História What is love? -Jeon Jungkook- - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais
Visualizações 98
Palavras 443
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - Jardim não mais secreto


Eu tava saindo do estádio quando o Jungkook me puxa fazendo eu virar pra ele

S/n: tá doido é menino? Não sou puxa puxa não

JK: foi você né?

S/n: eu o que? Tá doido?

JK: foi você que falou pro Jimin que eu queria ficar com a Mina, a menina que ele gosta

S/n: posso ter falado como posso ter não falado

JK: você vai falar pra ele que mentirá

S/n: olha aqui Jeon Jungkook, ninguém manda em mim muito menos os meus pais, e não vai ser um filhinho de papai que vai me mandar fazer as coisas, então se eu quiser eu fala a verdade pra ele, agora de me dá licencia tô indo pra sala

Eu deixei ele lá com cara de tacho me olhando, quem ele pensa que é pra mandar eu fazer as coisas? 

(...)

Eu tava indo pra sala quando sinto um ser pular no meu pescoço

S/n: tá doida é Lisa?

Lisa: oieeee, tudo bem?

S/n: tudo e você?

Lisa: eu tô ótima, nunca estive melhor

S/n: por que está tão feliz?

Lisa: minhas amigas estão vindo morar aqui na Coréia, você vai amar elas

S/n: mais gente pra eu aguentar?

Lisa: até parece que sou impossível de se lidar

S/n: você é impossível de se lidar

Agente entrou pra sala e eu me sentei no meu lugar de sempre, no fundão, mas logo o sinal bate e o inferno começa

O professor começou a falar as mesmas merdas de sempre, a única coisa que eu entendi no que ele falou foi "Bom dia alunos"

(...)

Depois de aulas e aulas intediantes, o sinal bateu para o intervalo, então peguei meu celular e fui para o jardim, como disse meu lugar favorito nesse colégio

Eu me deito na grama colo meu fone é fico ouvindo música, hoje irei matar as últimas aulas e vou ficar mais tempo aqui no Colégio

Pov's Jungkook on

O sinal para o fim das aulas já tinha batido, então fiquei na sala a espera da S/n para eu mandar ela ir falar com o Jimin, mais nada da estrangeira aparecer, mas a mochila dela tava na sala

Mais deixei pra lá e fui para o jardim do colégio, é onde eu crio minhas músicas e canto

Eu tava entrando no jardim quando vejo alguém deitado na grama, então me aproximei e vi que era a S/n, então aproveitei para dar um susto nela

Jk: S/nnnnnnnn 

S/n: vai se fuder Jungkook

JK: como não se assustou?

S/n: eu não sou surda né Jungkook, ouvi você chegando

JK: como sabe do jardim?

S/n: não te interessa

JK: se não interessasse não estaria perguntando

S/n: melhor então, não tô afim de falar com imbecis

Ela sai do jardim e eu fico pensando em quantos agurmentos ela tem pra dar nas pessoas, todo dia é um pra cada pessoa






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...