1. Spirit Fanfics >
  2. Whatever Tears You Apart - Larry Stylinson >
  3. Você é uma delicia

História Whatever Tears You Apart - Larry Stylinson - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Oioi boa noite amores 💙
Me desculpem pela demora para atualizar, mas vamos lá kkk
Atendendo a pedidos está aqui a putaria kkk então se não gosta não leia, é só pular esse capítulo ⚠️⚠️⚠️
Peço desculpas se não ficou mto bom porque eu realmente sou péssima para escrever cenas hot, mas eu juro que tentei
Obrigada a todes que estão lendo até aqui e eu tenho que dizer que estou mtooo feliz com os comentários 🥰🥰
Eu comecei a escrever essa fic há uns 6 meses e não tinha coragem de postar, então significa mto pra mim saber que vocês gostaram.
Eu amei a ideia do mutirão pra terapia, mas vamos dar as mãos e ser fortes porque ainda tem muito drama pra acontecer nessa fic.
É isso, obrigada mais uma vez, amo vcs beijos 💙💙😘

Capítulo 10 - Você é uma delicia


Fanfic / Fanfiction Whatever Tears You Apart - Larry Stylinson - Capítulo 10 - Você é uma delicia

Beijá-lo não era o suficiente, nada parecia ser o suficiente, eu queria mais, minhas mãos apertavam tanto a bunda do Louis que com certeza deixariam marcas, mas eu não conseguia mais me controlar, meu corpo inteiro ardia.

Louis se mexeu no meu colo pressionando o corpo contra o meu pau ainda coberto pelo tecido da cueca boxer.

-Não precisa fazer nada que não queira ok? - ele sussurrou roçando os lábios na minha orelha. Tudo o que esse garoto faz é extremamente excitante, puta que pariu.

-E se eu quiser muito fazer uma coisa? - Perguntei sem pensar muito, apenas me deixei levar pelo momento.

-Então apenas faça - Louis riu e parou de me beijar pra olhar pra mim dessa vez segurando meu rosto com as duas mãos - Não precisa pedir permissão

Os dois segundos encarando seus olhos azuis me deram a coragem que eu precisava pra fazer aquilo, eu não sabia como fazer, mas estava curioso e morrendo de vontade então resolvi tentar. Abracei ele pela cintura e fiz ele descer do meu colo deitando na cama, Louis me olhava com curiosidade.

Ele usava uma cueca boxer preta que eu puxei pra baixo fazendo-o tirar, Louis ergueu o corpo e eu tirei a peça com facilidade, me inclinei pra beijar ele de novo e ao mesmo tempo segurei firme seu pau grosso masturbando ele, olhando nos meus olhos ele soltou um gemido de prazer e eu sorri satisfeito.

Desci os beijos pelo corpo dele até chegar no seu membro e passei a língua na glande, eu nunca fiz um boquete antes, mas já recebi vários então tentei fazer da forma que eu gostava que fizessem em mim, mantendo meu olhar no rosto dele pra ver sua reação.

Louis se apoiou nos cotovelos e jogou a cabeça pra trás gemendo quando eu coloquei seu pau inteiro na minha boca e comecei a chupar

-Porra que delícia...

Quanto mais ele gemia mais satisfeito eu ficava, o prazer dele era o meu prazer, pela primeira vez eu não me importava nem um pouco comigo, mas eu estava determinado em fazer ele gozar na minha boca, eu precisava sentir o gosto dele.

Acelerei os movimentos de vai e vem com a boca e enquanto isso usei uma das mãos para massagear os testiculos dele, eu já podia sentir o líquido do pré-gozo, então acelerei mais ainda. Fiz Louis abrir mais as pernas e aproveitei pra lamber e chupar a entrada dele, ele mordeu o lábio inferior tentando conter um gemido, mas não adiantou

-Harry... - Ele gemeu - Oh merda eu acho que eu vou...

-Tudo bem - Respondi e continuei masturbando - Goza pra mim

Louis e eu nos encaramos mais uma vez antes dele segurar a minha cabeça com um das mãos empurrando contra seu membro e então ele lançou jatos fortes que encheram a minha boca, eu engoli tudo e lambi os lábios depois.

-Você é uma delícia Louis...

-Agora é a minha vez - Ele falou e invertemos as posições, eu me deitei na cama e tirei a cueca, ele veio pra cima de mim caindo de boca no meu pau, mas era diferente, Louis sabia muito bem o que estava fazendo, a língua dele se movia para cima e para baixo espalhando saliva por toda a extensão, eu poderia gozar só com isso, mas então ele parou.

Louis sorriu e usando os joelhos dobrados para se apoiar na cama a minha volta, ele subiu e me deu um beijo urgente e cheio de desejo, quando nos separamos eu entendi o que ele iria fazer, Louis sentou com cuidado no meu pau, no inicio ele fez uma careta de dor, mas então começou a rebolar e pareceu se acostumar com a sensação, logo ele deslizou e eu estava completamente dentro dele, era quente e apertado, eu pude sentir quando no inicio a entrada dele se contraiu, mas logo ele pareceu relaxar, subia e descia devagar, então suas mãos procuraram as minhas e entrelaçamos os dedos a cima da minha cabeça. Ele estava no controle, Louis controlava a intensidade, a velocidade e os movimentos, enquanto isso ele se abaixou e me beijou novamente.

Com as estocadas cada vez mais rápidas eu iria gozar a qualquer momento, então soltamos as mãos e eu voltei a segurar a bunda dele com força ajudando a acelerar o ritmo.

-Ohhh....

O rosto dele coberto pelo prazer tirou o meu fôlego e chegamos ao ápice juntos, eu gozei preenchendo ele e Louis gozou pela segunda vez sujando a minha barriga e a dele. Minha respiração estava acelerada, foi como se uma onda de prazer intenso invadisse cada centímetro do meu corpo, eu abracei ele pela cintura colando nossos corpos, saí de dentro dele e me joguei pra trás na cama fazendo ele se deitar em cima de mim.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...