História Vou Catucar seu Boga (Jikook) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Baile De Funk, Favela, Fluxo, Funk, Jikook, Jimin Bottom, Jungkook Top, Minkook, Quebrada, Rabetão, Vou Catucar Seu Boga
Visualizações 435
Palavras 2.467
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi gente
Tudo bem

Titulo engraçado esse né? Então eu apostei com os meus amigos que iria fazer uma fic sobre esse funk, entao aqui estou kkkk

Espero que essa fic seja muoto engraçada pra voces igual foi pra mim!

Espero que gostem
Boa leitura :3

Capítulo 1 - Capítulo unico


P.o.v - Jungkook

Caralho novinho! to numa seca extrema, ninguem que ficar comigo, acho que é por que eu tenho fama de galinha aqui na quebrada. O Pior que não tem nenhuma carne fresca na área... aish!...

ㅡTenho que dar um jeito nessa merda!ㅡ digo coçando a cabeça.

Pego minha moto e vou ate a casa do taehyung, chego na frente do local e o vejo sentando na frente da casa de pernas abertas escutando um audio no WhatsApp e sorrindo safado. Chego perto do mesmo e me sento ao seu lado.

ㅡé ai Taehyung? o que ta rolando? ㅡ digo olhando de relance no seu celular.

ㅡNao é nada só um carinha que conheci ontem e hoje nos "vamo" nós ver!ㅡ fala digitando algo depois desligando o parelho.

ㅡQue bom pra você parça! ja eu to na seca e não pego ninguem vai fazer um mês!ㅡ suspiro.

ㅡPor que você não vai pro baile funk? no fluxo tem muita gente querendo... se sabe.

ㅡEu sei, mas to com nome manchado na quebrada, ninguem vai querer dar pra mim por causa da minha fama de galinha.

ㅡVerdade!... "ce" tem que achar algum carinha que seja novo na área!

ㅡVerdade, mas não fiquei sabendo de ninguém que veio morar na quebrada mano!ㅡ digo.

ㅡEu sei que tem um família que se mudou pra cá hoje! sei que eles tem um filho... você nao quer ir pra ver como o carinha é? ㅡ ele pergunta me dando um cutucando com o cutuvelo.

ㅡNão sei... que saber, vamos la! não tenho nada a perder mesmo!ㅡ digo mudando de ideia.

ㅡIsso mesmo! agora vamos!ㅡ ele fala se levantado da calçada e indo ate a minha moto.

levanto depois do mesmo e volto para minha moto, subo encima da mesma e o taehyung sobe na garuba. Ligo a bonita e começo a se locomover pela favela. Taehyung vai me guiando ate a casa do tal garoto novo e quando chegamos vejo que a História que ele contava era verídica. Estaciono a moto um pouco afastando e vejo um familia levando umas caixar grande para dentro de uma casa no alto de uma escadaria. 

ㅡÉ aquela família ali brother! ㅡ ele fala apontando.

Ficamos observando as pessoas carregando caixas, entrando e saindo da casa. Fico mais feliz quando vejo um garoto ruivo com uma grande bunda sai da casa.

ㅡCaralho Jungkook! Olha o Rabetão daquele garoto?ㅡ taehyung exclama de boca aberta.

ㅡTo vendo Tae, O Pivete em um bumbum de ouro!

ㅡDa ate vontande de fude-lo...

ㅡTira o olho rapa! Você ja tem um ficante! deixa esse pra mim! 

ㅡOkay, eu vou ali no bar beber um pouco e ja voltou!

ㅡOk!ㅡ Confimo sem tirar meus olhos do garoto ruivo subindo e descendo as escadas com aquelas caixa. mas o que mais me chamava atenção era o seu Shot jeans que ficava colado em sua bunda linda.

Vejo que ainda tinha muitas caixas pra serem carregadas, então eu pensei: "por que não ajudar essa pobre familia a levar as caixas pra dentro?" seria solidario con os novo noradores da quebrada.

Como meu oculos de sol espelhado na minha cabeça e caminho como se não quere-se nada ate o carro da mudança.

ㅡBom dia galera!ㅡ digo.

ㅡAh! oi tudo bom?ㅡ uma senhora perguntou.

ㅡSim senhora!... ehh.. Vocês querem uma maozinha pra levar aa caixar pra dentro?ㅡ pergunto.

ㅡSeria otimo filho!ㅡ ela confimar e eu vejo o Garoto do bundao descendo as escadas e se juntando a nós, ele estava um pouco suado e com a luz do sol batendo em seu corpo deixava ele ainda mais sexy.

ㅡJimin... para de moleza e pega aquelas caixas maiores! temos que teminar isso ainda hoje!ㅡ a senhora esclama apontando para algumas caixas.

"O nome dele é Jimin? caralho meu ate o nome dele é bonito. Xonei"ㅡ penso.

ㅡMãe! não sou super man para ter tanta força assim, meus dedos são todos pequenos, não da pra carregar muitas coisas assim!

ㅡEu posso ajudar com as caixas mais pesadas!ㅡ digo.

ㅡQuem é você? ㅡele me pergunta.

ㅡMe chamo Jungkook! ㅡ respondo.

ㅡFilho esse rapaz se ofereceu para nós ajudar!ㅡ a senhora diz sorrindo.

ㅡAhh obrigado por querer nos ajuda!ㅡ ele fala me olhando.

ㅡDe nada! fico feliz em ajudar os novos moradores da quebrada!

ㅡQue bom então!ㅡ ele fala sorrindo.

nesse momento a senhora pega uma caixa e sobe a escadas entrando dentro da casa.

ㅡAgora que minha mãe saiu pode me dizer o seu real motivo por esta nos ajudando.

ㅡQue? eu so quero ajudar mesmo... ㅡ digo sem graça.

ㅡDuvido muito! um funkeiro bonito como você não vem ajudar qual quer um que chega na favela!ㅡ ele argumenta.

ㅡVocê me acha bonito jimin?ㅡ pergunto e vejo o mesmo ficar sem graça. Vou aceitar isso como sim.

ㅡNão mude de assunto! pode ir respondendo!ㅡ fala autoritário.

ㅡ tá... eu me rendo! eu queria da as boas vindas e convida você para o fluxo!ㅡ digo sorrindo.

ㅡhmmm... que horas é? ㅡ ele pergunta.

ㅡÉ lá pras 21h da noite!ㅡ digo.

ㅡAcho que não vai dar, é tarde de mais! minha mãe não vai deixar!

ㅡEu posso falar com a coroa!

ㅡNem tente! ela não vai deixar.ㅡ diz pessimista

ㅡTenho certeza que eu consigo!ㅡ digo confiante

ㅡEntao ta senhor convencido!ㅡ ele diz debochando.

o mesmo pega uma caixa e começa a subir a escada, fico so observando, quase babando, por aquele visão deliciosa. quando vejo ele entrar a senhora sua mãe, sai da recidencia e vem ate aonde eu estava.

ㅡSenhora!ㅡ chamo sua atenção.

ㅡdiga filho! 

ㅡ eu queria saber se a senhora deixa eu e o Jimin sair hoje a noite?

ㅡHoje? acho melhor não! temos muito o que fazer e vocês não se conhecem muito bem...

ㅡpor favor senhora, eu realmente gostei do seu filho! poderia deixar ele sair comigo so hoje! depois eu faço o que a senhora quiser! ate ajudo na arrumação da casa se quise!ㅡ digo.

ㅡHmmm... Ok, mas não traga ele muito tarde!

ㅡok! muito obrigado!ㅡ digo pegando uma caixa nas mãos.

Começo a subir a escadas ate entrar na casa e encontrar o jimin.

ㅡEu conseguir!ㅡ digo sorrindo.

ㅡNão acredito? como?ㅡ questino surpreso.

ㅡ sou bom de labia!ㅡ digo convencido.

ㅡahamm sei! mas que horas você vem me pegar! 

ㅡLa pelas 6h da noite!ㅡ digo e ele confima.

voltamos a carregar as cauxas ate coloca-las todas para dentro da recidencia, me despenso dos mesmo e saio do bairro e vou ate o bar aonde o taehyung esta quase entrando em uma briga. O motivo eu não sei ate agora. levei ele pra casa e entreguei ele para sua mãe que quase o espancou de tanto xingamento por beber de dia.

[...]

Ja estava de noite, estava em cama e arrumando pra gicar bem "xafoso" pro jimin. como um tênis da Nike branco, uma calça da Adidas, uma camisa e um casaco da Puma e um oculos de sol espelhado verde, pego meu relógio e minha correntes de outro e os colocos. agora eu estava bem xafoso, impossivel ele nao sei apaixonar.

me olho no meu espelho grande pela ultima vez e saio de casa. pego minha moto e vou correndo ate a casa do Jimin, logo vejo o mesmo sair com uma calça jeans vermelha, marcando sua bunda perfeitamente, ma camisa se cetim branca, e por incrivel que pareça tambem estava com uns botons da camisa abertos e com um pouco de maquiagem no rosto. estranho, porem gostei. Ele esta bem gostoso desse jeito.

ㅡCaralho... ㅡ digo olhando pro mesmo.

ㅡ o que foi? ta muito exagerado?ㅡ pergunta apreensivo.

ㅡnão é isso... é que você ta muito lindo!

ㅡSerio? valeu! Você tambem ta lindo!ㅡ ele diz se sentando na garuba da moto. segura em minha cintura e depositar seu pescoço em meu ombro.

saio voando e quando chegamos no fluxo escutamos os funks proibidos tocandos, as garotas sarrando a bunda no pau dos caras, todos estavam doidos para fuder hoje, e eu não iriamos ficar pra trás.

estaciono a moto e ando de mão dadas com o jimin para dentro do baile. quando chegamos em um ponto bom do baile, compro cerveja pra nós e começamos a festa.

ㅡSera que esses funkeiro podem cantar algo que eu consiga dançar?ㅡ jimin pergunta em meu ouvido.

ㅡVocê sabe dançar? ㅡ pergunto alto.

ㅡSim! mas eu tenho que gosta da musica!ㅡ ele diz sorrindo.

ㅡCaralho meu! eu pago pra ver isso!ㅡ digo rindo.

ㅡEntão pode começar a me dar dinheiro!ㅡ ele fala se afastando de mim!

o funk que estava tocando acaba e outro começa em seguida, e o funk que havia começado era logo "vou catucar seu boga", nesse momento so vejo jimin jogando o cabelo pra trás e começar a fazer twerk para dançar o funk.

ㅡ "É ai novinho posso pergunta seu nome?" ㅡ canto.

ㅡ "Prazer meu nome é jimin toma aqui meu telefone"ㅡ ele canta e vem dançando ate mim.

ㅡ "Eu so te chamei por que você tem um popo ta hora! so mais uma pergunta, "ce" ja tomou no boga?" ㅡ continuo e seguro a sua cintura.

ㅡ"Eu nunca tomei mais posso tomar agora!"ㅡ ele diz dançando muito perto de mik quase sarrando.

ㅡ"Vou catucar seu Boga!" ㅡ digo começando a descer minha mão para sua bunda.

ㅡ"Vem catucar meu Boga!"ㅡ canta sorrindo e começa a sarra sua bunda perto da minha virilha. 

ㅡ"Vou catucar seu Boga!"ㅡ digo entrando no ritmo do mesmo e começo a sarra no mesmo.

ㅡ"Vem catucar meu Boga!"ㅡ ele diz se virando pra mim e depositar um selinho em meus labios.

quando nossos labios de descolaram vejo seu lindo sorriso feliz.

ㅡVocê que sair daqui pra curtimos mais a noite?ㅡ pergunto arqueando a sobrancelha e sorrindo de lado.

ㅡeu adorariaㅡ ele diz sorridente.

pego pela sua mão e caminhamos para fora do baile funk, subo em minha moto e ele sobe na garuba, ligo o moto da Naked e saio voado em direção a minha casa.

chego na frente dela, ja estaciono rapido, jimin desce depois eu desço em seguida, caminho ate a porta e retiro a chave do meu bolso, abro a porta e abro passagem para o mesmo passar, depois que ele entra eu entro em seguida e ja fecho a porta atras de mim, agarro o mesmo por trás e escuto seu arfar. o viro e começo a beija-lo ferozmente, um beijo quente com bastante intensidade,  quando nos separamo retito minha camisa rapidamente, pego o mesmo no colo e o levo para o meu quarto, chego no local e ja o jogo na cama e subo encima de si e distribuo chupoes pelo seu pescoço.

ㅡEu fiquei sabendo da sua fama de galinha aqui na quebrada! e que você ja ficou com geral aqui. Vou logo avisando que eu não vou ser so mais um! ㅡ ele fala arfando com os meus beijos em seu pescoço.

ㅡnunca pensei em fazer você assim, você não vai ser mais um!ㅡ digo olhando em seus olhos.

ㅡComo posso acreditar em você?ㅡ ele questiona.

ㅡolha, eu nunca falei com a mãe de ninguém pra pedir pra sair comigo, você foi o unico...

ㅡHmm...

ㅡSe você ta desconfiado, vai ter que confiar em mim novinho!...ㅡ digo.

ㅡ... okay!ㅡ ele diz e eu sorrio largo.

Volto a beija o mesmo e ele estende um pouco o corpo e eu retiro sua ca misa com rapidez, deixo seu peito e vou descendo até sua calça jeans, abro o ponto e o ziper, quando retiro vejo um volume cosideravel em sua cueca vermelha. saio de cima do mesmo e retiro meu shot, vou ate a javeta e pego uma camisinha, fico ela nas mãos enquanto retiro a cueca vermelha do jimin vendo seu membro pular pra gora do tevido de pura excitação.

Sorrio de lado pfa o mesmo e abaixo minha cueca mostrando meu pau duro pro mesmo que ficou me encarando com desejo, subo novamente encima do mesmo e volto a beija-lo.

ㅡVocê é virgem?ㅡ pergunto.

ㅡN-não... ㅡ respondeu.

ㅡMas vai sentir como se fosse digo!ㅡ rindo cafajeste.

coloco a camisinha  perfeitamente em meu penis e me deito na cama, ele sobe encima de mim e começa a ralar meu membro entre suas nádegas, depois de um certo tempo eu ja iria penetra-Lo. Coloco somente a cabeça e escuto o sustiro do mesmo, vou colocando vagarosamente até eu esta por conpleto dentro do mesmo. Começo a me mover e escutar os gemidos e suspiros do mesmo, aquilo era musicas para os meus ouvidos.

Começo a acelerar os movimetos de vai e vem e vejo a cara que ele fazia para conter os gemidos altos, porem não conseguia. bato em sua bunda seguidas vezes e xingo o mesmo de palavras baixa por que percebia que ele gostava.

ㅡTa gostando jimin?ㅡ pergunto colocando tudo de uma vez dentro do mesmo.

ㅡS-sim... sim... ㅡ responde entre gemidos.

ㅡQue bom gostoso!... Como um garoto novato na quebrada pode ser tão gostoso?ㅡ pergunto não obtendo resposta alem de gemidos.

ㅡE como... Um galinha cafajete pode fuder tão bem?... ㅡ ele pergunta suspirando.

ㅡTambem não sei gostoso!ㅡ digo rindo leve.

Dou varias estocadas seguidas fazendo ele geme tremulo, em uma destas estocadas acerto sua prostata, provocando mais prazer no mesmo.

os movimentos estavam tão gostoso que ei não queria parar, Jimin estava calvagando encima do meu pau, ele ficava de olhos fechados e mordendo a boca, contendo o gemindos, sua pele suada o deixava mais sexy. Ele abriu os olhos e me olhou com desejo intenso.eke se inclina e cola nosso labios fixamente so soltamos quando o ar foi necessário.

ㅡJungkook....

ㅡFala gostoso...

ㅡEu vou gozar... 

ㅡentão vamos aproveitar ao maximo! goza pra mim, goza!ㅡ digo sorrindo de lado e o mesmo confirma múltiplas vezes. escuto seu gemido aumentando quando sinto o liquido do mesmo em meu peito. 

enquanto o mesmo se desmachava eu não parava as estocavas ate eu tambem gozar exclamanso seu nome.

quando o sexo acaba, jimin cai ao meu lado da cama, fica me olhando fixamente sorrindo.

ㅡGostou?ㅡ pergunto.

ㅡSim, eu amei!... ㅡ ele responde sorrindo.

ㅡQue bom, porque eu pretendo fazer isso muoto mais vezes!...ㅡ digo.

ㅡComo assim?...

ㅡahhh... estou cansado que as pessoas pensam que eu sou um zé droguinha, que fico com todo mundo sem pensar nos sentimentos deles!...

ㅡMas você não faz isso?

ㅡSim, mas eu quero mudar!...

ㅡQue bom jungkook! isso é o começo!

ㅡEu quero mudar com você em ao meu lado!

ㅡSerio?ㅡ perguntou

ㅡSim... eu quero conhecer você melhor! quero ter algo a mais com você, quem sabe namorar?...

ㅡVocê que namorar comigo?ㅡ questiona.

ㅡsim, se você quiser nos podemos nos conhecer primeiro...

ㅡeu adoraria!ㅡ ele fala me beijando.

ㅡDepois eu catuco seu boga!ㅡ digo rindo.

ㅡVocê ja catucou!ㅡ começamos a rir muito.

ㅡMas eu quero mais!...

ㅡOkay jungkook!ㅡ ele confirma sorridente.

[fim]


Notas Finais


Sigam: @ParkKyuki
Capa: @mentxs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...