História When i'm hurt - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Hetalia: Axis Powers
Personagens Alemanha, América (Estados Unidos da América), Austrália, Áustria, Belarus (Bielorrússia), Bulgária, Camarões, Canadá, China, Chipre do Norte, Coréia do Sul, Cuba, Dinamarca, Egito, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Germania, Grécia, Hong Kong, Hungria, Império Romano, Inglaterra, Irlanda, Islândia, Itália do Norte "Veneziano", Itália do Sul "Romano", Japão, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Mônaco, Noruega, Nova Zelândia, Países Baixos (Holanda), Polônia, Portugal, Principado de Wy, Prússia, Romênia, Rússia, Seborga, Seychelles, Suécia, Suíça, Taiwan, Turquia, Ucrânia, Vietnam
Visualizações 13
Palavras 295
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Chapter I


Pov Toris Laurinaitis|Lithuania


Eu tenho medo, medo de me assumir, medo de me rejeitarem, eu sofro de depressão...mas tenho medo de dizer pros meus pais que sofro e eles começarem a dizer que eu estou com o demônio no corpo e me internarem, já tentei me mata...mas me doi pensar em deixa meus irmãos, Raivis e Eduard. Faz alguns dias que a Natalya terminou comigo e fiquei trancando no meu quarto chorando, mesmo com a incerteza de que a amo.


—TORIS! MEU BEM, O FELIKS CHEGOU! - Gritou minha mãe docilmente.


—JÁ VOU DESCER! - desço as escadas correndo e o Feliks voa em mim.


—Vamos?


—Vamos! - abro a porta, espero ele passa e fecho.


—Hey Bro! Percebi que você está meio pra baixo...isso é por causa do seu termino com a Natalya?


—Sim, ...pera...como você sabe que ela terminou comigo?


—O Eduard me contou.


—Hum.


—Tente não ligar e veja isso como algo positivo - ele ficou na minha frente e abriu um grande sorriso - você está livre agora, além de que ela não te tratava muito bem.


—É, você tem razão. Aliás bela roupa.


—Obrigado! Sabe...eu tenho um bom gosto - ele fez uma cara fofa e deu uma piscadinha pra mim. 


—Ia quase me esquecendo, e seu pai, ele está bem?


—Não, depois da morte da mamãe ele começou a beber muito e isso está me preocupando.


—Oh...meus pêsames, eu não sabia que ela havia morrido, desculpa tocar no assunto.


—Não precisa se desculpar, isso não é culpa sua, por sorte o pai do Gilbert está indo lá em casa pra da sermão nele e fica de olho nele pra não ir a um bar ou comprar bebidas, eu ia fazer isso mas ele insistiu que iria fazer isso e que eu deveria fica apenas pensar em meus estudos e não em um bêbado. 


—Ah. 







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...