1. Spirit Fanfics >
  2. Why you?- noart >
  3. Oh shit, here we go again

História Why you?- noart - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oiiii guys :)
É a minha primeira fanfic se Now United então espero que gostem kkk

Boa Leitura 📚

Capítulo 1 - Oh shit, here we go again


Any Gabrielly

Antes de tudo, sim isso é um clichê.

Sim, isso é real.

Não, eu não sou a principal dessa bagaça.


Eu sou apenas a melhor amiga da pessoa que conseguiu o boy magia e que estava lá todo o momento. Não todo né, porque eu não queria ver ninguém sem roupa.


Bom, já fiz minha introdução básica, agora vamos começar do comecinho. No dia 24 de Agosto, uma garotinha loira nasceu e...


Zueira, vamos avançar um pouco porque a vida dessa garota era chata até ela entrar no colegial.


Vamos voltar alguns anos, especificamente no primeiro dia de aula do colegial, no qual Sina Deinert foi acordada pela sua mãe para ir na escola.

Acho que agora podemos mudar de narrador




Sina Deinert

1st of September 

6:30 a.m

Monday morning 



-Sina, meu amor acorda- parece um jeito fofo de acordar sua filha, mas não quando você quase arromba a porta de tanto bater


O que custa entrar o meu quarto e me acordar de maneira delicada? Minha família sabe que eu durmo que nem pedra e...


Ah, a porta estava trancada, deixa pra lá.


Levantei da cama e fui direto para o banheiro. Pensei seriamente em tomar um banho, mas sabia que iria me atrasar e não pretendia chegar tão atrasada no primeiro dia de aula do colegial.

Sei que parece estranho, mas estou muito animada. Sempre gostei muito daqueles filmes da Disney em que tudo acontece no  colegial, mas como estamos na realidade vai ser difícil disso acontecer. 


Depois de fazer tudo o que precisava no banheiro, coloquei o uniforme do colégio e desci para tomar café. Minha família toda estava lá quase dormindo em cima da mesa, o que me fez dar um risinho. 



-Bom dia! Alegrem-se, hoje o dia está bonito- disse sentando e pegando o suco de laranja


-Como você sabe que o dia está bonito? Ainda nem saiu o sol direito! Ontem eu estava dormindo essa hora, eu odeio escola- dramatizou o meu irmão. Acho que nunca conheci alguém tão dramático que nem Adam Deinert.


-Você vai poder rever seus amigos


-Eu posso fazer isso sem a escola


-Sem a escola você não teria conhecido eles- a única coisa que escutei depois foi resmungos do meu irmão sem resposta para aquilo.


-E porque toda essa animação? Tá animada pro colegial?- questionou meu pai e dei um sorriso


-Por incrível que pareça sim, não vai ser um bicho de sete cabeças- eu espero


-Vão escovar o dente porque a escola começa 7:30 e já são 7 horas- minha mãe diz olhando no relógio 


Merda, vou chegar atrasada no primeiro dia. Começando o colegial da melhor maneira o possível.

Escovo meus dentes rapidamente e resolvo passar rímel, já estava atrasada então não faria muito diferença chegar mais alguns minutos atrasada. 


Chego no carro e vejo meu irmão no banco da frente me fazendo revirar os olhos e soltar um suspiro longo. Meu irmão acha que só porque já tem idade pra sentar na frente pode, eu sou a mais velha! Eu deveria sentar na frente.


-Não fica estressada com seu irmão, ele também quer que o primeiro dia de aula dele seja perfeito- meu pai diz lendo meus pensamentos


-É, mas ele não está no colegial, está no sétimo ano! 


-Deixa ele Sina, agora entra porque eu estou atrasado pro trabalho- fala colocando seu jaleco. Sim, meu pai é médico, mais precisamente um otorrinolaringologista.


Não me perguntem o que ele faz porque nem eu sei.


Meu irmão estuda no mesmo colégio que eu, mas em uma parte separada. Então, quando chegamos no colégio ele saiu correndo para a entrada enquanto eu saia plena e na maior calma.



-Boa sorte filha- diz meu pai com um pequeno sorriso 


-Obrigada pai- retribuo o sorriso e entro na escola percebendo que a palestra de boas vindas já tinha começado.



Entrei no auditório tentando ao máximo não fazer barulho. Sentei na primeira carteira que vi quando percebi que uma morena de cabelos cacheados estava quase se matando para chamar minha atenção.

Any nunca foi muito discreta, mas eu a amo do mesmo jeito.



-Atrasada como sempre, Sininho?- perguntou esticando seus pés na cadeira da frente, fazendo uma Shivani se virar irritada


-Quer parar de colocar o pé na minha cadeira, Any Gabrielly!?- a asiática diz em um tom de irritação evidente fazendo Any a fuzilar com os olhos


-Sabe que eu odeio que me chamem de Gabrielly


-Não ligo- Shivani diz por último irritada mas logo abre um sorriso- Oi Sina! 


-Bipolaridade é tudo- Any sussurra e eu apenas sou uma risada fraca


-Oi Shiv- sorrio- O que o diretor está falando?- me senti por completo na cadeira


-Sobre as matérias que ele escreveu na lousa- responde Sofya me assustando um pouco, não sabia que ela estava ali 


-Mas aquilo é 16 matérias- meu queixo cai e sinto uma mão o erguendo


-Estamos no colegial, não esperava menos- Hina da ombros e senta atrás de mim


-Conseguiu chegar mais atrasada que a Sina, aí sim japinha- Any sorri e Hina mostra a língua para a mesma


-Quem mostra a língua pede beijo- diz Sofya e Hina começa a deixar as bochechas vermelhas


-Coitada gente, ela é só um bebê- fala Shiv apertando as bochechas de Hina


-Para Shiv, vai ficar vermelho


-Eu acho que a palestra acabou- comenta Any e todas olhamos para ela


-Porque?- perguntamos todas em uníssono 


-Porque tá todo mundo saindo?- responde apontando para o grupo de alunos que saia do auditório 


-E o que a gente ainda tá fazendo aqui? Vamos ver se ficamos na mesma sala!- Sofya diz pegando na mão de Shivani e Hina e saindo correndo


-Eu só tenho amigas retardadas- Any fala pegando sua mochila que estava no chão e levantando da cadeira 


-Eu ainda estou aqui- me finjo de indignada e minha amiga da uma risadinha fraca


-Menos você... Vamos? Quero ver qual grupinho irritante vai estar na nossa sala


-Não sei porque você tem tanto rancor deles, eles são até que legais 


-Eles se acham isso sim, só porque vão em um monte de festa para beber e beijar


-São adolescentes normais, e eles são legaizinhos


-Se eles são normais, então somos anormais, porque estamos em pleno colegial e ainda não beijamos


-Você já poderia muito bem ter beijado


-Eu não ficaria com o Lamar nem nos sonhos dele- Any revira os olhos- Agora podemos ir? 



Any sempre fica irritada quando se fala sobre o Lamar. Aposto que se não fosse contra a lei ela mataria ele.


Saímos no auditório em silêncio, pelo jeito minha amiga não queria mais conversa. Fomos em direção a lista de alunos que dividia as salas, porém tinha uma aglomeração imensa de adolescentes no qual parecia impossível conseguir ver a lista naquele momento. Eu e Any começamos a rir quando Sofya tentava pular em cima de Shivani para tentar ver. 

Nós esperamos até todos aqueles alunos saíssem e fomos ver a lista, comecei a procurar pelo meu nome e depois o de minhas amigas.


-Any Gabrielly Rolim Soares

-Hina Yoshihara

-Shivani Paliwal 

-Sina Maria Deinert

-Sofya Plotnikova


Dei um sorriso quando vi que estávamos todas juntas.



-Estamos na mesma classe!- disse em voz alta fazendo Shivani, Sofya e Hina comemoram- Não está feliz Any?


-Sim, mas olha quem mais está na nossa sala- disse apontando para o papel cheio de nomes com decepção nos seus olhos.


-Bailey Thomas Cabello May

-De-arra Sylla Dongue

-Heyoon Jeong

-Joalin Sofia Vivii Loukamaa 

-Joshua Kyle Beauchamp 

-Nanjun (Krystian) Wang

-Noah Jacob Urrea

-Maria Sabina Hidalgo Pano

-Savannah Clark



É, o grupinho inteiro estava na mesma sala. O grupo inteiro.


Savannah Clark, a que parece santa de longe, mas na verdade é um demônio por perto.


Diarra Sylla, a maior defensora dos direitos iguais, porém sempre se coloca como superior aos outros. 


Sabina Hidalgo, a famosa popularizinha que sempre vai para a diretoria e não para de conversar.


Krystian Wang, o garoto mais grosso do século, responde qualquer um de maneira rude.


Lamar Morris, o atleta que tira sarro de qualquer um quando consegue.


Bailey May, o garoto mais musculoso do colégio que se finge de burro na maior parte do tempo, mas é bem espertinho.


Heyoon Jeong, a coreana mais bonita do planeta no qual todos babam em cima dela, não se importa de beijar cada um deles.


Joalin Loukamaa, a garota de perfeita, corpo e rosto perfeitos, todas as meninas queriam ser ela, e a mesma deixa bem claro que quer se mostrar.


Josh Beauchamp, o garoto mais brincalhão do mundo, porém é o mais festeiro e não liga para qualidade, mas sim para quantidade. Ou seja, bebe até demais e é um maior galinha, só não ganha de Noah Urrea


Noah Urrea... O garoto mais baladeiro o possível, adora ir para festa para beber e beijar. Cada noite é uma bebida mais forte e uma menina mais bonita.



É, o colegial não vai ser o conto de fadas que eu imaginava. 






Notas Finais


Desculpem qualquer erro!

🇨🇦•🇺🇸•🇩🇪•🇧🇷


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...