História We don't talk anymore... - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Drama, Humor, Jikook, Jimin, Jungkook, Namjin, Novela, Romance, Shippers, Suga, Tragedia, Vhope, Yaoi, Yuri
Visualizações 69
Palavras 1.254
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - Care . 12


Fanfic / Fanfiction We don't talk anymore... - Capítulo 12 - Care . 12

Jimin

I could fall or I could fly 

Here in your aeroplane 

And I could live, I could die 

Hanging on the words you say

 And I've been known to give my all

 And jumping in harder than 

Ten thousand rocks on the lake


Jungkook me olhava sério agora,senti uma ponta de prazer?Eu queria apenas ignora-lo,fingir que o mesmo não existe então assim ó fiz.

-Não vai falar comigo! -Ignorei sua voz fingindo sono-

-Irei dormir aqui hoje - Arregalei os olhos-

-VOCÊ O QUE?

-Irei dormir aqui hoje -Ele sorriu com triunfo - O que foi baby? está incomodado com minha presença? 

 Mais do que você imagina

-Não,eu não me importo com você,mas entenda,aqui não tem mais que 4 quartos, Taehyung em um, Jin e Namjoom em outro,Hoseok ao lado do meu e esse é o meu, você vai dormir no sofá.Jin não te falou isso?

-Na real eu não o escutei,subi quando vi que ele iria falar algo - Sorri imaginando a situação (Caro narrador,eu juro que tentei ao máximo não rir e demonstrar apenas indiferença,mas ninguém aguenta o Jin falar,e foi engraçado o próprio Jungkook falar isso na mais cara de pau.) -Esta sorrindo Mochi? -Fechei a cara imediatamente-

-Não. 

-Ok, não vai jantar? -Olhei desconfiado-

-Depois... -Respondi e ele deu de ombros saindo -

Jungkook era o cara mais difícil que eu já conheci,e o mais enigmático também,nunca entendo ao certo o que se passa em sua cabeça,se o desse um signo,diria que era virgem ou gêmeos,por ser COMPLETAMENTE difícil de tratar de relacionamentos com ele e por sua aparente bipolaridade,talvez ele seja mesmo de virgem com ascendente em gêmeos e a lua em leão,sim, aliás...quando foi que eu fiquei interessado por astrologia e astronomia? Estou tão perdido que estou buscando respostas nos cosmos,me vejo daqui a alguns meses em uma loja de tarô tossindo fumaça e uma idosa maqueada ao extremo lendo meu futuro.

Não me preocupei em por o short apesar de Jungkook estar em casa,resolvi apenas ignorar sua existência,apesar de não ter começado muito bem.

Desci as escadas e vi que todos já jantavam,inclusive Jungkook,que conversava animadamente  com Jin,me perguntei onde que diabos conseguiram tanta intimidade em tão pouco tempo,isso me dava nos nervos.

-Jimin, você demorou,sua comida quase esfria -Jin sorriu e eu me sentei ao seu lado de frente pra Jungkook e do meu outro lado Taehyung, seguido por Jhope,ao lado de Jungkook,Namjoon que havia chegado não sei quando -

-Desculpe Hyung,eu estava ocupado..

-É,ele estava falando com algum "amiguinho" no celular -Fuzilei Jungkook que ria com sarcasmo -

-Quem Jimin? -Hoseok me olhou seguido por todos-

 Se a sua intenção era saber com quem eu estava falando... parabéns,funcionou.

-Com o Yoongi...

-O seu primo? -Jin deu uma garfada em seu ravióli- 

-Yoongi é primo do Jimin? -Tae olhou confuso -

-Sim, não sabiam? -Hoseok olhou curioso-

-Não.. -Namjoon e Tae deram de ombros-

-Por que ele não veio Minnie? - Tomei um gole d'água na taça secando seguidamente minha boca com o guardanapo de pano preto -

-Hyung... você sabe que o Yoongi é muito ocupado...

-Mas tem tempo para falar com você pelo Kakao -Jungkook estava me tirando do sério,o fuzilei novamente-

-Não vai comer Jungkook? -Perguntei irônico e vi o tal fechar a cara-

-Jungkook não sabe comer com garfo e faca,muito menos usar guardanapo, ele come feito um animal - Tae disse e eu segurei a risada-

 Vingança é um prato que se come frio,mas a minha era bem quentinha...

-Não tem problema Jungkook,pode comer com colher.. -Jin sorriu para ele e eu revirei os olhos,ele fitou Taehyung com raiva e o mesmo desviou o olhar-

-Obrigado Hyung,mas na verdade,apenas estou sem fome -Ele disse e o Jin assentiu -


Jungkook

Oh, maybe I came on too strong

 Maybe I waited too long 

Maybe I played my cards wrong 

Oh, just a little bit wrong

 Baby I apologize for it

Tudo se encontrava escuro,desci as escadas,eu estava realmente com fome,depois de tomar banho e colocar uma calça moletom de Namjoon e uma blusa branca,logo vi uma luz branca vindo da cozinha, alguém estava com a geladeira aberta,cheguei perto e toquei seu ombro.

-O que está fazendo? -O mesmo se assustou e me deu um tapa-

-Ca7 isso dói merda! -Disse alisando o local-

-Você quer morrer? -Jimin sussurrou- Aliás,quer me matar de susto?E se falar palavrão novamente vai levar outro tapa! -Sua voz era baixa e revoltada,ri na mesma hora-

-Desculpe,não quis te assustar,o que está fazendo aqui? 

-Hhm,tomando um pouco de suco de laranja não está vendo? -Disse seco-

-Desculpe,só perguntei -Ri, confesso que não estava achando ruim esse Jimin difícil na minha frente,era...desafiador.

-E o que raios está fazendo aqui?

-Nada... -Respondi constrangido e ele revirou os olhos,seguiu ao armário e retirou um pote de vidro roxo e pequeno,logo seguido de pão de forma integral e a jarra de suco.

-Vai engordar se comer tanto assim -Disse e ele revirou os olhos novamente,percebi que era vidro de geleia,e pelo formato do vidro deveria ser uma fortuna,o mesmo passou delicadamente a geleia em um pão forrando com outro,pegou a faca e cortou em forma de triângulo virando dois sanduíches de geleia,logo colocou o suco em outro copo e eu o olhei curioso,arregalei os olhos quando ele empurrou o prato para mim,o olhei fixamente-

-Não se faça de idiota,sei que está morrendo de fome,coma,vamos,e não se acostume com isso -Ele suspirou e eu olhei apenas por alguns segundos logo devorando os dois sanduíches e o suco,ele ria me olhando-

-O que?

-Tae tem razão, você parece um animal comendo - Ele tampou a boca para não gargalhar-

-Folgado você hein? -Disse e pude ver seu Eye Smile se formar,nos olhamos por alguns segundos e ele tossiu -

-Já acabou? ótimo,pode ir dormir agora.-O olhei confuso-

-Vamos, vá para o quarto,eu irei dormir na sala .

-Por que?

-Aquela cama me deixa dolorido,o sofá é mais macio, eu gosto de dormir na sala.

-Tem certeza? -Perguntei confuso-

-Sim.

-Ok...obrigado Hyung,pelo quarto e...pela comida boa que você me deu -Sorri com vontade e pude ver ele me olhar com uma expressão frustrada- Algum problema? -Ele apenas balançou a cabeça negativamente e eu subi -


*****************************

Eu me revirava pela cama sem conseguir dormir,estava cansado de mais,ou frustrado de mais,algo me incomodava e eu não sabia o que era,uma leve impressão de que algo estava errado,não com nada ao meu redor,e sim comigo,de tanto pensar nisso minha cabeça doía,estava exausta de tanto pensar,era meia noite e vinte quando eu percebi que não conseguia dormir,e minha insônia tinha nome,Park Jimin

Desci as escadas devagar com receio dele já estar dormindo,e estava,o mesmo se contraia contra o sofá segurando suas pernas pelo frio.

 Hyung...

Subi as escadas o mais rápido pegando um travesseiro e um edredom no armário,desci novamente e com cuidado levantei sua cabeça pondo o travesseiro em baixo,peguei o edredom e estiquei o enrolando, olhei para o chão e vi que havia uma pequena almofada de coração,a apanhei e pus em cima da poutrona ao lado,vi seus pés brancos e subi novamente,vulgo desci,se fizesse esses exercícios todos os dias com certeza perderia peso.Calcei as meias em seu pé e sentei na pontinha do sofá acariciando seus cabelos.

-Ah Hyung... você é tão lindo assim,sabia?desprotegido e quietinho,eu poderia te beijar agora e você nunca saberia... -Sorri maldoso mas logo desfiz o sorriso frustrado com algo estranho no coração -Porem não posso fazer isso...nem faria... não com você -Sorri para mim mesmo com minha decisão e depositei um beijo em sua testa,jurei que ele estava acordado ao ver sua mão mecher,mas ele apenas virou para o lado inquieto ainda dormindo-

-Durma bem Jiminnie Hyung... -Sussurrei dando uma última acariciada em seus cabelos e logo voltando ao quarto,me joguei na cama,e já com as pálpebras pesadas adormeci um sono profundo e sem sonhos-


























Notas Finais


Tradução : Jimin ; Eu poderia cair ou voar Aqui no seu avião E eu poderia viver, poderia morrer Me apegando às palavras que você diz E eu sou conhecido por dar tudo de mim E por me jogar mais forte do que Dez mil pedras no lago / Jungkook : Oh, talvez eu tenha chegado agressivo demais Talvez eu tenha esperado tempo demais Talvez eu tenha feito a jogada errada Ah, só um pouquinho errada Baby,eu peço desculpas por isso .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...