História We - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 419
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Gente voltei para o spiritual depois de um longo tempo rsrsrs, eu pensei muito em fazer esse episódio e parei de pensar também, mas foi quando vi que não podia parar com a historia naquele ponto então quero continuar com ela sim, pois foi a que vocês mais gostaram... espero que gostem ♡ bjs menor que trees ♡☆

Capítulo 13 - O velório


Fanfic / Fanfiction We - Capítulo 13 - O velório

Ao mesmo tempo em que pensamos na morte, pensamos no fim de uma história ou da vida, e assim vem a tristeza e com muito bônus, mas depois de um dia chuvoso sempre haverá um arco-íris...♡

Eu era o unico pensando no quanto eu podia ajudar de varias formas, e que se eu estivesse ao lado dele ele ainda estaria aqui...- ei ! Nick! Disse Guilherme estalando os dedos em meu rosto tirando de meus pensamentos- amor, no que você estava pensando ?

- Em nada... Em simplesmente que essas pessoas nem o conhecia direito, eles são hipócritas, só dão valor no que se perde.- disse de cabeça baixa com os meus cabelos tampando os meus olhares.

- Quer sair daqui ? Viajar? Repensar em algo? Eu faço isso por você - ele dizia tirando os meus cabelos de cima dos meus olhos e levantando minha cabeça, olhando fixamente para mim com o olhar de pena e compreensão.

- Não podemos, ainda temos aula e também não quero sair daqui sem me despidir da mãe dele.- eu disse com os olhos inchados por causa do quanto eu chorei.

Depois do velorio eu me depedi da mãe do meu melhor amigo, as pessoas hipócritas, e ao meu amigo. Chegando em casa fui como sempre direto para a cama sem olhar para trás e sem a compania de ninguém, assim contendo só a mim e meus fones de ouvidos.-por que o mundo é assim ? Com tanta maldade, mediocridades, preconceitos, divisão de classe social, racismo, homofobia assim contendo todos da LGBT, e principalmente assassinatos ? Às vezes queria ser um animal escondido de toda a humanidade e toda a maldade que tem nela- coloquei meus fones e coloquei - Asleep, The Simths - quando o Guilherme entra no quarto sem perguntar nada e me abraça, eu sinto lágrimas saindo de meus olhos e começo a soluçar de tanto chorar, eu só escutava o Guilherme em um ouvido dizendo - eu sei como é, pode chorar eu estou aqui - e do outro ouvido a musica... sing me to sleep, sing me to sleep...

Eu estava literalmente abatido como se fosse um carro que estivesse batido em um poste, virado contra a ponte assim saindo dela, caindo no rio e sendo esquecido, como todos os sentimentos que sentia quando ele estava vivo, essa musica é uma libertação para mim e para ele, mas ao mesmo tempo me faz lembrar das boas coisas que aconteceram com a gente... e aquele foi meu último adeus com o final da musca...


Notas Finais


Esse foi bem curtinho pois seria muito depressivo e seria até meio enjoativo mas vou mandar um depois desse, fiquem atentos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...