1. Spirit Fanfics >
  2. When i lost you; By Taehyung >
  3. Felizes para sempre é real

História When i lost you; By Taehyung - Capítulo 7


Escrita por: KimVikookie

Notas do Autor


Mais um cap aq :3

Capítulo 7 - Felizes para sempre é real


Ainda ficamos mais um tempo ali, olhei para o lado e vi que Jungkook tinha adormecido no meu colo:

- Kook? Jeon, acorda.- Digo mexendo no mesmo.

Ele abre seus olhinhos devagar, e começo a mexer no seu cabelo.

- E-eu dormi?

- Sim, você dormiu.

Um longo silêncio se instalou ali, até que Jungkook o quebra:

- Tae, a gente ainda vai namorar? Eu sei que você também gosta dele mas...

- Não se preocupa com isso. Eu já tenho um plano em mente.

Me levanto e estendo a mão pro mesmo, e ele se levanta.

- Vamos Jungkook, seu pai vem buscar a gente.- Saímos de mãos dadas.

Vejo o carro do Sr. Park e vamos em direção à ele. Entramos e ele pergunta se tá tudo bem, nós falamos que sim. Jungkook me puxa pra mais perto dele e faz carinho em mim. Chegamos na minha casa e eu desço do carro. Jungkook sai também:

- Tchau Kook, quando quiser é só me ligar ou falar por mensagem tá bem?

- Tá bom hyung.

Pego no rosto do mesmo e o beijo.

- Descansa tá Jungkook.

- Você também.

Me despeço do seu pai e entro em casa:

- Mãe?

- Oi filho tô aqui na sala.- Vou até ela. - Como foi?

- Tudo bem, tirando o fato de eu amar os dois, e isso mexer com meu psicólogico, tudo bem.- Me sento ao seu lado.

- Filho, se você gosta dos dois, por que não fica com os dois?

- Não é tão simples mãe, se eu namorar os dois, eles também teriam que se gostar, o que no momento não é o caso. Sem falar no que as pessoas iriam achar e...

- Taehyung, não importa o que os outros falem. Sua vida é só sua e ninguém pode mandar nela. Afinal você já tem mais de dezoito, nem eu mando mais em você.- Ela diz rindo.

- Não sei mãe. Tenho que falar com o Jungkook e o Yoongi. Falando nele, onde ele tá?

- Ele saiu, disse que ia resolver uns assuntos.

- Que estranho. Bom mãe vou subir pra tomar banho. Pode fazer algo pra eu comer?

- É claro.

Subo pro meu quarto e me deito na cama. A verdade é que eu estava com preguiça de tomar banho. Vou me arrastando ao banheiro, ligo a água quente e me deito na banheira. Sempre fazia isso quando estava numa situação como essas. Termino meu banho, me seco, e vou pra cama. Acabo dormindo.

 Acordo com alguém mexendo no meu cabelo. Abro os olhos e vejo que é o Yoongi.

- Oi Tae, desculpa te acordar.

- Tudo bem, que horas são?

- Uma da manhã.

- Meu deus eu dormi até agora?

- Sua mãe fez o que você pediu, mas aí como você dormiu eu guardei na geladeira. Tá com fome?

- Um pouquinho.

- Vou pegar um negócio que eu comprei pra você.

Ele se levanta e pega uma sacola, depois me entrega. Abro e vejo que a embalagem é do meu restaurante japonês favorito.

- Ah Yoongi você não fez isso..

- Bom, eu fiz sim haha.

Começo a comer enquanto Yoongi me observa. Ofereço um pouco a ele mas ele diz que já comeu.

- Obrigado Yoongi, tava uma delícia.

- Você merece Taetae. Me dá aqui vou colocar a embalagem no lixo.

Entrego a ele e ele coloca no lixo e depois volta pro quarto. Ele senta na cama. Vou pro seu colo e encosto minha cabeça no seu ombro.

- Eai Tae, como foi lá com o Jungkook?

- Afe, pra quê você me lembrou disso?!

- Por que o que aconteceu?

- Nada, nós conversamos, ele perguntou se nós ainda íamos namorar, eu disse que não sabia. Coisas assim.

- Pera então você ainda gosta dele?

- Yoongi eu amo vocês dois, muito.- Falo virando de frente pro mesmo.

- E...?

- E que eu pensei em namorar os dois. Mas pra isso vocês também precisariam gostar um do outro. O que pelo visto não vai rolar.

- Nós podemos tentar, mas não te prometo que vou conseguir gostar dele não.

- Sério? Faria isso por mim?

- Eu faria tudo por você neném.

- Ah Yoongi me chama assim não.- Falo corado.

- Ei, eu te amo seu bobo.

- Para com isso.- Digo beijando sua bochecha. - Ei aonde você tinha ido hoje mais cedo?

- Resolver umas coisas e falar com a minha mãe, nada demais.

- Ata, você tá com sono?

- Eu não, você tá?

- Não. Vamos virar a noite?

- Vamos. Nossa Tae liga o ar-condicionado por favor.- Ele diz tirando a blusa.

Fico hipnotizado de novo pela sua barriga.

- Tae?

- A-an? Ah sim, foi mal.- Pego o controle e ligo o ar-condicionado. Me sento de novo na cama.

- O que tem tanto na minha barriga que você fica olhando?

- Fala sério garoto, já olhou pra você?

- Fala assim não.- Ele fala com vergonha.

- Se-será que eu posso...

- Pode, eu acho.

Me aproximo do mesmo e passo a mão pelo seu abdômen.

- Por que Deus, por que fazer um homem tão gostoso assim?

- Não mais que você, sabe disso né?

- Até parece. Imagina como deve ser seu...- Me calo na mesma hora quando eu percebo a merda que eu ia falar.

- Meu o que? Ah, entendi agora. Se quiser pode pegar.

- É sério isso?

- Talvez, por que?

- Até um tempo atrás você era meu melhor amigo, e agora eu vou pegar no seu pau?

- Tem muitos amigos por aí que já viram o pau dos outros. Além do mais eu não sou mais só seu amigo, esqueceu?

- Eu sei, é só que...

- Para de besteira Taehyung.- Ele pega minha mão e coloca no seu membro.

- E-eu...

- O que foi Taetae, perdeu os seus movimentos?

- Para de me provocar seu retardado.

Ele começa a rir.

- Eu tô nervoso, mas não sei por quê.

- Tudo bem anjinho, não precisa ter pressa, a gente tem a madrugada toda.

- Fodasse Yoongi vamos logo com isso.- Falo apertando seu membro.

- Awn Taetae, você não é tão anjinho assim.- Ele coloca sua mão no meu membro.

- Aish Yoongi, me pegou de surpresa.

- Vamos devagar hyung, isso é novo pra mim também.

- Tão novo que sua mão já tá no meu pau né.

- Continua me provocando pra você ver. Se bem que nem pegar no meu pau sem ficar nervoso você consegue.

- Vai se fuder Yoongi.- Saio de perto do mesmo e vou pra janela observar as estrelas.

- Own neném fica assim não, eu só tava brincando.- Ele fala se aproximando de mim.

- Só não precisava falar daquele jeito.

Ele me abraça e beija meu pescoço, me causando arrepio.

- Tão sensível meu bebê.- Ele fala dando mais um beijo no meu pescoço.

- Yoongi você tá me deixando doido.

- Essa é a intenção meu bem.

Me viro e prendo ele em meus braços. Fico encarando seu rosto fofinho e sedutor. Ele cola sua testa na minha e morde meu lábio. Passo a mão na sua barriga indo até sua cintura e segurando ela com força.

- Tae, nós não vamos fazer aquilo ainda, por que eu nunca fiz e eu não tô pronto ainda.

- Você é virgem?

- S-sim.

- Tudo bem Guinho, tudo no seu tempo.

- Obrigado por entender Taetae.- Ele me beija. Peço passagem com a língua e ele permite. Exploro cada parte da boca dele, mas sem pressa, queria que fosse um beijo calmo.

- Vem Tae vamos pra cama.

- Vamos.

- Nossa Tae agora tá muito frio.

- Vem cá eu te esquento.

Me sento na cama e ele vem engatinhando até mim. O mesmo senta no meu colo e eu o envolvo em meus braços.

- Obrigado por existir Yoongi.

- Own, eu te amo hyung.

Dou um último selinho nele e fecho meus olhos.

- Ei, mas o que é isso? Você não disse que a gente ia virar a noite?

- Eu nunca consigo, Guinho. Você sabe disso.

- Tá bom Taetae, vamos descansar.- Ele fala e depois começa a fazer carinho no meu rosto.

Acabo caindo no sono.

Acordo com Yoongi em cima de mim e com o sol na minha cara.

- Lindo, acorda.

- Bom dia.- Ele fala acordando e esfregando seus olhos.

- Como foi sua noite?

- Você ainda pergunta? É claro que foi boa.- Ele diz se levantando de cima de mim.

- Pode continuar aí se quiser bobo.

- Vou descer pra fazer nosso lanche, fica aí tá?

- Vai fazer meu lanche?

- Sim sim. A propósito, o Jeon ligou. Disse que vem pra cá pra gente resolver aquele assunto.

- Tudo bem, vou escovar meus dentes e já te encontro lá embaixo tá?

- Tá bom neném.- Ele me dá um selinho e desce.

Me levanto, faço minhas higienes pessoais e desço. Encontro Jungkook e Yoongi rindo.

- O que aconteceu de tão engraçado?- Falo.

- O Yoongi colocou sal no suco ao invés de açúcar.

- Foi sem querer tá.- Diz com raiva.

- Não fica assim Guinho todo mundo erra.- Dou um beijo na bochecha do mesmo.

- Eu também mereço viu.- Jeon fala com ciúmes.

- Ah meu deus, vem cá Jungkook vem.

Me aproximo do mesmo e lhe dou um beijo.- Feliz agora?

- Muito.

- Yoongi e eu conversamos Tae, e chegamos a conclusão que não sentimos nada um pelo outro, só por você.

- Então a gente meio que teria que dividir você...

- Qual sua opinião?

- Que ódio eu amo vocês.- Falo dando um beijo longo em cada um.- Sério depois dessa eu sou a pessoa mais feliz do mundo.

- Também né você tem dois namorados só pra você.

- E os dois são gostosos e perfeitos. Mas como vai ficar a relação de vocês?

- Bom, nós vamos ser grandes amigos, e não vamos brigar por você nem coisas do tipo, porque o que sentimos por você é muito grande, e queremos te fazer feliz.

Comecei a chorar de felicidade, e os dois me abraçam. Eu tinha muita sorte por ter conhecido aqueles dois, eu amava muito cada um. Estava começando a acreditar que o felizes para sempre existia.


Notas Finais


Finalmente né, chorei com esse cap, sinceramente. Espero que tenham gostado. Até a próxima.💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...