História Noite Densa - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nino, Personagens Originais
Tags Adrien, Amor, Amor Eterno, Beijo, Cat Noir, Céu, Chloe, Colegial, Densa, Heróis, Ladybug, Limite, Luta, Marinette, Miraculous, Miraculous Ladybug, Noite, Paixão, Paris, Plagg, Romance, Segredos, Tikki, Vilões
Visualizações 90
Palavras 1.916
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Ficção Científica, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello Adrinettes, tuduh boum?
Sejam bem vindos a minha primeira trama sobre Miraculous, espero que gostem. S2

Capítulo 1 - Uma tentativa fracassada


Fanfic / Fanfiction Noite Densa - Capítulo 1 - Uma tentativa fracassada

MARINETTE 

Marinette havia acabado de abrir seus olhos e como sempre jogada totalmente em sua cama. Estava morta desde ontem após ajudar seus pais na Padaria e nas entregas a domicilio por toda região da cidade de Paris.

Marinette >> Nossa esse sono foi tão tão tão, mas muito bom, bem tinha o Adrien não é.<<

Tikki: Olá,Bom dia Marinette.

Marinette fora pega de surpresa ao ver um borrado vermelho ao ar ao terminar seu pensamento e assim com o susto teria pulado da cama com muita força caindo ao piso de madeira brutalmente.com a perna direita levantada e o braço esquerdo dobrado.

Marinette: Lá se foi minha chance de ter um dia sem dores.

Tikki: ( Risos ) Mari, você tem que se arrumar! Agora! 

Marinette: Pelo que, especificadamente? 

Tikki ( expressando em sua face uma cara broxante): Marienette, são 9 da manhã...

Marinette estaria indo a sua varanda com a maior vista para a rua para a tal, porém , ao ouvir fala ficaria imovel e com os pés fincados ao chão e Tikki ainda continuaria dizendo as horas milhares de vezes e tocando diversas vezes em Marinette na tentativa de fazê-la se mexer e sair do lugar para se arrumar.

Marinette entraria em surto geral e sem pensar duas vezes sairia para dentro de seu armário, porém , com grande força e pânico nos movimentos da mesma, a porta de tal armario fecharia com Tikki e Marinette dentro.

Marinette: Er..Tikki, você fechou a porta?!

Tikki: Achei que fosse você.

Neste momento as duas se olharam e começaram a socar a porta milhares de vezes na esperança de abrí-la e gritando para serem salvas e quem ouvisse abrisse o armario.

NA ESCOLA 

Professora de Quimica: Muito bem alunos, espero que tenham entendido as funções orgânicas que serão essenciais para a prova da semana que vem. Por favor não esqueçam de trajer da proxima vez os seus próprios materiais, Senhor Agreste.

Adrien: Mil Perdões Professora, eu juro que trarei.

Após a professora ignorar a resposta do tal Adrien, a mesma sairia da sala e em seguida os alunos cada um em poucos tempos. Chloe sairia com Sabrina atrás dela e como sempre, sendo uma * assistente * da filhinha mimada, Juleka e Alya sairiam juntas enquanto Rose ficaria na sala conversando sobre a materia com os restantes.

Adrien( sussurrando) : Ei, Nino.

Nino( sussurrando): Que foi, Adrien?

Adrien ( sussurrando ): A Marinette ficou com meu material de quimica e não veio hoje na aula. Sabe por que ela não veio? 

Nino( sussurrando): Bem, a Mari nunca se atrasa e não faço ideia...Pergunte a Alya...

Adrien seguiria o palpite dito a ele e assim, responderia uma das perguntas da Rose e sairia de costas a porta com uma expressão de envergonhado por sair mais cedo da sala sem esperar a turma toda, indo para o Pátio.pensando >> Cade você Marinette << 

 

MARINETTE 

Marinette ainda estaria batendo na porta do armário com seus chutes sem ser os socos dessa vez, enquanto Tikki estaria na vibe de pessimista de nunca sair dali.

Marinette: Podemos nos transformar?!

Tikki: Não podemos, 1- Eu estou sem energia suficiente e 2- O Seu armário seria destruido.

Marinette: Bem, seria melhor destruir um armario do que mais uma falta no boletim. A minha mãe vai me matar.

Tikki: Já preparei a minha vida se morrermos aqui...

Marinette ( expressando uam face de indignação ): Tu tá muito estranha hoje Tikki, levanta esse astral.

Marinette sem ter o que fazer e já aproximando das 10 horas da manhã, pegaria seu telefone ao bolso da sua saia de pijama pegando assim seu telefone. Ao parar o descanso de tela, desbloquiaria sua tela com fotos do Adrien e iria em contatos, abaixando a lista do telefone vagarosamente procurando um determinado número.

Tikki: Se eu não fosse uam Kwami alta astral, diria que você é sociopata pelo Adrien.

Marinette( Olharia para a Tikki, que estaria rindo, e colocaria o telefone sob o ouvido após selecionar o contato): Tá chamando..

XXX: Alô?

Marinette: Ai que bom que atendeu...por favor vem aqui na minha casa agora.

XXX: Sabe como é...aula né Senhorita Marinette, e você se atrasou.

Marinette: Eu tenho noticias novas e picantes da Ladybug.

XXX: Ai miga, tudu boum contigo?! Nem nos falamos direito.

Marinette( expressando uma face de raiva por ouvir a frase no telefone e franziria a testa logo): Tu vem ou não, Alya?

Alya: Tá,tá, me convenceu...Quem diria terei que fugir da escola para ir ver minha amiga por novidades da Ladybug. Mereço prêmio de Fã numero 1 do ano.

Marinette desligaria na cara da amiga e assim, esperaria a mesma chegar e sem paciência. Marinette chegaria do lado direito do armario e Tikki ficaria no lado esquerdo.

Tikki: Calma Marinette, vai ficar tudo bem.

Marinette: Tikki, você a 10 minutos atrás estava falando que nunca sairiamos daqui. Agora diz que iremos sair. Garota tu é bipolar.

Tikki: Não estraga meu momento de te zoar.

Eis, que as duas ficariam quietas ao ouvirem passos subirem a escada ao quarto e o alçapão ser aberto, assim , passos iriam passando pelo quarto e meio desorientados.

Alya: Hãm..Olá?Marinette?

Marinette: Alya, eu aqui.

Alya( Esta viraria-se para a direção de onde sairia a voz ): Marinette?! Como você se enfiou ai?

Marinette: Longa historia, por favor...abre o armário para mim. Me salva Ladybug Fã 1

Alya entedera que não havia noticia picante de Ladybug em lugar algum e só mais um dos desastres de Marinette que ela teria que resolver.Sim, ela logo faria uma cara risonha para direção da porta de maderia em tom rosa e ficaria um rapido silêncio.

Marinette: Eu sei o que está pensando e não! Não vou fazer isso.

Alya: A vai, por favor, amiga.

Marinette: Eu não tenho coragem.

Alya: Só te tiro dai se falar com o AAAAADRIEEENN.

Marinette emburraria sua cara a franzindo novamente enquanto Tikki estaria segurando riso dentro do bolso da Marinette. Logo, a cachinhos preto azulado concordaria e assim, Alya abriria a porta do armario, fazendo com que a Marinette caisse ao chão na forma identica da que caiu da cama a 1 hora atrás.

Marinette: U HUUUU, SAI DO ARMÁRIO.( Diria a garota se levantando do chão e assustando a amiga Alya que recuaria e ao ouvir frase abriria o berreiro ) 

Alya: Amiga, acho melhor não dizer isso novamente.

Marinette: Nossa sua mente suja.

Alya: Quis dizer mente do futuro não é? Bem, agora vamos, se arrume que você terá que falar com seu senpai supremo.

Marinette logo coraria ao ouvir frase de sua amiga e pensaria sob o tal Adrien e assim iria em direção ao banheiro começar sua higiene diaria com ajuda, obvio , de sua amiga Alya.

ADRIEN 

Adrien estaria escrevendo em seu caderno sob um poema que estaria inventando e ao lado de amigo Nino que estaria escrevendo uma historia medieval, claro , na aula de redação e literatura isso né amores.

Adrien pararia e começaria a pensar em sua Lady.

>> Oh, My Lady , O que ei de fazer sem você? Desejo sempre te ver, te encontrar , te beijar, te abraçar , te ver...eu te desejo. <<

Adrien estaria com seus olhos fechados e por não estar escrevendo e por estar sem reação a nada e sim perdidos aos pensamentos, Nino se aproximaria por sentar na mesma cadeira que ele.

Nino: Ei está tudo ok cara?

Adrien ( abrindo os olhos e duvidoso) : Hãm, que, que foi?

Nino( expressaria uma face maliciosa) : Hmmm..Estava pensando em algo senhor Adrien?

Adrien: Não nisso ai que está pensando....

Nino( continuando com sua face ): Bem...sei...não é mesmo?

Adrien: Ok...( soltaria um bufo)...eu estou pensando na minha...minha... ( eis que Nino cortaria o mesmo ) - Crush? -

Adrien logo esticaria o tal poema em seu caderno para o mesmo ( Nino ) e o tal amigo do loiro, pegaria o caderno com as mãos e assim leria vagarosamente a tal escrita e a cada palavra, a cada frase, expressaria uma face distinta e Adrien a cada face exposta se assustaria e cobriria mais sua face com braços.

Nino: Adrien...

Adrien: Er...Oi...

Nino: Você gosta da Marinette?!

Adrien ( Expantado com a tal pergunta logo pegaria o tal poema com rapidez das mãos do amigo e assim o olharia como se estivesse procurando um erro que fora escrito ): Como assim?! Não! Ela é só minha amiga...

Nino: Cara, você só descreveu ela ai, os cabelos, olhos , lábios e até corpo, menos as caracteristicas psicologicas.

Adrien: Ahh...( Eis, tentaria mudar de assunto por acabar se perdendo e se confundindo enquanto mais se falava dele com o Nino)...ao falar em Marienette...Cade ela e a Alya?

Nino, eis que se viraria para trás e assim não viria nenhuma das duas nas cadeiras atrás deles e somente os outros alunos. Assim, viraria-se novamente para o tal Adrien e logo dando de ambos com um simples gesto mostrando que não sabia e colocaria em seguida seu headphone em alto volume com um Som de Rock.

Adrien >> Que belo amigo eu tenho em...vai ter revanche << 

Eis, antes que pudesse pegar o lápis novamente em sua mão, veria 4 pernas a sua frente de pares diferentes, assim, levantando a cabeça, veria as mesmas Alya e Marinette. Alya estaria com sua roupa de sempre e com braço esquerdo apoiado a cintura e do lado esquerdo e a frente do mesmo Adrien, estaria a Marinette com um enorme rubro em suas bochechas e com o olhar tentando desviar do mesmo Adrien.

Alya( Ficando decepcionada com o silêncio de ambos ) : Então..Adrien, a Marinette queria te dizer algo.

Marinette ( Ficando mais vermelha do que o normal ao falar com o Adrien ): Er...A-Adrien, er...meio que....Eu esqueci seu material de quimica e te devolvo no final de semana ou na Segunda Feira, era isso, tchau.

Marinette tentaria fugir com o andar, porém , Alya agarraria a parte da camisa nas costas da mesma e assim a puxaria novamente para o tal Adrien que estaria totalmente confuso com o que estava acontecendo.

Adrien: Estão bem?

Marinette: Não, Sim, Sim, Não...

Adrien se levantaria com a resposta da tal garota e assim ficaria apoiado com as costas sob a mesa e na frente dela, assim , chamando atenção da professora de letras.

Professora: Que alvoroço é esse?! Sentem-se agora.

Após a fala da mesma, ambos os 3 foram sentar em seus devidos lugares na sala de aula.

ALYA

Alya, ao sentar-se pela ordem da mesma professora de letra, colocaria sua mochila sob a mesa e assim, abriria na parte mais cheia e assim tirando seu caderno de letras junto e Marinette faria a mesma ação só que com a mochila da própria.

Alya: Marinette, não pense que se livrou ainda, temos um trato...vai falar com ele depois.

Marinette: Alya...Por que?!

Alya após a pergunta dela esticaria braço direito primeiro em direção a Chloe e em seguida em direção a Lila e em seguida, esticaria ambas as palmas para a amiga.

Marinette: Eu entendi...

Alya: Amiga, você consegue, só espere a aula terminar...ok?

Marinette: Ok..Ok...eu consigo, vou tentar também.

Alya e Marinette começaria a soltar um sorriso de ambos os rostos e assim começaria a lição que estaria no quadro sobre criar um texto de qualquer assunto e modo.

MOMENTO NARRADOR

Será que Marinette irá falar com o Adrien? Se ela falar , o que seria? E cade os Akumas?! 

Se acalmem, tudo aparecerá no próximo capítulo. 

 

 

 

 


Notas Finais


ESPERO QUE TENHAM GOSTADO GENTE, EU ESTOU EM PERIODO DE PROVA E TENTAREI ESCREVER O MAXIMO POSSIVEL. Obrigado por lê-rem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...