História Where Is My Heart? - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Miley Cyrus
Personagens Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Amor, Famoso, Justin Bieber, Miley Cyrus, Namoro, Romance
Visualizações 5
Palavras 2.339
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura, nos vemos nas notas finais !!!

Capítulo 4 - Justin Bieber - Capítulo 4


Suspiro fundo... É agora, não sei nem o que vou dizer pra ela... 

- É nesta casa pelo que Jimmy me falou. - Digo para o meu motorista, que me trouxe até a casa de Miley.

- Ok Sr. Bieber. Ficarei estacionado na rua de trás, quando for sair, me ligue que eu venho. Boa sorte. - Sorri fraco e saí do carro.

A casa parecia vazia, será que não tem ninguém aqui? Meu deus... O que você está fazendo Justin.... Olho para os lados discretamente pra ver se está tudo livre de fotógrafos e vejo que é um sinal verde pra eu ir. Subo na varanda da casa e toco a campainha. Após uns 2 minutos parados, escuto alguns passos vindo em minha direção.

- Oi Justin... - É ela. Ela sorriu ao me ver, mas na mesma hora fez cara de dúvida. - Ué, aconteceu alguma coisa, pra você estar aqui ?

-Na verdade sim Miley.... - Coloco as mãos no bolso. - Posso entrar? - Levanto as sobrancelhas.

- Claro ué - Ela entrou e abriu a porta - O que foi? - Se sentou preocupada no sofá.

- Aconteceu umas paradas aí e...  - Eu não conseguia falar direito. - É a empresa, não sou eu, entende? - Estou nervoso... Porque estou nervoso?

- Desembucha ! - Ela me encarando ali estava me deixando nervoso... Já disse que ela fica linda me encarando assim?

- Bom... É que - Tudo que eu tentava dizer, saía meio enrolado - A empresa que eu assinei um contrato, não gostou das fotos que vazaram e... e... eles querem que eu diga que você é minha motorista. - Ficou uns segundos em silêncio e ela começou a rir. - To falando sério Miley - Ela parou de rir e me olhou séria.

- Como assim Justin? Você não está pensando em fazer isso, está? - Eu não respondi nada, o que automaticamente deu a resposta que ela não queria ouvir - CARA, como assim? Qual o problema de eu ser vista com você?! - Ela se levantou irritada - Eu não sou digna de ser vista com o Astro pop Justin Bieber, é isso?!

- Pra empresa sim Miley... - Disse olhando pro chão - Olha, me desculpa...

- Desculpa nada ! Nossa, que ridículo ! E pensar que eu achei que você fosse um cara legal - Ela falou em tom irônico - Que nojo de você, vai embora da minha casa ! AGORA!

- Miley, eu... - Me levantei e tentei me aproximar.

- Não quero conversa. Já entendi. Se me perguntarem eu sou sua motorista. - Disse ela em tom frio, olhando pro lado, isso partiu meu coração.

- Desculpa Miley, eu realmente queria que as coisas fossem diferentes - Disse perto dela, o que fez com que ela se virasse pra mim e eu pudesse dizer isso olhando no fundo de seus olhos. - Sinto muito, espero que um dia nos vejamos de novo... Preciso ir. - Não sei porque, mas senti uma pontada no coração de ter dito tudo aquilo pra ela, então quis sair dali o mais rápido possível. Ela não disse nada, ficou me olhando sair.

-//-

Estava tocando piano quando Rocky colocou as mãos no meu ombro.

- E aí cara, longo dia ? - Me virei pra ele, ainda meio triste.

- Você nem faz idéia ... Sei lá, eu não queria ter feito isso Rocky - Me sentei virado pro piano e comecei a tocar ''Be Alright''

- Olha Justin, o importante é que já passou, as vezes temos que tomar decisões difíceis em nossa vida. E sinceramente, você não estaria disposto a jogar seus anos de carreira e dedicação no lixo, por causa de uma garota que você acabou de conhecer... Ou melhor, que você nem conhece!

- Sei lá cara... Ela era diferente. - Depois disso ficou um silêncio no ar e continuei tocando.

Passei algumas horas ali cantando e tocando, até que fui tomar banho. Por volta das 18:00 recebi uma ligação, era a Ariana.

- Oiee Justinnnnn ! - Sempre animada.

- Ooi Arianaaa - Ri tentando imitar o jeito dela de falar.

- Idiota - Rimos juntos - Lembro que você me disse que vai precisar de muita ajuda pra se reconstruir. Bom, hoje vai rolar uma festa bem boa pra você aparecer, eu disse pro Zayn que você iria. É numa mansão em Venice Beach, meu empresário passa o endereço certinho pra sua acessoria. A festa começa daqui 1 hora, te vejo la, byeeee - E depois disso ela desligou.

Festa? Talvez não seja tão ruim ! Estou realmente precisando ver gente, conversar e beber...

-//-

Liguei para o Rocky e ele ficou super feliz com a festa, me disse que é uma boa oportunidade pra melhorar minha reputação com os grandes donos de empresas e também no quesito social. Ele avisou a I.R sobre a festa, e eles por serem meus mais novos ''faz tudo'' basicamente, fizeram tudo ! 

Terminei de me arrumar. Coloquei uma calça jeans, tênis preto, camisa lisa preta e arrumei meu cabelo novo. Nem eu sei mais o que fazer com meu cabelo... Desci as escadas da minha casa pois meu mordomo já havia me avisado que o motorista que a I.R mandou, já estava lá embaixo. Saí de casa e vi uma enorme limosine preta, com 5 portas laterais ! Uau, I.R mandou bem... Finalmente eu entro e

- Ooi Justin... - Tinha uma garota linda, loira e de olhos azuis me olhando lá dentro.

- Hã... Ooi? - Me sentei - Sem querer incomodar, mas quem é você? - Eu sei, fui um pouco direto demais, mas não é normal uma mulher aparecer do nada na sua limosine....

- Primeiramente, meu nome é Charlize Theron, mas pode me chamar de Char. A I.R me contratou pra te acompanhar nesta noite, como sua parceira. - Era engraçado a forma elegante que ela dizia isso - Sou uma modelo Sul Africana que vivo atualmente em Los Angeles e

- Ok, acho que já entendi - Bufei - Você é uma prostituta. - Coloquei a mão na cabeça. Sério, era só o que faltava...

- NÃO ! - Ela disse nervosa e eu olhei confuso - Estou aqui apenas para te acompanhar - Ela respirou fundo e disse essa última frase com a mesma elegância estranha de antes. - Resumindo, a I.R provavelmente quer que todos pensem que estamos saindo, eu nunca fiz isso antes, e eles me deram um bom dinheiro pra fazer isso, como você é lindo, foi fácil de aceitar... - Ué, do nada ela começou a falar que nem uma pessoa normal !

- Hum... Agora entendi - Que ÓDIO dessa empresa, ÓDIO, SÉRIO isso? 

O carro parou e um homem alto de terno abriu a porta da limosine.

No mesmo momento, senti vários flashes no meu olho e coloquei a mão na cara, estiquei a mão para ajudar Char a sair do carro.

- Justin, é verdade que você está fálido? - Disse um homem careca enquanto tirava várias fotos de mim.

- Justin, quem era aquela menina no carro? - Na mesma hora pensei em Miley... O que será que ela está fazendo agora?

- Justin, eu... - Não consegui ouvir o que esse cara disse por que haviam muitas vozes gritando e ao mesmo tempo flashes no meu rosto, o que sempre me irrita cada vez mais.

- Justin, vamos entrar? Estou com sede. - Ela colocou as mãos em meu braço e eu apenas sorri e devagar fui adentrando e passando por aquela espécie estranha de floresta de flashes. 

- Ufa.... - Disse após entrar - Finalmente - Ela sorriu. - Quer mesmo a água, vou pegar pra você.

- Ah, não - Ela riu - Foi só pra eles saírem da frente mesmo, fingir que tá com pressa sempre ajuda !!!

- Vou começar a usar essa hein !! - Rimos juntos e nesse exato momento, senti mais alguns flashes vindo de fora da casa, me fotografando. O que mais me irritou, não foi eles, foi o fato de que a I.R deve estar pulando de alegria por estarem me vendo com essa garota.

- Mas agora é sério, meu salto está me matando, podemos sentar?? - Por pior que pareça, ela é bem gente boa até.

- Podemos - Ri e fomos sentar num sofá que tinha ali. A casa era enorme, com um gigante lustre em cima do sofá que estávamos. A cor que predominava ali, era o branco, com os detalhes (Corrimão, molduras, etc...) dourados. Era bem bonito. Estava super lotada, só tinha gente importante ali. Artistas, empresários...  - Acho que vou dar uma volta - Disse olhando ao redor da casa. - Quer ficar aqui? Volto em 5 minutos...

- Pode ser Justin. Qualquer coisa me chama. - Ela piscou pra mim e eu fui dar uma volta. Não demorou muito pra que eu achasse a Ariana.

- Opa Justiiiiiin, eai, tudo bem??? - Ela estava claramente bêbada e comecei a rir dela.

- Sim pô, e contigo??? To vendo que você tá bem feliz,  né Srta. Grande ?

- Claaaro, meu, isso aqui - Ela levantou o copo dela - É MUITO bom, tipo MESMO, você PRECISA provar, mas vai com calma que é forte ! 

- Nada é forte para Justin Drew Bieber ! - Peguei a taça da mão dela e bebi. Estava BEM forte. Parecia ser vodka pura com um LEEEVE doce no final, eu geralmente não beberia isso, mas hoje estou precisando....

- Hahahahah, aí sim Bieber! Vou procurar o Zayn e mais tarde a gente se vê Justin, boa festaaaa ! - Ela saiu pulando e cantando alto a música que estava tocando.

-//-

Um tempo depois estava conversando com a Jennifer Lawrence sobre um futuro filme que ela vai fazer, e percebi que já estava bem tonto e mal conseguia ouvir direito o que ela falava, então pro meu bem, e pro de todos, é melhor eu voltar pro sofá !

- Hey Justin - Pensei que fosse a Char, mas não, era o Rocky.

- Hey Dude - Falei um pouco arrastado - Não pensei que você fosse estar aqui !

- Ah meu parceiro, essa festa não é só sua oportunidade de crescer, é a minha também ! Eai, o que achou da garota?

- Você sabia ?! - Mano, que.

- Sim, eles me falaram. Na hora eu pensei que você fosse ficar puto e por isso não disse nada, mas você até que tá de boa pô.

- Ah.. Eu odeio eles né, mas a garota até que é gostosa e gente boa então é a vida né. - Ele riu.

- Acho que você já bebeu demais Sr. Bieber, melhor voltar pra casa.

-AAAAAAAAAAAAAAh, eu to bem, sério ! - Ok, essa frase saiu beeeeem estranha, to parecendo um zumbi já. - Vou pra casa, te amo - Dei um abraço nele e ele começou a rir.

- Ai ai Biebs... Só você mesmo, se cuida que amanhã a gente conversa ! - Saí de lá cambaleando um pouco e me joguei sentado no sofá.

- Ué, cê não saiu daqui ? - Perguntei ao ver Char que ainda estava lá;

- Não oxe, você sumiu, vai que você chega e eu não to aqui? Ia ficar os dois se procurando - Eu comecei a rir muito, não sei porque achei aquilço tão engraçado.

- O Rocky disse que eu preciso ir pra casa... Vamos lá fora tirar algumas fotos antes de ir ??? - Ao me levantar, quase caí, mas me segurei no braço do sofá e consegui ficar de pé.

- Hum...Você bebeu né Justin ? - Ela riu - Bebi só 3 copos de uma coisa aí que tão servindo, mas não to nesse estado locão aí que nem você - Ela riu e segurou minha mão.

Saímos da festa e pedi para chamarem meu motorista. Enquanto isso, foi na frente dos fotógrafos pra I.R ficar feliz, bando de pau no cu.

- Eai Justin tá feliz? - Todos começaram a tirar fotos nossa.

- Claro pô - Ficamos de frente para os fotógrafos e segurei ela pela cintura para parecer o tal casal que a I.R queria.

- Hmmm, quer dizer que os dois estão namorando?

- S...

- Estamos nos conhecendo ! - Disse ela me impedindo de falar e em seguida piscando pra mim. O que foi aquela piscada?

- JUSTIN BIEBER ESTÁ NAMORANDO PESSOAL! - Eles continuaram tirando várias fotos e fiquei ali mais 2 minutos até chegar minha limousine.

- É isso aí galera, até a proxima, vamos gatinha. - Abri a porta pra ela entrar e em seguida entrei.

- Nossaaa, que cansaço esses fotógrafos - Disse ela tirando os sapatos ao entrar.

- Concordo 100% Eles me dão tédio - Tirei a camisa.

- Oxi, ta tirando a camisa? Ta louco? - Ela começou a rir DE novo.

- Tô ué, aqui ta quente - Disse como se fosse óbvio e colocando minha camisa em um espaço vazio.

- Hum... - Ela ficou olhando meu corpo .

- Ei.. Posso te fazer uma pergunta ? - Me aproximei mais do que já tava dela, ficando lado a lado com ela e passando meus braços por cima de seu ombro.

- Fala...

- Você disse que está aqui só pra me acompanhar, mas que tal fazermos algo a mais ? - Mordi os lábios e olhei nos olhos dela.

- Eu acho uma ótima idéia. - Na mesma hora em que ela disse isso, avancei em seus lábios beijando-a e colocando minha outra mão em sua cintura. Em seguida ela colocou suas mãos em minha nuca, o que me arrepiou inteiro.

Desci meus beijos para seu pescoço, onde deixei um chupão que fez ela soltar um gemido baixo. Pra melhorar a situação, a limousine parou e meu mordomo abriu, hoje vai ser uma noite longa....


Notas Finais


- AVISO, PRÓXIMO EPISÓDIO VAI SER HOT, e por isso, bem mais curto que esse sgsaasuahsuahs, o que acharam do ep??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...