História We don't talk anymore - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, V
Tags Angst, Broken!taehyung, Drama, Homofobia, Kthyung, Taekook, Vkook
Visualizações 377
Palavras 844
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabs, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Kk eae men
É o último
Amém, irmãos!
Demorei, mas cheguei.

Agora vocês vão entender o porque das mensagens nunca serem entregues e o JK não estar presente. Acho que o motivo estava bem óbvio, eu vi que pessoas acertaram e, bom, é isto.

Capítulo 7 - Like we used to do


Kim Taehyung

09/11/2017 03:09


Hoje faz um ano.

É tão doloroso dizer isso, lembrar que há exatamente um ano você estava nos meus braços.

Dói, Jeongguk, e eu sou fraco demais para suportar!

Hoje faz um ano desde a última vez que eu te beijei, logo pela manhã. Eu te beijei e disse que te amava. Eu te amo. E te amar foi a pior coisa que eu fiz a você!

Hoje faz um ano, e às vezes eu acho que previ tudo isso. Naquele dia eu te beijei e te levei sua torta favorita na cama. Foi uma cena linda, e eu sinto tanto falta do seu sorriso, do seu rosto sujo e sua mente cheia de coisas boas.

Hoje faz um ano, e naquela manhã nós tivemos a melhor transa da minha vida. E eu não digo isso porque eu sou um pervertido sem futuro em profissões puras, como diria você, e sim porque foi amor, Jeongguk. Eu te amei, e nosso toques foram únicos. Eu nunca encontrarei alguém como você.

Hoje faz um ano desde a nossa última discussão por um motivo bobo, porque havíamos passado o dia todo assistindo sua série favorita e eu não te contei que seus pais haviam ligado. Você tinha problemas com seu pai e eu não queria estragar nosso dia, mas você não notou isso.

Você disse que eu não podia fazer aquilo contigo, que você precisava se redimir com sua família antes que fosse tarde. Você estava prevendo tudo inconscientemente, e eu queria apenas te proteger do mundo. Você saiu de casa, e já era tarde demais para te manter ali.

Hoje faz um ano que eu corri atrás de você, te parei e te pedi desculpa, mas você não respondeu nada. Eu te abracei, e você demorou a retribuir. E te beijar depois daquilo foi mais um erro meu.

Eu não vi eles, eu juro que não.

Eu não vi que eles estavam parados próximo a nós e que estavam em um grande grupo. Eu só queria não ter feito aquilo, eu só queria não me sentir culpado todos os dias…

Eles te afastaram de mim, Jeongguk. Eu ainda me lembro dos seus gritos de socorro, do barulho que todos os golpes desferidos contra você fazia, do sangue escorrendo pelos ferimentos aberto. Eu me lembro da sua expressão de medo que apenas aumentava, e dos objetos que serviam para machucar ainda mais seu corpo fraco.

Eu me lembro de não poder fazer nada, de ser apenas mais um inútil. Eu te ouvi implorar para que parassem, Jeongguk, e eu não consegui me soltar para te proteger, para me colocar no seu lugar.

Eu apenas queria que fosse eu ali, e não você.

Aquelas vozes, elas ainda estão na minha mente e me assombram todo dia. Eu quero morrer, eu não quero mais escutar isso.


“Vê como esse viadinho ‘tá gritando e vira homem, Taehyung!”


“Essa marica não para de gritar. É uma mulherzinha mesmo!”


“Você tão vendo como ele geme de dor igual uma vadiazinha? Deu pra entender porque você virou viado, Tae.”


“Espero que você tenha aprendido que amigo nosso não se envolve com gayzinho de merda.”


E a culpa foi minha.

Culpa minha de ter conhecido o Namjoon e seus amigos, de nunca ter falado da minha sexualidade e que eu tinha o namorado mais lindo do mundo. Culpa minha por ter mantido assunto com todos eles, nunca citando que o meu namorado era a pessoa mais carinhosa que alguém poderia ter, nunca ter dito em alto e bom tom que eu tinha um namorado.

Talvez eles tivessem me agredido, mas que mal me faria? Você não sofreria por um erro meu. Eu me culpo tanto.

“Me perdoa.”

Foi a única coisa que eu consegui dizer ao ver que eles te largaram e passaram a correr. Havia um vigia noturno por perto, e ele chegou tarde demais.

“Eu amo você.”

Foi o que você disse antes de fechar os olhos, porque era tarde demais para eu me colocar no seu lugar, era tarde demais para tudo.

É errado amar outro homem, nós sabíamos disso. É errado e todos sofremos. Eu te amo tanto, e isso me torna o maior pecador existente. Porque meu amor te matou, Jeongguk.

Era tarde demais para me perdoar.

Era tarde demais para vivermos, Jeongguk.

Você se foi numa quarta-feira, nove de novembro e você acharia isso terrível caso ainda estivesse presente, porque sempre odiou números ímpares. Nós éramos um par, e hoje eu sou uma unidade solitária.

Você se foi, e isso dói como um inferno.

Hoje faz um ano e desde então todos os dias da semana são mais tristes.

Você não me perdoou, e eu também nunca vou me perdoar.

Te amar foi o meu erro, Jeongguk. Nós estaríamos vivos caso eu nunca tivesse te amado.

Nós não vivemos mais, porque eles te mataram, Jeongguk, e metade de mim morreu junto.

E a outra metade, está sentindo sua falta. Isso machuca.

Hoje faz um ano.

E, agora, é a minha vez de morrer completamente.


Mensagem Recebida 03:09


09/11/2017 03:11
Esse número agora é meu, eu sinto muito pelo que aconteceu.
09/11/2017 03:27
Cara, me responde.
09/11/2017 04:56
Você está aí?
09/11/2017 23:30
Eu acho que isso é um adeus a alguém que nunca conheci.
09/11/2017 23:59
Espero que esteja num lugar melhor agora.



Notas Finais


O Jeongguk está morto, e agora o Taehyung também. E muitas pessoas ainda vão morrer nas mãos de pessoas preconceituosas. Essa é a realidade do mundo, e ela machuca.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...