1. Spirit Fanfics >
  2. ...what if i stay? >
  3. Reencontrando...

História ...what if i stay? - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Reencontrando...


Eu fui até a varanda do meu quarto, ela dava bem de frente pra uma janela da casa dos Lee., torci pra que fosse a janela da Liv.

Esperei um pouco até que vi um movimento no interior do quarto, era ela e estava mais linda do que quando a deixei aqui.

Dei um assobio e ela veio até a janela. 

- Eu não acredito Min...Yoongi??

Ela me olhou como se visse um fantasma.

- Eu posso entrar? 

- C-Claro...

Havia uma árvore entre nossas casas os galhos iam da minha varanda até a janela dela, atravessei por ela.

Mal pus os pés em seu quarto e ela me abraçou apertado.

- Yoongi...quando chegou?? Não avisou nada. Nem respondeu minhas cartas e e-mails.  Eu quase entrei em depressão por sua causa.

Ela tentava me acertar diversas vezes com uma almofada enquanto eu tentava me defender.

- Liv? Calma.

Eu a segurei pelos braços impedindo que se movesse.

- Calma? Min Yoongi você praticamente sumiu no mundo.

- Liv...Eu não recebi suas cartas. O correio fica muito confuso quando estamos em missão. As cartas muitas vezes chegam em um endereço que ja não estamos mais. E quanto aos e-mails...você acha mesmo que eu tinha acesso a internet??

- Tudo bem, está perdoado.

 - E você sentiu mesmo minha falta?

Digo me deitando em sua cama.

- Sim, tentei me distrair um pouco trabalhando com o papai. Mas como o seu pai também está lá e agora sua família mora aqui ao lado, foi um pouco difícil. 

- É verdade, me conta essa história. Porque meus pais estão morando aqui? 

- Bom...é aquela velha história que você já conhece. Meu pai quer sua família por perto...gosta muito deles.

- Sei...Meu pai trabalha com o seu agora??

- Sim é um diretor executivo.

- Legal- Digo mordendo uma maçã que estava na sua mesinha de cabeceira.

- Meu pai ainda quer você na vice presidência. 

Ela diz se sentando aos pés da cama. Eu me levanto mas não intencionalmente. 

- Ele está louco, ainda não desistiu disso? Eu gosto de música quero ser produtor e não administrador de uma empresa de cosméticos. 

- A empresa do meu pai da bastante dinheiro Yoongi.

- Eu sei Liv, mas a música é a minha paixão. Eu não quero trabalhar com outra coisa. Por falar em paixão eu preciso falar sério com você. 

Ela apenas desviou o olhar da janela onde observava nossas mães conversando no quintal.

-Diga...

- Nossos pais ainda levam à sério essa bobagem de casamento?

Ela me olha cerrando os olhos.

- Acredito que sim. Mas eu não diria que é bobagem.

-Han..?

- Min Yoongi...namoramos desde nossos 15 anos. 

- Ah Liv..você sabe tanto quanto eu que era um namoro bobo meio até infantil. Mesmo na adolescência eu nunca te toquei, eu parecia mais seu irmão do que namorado. Contou isso a eles??

- Eu sei Yoongi...Mas eu achei que...

- Liv..? Você quer esse casamento? Todas as vezes que falou nisso, você estava realmente falando sério???

Ela desvia o olhar me deixando confuso.

- Claro que não,  mas como estamos acostumados um com o outro e...sei lá podia ser bom pra você o prestígio que meu pai tem te abriria muitas portas.

- Isso é verdade, mas não. Você merece ser feliz Liv, é sempre tão boazinha se colocando de lado pra que eu possa me dar bem, não mudou nada.

Digo afagando seu queixo.

- É claro...você também né, merece encontrar alguém que te faça feliz.

- Na verdade eu acho que já encontrei Liv, quero apresenta-la a você. 

Vejo o porta joias que ela segurava abrindo e fechando impacientemente, se espatifar no chão. 

-Me desculpe...Eu...

- Calma eu vou te ajudar.- Digo pegando os cacos do chão. 

Ouvimos passos apressados se aproximarem e ela sinaliza pra eu ir embora.

Liv

Eu não havia digerido ainda o que ouvirá de Yoongi. Quando ele se foi eramos um perfeito casal...tá um quase perfeito casal, nunca passamos o limite do beijo mas assim  eu amava Yoongi e senti que era recíproco. 

E agora ele volta com esse papo que era só curtição e que ele arrumou outra?

Eu queria poder despejar minha frustração toda em cima dele. Eu levava sim nossa história de casamento muito a sério e ele sempre soube, até concordava comigo, agora que voltou mais maduro quer meter o louco e pular fora?

Eu prometi espera-lo e esperei, mas ele não cumpriu sua parte de continuar apaixonado por mim.

Fui tirada dos meus devaneios com a criada anunciado que iu estava subindo.

- Que cara é  essa? 

Ela entra no quarto e puxa uma cadeira.

- Min Yoongi está de volta.

- Ainda não entendi o motivo da cara de sofrimento. Não era pra você estar feliz?

iu era tanto minha amiga como de Yoongi também.

- Eu estaria se ele não estivesse completamente diferente. 

- Diferente como?

- Não sei explicar mas...não estamos mais juntos.  Em algum momento ele me largou e eu não fui comunicada.

Deito na cama e abraço meus joelhos.

- Bom...você sabia que ele poderia não voltar, talvez estava implícito na despedida que era uma separação.  Talvez ali ele tenha te dado uma dica e você não pescou.

- E agora? O que eu faço?

- Minha amiga...? Não existe só o Yoongi no mundo não. 

- Eu sei mas...nosso casamento, eu sonhei com ele.

- Lívia??? Eu sempre te falei que essa história de vocês era unilateral. Ele entrava na sua onda de casamento mas nunca levou a sério. Só você " a doida" que embarcou nessa.

- Você acha?

-Amiga?? Acorda. É duro ter que te dizer isso mas o Yoongi te vê como a irmãzinha dele. Esse namoro de vocês nunca pareceu muito real.

Depois da conversa com iu eu e meus pais fomos a casa dos Min para o jantar.

A senhora Min abre a porta e logo estamos todos conversando na sala, menos Yoongi.

-Está ansiosa pra ve-lo não é querida? 

O senhor Min faz um sinal pra que eu suba é vá até o quarto dele e eu não penso duas vezes.

Bati na porta que está entreaberta.

-Yoongi..?

Ele estava ao telefone.

" Eu já estou morrendo de saudades, louco pra que você também consiga sua dispensa, as coisas aqui em casa estão meio doidas, mas estou me organizando com calma"

" Eu sei meu amor, mas você precisa ser paciente...Seoyoon me escuta..."

Ele se vira e me vê em pé na porta se despede e desliga o celular.

- Deu pra me espionar agora baixinha?

- Não idiota, eu vim ver porque estava demorando pra descer.

- estava conversando com a minha namorada. Você vai conhecê-la. É incrível.

-Imagino, podemos descer?

- Sim vamos, porque está rabugenta? Não me recordo de você ser assim.

Ele fecha a porta do quarto e descemos.

Meu pai já havia servido todos na sala e levanta sua taça erguendo um brinde.

- Ao meu futuro genro e vice presidente do grupo Lee.

Yoongi sorri sem graça. 

- Sempre brincalhão não é senhor Lee?

- Quem está brincando rapaz? Isso tudo já foi adiado demais.  Eu estou velho e cansado, preciso me aposentar, porque acha que te preparei tanto? Preciso urgente do meu substituto, já era pra ter acontecido se não fosse essa droga de serviço militar. 

-senhor Lee...Eu fico muito agradecido mas...eu não posso aceitar.

- Como não??? Isso já foi acertado há muito tempo. Não brinque comigo rapaz quer que eu infarte e caía duro antes do casamento da minha filha.?

Meu pai solta uma gargalhada, mas Yoongi não move um músculo do rosto, os pais dele também ficam apreensivos.

- Senhor Lee...

A mãe de Yoongi o interrompe. 

-filho pode me ajudar a trazer as comidas?

Ele aceita e segue pra cozinha. 

Min Yoongi

- O que acha que está fazendo Meu filho?

- O que eu acho?? Mãe aquele homem é inacreditável.  Eu não quero assumir a empresa dele. Nem me casar com a Liv.

- Mas você gostava tanto dela. 

- Ainda gosto mãe,  mas não dá mesma forma. Acho que nem era amor o que eu sentia naquela época se fosse não teria passado.

- Meu filho...o que faremos agora?

- UE? Eu digo que não vou me casar e ponto. Não é justo nem comigo e nem com a Liv.

- Não pode Min Yoongi. Não pode fazer isso por favor.

Minha mãe se joga aos meus pés chorando.

- Mãe? O que está fazendo?? Pare com isso.

- Meu filho. Aquele homem destruirá nossa vida se você quebrar esse acordo.

- Do que está falando mãe?

- Ele despedira seu pai, nos colocará pra fora dessa casa.  Terei que voltar a costurar.

- Mãe eu posso nos sustentar. 

- Não meu filho você não entende. Seu pai está em dívida com ele,  ele põe seu pai na cadeia se quiser. Nossas vidas dependem desse casamento Yoongi.

Eu soco a mesa com força. 

Mas uma ideia me surge na cabeça,  Liv é claro. Uma coisa é  eu dizer que não quero, mas se ela dissesse que não quer o pai não poderia mais me obrigar e nem punir meus pais por isso.

Voltamos a sala e eu ajudo minha mãe a colocar a mesa.

Após o jantar o senhor Lee volta no mesmo assunto.

- Então meu genro. Precisamos marcar uma data pra logo.

- Senhor Lee...Eu sei que o senhor se empenhou muito pra que eu correspondesse suas expectativas. 

- E você corresponde, sei que será o marido perfeito pra minha filha.

- Sim eu acredito, mas o ponto é que Liv não quer se casar comigo. Não é Liv...diga a ele.

Nesse momento todos olham pra Liv, eu me senti meio mal por jogar a bola pra ela dessa forma. Mas se tinhá alguém que podia salvar nós dois, era ela.

- Minha filha, que história é essa?? Vivia falando desse rapaz, como não quer se casar.?

Eu não entendi o silêncio dela. Estava com medo??

- Pai...

- Vamos Lívia,  você quer esse casamento ou não?? Não me diga que perdi tempo e dinheiro preparando esse rapaz pra você, e agora você vai me contrariar???

Ele bate na mesa com o punho fechado. 

-Diga Lívia !!!

- N-não pai...Eu não iria contra o senhor. 

Oque??? Eu estava boquiaberto. Ela teve a chance de salvar nós dois e se acovardou.

Saio da mesa pego minha jaqueta e saio pela porta.

Lívia me segue até o jardim. 

- Yoongi....

- Porque fez isso??? Hum..?? Tem noção do que acabou de fazer?? Podia ter nos livrado.

- Me desculpa,  eu...Não pude...Meu pai ele..

- Ele não ia fazer nada com você  Lívia.  Você acabou com nossa vidas!!

-Espera...o que??? Estar casado comigo é tão ruim assim???

-Não foi isso que eu.... Ah...espera você realmente quer esse casamento?? 

-E se eu quiser?? O que tem de mal?. Eu te amo prometi esperar e esperei.

- Eu não acredito nisso Lívia, a gente teve algo legal no passado mas acabou, a distância destruiu tudo. Não tem como reconstruir. 

- Você nem quer tentar?? Yoongi eu te amo, podemos voltar a ser como antigamente.

- Eu não posso acreditar que você foi tão egoísta assim Liv, sabe que eu tenho namorada. Gosto de você mas não como antes. Você não podia ter feito isso comigo, não é mais a Liv que eu conheci. 

Eu pego meu carro e a deixo no Jardim, ela não podia ter feito isso, não tinha esse direito aquele velho patético do pai dela não tinha esse direito nem meus pais tinham esse direito.

Era a droga da minha vida eu faria dela o que bem entendesse dali por diante.





Notas Finais


Gente me contem o que estão achando pra eu saber se está bom ou ruim..😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...