História "Why I love you?" - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Got7, Imagine, Kpop, Romance
Visualizações 20
Palavras 820
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeonghaseyo bolinhos !
Cá estou eu para mais um capítulo s2
Espero que gostem.

Capítulo 27 - What the fuck...


Fanfic / Fanfiction "Why I love you?" - Capítulo 27 - What the fuck...

...Decido abrir a porta lentamente e vejo algo que me desesperou a ponto de querer me matar ali mesmo....

Fico paralisada observando pela pequena abertura da porta, um ser alto, com cabelos castanho escuro, vestido com uma blusa larga preta e uma calça preta também e rasgada, usava luvas pretas, botinas pretas e... uma máscara... Ele segurava Taichi pela gola de seu moletom, e pareciam estar em um momento sério discutindo algo.

?- me responde seu pedaço de merda, o que faz aqui? O que faz aqui acompanhando ela?!- a figura estranha o levantou mais ainda.

Taichi- eu estou protejendo ela se você ainda não percebeu seu desgraça!- falou dando um chute na barriga da estranha figura.- quem você acha que é para falar assim comigo? Tenho mais autoridade do que você! Você sabe que está sendo procurando e...

Merda, merda, merda... derrubei o vaso que estava ao meu lado e cacete que merda! 

A estranha figura mascarada saiu correndo para as portas de emergência no fim do corredor. Taichi vem em minha direção, abre a porta rapidamente e me puxa para fora.

Taichi- já terminou a visita?- falou checando o final do corredor.

S/n- s-sim... mas quem e-era el...- fui interrompida.

Taichi- ninguém com que você tenha que se preocupar. Desde que esteja ao meu lado ninguém fará mau alguém a você.- disse me puxando para perto de si e me dando um abraço. Que porras está acontecendo... como assim ninguém fará mau a mim?

Taichi envolveu seu braço por cima de meus ombros e saímos em direção a recepção. 

A enfermeira que Taichi ameaçou mais cedo começou a nos encarar e cochichar com uma outra enfermeira que estava ao seu lado. As duas nos olhavam desconfiadas e com medo.

x Quebra de tempo x

Assim que Taichi me acompanhou até a porta de minha casa, ele deu um beijo em minha bochecha e esperou do lado de fora até que eu trancasse a porta. Parecendo um segurança. Observei através das cortinas da janela que Taichi ainda permanecia ali observando atentamente os dois lados da rua.

Taichi se torna mais um suspeito do que um conhecido...

Balanço a cabeça saindo de minha brisa e vou em direção às escadas.

Assim que estava no meio do caminho, ouço um barulho vindo da cozinha, primeiramente penso que poderia ser Jungkook, já que é o único ser a ter as chaves de casa e acesso a mesma. Mas ao longo que vou me aproximando da cozinha vejo que não havia ninguém ali, e percebo que a casa estava mais silenciosa que o normal.

S/n- Jungkook? É você?- pergunto cagando de medo e quase dando meia volta e saindo de casa. Me aproximo mais da janela da pia e vejo um papel colado na mesma.

”Olá querida... chegou bem em casa?” E com uma gota de sangue no papel, com formato de coração.

MAS QUE PORRAS É ESSA? Me desespero e saio correndo em direção a porta da frente vendo se Taichi ainda estava lá. MERDA, ele já havia ido embora. Então saio em disparada para o meu quarto, e assim que chego no mesmo tranco a porta.

Logo quando estou sozinha essa merda decide acontecer comigo...

Fico parada no meio do meu quarto, com respirações aceleradas e com meu coração batendo tão rápido a ponto de parecer prestes a explodir. Tento me acalmar mas não está dando certo. Eu faria de tudo para que Mark estivesse aqui comigo, apenas ele consegue me acalmar a esse ponto e... penso que não está aqui por minha culpa. 

Vou em direção ao banheiro e tranco a porta do mesmo. Tiro minhas roupas, solto meu cabelo, ligo o chuveiro na água fria e permaneço em baixo do mesmo por aproximadamente meia hora, encolhida e com a cabeça entre minhas pernas com um único desejo... sumir.

Depois que lembro que quem tem que pagar as contas de água sou eu, desligo o chuveiro e saio do mesmo. Mais calma mas assustada ainda.

Abro a porta e vou em direção ao armário a procura de algo que me conforte. Vou em direção ao espelho que ficava no canto do quarto ao lado da sacada.

Quanso estava prestes a começar a pentear meu cabelo, avisto uma figura estranha sentada em cima do telhado da casa do meu vizinho. Uma figura com roupas pretas e uma máscara brilhando e... CARALHO. É a mesma pessoa que estava brigando com Taichi no hospital.

A figura me observava serenamente, assim que viu que eu o olhava também, tombou a cabeça para o lado e acenou um oi para mim.

Solto a escova involuntáriamente e me apresso para fechar a porta da sacada. Fecho as cortinas também.

Depois de um cinco minutos ainda na mesma posição fechando as cortinas, espio através das mesmas para ver se a figura ainda estava no telhado. Não.

Então escuto um barulho de algo caindo em minha sacada.

 

Continua...

 


Notas Finais


Bom my mochys é isso s2
Um beijo para quem quiser.
Até mais !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...