História Werewolf - Capítulo 1


Escrita por: e inniewonka

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Kim Woo-jin
Tags Bang Chan, Kim Woojin, Lobisomem, Metamorfo, Stray Kids, Ymsks
Visualizações 74
Palavras 695
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fantasia, Ficção, Ficção Científica, LGBT, Magia, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E lá vamos nós outra vez

Espero que gostem dessa ficzinha, eu simplesmente comecei a escreve-la e saiu isso depois de uns vinte minutos; acho que gostei

Boa leitura, espero que gostem!

Capítulo 1 - Um metamorfo descontrolado e um mestiço assustado


 

Era tarde, cerca de onze e meia da noite e as ruas encontravam-se praticamente vazias àquele horário, exceto por alguns carros que passavam por ali de vez em quando. O jovem garoto caminhava sozinho pelas ruas mal iluminadas a caminho do bosque. 

Desde crianças os moradores da pequena cidade ouviam sobre o quão assombrado o lugar supostamente era, histórias de mortes e vozes estranhas vindas dali; mas Christopher não importava-se. Já havia ido ali outras vezes e o máximo que encontrou foi aranhas e diversos insetos. 

Adentrou o bosque com calma, com sua típica expressão de indiferença no rosto pálido. Sabia que à meia noite a lua cheia faria efeito, e não teria mais todo aquele controle de si mesmo. Bang Chan era um metamorfo, mordido por um lobisomem mestiço, e às luas cheias o loiro perdia totalmente o controle de sua magia, transformando-se em criaturas aleatórias até que o sol tome seu posto no céu novamente.

Caminhou até uma cabana de madeira antiga que havia encontrado ali e, com certa dificuldade, abriu a porta pesada de carvalho, deparando-se com algo que o deixou assustado logo de início. 

Havia um garoto alí. Um garoto alto, de braços fortes, cabelos castanhos e pele amorenada. Encostado numa das paredes com uma expressão assustada no rosto. 

— Q-quem é você? — Perguntou o moreno, apavorado demais para não gaguejar na frente do loiro. 

— Eu? Bang Chan, e quem é você? — Questionou, apontando para o maior, vendo-o tremer levemente. 

— W-woojin. Kim Woojin. — Disse baixo. — O que quer aqui?

— O que eu quero aqui? Oras, eu venho pra cá todos os meses, a pergunta é o que você faz aqui? — Retrucou, encostando a porta atrás de si, vendo o maior encolher-se como um filhotinho indefeso. 

— Eu… Ah, droga, a casa é realmente sua? — Questionou-o. 

— Não, mas eu achei primeiro.

— Por favor, me deixe ficar aqui pelo menos essa noite. — Praticamente implorou, juntando as mãos em frente o resto num sinal de súplica. — Eu não vou conseguir achar outro lugar ‘pra me esconder hoje, já está quase na hora!

— Hora? Hora de que? — Aproximou-se, vendo o rosto do moreno passar de desespero para surpresa, ainda com medo.

Não devia ter dito aquilo; era perigoso. 

— H-hora? Que hora? Eu não falei nada disso. — Desconversou, balançando as mãos rapidamente. 

— Ah, você falou sim! — Aproximou-se mais ainda, ficando a poucos passos do maior. — Eu só deixo você ficar se- — Sua fala foi cortada pelo moreno que, inesperadamente, urrou de dor, levando as mãos a cabeça, quase caindo de joelhos no chão sujo da cabana. — O que foi?

— Já está vindo, Chan, é quase meia noite. — Mais um grito.

Christopher o ajudou a levantar e sentar-se em uma das cadeiras antigas que havia ali.

— Caralho, você é o que, um lobisomem?

— Mestiço. — Respondeu, com os olhos fechados e a respiração pesada, tentando controlar-se. — Por favor, não conta pra ninguém, eu fui mordido mês passado. — Suplicou novamente, agarrando-se no braço do loiro ajoelhado à sua frente. — Acabei de me mudar ‘pra cidade e eu nem me transformo completamente, achei esse lugar abandonado e pensei que ninguém me encontraria aqui nas noites de lua cheia. 

— Ei, está tudo bem, Woojin. Podemos ficar aqui juntos. — Tentou tranquilizá-lo, ganhando um olhar confuso como resposta. — Um lobisomem mestiço, como você, me mordeu a alguns meses atrás. — Contou. — Sou um metamorfo que perde o controle dos poderes durante a lua cheia; podemos nos ajudar.

— Um metamorfo?

— Sim, posso me transformar em qualquer criatura, mas às luas cheias eu não tenho controle disso. — Explicou. — Mês passado me transformei em um filhote de dragão, foi sinistro. — O moreno riu, já mais tranquilo.

— Obrigado, Chan.

Após conversarem por mais alguns minutos suas transformações finalmente vieram, acalmaram-se e passaram a noite toda juntos. Começaram a encontrar-se na velha cabana todos meses durante as noites de lua cheia. Criaram uma amizade forte e um grande senso de proteção um pelo outro — talvez por conta de seus lobos. 

Ajudaram-se a descobrir mais sobre o que eram e até a como controlar melhor as dores das transformações. Juntos tornaram-se mais fortes e corajosos. Um lobisomem e um metamorfo, o que poderia ser mais estranho? Nada podia atingi-los quando estavam juntos.

 


Notas Finais


e então, gostaram?
por favor, deixe sua crítica se puder

não sei pra vocês, mas o woojin tem muita vibe de lobisomem pra mim

daqueles bem sexy, rs

obrigada por ler, até a próxima!

Capa por @mintsstuff
Betagem por @Jeonjxxnggxk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...