1. Spirit Fanfics >
  2. WangXian: Contos Chibi >
  3. História de Coelhos

História WangXian: Contos Chibi - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - História de Coelhos


Fanfic / Fanfiction WangXian: Contos Chibi - Capítulo 5 - História de Coelhos

Em um terreno liso perto do JingShi vivia uma ninhada de coelhos, mas essa história irá contar sobre dois em específico, que por sinal acabaram de nascer.

Um todo branco e o outro todo preto.

Suas mães era CangSe SanRen e Lan.

Ambos morreram no parto que por infelicidade das crianças, seus pai morreram por animais carnívoros.

Huan que é irmão mais velho do coelho recém nascido que colocará Lan Zhan e como não podia deixar o outro morrer também cuidará e colocará o nome de Wei Ying cresceram juntos um apegado ao outro que nem Huan sabia explicar.

-A-Zhan, por que você é tão apegado ao A-Ying.

-Por que quando eu crescer quero ficar para sempre com ele.

A-Zhan.

Os dias foram se passando e eles cresciam e começaram a amadurecer, mas um dia Wei Ying sumiu por um dia inteiro, Lan Zhan ficou preocupado e foi atrás e tamanho foi susto ao encontrá-lo deitado no chão com intensos machucados e muito sangue.

-A-Ying.

-A-Zhan, cuidado ele ainda pode estar por perto.

-Quem.

Ele não se importou e olhou em volta se achava algo para ajudar a levá-lo e encontrou um folha de bananeira e alguns cipos.

-Vamos sair daqui sim.

Ao chegar em casa encontrou seu irmão o esperando preocupado mas ao ver o estado de Wei Ying ele corre até eles.

-O que ouve.

-Eu não sei, o encontrei assim.

-Vamos entrar.

Eles entram na casinha que o humano fizeram para eles e começou a limpa -ló.

Wei Ying estava dormindo profundamente.

-E então o que aconteceu.

-Eu não sei, senti falta dele o dia inteiro e fui procura e o vi deitado no chão cheio de sangue, antes de desmaiar ele disse que tinha algo que iria atacar.

Huan ficou estático.

Ele correu para fora e gritou.

-Todos para dentro.

Todos ficaram em alerta e começaram a correr para a casinha, quando uma raposa aponta lá atrás das árvores e depois um lobo cinza.

-Eles seguiram vocês.

O coelho mais novo foi até a porta e viu os carnívoros se aproximar em silêncio.

Um barulho se faz presente na cama aonde está Wei Ying.

-Wei Ying.

Ele se vira o encontrando se levantando.

-Aonde pensa que vai.

-Ajudar, eles estão tentando invadir. Eu fui na floresta coletar frurinha e eles apareceram e me atacaram.

-Mas da onde eles surgiram.

-Eu acho que de trás da cachoeira.

Quando Huan verificou que todos estavam dentro da casinha, quando um barulho de algo se chocando contra a madeira se fez presente.

-Eles estão tentando quebrar.

Todos começaram a gritar em desespero, quando uma voz se fez presente.

-Saí daqui, eles não são comida.

E um gemido seguido de silêncio, a porta se abre revelando um humano de branco.

-Lan Zhan ele já foi.

Outra voz e mais um se aproximou ele vestia preto e vermelho.

-Wei Ying tem um ferido.

-Aonde.

-O preto.

-O não vamos levá-lo para dentro.

O de branco esticou o braço para alcançar ló mais o coelho Lan Zhan não deixa.

-A-Zhan assim ele será bem tratado.

-Você viu isso, que fofo.

O coelho olha para o ferido e depois para o humano e se afasta.

Mas o Lan homem o pega junto do ferido.

-Vai levar ele junto.

-Sim eles são muito logados.

-Assim como nós.

Os dois saem juntos com os coelhos, Huan olhava tudo aquilo com um sorriso, afinal o humano de branco sempre cuidará deles com muito carinho e seus avós sempre contava histórias sobre aqueles dois principalmente o de preto que os salvou.

Algumas semanas depois Wei Ying e Lan Zhan retornaram para casa.

-E aí como foi.

-Huan Ge foi incrível, os humanos cuidaram muito bem de mim, olha não tem mais nenhum machucado.

Wei Ying estava muito feliz que até saltava de um lado para o outro.

-E o Lan Zhan se apegou muito ao humano de preto.

-Verdade.

-Sim, o humano sempre fazia carinho nele.

Huan sorria para os dois, estava feliz. Quando ele olha para as suas cabeças.

-O que é isso.

Ele aponta.

-A eles colocaram em nós.

Wei Ying tinha uma fita vermelha fina na orelha esquerda e Lan Zhan uma branca na testa.

-Eles falaram que nós parecíamos com eles por isso colocaram.

-Não incomoda.

-Não.

Huan então deixou.

Aquela semana foi longa para os dois e nesse tempo Wei Ying descobriu que Lan Zhan gosta deles.

Wei Ying viu que Huan foi embora se virou para seu amigo.

-Lan Zhan.

-Mnn.

-Eu gosto de você.

E lambe seu nariz e boca, Lan Zhan ficou vermelha fazendo Wei Ying sorri.

-Você ouviu.

-Eu podia estar com febre mas eu escutei muito bem, então.....eu gosto de você.

-Wei Ying.

O coelhinho branco pula nele que dava risada.

 

                  FIM....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...