1. Spirit Fanfics >
  2. Vulpis et luna (Settphel) >
  3. A cachoeira em ionia

História Vulpis et luna (Settphel) - Capítulo 19


Escrita por: Nooodless

Capítulo 19 - A cachoeira em ionia


Os meses e semanas se passaram lentamente, os ataques de Jhin se tornaram mais próximos e frequentes, Sett até mesmo mudou sua mãe de região ja que a mesma ja sabia da arena e ainda que fosse muito ágil e forte ele nao queria a colocar em risco, então Isis foi levada ate uma antiga região ioniana onde ela viveu quando criança, distante demais de tudo e todos.

Akira folheava livros e mais livros enquanto andava pela arena quando bateu em alguém, um homem alto loiro e dos olhos mais azuis que ela já viu.

ㅡ Me desculpe.ㅡ Disse fechando o livro o escondendo atras do corpo, talvez o homem se assustasse em ver alguém lendo tao atenta a algo sobre khada Jhin.ㅡ A arena esta fechada ate o fim dos ataques de Jhin os acompanharei ate a saida.

 O homem ao lado pigarreou e então Akira o notou arfando, Zed era um antigo amigo, o mestre das sombras o ensinou muitas coisas.

Suspirou fazendo uma breve reverência sorrindo para o maior.

ㅡ perdão, eu enviei a carta para você a muito tempo, não pensei que fosse dar atenção.ㅡ Akira disse fazendo sinal para que ambos a seguissem.ㅡ Bem como eu disse na carta, estávamos em piltover quando tudo aconteceu, e era ele realmente, não era uma ilusão ou algo do gênero aquele maldito estava na nossa frente, mas ele usou uma nuvem de fumaca, com um químico Zaunita que afeta toda zona mágica e magia, não consegui ao menos andar, ele tem alvo... ele.

Akira levou ambos ate uma espécie de biblioteca onde Aphelios estava sentado lendo um livro grosso sobre a história de ionia.

ㅡE qual o motivo de khada Jhin querer esse menino?ㅡ Zed finalmente se pronunciou, Shen pareceu concordar com a pergunta.

Akira suspirou apertando aos maos, caminhou para fora do local para que não fossem ouvidos.

ㅡ Aphelios é um lunari, quantos lunaris você encontra por se dando sopa? Ou melhor quantos lunaris bonitos você encontra por aí? Além disse Piada Jhin conseguiu sementes de uma árvore que cresce em apenas uma noite,os planos dele são óbvios, mas ele parece estar com medo, afinal Phel esta com Sett, ele nunca atacaria diretamente, ele fará como faz com vocês, atrairá ate algum lugar... mas até agora, nada demais, Aphelios vive nessa biblioteca lendo sobre ionia enquanto Sett e meu marido fazem a parte prática.ㅡ Akira disse olhando os olhos vermelhos e hipnotizante de zed a mulher suspirou.ㅡ Zed, você sabe que meu plano é óbvio, mas Sett nao permitiu que eu fizesse isso e eu nao quero assustar Phel... mas a unica maneira de pegar Jhin é dando a ele oque ele quer, uma armadilha para a armadilha.

Shen encarava a mulher com o rosto mais imparcial existente, mas um leve movimento em sua sombrancelha mostrou o desconforto com a ideia.

ㅡ Akira nos de licença..ㅡ Zed disse e a mulher se afastou concordando.ㅡ Shen, não é uma má ideia, é oque fazemos todos os dias.

Zed sussurou vendo o homem virar o rosto se nenhuma expressão.

ㅡNão é a mesma coisa Zed, ele nao faz ideia do perigo que Jhin apresenta, mesmo que o povo dele seja um povo de batalha nao gosto da ideia de colocar ele em risco...ㅡ Shen suspirou cansado faziam semanas que não dormia, desde que Zed fez contato eles estavam atrás do demônio dourado inclusive em piltover, mas pela primeira vez Shen demonstrou cansaço, e a mão do equilíbrio pareceu ceder.

ㅡ Shen, é uma vida contra milhares, e não vamos deixá-lo morrerㅡ Zed colocou a mão no ombro do homem, ambos eram da mesma altura mas Shen parecia um pouco maior por conta de seu físico.ㅡ É nossa chance, os crimes levam para um único lugar, seguem uma ordem de tempo e de planejamento, sabemos onde Jhin vai fazer o seu tao almejado sonho, só precisamos fazer com que ele cometa um deslize... 

Shen tirou a mão do mestre das sombras de seu ombro e olhou a volta, as olheiras eram visíveis e agora era quase impossível esconder o cansaço.

ㅡ Faça oque achar melhor Zed... da última vez que fizemos do jeito dos kinkou ele escapou... vamos seguir você.ㅡ Shen disse calmamente e o homem dos fios platinados arfou, em todo esse tempo juntos era a primeira vez que Shen demonstrava verdaria confiança em si, Zed sorrio concordando.

ㅡ Akira vai arrumar um lugar para você descansar, eu dou um jeito de falar com o garoto e o... vastaya..ㅡ Disse a última palavra um tanto enojado fazendo Shen mostrar claro desgosto.

ㅡ Eu mesmo falo com o  vastaya...ㅡ Shen disse mas nao se negou a receber um lugar para descansar.

Akira caminhou até os homens e os levou para um dos quartos de hóspedes da arena, duas camas confortáveis e um bom espaço para treino, era tudo que Shen precisava, assim que a mulher saio do local o Kinkou se jogou na cama caindo no sono em segundos, assustando Zed que nunca o viu tao cansado, depois que atravessaram uma cidade próxima Shen começou a cair no sono andando entre outras coisas que o mestre das sombras nao esperava do antigo colega, era estranho como se algo o drenasse.

Zed se sentou na própria cama, seria uma noite agitada, os boatos sobre Sett nao eram nada bons, se ele nao concordasse com o plano teriam que estar preparados para lutar.

O mestre das sombras assistiu shen pegar no sono tao rapido quanto quando eram jovens e gastavam toda energia em treinos, o platinado suspirou colocando as mãos no rosto, queria que aquela fosse a última tentativa, não iria permitir aquela coisa continuar a solta, mas lhe preocupava a decisão de Shen, confiar em si, nem Zed confiava em si mesmo, olhou o homem e suspirou mordendo o labio, tudo teria que sair perfeito, mesmo que odiasse Shen de certa forma nao queria o dececionar.




Aphelios fechou o livro e olhou o espectro de Alune.

ㅡ Não é tão fácil quanto pensei... Ele parece realmente um demônio, mas se ja o capturaram ele é real.ㅡ Alune disse calmamente enquanto tentava ligar pontos e mais pontos.ㅡ Receio que a unica forma de capítulo é fazer com que ele caia na própria luxúria de seus planos, que tem um seguimento, ele irá lhe cansar, você ficará lento em meio a umaugar por que não pode fugir, então ou pisara em uma armadilha ou receberá 4 tiros... interessante...

Alune agora analisava um mapa de todos ataques do homem.

ㅡAqui... Phel.... vai ser aqui que ele vai te atacar, se a história que Sett contou esta certa aqui é o unico lugar com luz da lua o suficiente para o nascer da árvore...ㅡ Alune agora lia algo no próprio templo enquanto Aphelios tentava entender algum ciclo ou algo parecido.ㅡ Talvez você só tenha uma chance, vai precisar usar... usar o frasco especial...

Aphelios suspirou virando o rosto fechando os olhos, seu estômago gelou e sua garganta ardeu ele tinha tentando falar mas além disse a ideia de beber o líquido do frasco preto o deixava assustado.

" Alune, farei qualquer coisa para acabar com a tormenta desse povo... e de Sett principalmente, esses últimos dias foram os mais felizes da minha vida, mas ele era horrível, não come não dorme, mudou todo horário para ficar comigo e sai todas manhãs atras de mais informações sobre aquele cara, na última semana ele ficou dois dias fora e Akira jurou que ele estava bem, ele realmente estava mas eu fiquei com tanto medo... eu me culparia pelo resto da minha vida."


Aphelios conversa apenas por sua mente suspirando baixinho, encarou a porta se abrir lentamente e um homem de fios brancos e olhos vermelhos entrar na biblioteca, Aphelios recebeu uma de suas armas e Alune se pôs ao dispor do maior, mesmo que oque estivesse fazendo fosse proibido agora.

O homem se sentou na frente de Aphelios e olhou o livro revirando os olhos cansados.

ㅡ Esse livro não conta nem metade da verdade sobre Jhin, mas me cita em muitas partes.ㅡ o homem abriu o livro mostrando seu nome do mesmo em diversas vezes na mesma página. Aphelios encarou Zed arqueando a sombrancelha, mesmo que o homem fosse inimigo do demônio dourado, não é como se ele fosse um amigo da sociedade.ㅡ Você não deve gostar de mim por seu chefe ser vastaya, mas... vamos deixar isso de lado por um bem maior, tenho um plano, uma chance única, e você já deve saber que é a isca.


Zed conversou com aphelios durante horas, Alune traduzia coisas que Aphelios nao entendia, mas o lunari não abriu a boca uma vez oque fez o mestre das sombras acreditar que ele não sabia falar ou algo do gênero. A conversa foi interrompida por um abrir de portas e uma mulher entrar assustada e ofegante.

ㅡ Aphelios, Sett esta de volta mas você não vai gostar nada de ver isso.ㅡ Akira disse enquanto ja voltava a sair Aphelios se levantou apressado sendo seguido por Zed, Aphelios correu atrás de Akira ate a enfermaria e arfou assustado ao ver o vastaya com um buraco enorme no estômago, a ferida parecia necrosar lentamente.

 Zed mordeu o labio, o vastaya não tinha o notado, parecia tentar nao demonstrar dor demais para não assustar o menor que ao menos viu o intruso ali, o platinado deu passos para trás precisariam de Shen para curar aquilo, pensou desaparecendo em sombras.

Aphelios tinha um grito entalado em sua garganta e a voz alta de Alune gritando coisas desesperadas em sua mente.

ㅡ Estou bem, Akira só fez escândalo.ㅡ Sett disse rindo mas logo cospiu uma massa de sangue preto e grosso fazendo todos a sua volta se afastarem assustados menos Aphelios e mordeu o labio olhando os labios do maior, aquilo ja era comum para si, quando começou a beber o veneno sempre aconteciam essas coisas.

"Você bebeu algo?"

ㅡ Phel... Eu nao como e bebo a uns dois dias...Mas aquele cara prendeu a gente em linhas de vidro invisíveis, banhadas com algum veneno ridículo, e deu quatro tiros em mim...ㅡ O vastaya disse cuspindo mais e suspirando de dor.ㅡ olha só me deixem dormir eu vou ficar bem. 

O homem que também parecia acabado na outra cama começou a explicar mais detalhadamente oque aconteceu e Aphelios nao pode prestar atenção pois não existia culpa maior que a que ele sentia agora.

" Phel... nós temos que tomar uma atitude, podemos fazer isso sozinhos..." Alune disse apenas para o lunari que acariciava os fios do namorado.

 "Amanhã é a lua cheia se não acontecer amanhã ele nao terá outra chance, vamos esperar Sett dormir e então nós vamos.." Aphelios pensou deixando um selar rapido nos labios do maior que parecia desmaiar lentamente. 

A última visão do vastaya foi um eu te amo de Aphelios seguido do sorriso que ele imaginava ser o mais bonito do mundo.


ㅡ Akira.ㅡ A porta da sala abriu segundos depois do vastaya desmaiar, a maga se virou sorrindo ao ver o marido segundo seguido por Zed e shen.

Shen nao esperou permissão entrando na sala ja preparando sua própria magia para aliviar os ferimentos de ambos homem ali deitados.

ㅡ Obrigada...ㅡ a mulher disse para o olho do crepúsculo que concordou voltando a atenção aos homens.ㅡ Sett chegou tão perto dele... se ele tivesse levado Aphelios eles teriam o pego...

Akira disse mostrando o sangue no soco ingles do maior, Shen pegou o objeto parando oque fazia, o homem olhou para zed estendendo o objeto para o mesmo, quando o platinado tocou ele arfou assustado, a anos nao sentia essa energia, era Jhin, o maldito vastaya tinha acertado um bom soco em Jhin.

ㅡ Ele está debilitado.ㅡ Shen disse voltando a curar o homem menos ferido que pareceu ter sido protegido por Sett.ㅡ Zed, mantenho minha palavra, seguiremos seu modo dessa vez mesmo que vá contra tudo que eu prego.

Aphelios assistia tudo ouvindo Alune elaborar a ordem de armas e pontos vitais para serem acertados.

ㅡ Vamos garoto, Shen nos encontra lá... antes do por do Sol.ㅡ Zed disse saindo do local e Aphelios deixou uma última carícia nos fios macios do vastaya indo atrás do mestre das sombras.


Aphelios preparou uma mochila mas deixou seus 3 últimos fracos em seu sobre tudo, Ser os levaria pelas sombras daquela noite então o garoto se apressou para encontrar o ioniano vestindo uma armadura que Aphelios julgou assustadora, mas nao tão quanto era descrita em livros.

Aphelios se juntou ao homem que aprecia tenso, o mesmo fez alguns selos com as mãos, e então um símbolo apareceu a volta de Aphelios e ele se tornou um com a sombra do local.

Zed olhou o homem e fez um sinal com as mãos esperando o garoto fazer o mesmo, então Aphelios fez e ambos juntos fizeram um último movimento que os levou para quilômetros de distância, Aphelios arfou respirando fundo olhando a volta, Zed encarou o garoto e puxou o braço do mesmo vendo uma marca negra se formas ali, o mestre das sombras fez um careta por baixo sa mascara e impediu que a marca terminasse de se formar na pele do pulso do lunari que só estão foi reparar a ardência.

Zed fez sinal para que Aphelios o seguisse e então Alune fez com o que garoto parasse no meio do caminho, o garoto arfou com a visão da lua sobre uma cachoeira.

 ㅡ Tem que ser ali...ㅡ Zed disse ao ver que o garoto encarava o local com os olhos brilhando.

O platinado suspirou puxando o lunari então ambos se alojaram em uma gruta escura.

ㅡ atenção, se eu fizer essa marca em você vai estar seguro... Mas é um grande fardo carregar uma marca negra... você vai sentir dor pelo resto de sua vida.

Aphelios assistia Zed dizer enquanto estava sentado em posição de lótus, o lunari não exsitou entendendo o braço puxando a roupa ate seu cutuvelo.

Alune nao sei opniao sabendo que já não importava ou nao o bem estar do irmão.

O mestre das sombras tirou as luvas e a máscara, concentrando-se no braço só menor. O lunari sentiu uma queimação em sua pele, então só aumentou, como se seu braço ficasse em carne viva, o menor gemeu de dor sentindo sua garganta explodir, Aphelios segurou um grito e fechou os olhos deixando lágrimas escorrerem.

ㅡ Pronto... Respire..ㅡ Zed disse baixo olhando a marca borbulhar no braço do menor ate tomar um tom roxo que surpreendeu o homem, ele analisou melhor a marca e arfou, talvez fosse pelo povo e a ligação lunar.ㅡ A queimação vai durar por alguns minutos, mas logo vai diminuir e a dor vai ser suportável... 

Aphelios concordou e ambos ficaram em silêncio ate a dor passar o menor suspirou aliviado olhando a marca, então zed lhe ensinou como usar suas sombras que era apenas evasiva, por uma curta distância e ela tinha um tempo de recarga, Aphelios tinha que a usar com extrema sabedoria.

O lunari suspirou se levantando, iriam fazer o reconhecimento da área, Zed tinha se separado de si entao aphelios estava nervoso.

"A SUA ESQUERDA!" Alune gritou então o lunari desviou de um tiro, olhou o chão uma pequena corda de nilon ligava a uma arma na árvore, o garoto desfez a armadilha guardando consigo a arma e a bala como Zed tinha pedido. " Aphelios existem padrões incomuns de folhas, elas estao muito desarrumadas, aquela folha caio de uma árvore muito distante para estar ali... e o vento nao sopra nessa direção, ali tem uma armadilha." Alune disse convicta e então Aphelios jogou um pedra e uma flor se fez no chão explodindo, o garoto agradeceu a irmã e pegou o resto da armadilha, a noite passou rápido e na manhã seguinte o garoto se encontrou com Zed na mesma gruta.

Aphelios jogou os projéteis que diversas vezes foram atirados contra si e mostrou os restos de várias armadilhas.

ㅡ Isso está estranhamente mal feito, como se quem fez estivesse implorando para pegarmos... ㅡ Zed tirou a máscara fazendo uma careta.ㅡ Khada Jhin esta trabalhando com mais alguém, e essa pessoa nao esta de boa vontade. 

Suspirou baixo vendo o lunari analisar todas situações por qual passou, Aphelios bateu os dedos permitindo que Alune analisasse as peças.

ㅡ Se ele não está trabalhando sozinho, desfizemos as armadilhas que nos deixariam cansados antes de chegar na Cachoeira, estamos em vantagemㅡ Zed disse calmo.ㅡ Mas ir na Cachoeira agora seria deixar ainda mais claro que sabemos de todo o plano, faria ele fugir igual um covarde... precisamos fazer com que ele acredite que estamos machucados...

Aphelios encarou Zed o lunari encarou o projétil banhado em veneno e tirou um dos seus fracos estendendo para Zed.

ㅡ Tome dois goles, fará você sentir dor e vomitar sangue, mas não fará você ficar tão mal quanto um tiro disso.ㅡ Aphelios disse gagueando e se forçando fazendo Zed se assustar.ㅡ vai te deixar mais pálido... e com uma aparência de morte, mas é só aparencia mesmo.

O lunari então cuspio sangue por ter se forçado a falar.

ㅡ E oque me faz confiar em você.ㅡ Zed disse de modo arrogante tomando o frasco da mão do garoto.

 Aphelios mostrou a marca em seu pulso e logo virou o rosto, olhando o sol nascer.

ㅡ Ativamos algumas armadilhas... Não quero que ele saiba que estou com você mas é impossível uma pessoa sozinha ter feito aquilo... se Shen estivesse aqui...ㅡ Zed murmurou colocando as mãos na cabeça, fechou os olhos pensando no kinkou.

Aphelios se ajeitou pensando em Sett e se ele estava bem, estava com tanto medo de perder ele que talvez tenha tomado a decisão errada e vir com um cara que em sua história tem sangue do povo de Sett, mas se viu encurralado como nunca ficou na vida, era sua única chance.

Zed fez alguns selos desaparecendo deixando uma sombra muito semelhante a ele para trás.

ㅡ Acredito que o mestre das sombras nao é uma má pessoa, só segue péssimos ideias... ainda sim ele está contra khada Jhin e noxianos...ㅡ Alune disse e Aphelios concordou olhando o rosto da sombra que tinha um estranho brilho vermelho nos olhos.ㅡ Ele parece de certa forma nervoso, o outro homem que estava com ele, o Olho do crepúsculo exalava confiança em suas palavras... eles são tão diferentes... Mas parece que Zed nao esta nervoso em ver Jhin, mas sim em decepcionar o antigo amigo.

Aphelios suspirou, decepcionar alguem era um medo constante, o lunari fechou os olhos, não queria decepcionar Sett, não queria decepcionar Alune, muito menos Diana, decepcoes corriam em sua vida, mas ele nao pensava em si, e a ideia das coisas darem errado e ele decepcionar a Sett, Diana, Zed e Alune o faziam começar a ter outra crise de ansiedade.

Aphelios fechou os olhos tentando pensar em algo, Sett nao estaria ali, até sentir um incômodo no ombro, o menor colocou a mão no local e sorrio lembrando da mordida que Sett lhe deu da última vez que estavam na cama, foi mais como uma brincadeira doque sexual, Sett nao tinha noção de força então a marca ficou, e agora Phel estava feliz por sentir a mesma "cicatrizar"


O dia passou lentamente enquanto Alune analisava planos e áreas, até Zed aparecer na entrada da gruta.

O lunari encarou o homem esperando uma explicação e recebeu um mover de cabeça e um provável sorriso por baixo da máscara.

ㅡ Matar noxianos sempre ajuda.ㅡ Zed disse olhando o sol se pôr, fez uma careta e suspirou.ㅡ Nao temos tempo para esperar eles, vai... Não vá direto para cachoeira, ande por ai, acione armadilhas.. mas lembre-se... Não deixe ele entrar em sua mente.






Aphelios estava com uma ferida enorme em seu ombro, era proposital então a dor não foi tanta, mas Aphelios nao esperava que o corte fosse tao profundo, o garoto se dirigiu ate a água da Cachoeira para lavar o corte, suspirou se ajoelhando, vendo outra pessoa se ajoelhar a sua frente do outro lado do lago.

ㅡ Como é bom te ver pessoalmente novamente.ㅡ A voz de Jhin ecoou por todo local coberto pela copa das árvores.ㅡ tao bonito quanto antes, seu namorado cuida de você muito bem nao?

Aphelios olhou para a pessoa que lhe dirigia a palavra, não era Jhin, camélia a garota que o ajudou quando caio em uma armadilha em piltover, mas não parecia ser verdadeiramente ela, era uma marionete, magia negra da mais pura e perversa, que até fez Alune arfar assustada.

ㅡ Ah nao se assuste, ela era uma péssima ajudante, toda uma história por trás, uma vingança a se fazer, mas sejamos sinceros, vingança não é algo inteligente de se fazer. ㅡ Jhin disse se levantando limpando o vestido.ㅡ Aposto que Sett ficou ainda mais bonito depois que o veneno que eu dediquei a ele se espalhou...

Aphelios se levantou recebendo creescendum em suas mãos.

ㅡ Não seja assim, não posso fazer nada contra você nesse corpo tao frágil.ㅡ Jhin disse mexendo nos fios brancos da garota morta que ele usava como um brinquedo descartável.ㅡ ah essa cara... você não viu ele morrer! Veio atras de mim se ao menos pensar em ficar ao lado do seu amado pelos seus últimos segundos... 

Aphelios fechou o rosto sentindo a presença das sombras de Zed, o garoto então passou a ignorar toda sua volta e apenas se lembrar que Sett estava bem nas mãos de alguém que tinha conhecimento o suficiente para trazer alguem de volta a vida.

ㅡ Agora está aqui, com Zed... Não é como eu planejei, minha querida camélia estragou todo um plano, mas no final das contas tornou tudo isso mais interessante... ㅡO homem disse limpando a Gama do vestido branco e com aparência cara.ㅡ darei ao corpo dela um final digno.

Aphelios de alguns passos para trás e então o corpo da garota foi atingido por algo, Jhin arfou cuspindo sangue preto logo arrancando a lâmina de suas costas a lançando ao lago.

ㅡInteressante Zed... ㅡ Disse calmo tentando arrumar o vestido.ㅡ você me parece fraco, a alguns meses um lançamento desse teria partido esse corpo magro ao meio.

Aphelios mordeu o labio desconfortável com a situação, a marca negra queimava para que ele fugisse e Alune nao dizia nada.


ㅡ Chega de jogos, me diga Zed onde está seu amado?ㅡ Jhin disse sorrindo olhando por todos os lados.ㅡ Nao me diga que nao trouxe Shen! Seria uma grande decepcao eu terei que armar mais quantos atos como esse para que vocês entendam minha tao bela mensagem? 

Jhin estalou os dedos delicados e Aphelios sentiu seus pés serem presos por algo que atravessou o chão.

ㅡ É novo querido, você nao iria saber que isso estava ai nem se eu avisasse.ㅡ o homem disse logo voltando a atenção aos sombras.ㅡ Eu sinceramente queria usar Vi inicialmente, a história de amor com Caitlyn é muito bonita, mas tem algo mais bonito que isso?

Jhin se aproximou de Aphelios recebendo um tiro mas ao menos se importou continuo seu caminhar.

ㅡ Está atirando em uma pobre garota, não sinto nada quando faz isso.ㅡ o homem disse logo acariciando o rosto de Aphelios que tentava desviar a todo custo.ㅡ vai ficar impecável Aphelios, seu povo ficaria orgulhoso.. 


O lunari teve seu corpo empurrado mas nao chegou a cair na água, Zed apareceu ao lado o mesmo segurando a mão de Aphelios o impedindo de cair.

ㅡ Ele vai vir....ㅡ Zed disse se negando a olha o rosto da garota.

ㅡ Imprudente como quando era mais jovem, mas isso me deixa feliz além da imprudência ficou o amor também não é?ㅡ Zed respirou fundo tentando sentir de onde aquele corpo era guiado, puxou Aphelios tentando formar uma sombra mas foi impedido por algo mágico.ㅡ Ah Zed, pensei que estivesse acustumado com meu truques, que pena... enfim, estou tão animado para ver Shen, é uma pena que ele tenha mudado tanto não é? Mudado ao ponto de nao te amar mais e não ouvir seu lado da história... Sempre o que mais sofre nao é Zed ? 


Aphelios segurou o ombro de Zed então o homem que já estava facilmente caindo nas palavras de khada Jhin acordou com o olhar serio do lunari.

Zed respirou se concentrando deixando uma sombra para trás que ainda segurava Aphelios.

ㅡ Usou seu cérebro Zed?ㅡ A voz rio alto e o corpo caminhou até a sombra recebendo mais golpes os ignorando, Aphelios sentiu seus pés queimarem, olhou os mesmos vendo galhos crescerem a sua volta começando ao elevar.ㅡ Espero que Shen nao se atrase.

Alune arfou pela primeira vez.

ㅡ O maior medo dele é que o plano falhe, não é ser pego, ele fará qualquer coisa para que esse plano funcione, Aphelios... é uma única chance.ㅡ a lunari disse e então Aphelios se forçou quebrando os galhos que lhe prendiam fazendo o corpo morto cambalear para trás assustado, o lunari deu dois tiros com sua arma logo pegando o frasco preto bebendo todo líquido no mesmo, a forma de Alune ficou extremamente visível e então Aphelios recebeu outra arma a empunhando, a forma de Alune fez sinais para as sombras e então a sombra de Zed desapareceu.

ㅡ Oque você está fazendo!ㅡ O voz pareceu furiosa e o corpo da garota começou a queimar.

Aphelios desviou de um tiro que veio de suas costas e atirou em direção ao local vendo pela primeira vez o corpo esguio do verdadeiro Jhin.

Alune marcou a energia do mesmo, Aphelios gemeu de dor sentindo sangue escorrer pelos seus lábios, o frasco que tinha tomado tinha um veneno muito mais forte e poderosos que o que contava normalmente, caso Aphelios nao tratasse do mesk9 a tempo poderia perder sua voz para sempre, ou morrer, o garoto recebeu o segundo tiro o marchuado em seu braço abriu ainda mais e Alune se assustou, o espectro da garota pairava sobre Aphelios, o lunari se moveu atirando mais uma vez contra o homem, Aphelios sorrio ao vez a sombra de Zed atras de Jhin e então o lunari parou mas o homem conseguiu atirar uma última vez, o quarto tiro saio da arma e Alune arfou assustada fazendo Aphelios sentir a morte em seu sangue, o garoto cambaleou de dor e caio no chão..


A lua pareceu escurecer, uma sombra tomou seus olhos e o lunari ja nao via mais nada, fechou seis olhos em dor ouvindo um grito desesperado.




Notas Finais


Não revisada, próximo cap é o último!!! Vamos talvez ter um extra!! Temos ideias de fic já prontas, tenho uma ideia para uma fiz curtinha de kayn e Aphelios, umas ideias com o Viego e etc


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...