História When I Saw You - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Amor, Bangtan, Bts, Coréia, Jimin, Novela, Romance, Suga, Tae
Visualizações 17
Palavras 1.363
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, gente, eu leio imagines desde os meus 12 anos (tenho 20), ano passado conheci o Bangtan, e resolvi escrever um Imagine, é o meu primeiro, como eu tô repassando do Amino pra cá, a história não tem conteúdos hot e tão adultos assim, mas espero que gostem, ficarei feliz, aaah, não coloquei características da personagem porque quero que imaginem vocês mesma ou como quiserem, boa leitura, obrigada.

S/n ≈ Seu Nome.

XxX ≈ Pessoa Desconhecida.

P.O.V ≈ O ponto de vista da pessoa.

Capítulo 1 - Como Tudo Aconteceu


Fanfic / Fanfiction When I Saw You - Capítulo 1 - Como Tudo Aconteceu

Já eram quase 02:00 da madrugada e eu ainda estava na rua, por causa da tapada da Júlia eu tomaria uma bronca enorme da minha mãe quando voltasse pra casa. Saímos pra uma festinha de amigos e a doida sumiu com um carinha (até gatinho por sinal), eu poderia muito bem voltar sem ela, mas sería errado, ela estava sob minha responsabilidade. 

 •••

 A propósito, meu nome é s/n, tenho 19 anos, sou Brasileira, moro com minha mãe e irmã mais nova, meu pai? Não me pergunte, nem eu sei.. 

 •••

Estava eu checando pela milésima vez a hora no celular, quando ouço risadas e gritos escandalosos..... JÚLIA

 s/n: Júlia? Garota, onde você se meteu? Já passou da hora de irmos pra casa, sua mãe te deixou sob minha responsabilidade, aliás, você bebeu? Garoto, o que fez com ela?

 XxX: Não fiz nada que ela não quisesse! 

 Júlia: Aaaah, deixa de ser chata!! Quer dar uma de minha mãe agora? Eu não mandei você me esperar, ficou porque quis!! 

 s/n: Aam? 

XxX: Você ouviu!! … Guardei meu celular na bolsa e fui embora, saí andando sem nem olhar pra trás, pra não ver a cara daquela ingrata, iria levar maior bronca quando chegasse em casa, que babaca que eu sou.

 ••Chegando em casa••

 Subi a calçada e abri o portão nas pressas, não era bom estar na rua sozinha a essa hora, sem contar que eu não tenho a chave da porta. Quando respirei pra bater na porta e chamar a mãe.. a porta se abriu.

 Mãe: Deveria chegar só pela manhã agora, não acha? 

 s/n: ..... Mãe..

 Mãe: Eu não quero saber de mas nem meio mas, eu fui bem clara quando disse a você que não te deixaria ir pra essa festa, e você não aceitou, fiz um esforço e deixei você ir, porém disse a hora que deveria voltar, Já deveria ter voltado a duas horas, ta me achando com cara de palhaça?

 s/n: Mãe, eu estava esperando a Júlia.. e.. 

 Mãe: Isso, muito bem, mas uma vez me desobedece por causa de amigos, eu to farta disso, já te expliquei que se os seus amigos não respeitam as mães deles, não é problema nosso, mas você parece que aprende... Anda, suba e vá descansar, amanhã vai precisar ter cabeça pro que eu vou te falar. 

 s/n: tudo bem, me desculpa.

 … 

Abaixei a cabeça e subi devagar as escadas até o meu quarto, que vergonha. O que será que minha mãe tem a me dizer amanhã de tão importante?

 ••• 

Acordei e era praticamente a hora de almoçar, sentei um pouco no canto da cama e fiquei pensando sobre ontem, me levantei, fiz minhas higienes no meu banheiro mesmo e desci. Minha mãe estava terminando de por a mesa e minha irmã já estava sentada, brinquei com o cabelo dela e me sentei. 

 s/n: A benção, mãe.

 Mãe: Deus te abençoe e te dê mais juízo. … Ela ainda tava brava, mas tinha se acalmado mais.. Sentamos todas juntas e almoçamos a comida maravilhosa da minha mãe.

 …

 Irmã: Mãe, acabei, vou terminar de arrumar a mochila pra ir pra escola.

 Mãe: ok, seja rápida. 

 s/n: Então, quer falar comigo?

 Mãe: Olha, devo admitir que ontem você me preocupou muito, não foi assim que te ensinei, e não é a primeira vez que passa por cima das minhas ordens por causa de amizade.

 >>> silêncio <<< 

Mãe: Eu conversei ainda ontem com sua tia, e não vou voltar atrás na minha decisão, você vai pra Coreia! 

 s/n: O QUE?? Mãe!! Como assim? Porque cheguei tarde em casa vai me mandar pra sei lá onde Judas bateu as botas?

 Mãe: Eu acho que você não entendeu depois de 19 anos que eu sou a Mãe e você a Filha!!!

 … 

A Campainha toca e minha irmã corre pra abrir..

 Irmã: s/n, é a Júlia.

 s/n: Meu Deus!!! 

 … 

 Antes que eu pudesse ter alguma reação, minha mãe se levantou da mesa e foi até a porta..

 Mãe: Boa tarde, senhorita! Veio receber mais broncas ou se desculpar pelas bobagens que sua mãe teve a audácia de vir falar sobre minha filha? 

… 

Eu e minha irmã ficamos paradas olhando uma pra outra. 

 Júlia: Me desculpa pela atitude da minha mãe, ela realmente achou que foi culpa da s/n.... e...

 Mãe: Pois é, sempre isso, eu só queria que ela abrisse mais os olhos pra os filhos dela, e se você veio falar com a s/n.. fique a vontade, pois não terá mais chances.

 s/n: Não, mãe, estarei ocupada arrumando minhas malas. ( falei dando uma olhada na cara sínica dela e subindo as escadas)

 Júlia: Am? Mas como assim?

 Mãe: Você ouviu!! ( fechando a porta na cara dela) 

 •••

 Se passaram dois dias depois do acontecido, eu ainda tentei conversar com minha mãe, mas não teve jeito, faltavam mais dois dias pra eu ir embora.

 … 

Eram quase 17: 00 da tarde, estava deitada na cama ignorando mensagens de algumas pessoas, havia dois dias que não saia de casa, todo mundo me mandava mensagem, menos quem eu esperava, talvez foi bom mesmo ter me afastado dela, vai ser até bom ficar longe por um tempo, minha mãe tinha razão, ela nunca foi minha amiga de verdade. 

 … 

••••Celular tocando••••

 s/n: Oi.. 

 XxX: Fiquei sabendo do que houve, você está bem, tampinha?

 s/n: Cam, queria muito você aqui. (Voz de choro) 

 Cam: ooun, amor, não fica assim não, eu vou aí ficar contigo, OK? 

 s/n: to esperando, bjinhos … 

Cam era meu amigão de todas as horas, me conhecia desde criança quando brincavamos juntos no quintal da vó. 

 Ouvi duas batidas na porta e me ajeitei na cama, era ele.. 

 Cam: Cara, você ainda ta de pijama?

 s/n: Deixa de ser chato, sabe que gosto. (Falei jogando o travesseiro nele)  

Cam: Eu também gosto 

S/n: Não me olha assim. 

 Cam: Iaí, vai mesmo?

 s/n: Sim, ela ta decidida 

 Cam: Me diz como vou fazer sem você... 

 s/n: Ooun, eu to tão vazia por pensar que não irei te ver todos os dias.

 Cam: Vamos aproveitar né..

 Assenti com a cabeça e ele veio pra cama deitando em meu colo, ficamos assistindo filmes, por um momento até esqueci que tinha os dias contados pra fazer esse tipo de coisa.

 •••Horas Depois••• 

Cam: Amor, ta tarde.

 s/n: Tudo bem, a mãe não liga, fica aqui mesmo. 

 Cam: Tem certeza? 

 s/n: Preciso de você aqui.. 

 Ele me deu um beijo na testa e voltou a dormir do meu lado.

 •••Em Seoul••• 

 Jenny: Mãe, a tia ta decidida mesmo quanto a s/n vir pra cá?

 Chris: Sim, meu bem, ela vem por esses dias.

 Jenny: *feliz* Que legal, nossa, ela vem mesmo, vou mostrar tudo aqui.

 Chris: Ela vai amar, apresenta alguns amigos também. 

 Jenny: Sim, claro.. depois falamos disso, mãe, vou na casa da Bea. 

 Chris: Ok, mas muito cuidado. *dando um beijo em sua testa* 

… 

Jenny P.O.V ~ Cara, eu tava tão feliz que ela vinha pra cá, saí correndo pra ir na casa da Bea pra avisar, desci as escadas e procurei a chave do carro da mãe na bolsa.. quando levantei o rosto, havia alguém em minha frente e sem querer me bati. 

 Jenny: Aish, garoto, não me viu?

 XxX: Calma, você é sempre assim estabanada? 

 Jenny: Sai da minha frente.. * o empurrou de leve *

 XxX: Eei, não pode fazer isso, não te fiz nada... A propósito, meu nome é Jimin.

••• 

 Mãe: Meu amor, pegou tudo? 

 S/n: Peguei sim, arrumei essas malas a dois dias. 

 Irmã: Ela tem que ir mesmo? 

 S/n: Ei, não fica assim, eu volto, ok? 

 Mãe: Sim, querida, logo, logo ela estará novamente conosco.

 Irmã: Eu posso ficar com a TV?

 S/n: kkkkk, claro, e promete que vai estudar bastante e me ligar pra dizer como estão as coisas, tampinha.

 Mãe: *emocionada* Eu odeio despedida, vamos, vamos andando..

 … 

Chegou a hora do meu embarque, era triste ver minha mãe e minha irmã dando tchau cada vez que eu andava e olhava.. depois de muitos beijos, abraços, choros, e muitos "toma juízo".. embarquei e fiquei pensando como seríam as coisas a partir de agora..



Notas Finais


Gostaram? Me digam, se tiver bons resultados, continuo, beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...