.

Anunciaram o começo da partida, os jogadores entraram correndo e acenando para todo mundo (principalmente para as meninas), e não vou negar, me levantei levemente procurando Hyunwoo... E ele, sendo um dos últimos a entrar junto com seu amigo Hoseok, seus olhos foram direto nas arquibancadas de cima, ignorando todas as líderes de torcida e as alunas que gritavam para eles. Quando acenei e nossos olhos se encontraram, um sorriso enorme escapou de seus lábios e ele deu um aceno animado de volta, contente, fazendo minhas bochechas esquentarem e abaixei a cabeça, envergonhado.

- Hm... Você é o Kihyun do terceiro ano? – Uma voz soa baixa e eu olho assustado para garoto alto e cabelos levemente enrolados nas pontas, assentindo fraco.

- S-sim... Por quê? – Murmuro baixo de volta e ele sorri sem graça.

- Posso me sentar do seu lado?... – Perguntou sem graça e o olhei sem entender... Ok, estranho, mas ele parecia tão desconfortável quanto eu.

- Pode... – Murmuro ainda o encarando sentar e ele estica a mão, educado.

- Eu sou Hyungwon, do segundo ano...

- Oh, prazer te em conhecer, Hyungwon. – Respondi também educado apertando sua mão.

- Desculpa se isso é estranho. – Riu parecendo desconfortável. – É que Hoseok me pediu para vê-lo jogar, mas eu tenho medo dos garotos ali debaixo e... – Coçou os cabelos. – Hyunwoo disse que se você viesse, eu poderia ficar contigo...

- Aish, você conhece o Hyunwoo. – Disse agora um pouco mais aliviado e ele riu baixinho, me fazendo acompanha-lo nas risadas. – Menos mal, eu te entendo... Pode ficar a vontade. – Sorri fraco e pela primeira vez, vi o sorriso envergonhado do garoto, que me lembrava até aqueles sapinhos fofos de desenho animado.

- Obrigado. – Fez uma leve reverência e o jogo começou, nos fazendo prestar atenção... Mas eu pelo menos, só tinha olhos para Hyunwoo jogando, e um sentimento totalmente diferente de quando assistia meu irmão me veio, me fazendo suspirar... Abri o salgadinho e olhei rapidamente o garoto do meu lado, que tinha uma cara confusa estampada ao encarar a quadra.

- Está tudo bem? – Pergunto rindo e ele se assustou, me fazendo rir mais por achar sua reação engraçada. Ofereci o pacote e ele pegou um pouco, assentindo fraco.

- Eu não estou entendendo nada desse jogo. – Confessou e riu comigo. – Obrigado hyung.

- Não está perdendo nada, vai por mim. – Digo sincero e ele assente, então o encarei. – E não precisa me chamar de hyung, temos a mesma idade. – Murmurei sabendo de sua reação seguinte e ele voltou a me olhar confuso mas logo resmungou, assentindo.

- Então é verdade? – Perguntou parecendo estar curioso. – Você pulou um ano?

Suspirei pesado e apenas assenti, voltando a olhar para a quadra evitando contato visual com o garoto... Mas então, sua voz em um tom levemente animado me surpreendeu:

- Cara, que legal! Você vai terminar esse inferno mais rápido!

O encarei surpreso e ele pareceu não entender, o que o fez rir levemente da minha cara... Mas ele não me julgou igual os outros.

- É... – Murmurei e acabei sorrindo com sua demonstração. – Ainda bem.

- Sortudo. – Resmungou divertido e senti um leve empurrão em meu ombro, o que me fez rir divertido e devolver o mesmo também brincando, oferecendo mais salgadinho em seguida... Nem todo mundo desse colégio é má pessoa... Certo?

Hyunwoo é boa pessoa e tem Hoseok como melhor amigo, que também parece ser uma boa pessoa... Até porque ele que me ajudou naquele dia... E Hyungwon é...

- Ei. – Interrompo meus pensamentos encarando o garoto. – Você é o que do Hoseok?

Hyungwon arregalou os olhos e suas bocheches ficaram vermelhas, parecendo agora que o mesmo tentava se esconder debaixo dos seus cabelos levemente grandes...

- Eu e o Hoseok somos... A-amigos... – Sua voz saiu trêmula o que me fez encara-lo confuso... Mas logo dei os ombros e voltei a olhar para a quadra.

- Oh, ok.

Senti seu olhar sobre mim agora ele parecia mais aliviado... Então respirou fundo e perguntou:

- E você e Hyunwoo são do mesmo dormitório, não são?

- Sim. – Disse sem muita importância e ouvi sua risada baixa.

- Ele gosta de você. – Disse simples e agora, eu que me engasguei com o suco. Sentindo pequenos tapas nas minhas costas enquanto tossia e ouvi seu riso fraco. – Você não sabia? Ai meu deus, me desculpe! – Exclamou risonho e o encarei.

- E-eu sabia! Mas você me diz assim, do nada?! Eu não esperava.

Sua risada tímida invadiu meus ouvidos novamente e ele assentiu rapidamente.

- Ok, ok. Foi um pouco aleatório mas eu precisava te dizer... – Disse calmo, se ajeitando no banco que estava sentado e eu apenas o observei, tentando encontrar nexo em suas palavras.

- Porquê precisava dizer? – No fim perguntei curioso e Hyungwon soltou um suspiro pesado...

- Porquê talvez, ele se sinta inseguro. – Sua voz saiu baixa e eu arregalei os olhos, ainda o encarando confuso.

- Inseguro?... – Sussurrei e ele assentiu fraco.

- Aish... Ele não sente que é o suficiente pra você Kihyun! Isso é tudo que eu posso dizer. - Resmungou suspirando e se afundou na cadeira, me fazendo suspirar pesado também e acabei fazendo o mesmo que ele...

Hyunwoo... Se sente insuficiente por minha causa? Mas... eu o acho perfeito. Um garoto amável, dócil, engraçado e totalmente atencioso... Será que eu disse algo de errado? Algo que eu tenha o magoado? Aish... Se for alguma coisa relacionado a lição eu juro que me mato, algumas coisas eu digo sem pensar, será que eu o chamei de burro alguma vez e não percebi? Eu chamo o Minhyuk, será que deixei escapar com ele? E se...

Espera.

Hyunwoo se sente insuficiente por minha causa... Ou insuficiente para mim?...

Um choramingo alto escapa de meus lábios e acabo cobrindo meu rosto, ouvindo a baixa risada do meu novo amigo em meu lado, suspirando pesado.

Eu estou ferrado... De novo!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...