História Why so rude uncle ~ (Imagine Jungkook) - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 812
Palavras 1.022
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 10 - Cap 10


Fanfic / Fanfiction Why so rude uncle ~ (Imagine Jungkook) - Capítulo 10 - Cap 10



- Como foi a aula ? - perguntou assim que eu entrei no seu carro 



- Normal - respondi em saco 



- Tpm está forte em ? - sorriu cínico 



Seguimos em tão pra nossa casa, chegamos em entramos abraçados de lado dando de cara com Lisa no sofá.  



- Pelo visto já se assumiram, em ? - se levantou 



- Não que não seja da sua conta, mas estamos juntos sim - sorri vitoriosa 



- Ela se revelou - sorriu - Enfim, eu vim aqui dizer que estou grávida, toma - deu um papel para Kook 



- Quem é o pai?  - perguntou enquanto olhava o papel 



- Você, é lógico - rosnou 



- Quem lhe garante que esse filho é meu ? - sorriu e entregou o papel 



- Não quero saber, você vai assumir esse filho e pronto - afirmou 



- Saí da minha casa agora, sua golpista - pegou ela pelo braço e chutou pra fora da sua casa 



- Você é mesmo o pai ? - o olhei 



- É claro que não, eu fiz os cálculos e ela estava grávida de 2 meses, não tem como - sorriu vitorioso 




(...)



Tava na sala com Jungkook aos meus enquanto estava sentada em seu colo, sua mãos apertava minha coxa e minhas unhas maltratava seu abdômen e seu pescoço. Quando batem na porta e Kook levanta furioso.



- Quem será o empata foda - bufou e abriu a porta 



- Eita, quem foi a mulher dessa vez ? - perguntou Tae e entrou - Oi (s/n) ? - sorriu simpático 



- Oi Taetae - sorri de volta 



- Vou no banheiro tomar um banho, já volto - saiu o moreno 



Era agora ou nunca o começo do meu plano, me levantei com tudo e agarrei Taehyung, beijando seus lábios macios e ele me correspondeu na hora. 



- Eu senti saudades também - disse com um sorriso quadrado 



- Pois é, você me esqueceu - fiz bico 



- Seu tio mandou eu me afastar e você, desculpa - me deu um selinho 



Lhe puxei pra outro Beijo e depois ouvimos passos se aproximando e eu corri sentando de volta no sofá, e Taehyung ficou que nem uma estátua em pé. 



- Vai ficar aí em pé Taehyung?  - perguntou o moreno sorrindo 



- Claro que não - sorriu e sentou ao meu lado 



E começou meu plano, vai ser legal me divertir com esses dois e machucar os sentimentos e meu tio diz sentir por mim. 



(...)



Estava na faculdade o refeitório junto de meu amigo de Jimin. 



- Toma sair comigo hoje?  - perguntou ele 



- Claro, vai ser legal sair com meu amigo - sorri pra ele que estava sério 



- Amigo, é claro - parecia triste 




(....)




Estava terminando de me arrumar pra sair com Jimin. Desci as escadas e encontrei meu tio com a cara fechada encarando Jimin que estava calmo com a situação. 



- Vamos ? - perguntei assim que me aproximei dele 



- Onde vocês vão? - perguntou Kook 



- Vamos a uma festa na praia - respondeu meu amigo 



- Quero você de volta ainda hoje  (s/n) - disse autoritário meu tio 



- Ela não voltará tarde, relaxa - respondeu por mim e pegou na minha mão 



Entramos em seu carro e ele deu a partida. Chegamos no local e tiramos nossos sapatos, seguimos em direção onde as pessoas estavam dançando, e Jimin me surpreendeu ao me puxar pela cintura e começar a me guiar nos passos ao ritmo da música lenta. 



- Aqui é lindo - cometei olhando ao redor 



- Sim, escolhi pensando em você - sorriu encarando meu rosto 



O tempo todo Jimin não tirava seus olhos de mim, ele estava diferente comigo, parecia um namorado protetor, mas é apenas meu amigo. 



- Vamos entrar no mar?  - pediu Feliz e eu assenti 



Saiume arrastando em direção ao mar, tiramos nossas roupas e ficamos apenas de peças íntimas um olhando pro corpo do outro.  E pela primeira vez reparei o quanto meu amigo tem um corpo lindo, pernas e coxas defendidas e os braços também, sem falar do seu abdômen que me tirou o fôlego. Ele percebeu que eu estava encarando seu corpo e sorriu. 



- Você também tem um corpo maravilhoso - disse com um sorriso e me puxou pra entrar no mar 



Brincamos de guerra, um jogando água no outro. Depois a gente foi pra parte mais funda e mergulhamos e quando voltamos a sentir o ar, percebemos que estávamos muito perto um do outro. Jimin acariciou meu rosto e pude ver seus olhos fitando meus lábios. Quando ele foi se aproximar pra me beijar eu sair nadando de volta a superfície, caminhei até as minhas roupas e quando fui pegar elas uma mão segurou meu pulso e me fez com tudo, Jimin que me puxou com tudo fazendo bater em seu peitoral que continha umas gotinhas de água.  



- Eu não sou o tipo de homem que você deseja é?  - perguntou irritado 



- Não é isso, é que você é meu amigo - respondi baixinho 



- Porra! - exclamou - Eu não quero ser seu amigo, eu me apaixonei por você - encarou meus olhos e me beijou na hora 



Eu cedi a seu beijo na hora, não consegui resistir a tanta beleza que meu amigo tem. E sem falar que, porra?  Que pegada que Jimin tem, se eu não tivesse molhada, teria molhado minha própria calcinha. Ele me deitou na areia e ficou por cima de mim, me beijando ainda enquanto uma mão apertava minha coxa e a outra se apoiava na areia. Ele era diferente, me beijava sem malícia, diferente do meu tio que não pode me beijar que vai logo enfiando sua mão dentro da minha calcinha.  Jimin me beijava como um homem apaixonado, me dando carinho e atenção, e eu gostei disso. Mas do nada sinto Jimin sendo puxado com tudo e separando seus lábios e seu corpo do meu, aí abri meus olhos.  



- QUE MERDA É ESSA QUE VOCÊ ESTAVA FAZENDO?  - era meu tio muito furioso e segurava Jimin pelo pescoço 




Continua...





Notas Finais


É a merda mais gostosas que queremos cometer. Kkkkk

(S/n) pegando geral Kkk



Até mais ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...