História What to expect from our future? - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Capitão América, Deadpool, Homem de Ferro (Iron Man), Homem-Aranha, Homem-Formiga, O Incrível Hulk, Os Vingadores (The Avengers), Pantera Negra, Thor, Wolverine, X-Men
Personagens Adrian Toomes (Abutre), Anthony "Tony" Stark, Ben Parker, Clint Barton, Darcy Lewis, Dr. Bruce Banner (Hulk), Dr. Curt Connors (Lagarto), Dra. Helen Cho, Edward "Eddie" Allen Brock (Venom), Erik Lehnsherr (Magneto), Everett K. Ross, Flint Marko (Homem-Areia), Gwen Stacy, Harry Osborn (Duende Verde), Heimdall, James Buchanan "Bucky" Barnes, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Johann Schmidt (Caveira Vermelha), John Jonah "JJ" Jameson, Lady Sif, Logan (Wolverine), Loki, Maria Hill, Maxwell "Max" Dillon (Electro), M'Baku, Nakia, Natasha Romanoff, Nick Fury, Norman Osborn (Duende Verde), Okoye, Pantera Negra (T'Challa), Pepper Potts, Personagens Originais, Peter Parker (Homem-Aranha), Professor Charles Xavier, Ramonda, Sam Wilson (Falcão), Scott Lang, Sergei Kravinoff (Kraven), Shuri, Steve Rogers, Wade Willson (Deadpool), Wilson Grant Fisk (Rei do Crime)
Tags Cherik, Everett/t'challa, Loki/wanda, Omegaverse, Stony, Thunderhulk, Winterfalcon
Visualizações 76
Palavras 1.962
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Esporte, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Orange, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Slash, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capítulo de hoje!!!!!!

Capítulo 7 - Breakfast with family


Fanfic / Fanfiction What to expect from our future? - Capítulo 7 - Breakfast with family

 

Existe uma sensação que não é exatamente tristeza, mas te deixa vazio e todas as coisas em volta acabam se tornando irritantes, como se você estivesse em falta, com alguém ou alguma coisa, mas não dá para saber exatamente o que é e dificilmente da para saber qual a causa desse buraco que parece estar crescendo e crescendo e tomado cada parte de si. Hilde queria não se sentir assim, mesmo que ela não se sinta dessa forma tempo todo, mas ela sempre acaba caindo nesse buraco e ela só queria saber por que.... Mas se ela for sincera consigo mesmo ela sabe exatamente o que é que a faz se sentir assim.

Hoje não estava dando para ligar o modo Hakuna Matata e foi bem por isso que ela quis assistir o filme, o primeiro ela já havia assistido sozinha e quando ia ver o segundo chamou sua amiga para ver com ela e foi hoje depois de assistir o filme, ela sentiu essa vontade de chorar de sumir... de morrer, ela sabe que não deveria se sentir assim, sabe que é amada por seus pais e seus tios e primos, sabe disso, mas ela se sente tão diferente, ela se sente tão errada. 

Hoje ela percebeu que talvez goste de alguém, mas esse gostar nunca vai passar de algo platônico, ela se sente mal por isso,  ela não deveria, mas se sente, não por ser como é... Hilde está confusa, mais do que já estava antes. 

 

"É uma luta perdida para os instintos" dizem as pessoas,  uma desculpa idiota que as pessoas dão, uma vez que instintos podem ser controlados e não necessariamente tem que ser satisfeitos por um alfa como manda a cartilha. Ela não segue a cartilha em na vida e sempre se entendeu muito bem do jeito que é, o único problema é que ela não faz idéia de como dizer isso para os pais ou como dizer para quem ela gosta o que sente e não é falta de coragem o problema é que isso não afeta apenas ela, então é de certa forma um ato de coragem manter seus sentimentos para si, ainda mais  com tudo isso que sua família está passado, ela não quer causar mais problemas.

Hilde  também não sabe exatamente qual seria a reação de seus pais, afinal está cercada por padrões, um (a) ômega casado com um (a) alfa, então a conversa sobre o que é diferente desse padrão nunca foi levantada, não por preconceito, mas  apenas por que o assunto nunca surgiu, ou se surgiu foi em uma "conversa de adulto" da qual ela não participou, então ela não sabe o que os pais pensam sobre.

- Bom dia! - Wanda a surpreendeu com um beijo no topo da cabeça.

- Mamãe! - Ela pula com o susto. - Bom dia.

- Onde sua cabeça estava? - Wanda pergunta. - Ou em quem? - A mãe da menina abre um sorriso.

- Eu não penso nessas coisas. - Ela diz colocando toda sua alto confiança em prática. - Você não se importaria se eu namorasse?

- Você é muito nova, mas na sua idade eu achava que  era apaixonada por uma pessoa lá em Sokovia, era platônico, bobo, nada demais. - Wanda diz, ela e a mãe são muito próximas. - Se quiser conversar eu estou aqui, sempre estarei aqui para você. - Wanda fala segurando a mão da menina.

- Mãe você não entrou na minha mente não né? - A jovem pergunta um pouco temerosa com a possível resposta.

- Eu preciso? - A mutante pergunta a filha.

- Não. 

- Vocês não deviam pensar nessas coisas, Hilde é uma criança e esses assuntos não são próprios para crianças. - Loki que provavelmente estava ouvindo a conversa passa pela filha fazendo um carinho na cabeça da menina.

- Eu tenho outros interesses e não sou criança, ja tenho muito trabalho com a minha vida, estudo e ainda tenho aprender sobre Asgard e sério para que papai está me ensinando a falar Groot? - A garota fala enquanto vê o que a mãe está preparando. - Ou seja tenho uma vida muito ocupada para pensar nisso.

- Essa é minha garota, uma maravilhosa mentirosa. - A jovem o encara surpresa. - Mas não se preocupe viva sua adolescência.

- Vou tomar café com meus tios, eles pelo menos me dão privacidade. - A menina se levanta.

- Pare com seus caprichos e sente aí para comer. - Loki diz e a menina se senta, sabe que seu pai não está brigando de fato, assim como ela não falou sério quando disse que iria sair de lá.

Sua mãe não entra em sua mente é um acordo entre elas, mas Hilde tem que contar as coisas para Wanda, o que até agora não era um problema, seu pai se tivesse o dom da telepatia com certeza entraria em sua cabeça simplesmente por que ele iria achar que estava a protegendo dessa forma, mas é impossível mentir para ele e quando ele quer saber de algo ele descobre, mas por enquanto aparentemente eles estão satisfeitos com as resposta que ela deu.

 

▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪

 

Era engraçado as manhãs na cobertura, Pai sai as cinco e meia para correr na maioria das vezes junto com Sam, Ágatha jamais faria isso  na vida, primeiro que ela dorme tarde e consequentemente acorda atarde em dias que não tem aula (Quando tem aula ela finge que dorme cedo e aí parece um zumbi pela manhã.), segundo que ela nunca vai fazer qualquer exercício físico na vida, mesmo que a vida dela dependa disso, então seu pai sai e quando volta seu papai acabou de voltar do laboratório ou então ainda está dormindo, Peter acorda logo depois e Ágatha é sempre a última a dormir, ela passou a noite conversando com T'Shifhiwa e ainda não está com sono e essa manhã ela quer contar algo para seus pais.

- Nossa você tá com uma cara, parece até que chutaram o cachorro que não temos. - Ágatha saúda o irmão que acabou de entrar na cozinha.

- Cadê nossos pais? - Peter pergunta, ele está com a calça da Hello Kitty que na verdade era de Ágatha, mas ele roubou por ser confortável e ela não pode reclamar por que vive roubando as tocas e camisas dele.

- Ainda não saíram do quarto mas estão acordados segundo Jarvis. - Ela responde. - Mas me diz o houve? Você tá mais estranho que o habitual.

- Nada, só tive um problema irritante durante a minha ronda, nada demais. - Ela deu de ombros, se ele não queria contar ela ia descobrir de qualquer forma mesmo.

- Bom dia! - T'Shifhiwa diz, ele é fofo quando acorda com cara de quem ainda está com sono.

- Bom dia! O que gostaria para seu café da manhã príncipe? - A jovem alfa pergunta brincando.

- Bom dia, acho que não fui só eu que não dormiu bem. - Peter brinca enquanto pega o leite na geladeira.

- Na verdade ficamos conversando e não dormimos essa noite. - Ele responde a Peter que da um sorriso malicioso. - A gente ficou falando sobre nossas vidas na sala e comendo salgadinhos. - Shif tentou explicar.

- Sei..- Peter disse de um jeito que duvidava.

- Dá para parar? - A de olhos coloridos diz. - Não tem a menor graça. - Ela fala irritada, não tem nada haver ela e o Príncipe e imagina ela tendo que pedir a mão dele em namoro em uma cerimônia oficial com o Rei, T'Challa é um amor como tio, mas é um pai super protetor e coitado de quem tiver o coração de Shif, ela não é do tipo que se amarra, o mundo é um grande bufett de iguarias maravilhosas e ela quer experimentar um pouco de tudo antes de se amarrar, mas não é de todo ruim se imaginar com um ômega lindo como T'Shifhiwa.

- Ágatha!? - Ela ouve Peter o chamar.

- Que? 

- Você estava olhando para o nada com cara de maníaca. - Peter diz.

- Foi mal viajei. - Ela diz sorrindo.

- Foi uma boa viagem? - Shif pergunta. Por que tão fofo!?

- Uma viagem de auto conhecimento. - Ela responde.

- Peter eu não vi isso! - Steve estava na porta da cozinha e meio que assustou a todos meio que aparecendo do nada.

- Desculpa?

- Quantas vezes eu já falei para não beber leite direto da garrafa! - O Capitão fala.

- Se ferrou! - Ágatha diz para o irmão.

- Não é certo zombar do seu irmão. - Steve fala.

- Mas é divertido! - Tony diz entrando na cozinha. - falando em irmãos cadê a minha? 

- Ela foi dormir no piso dela, ela tava' toda estressadinha e desceu. - Ágatha responde.

- Tudo bem, vou lá falar com ela. - Tony já ia descer, mas o elevador se abriu.

- Já estava indo te procurar. - Tony diz. - Mas a fome falou mais alto.

- Você me conhece tão bem maninho. - Ela deu beijo na bochecha de Tony. 

- E eu preciso contar uma coisa. - Ágatha diz, Steve continua preparando as panquecas e Tony mexendo em um holograma 3D. - Quando aconteceu o problema com o papai, eu liguei um aparelho sem perceber, mas aí aconteceu de novo e de novo e só com  aparelhos eletrônicos que estejam conectados à uma rede e como tudo aqui está conectado e é controlado por Jarvis, ele tem me ajudado um pouco com isso, eu acho que sou mutante.

"Senhores, creio que seja prudente entramos em contato com o Professor Charles Xavier, ele poderá orientar os senhores."

- Tudo bem, vamos ver isso depois do café, sem problemas. - Steve diz.

 

▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪▪

 

- Meus pais tiveram que sair, tenho Dezenove anos e preguiça de cozinhar para mim mesmo. - Foi assim Nathan apareceu na cozinha de Thor e Bruce.

- Eles saíram? O que houve? - Bruce que estava cozinhando pergunta.

- Sei lá, eles saíram de madrugada, foi uma ligação da S.H.I.E.L.D. - O menino explica se sentando junto com Ullr e Thor.

- Certo, senta aí que eu estou preparando a segunda rodada do café da manhã. - Bruce diz, mas era óbvia a preocupação dele e Thor pode sentir isso.

- Valeu, eu estava esperando a um bom tempo para poder bater na porta de vocês. - O menino fala roubando a última garfada de Ullr.

- Não se pega a comida de uma pessoa, ainda mais no café da manhã. - Ullr diz empurrando Nathan com o ombro.

- É pelas horas que você me manteve acordado pelo telefone ontem. - Nathan o empurra.

- Por que estava acordado até tarde ontem? - Bruce pergunta.

- Acordei durante a madrugada e então fiquei batendo papo com Nathan. - O ruivo responde.

- É sempre conversar para espairecer e distrair. - Thor diz enquanto Bruce termina de fazer os ovos mexidos e coloca no prato de cada um.

- Eu vou para o laboratório. - Bruce beija Thor e sai.

- Que seu trabalho seja jubiloso meu amor. - Thor fala.

- Obrigado. - Banner responde. - Tenham um bom dia rapazes.

- Terminei aqui e hoje é seu dia de lavar as louças Ullr.

- Thor disse e foi se sentar na frente da televisão.

- Ei não é justo...

- Deixa cara eu te ajudo e aí depois a gente pode da sair um pouco da Torre. - Nathan fala para Ullr.

- Então tá. - Thor escuta os meninos conversando e depois quando Ullr vem pedir permissão para sair ele deixa, afinal eles precisam se divertir.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...