História What To Do On A Raining Day? (Camren) - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Camila Cabello, Lauren Jauregui
Tags Camila Cabello, Camren, Fifth Harmony, Girl On Girl, Lauren Jauregui, Lesbian, Lgbt, Sex
Visualizações 265
Palavras 575
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo 😊
Um bem esperado por acaso... Finalmente aconteceu 🙌
Espero que estejam gostando da Fic
Boa Leitura 🤗

Capítulo 11 - We Kissed


Olhei para Camila. Ela ainda estava de olhos fechados como eu havia mandado. Ela era tão linda, tão perfeita... Eu a queria tanto, lhe desejava como nunca quis alguém e olha-la daquela forma, completamente entregue a mim, me deixou tão excitada... Eu sentia uma corrente elétrica passar por todo meu corpo.

Levei minha mão até seu cabelo e coloquei uma mecha que estava solta atrás de sua orelha. Depois minha mão desceu para sua bochecha, lhe fiz um carinho com o polegar, antes de escorregar meu dedo e passá-lo levemente por seu lábio inferior... Eu sentia toda energia que emanava de seu corpo entrar em choque com a minha.

A admirei uma última vez e aproximei nossos rostos, entre nós havia uma distância mínima de poucos centímetros. Eu conseguia sentir sua respiração bater em minha bochecha.

Percebi que Camz estava muito nervosa, ela não se mexia, continuava parada de olhos fechados com as mãos em cima das pernas, mas queria que ela gostasse daquilo, queria deixá-la o mais confortável possível.

Peguei uma de suas mãos e a levei para minha cintura, me arrepiei ao sentir o toque quente da sua pele contra a minha. Pus uma das minhas mãos encaixada entre seu pescoço e bochecha e com minha outra mão segurei a dela que ainda estava caída em cima da perna.

Fechei os olhos enquanto me aproximava ainda mais, dessa vez tirando qualquer distância que nos separava.

A beijei.

Começou bem devagar, apenas nossos lábios se tocavam e aquilo era incrível, a melhor sensação que já senti. É lógico que já havia beijado outras meninas, mas não a Camz, o beijo dela era muito mais gostoso, como se nossas bocas se encaixassem perfeitamente.

Continuei devagar, apenas aproveitando o momento, sem forçar nada, queria fazer tudo ao tempo dela. Até que senti ela apertar minha cintura, não entendo como, mas sabia que Camz queria mais, assim como eu.

Nosso beijo aumentou a velocidade, até nossas línguas estarem brigando por uma dominância. Eu sentia o gosto da Vodka em seu beijo, sentia a maciez dos seus lábios, sua mão na minha... Meu corpo estava ardendo com tudo aquilo.

Camila parou nosso beijo para tomar fôlego e ficou me olhando. Mas eu não entendi o que aquela expressão significa.

- Laur... – ela falou me olhando com uma cara de confusão.

- Oi Camz – disse, já com medo do que viria, mas tentando me manter o mais calma possível.

- Isso quer dizer que eu sou... – ela começou, mas não terminou.

- Não sei Camz, isso depende... – respondi, sendo sincera – Você gostou? – pergunto nervosa a olhando.

Vi que ela corou e olhou para baixo.

- Sim – ela respondeu baixinho, ainda olhando para baixo – Muito – dessa vez disse isso com o rosto levantado me olhando nos olhos.

Um sorriso nasce em meu rosto e no de Camila. Nós olhamos como duas idiotas e começamos a ri. Comecou leve, apenas algumas risadas, mas depois passamos a gargalhar, nos somos bem idiotas para ri, principalmente quando estamos nervosas, como era  o caso. 

Rimos muito, aquilo havia sido tanto bom, como um pouquinho estranho, já que estava beijando minha melhor amiga, e deve ter sido bem mais para Camila. Paro de gargalhar com lágrimas descendo por meu rosto, fico apenas sorrindo olhando Camila tentar se acalmar, mas sem sucesso.

- Você é linda – lhe digo com um sorriso no rosto lhe olhando ainda tentar parar de ri com lágrimas também descendo por seu rosto.


Notas Finais


Finalmente esse beijo saui... ALLYLUIA 🙌🙌🙌
Infelizmente acho que a Fic está chegando ao fim 😢
Então, gostaram do capítulo? 🤗
Obrigada por todos os comentários, eles são muito importantes para mim 😊
Por favor comentem e favoritem se estiverem gostando da Fic...Espero que estejam 😅
Obrigada por lerem 💙💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...