História Weakness - Capítulo 70


Escrita por: ~

Postado
Categorias Nickelback
Personagens Chad Kroeger, Daniel Adair, Mike Kroeger, Personagens Originais, Ryan Peake
Tags Chad Kroeger, Nickelback, Originais
Visualizações 10
Palavras 1.062
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo 70,Socorro,minha maior fic hahaha
Último capítulo sofrencia da fic haha

Capítulo 70 - Leave Out All The Rest


Fanfic / Fanfiction Weakness - Capítulo 70 - Leave Out All The Rest

 

(Teddy's POV)

 

Olha só,o pequeno Chester nasceu quase junto comigo,meu aniversário foi dia 12 e ele nasceu dia 20,seria um dia muito alegre se a Rapha não tivesse partido justo no momento do nascimento do pequeno,fiquei bem mau,ela era uma pessoa boa demais,mas eu me sinto mau pelo Chad,ele está arrasado,ele simplesmente apagou na sala de parto quando ela teve a parada respiratória,o Mike que teve que dar a notícia da morte da Rapha,agora estou aqui com ele no quarto esperando o pediatra vir falar com ele,o pequeno Chester é uma coisinha linda,a cara da Rapha com os olhos do Chad,tão pequenininho,tão delicadinho,parece um boneco de porcelana.

 

-Com licença Sr Kroeger,sou o Dr Joshua,pediatra do Chester

 

-olá

 

-eu sinto muito pelo ocorrido,é extramente difícil quando isso acontece

 

-e dolorido-ele falou

 

-sim,mas vamos falar do bebê,ele está bem,está saudável,mas precisa ganhar peso,eu vou receitar o leite que ele deve tomar até os 6 meses,quando ele vai começar a ingerir alimentos,então trocaremos o leite

 

-saindo daqui,eu compro

 

-ótimo

 

Ele conversou com o pediatra,pegou o nome do leite e o m´pedico assinou a alta do pequeno.

 

-vamos pra casa pequeno?-o Chad falou colocando ele no bebê-conforto

 

-eu vou com você-falei

 

-obrigado Teddy

 

Eu ainda tenho o contato do James,ele sabia do casamento do Chad e sabia da doença da Rapha,então liguei pra ele para avisar e ele disse que assim que eu souber a data do funeral,era para eu avisar,que ele viria para dar um abraço no Chad.O Chad falou com a mãe da Rapha,ela estava arrasada,mas estava encantada com o neto,ela ia ficar aqui no Canadá até o funeral da Rapha,depois ia voltar pra o Brasil,mas o Chad disse que vai viajar sempre pra o Brasil para ela ver o Chester.

 

(Chad's POV)

 

Acabei de chegar em casa com o Chester,a Teddy veio junto com o Kili,é até bom,eu não ia conseguir ficar nessa casa sozinho.

 

-eu vou dar banho no pequeno,tirar o ar de hospital dele-falei

 

-tudo bem,eu vou levar a bolsa dele pro quarto dele

 

Subimos e fomos para o quarto do Chester,a Rapha queria decorar,por conta do nome dele é da paixão da Rapha por Transformers,as paredes teriam chamas pintadas como as tatuagens que o Chester tinha e quarto seria todo decorado com coisas do Transformers,mas não deu tempo,então o quarto estava bem simples,assim que eu mudar,vou decorar o quarto dele do jeito que a Rapha queria.

 

-não decoraram o quarto?-a Teddy perguntou

 

-não deu tempo,mas na casa nova eu decoro do jeito que a Rapha sempre quis

 

-amanhã a gente uma vê uma casa nova pra você

 

-quero sair daqui o mais rápido possível,eu vou sufocar se eu continuar aqui

 

-eu te entendo

 

Dei banho no Chester,a Teddy fez o jantar,eu estava sem fome,mas sabia que precisava comer,então comi um pouco,fiz a mamadeira do pequeno e fui para o meu quarto,enchiba cama de travesseiros,deitei,fiz ele dormir,coloquei ele deitado do meu lado e acabei dormindo também.

 

[...]

 

Dia 27 de Maio,um domingo ensolarado,mas nada feliz,eu senpre uso preto,mas hoje eu preferia não usar,é o funeral da Rapha,terminei de arrumar a gravata,coloquei o colar com a aliança e o anel de noivado dela,fui arrumar o Chester,coloquei um macacão preto nele,o Kili apareceu no quarto já pronto,calça de seria preta,tênis uma camisa social branca e um sweater preto por cima.

 

-Kili!-ouvi a voz da Teddy-ah,tá aqui

 

Ela estava pronta também,estava com uma calça preta,coturnos,uma camisa social feminina preta com caveiras bem pequenas vermelhas e uma jaqueta de couro.

 

-vamos?-falei

 

-vamos-ela falou pegando o Kili no colo

 

Seguimos para o cemitério e o funeral começou com o padre falando,eu nem olhava para o caixão,pra não chorar mais,eu precisava me concentrar.

 

-ta na hora Chad-o Ryan falou

 

-ok

 

Fui lá na frente e comecei a falar:

 

-eu não escrevi nada,até porque,eu não conseguiria,o que eu tenho pra falar da Rapha,é que ter esbarrando com ela naquela praia do Rio de Janeiro foi a melhor coisa que já aconteceu,ter me atrasado para a passagem de som por ter passado a noite com ela não me traz arrependimento algum,eu repetiria tudo isso só pra ter ao meu lado de novo,Rapha,eu só quero que você saiba,que não importa onde você esteja,eu vou te amar pra sempre e vou ensinar o Chester a ser o amor de pessoa que você foi,vou ensinar ele a ter a sua força de vontade,a sua garra para conseguir seus objetivos,vou fazer você ser a heroína do nosso filho,eu te amo!

 

Depois que eu terminei meu discurso,o Ryan veio com um violão,sentou em um banco ao meu lado e começou a tocar Leave Out All The Rest do Linkin Park,musica que a Rapha amava,de uma banda que ela amava,de um cara que ela admirava e que agora estava junto em outro lugar.

 

-

When my time comes forget the wrong that I've done

 

Help me leave behind

 

Some reasons to be missed

 

Don't resent me, and when you're feeling empty

 

Keep me in your memory, leave out all the rest

 

Leave out all the rest

 

Eu tinha que segurar o nó na garganta,mas era difícil.

 

-Forgetting all the hurt inside

 

You've learned to hide so well

 

Pretending someone else can come

 

And save me from myself

 

I can't be who you are...

 

Eu não aguentei,acabei deixando algumas lágrimas caírem

 

-...I can't be who you are-terminei de cantar chorando muito e o Ryan me abraçou

 

Depois que eu cantei,eles enterraram o caixão e o pessoal começou a se despedir,mas uma pessoa me chamou a atenção:

 

-Chad

 

-James?

 

-eu sinto muito cara-ele me deu um abraço-foi lindo você cantando aquela musica pra ela

 

-obrigado

 

-a Teddy me contou

 

-a Teddy?-perguntei levemente espantado

 

-apesar de tudo,ela não é uma pessoa ruim

 

-ela mudou muito,a Rapha fez ela mudar

-a Rapha era uma pessoa incrível,te amava muito

 

-sim

 

-é o filho de vocês?-ele perguntou apontando para o bebê conforto

 

-sim-tirei o pano que estava cobrindo ele do sol

 

-que menino lindo,como é o nome mesmo?

 

-Chester

 

-ótimo nome

 

-vamos...oi James-a Teddy falou

 

-oi,meu Deus,como o Kili ta grande

 

-um meninão né?-ela falou

 

-sim haha,bom,eu vou indo,só vim pra te dar um abraço mesmo Chad

 

-obrigado James

 

-tchau Teddy

 

-tchau

 

Ele saiu andando e eu fui para o carro com a Teddy:

 

-agora preciso começar um capítulo novo na minha vida-falei

 

-vai se um capítulo feliz-a Teddy falou

 

-tomara

 

-vai sim,você vai ver-ela falou sorrindo,tomara que ela esteja certa.

 


Notas Finais


Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...