1. Spirit Fanfics >
  2. La mort d'un cerisier >
  3. Le début de la fin

História La mort d'un cerisier - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Le début de la fin


Talvez assim como eu , você não saiba o que é sobreviver a uma guerra . Quem sabe , você nem mesmo tenha vivido uma . Possa ser que , assim como eu imaginava , você pensa que não estará vivo até que algo assim aconteça . 

Eu não sei o que é sobreviver a uma guerra ... Deve ser porque eu morri ...  

Eu me lembro de estar em um balanço junto a minha esposa e filha , Margareth e Anne , olhando as nuvens do por do sol passarem , quando chegou uma carta que me levaria para longe dali. 

Eu fui pai muito cedo , mas não me arrependo. O pouco que vi a pequena Anne crescer ,foi o suficiente para eu me lembrar do rosto dela . 

Eu tinha 21 anos . Me lembro de que foi uma sexta feira , eram quase 18:00 da tarde . O chá tinha acabado de ficar pronto , e eu me sentei com a Anne no colo , no balanço do quintal , esperando Margareth trazer as xícaras.

Ela se sentou ao meu lado e sorriu . Estávamos felizes por ainda não terem me chamado para combate . Parece que a felicidade atrai coisas ruins . 

O carteiro bateu no nosso portão , e eu me levantei para atender . De início , eu achei que fosse uma carta comum ... Teria sido melhor eu não ter aberto ... Ela dizia : 

" Para o Senhor James Laurent 

O capitão da linha de frente do exército francês , Julian Pomeroy ; está convocando-o para atuar no batalhão de Douaumont , a partir de amanhã . 

Contamos com o seu trabalho !!!     

Ass : Capitão Julian Pomeroy " 

Eu deveria ficar em choque ? Deveria ignorar aquela carta tão breve e fria ? Talvez se eu fugisse , desse tempo de me proteger do que estava por vir ... Mas eu fui lerdo de mais . 

Eu dei um beijo em Margareth, um abraço na pequena Anne , peguei algumas coisas e duas fotos . Eu preferi não fizer nada além de " Je t'aime ma chérie " (Eu te amo querida ) . 

Eu abri o portão , e ela veio correndo desesperadamente atrás de mim : 

Margareth - S'il vous plait !!! Ne partez pas !!! Nous avons besoin de vous !!! James !!! Ne partez pas !!! ( Por favor !!! Não vá !!! Nós precisamos de você !!! James !!! Não vá !!! ) 

James - Au revoir mon amour ... ( Adeus meu amor ) - eu virei as costas e sai andando pela rua , em direção a base do exército ... Eu ouvi ela gritar e chorar ... Ela não correu atrás de mim ... Talvez soubesse que isso não fosse mudar em nada . 

Nunca foi tão difícil esconder minhas lágrimas . Eu nunca precisei fazer isso . 

Eu seria apenas mais um pobre coitado , rezando para que todos ficassem bem , rezando para que tudo isso tenha um fim ... 

 ... 

... ... 

... ... ... 


Notas Finais


Continua ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...