1. Spirit Fanfics >
  2. Why you only call me when you high >
  3. Fração

História Why you only call me when you high - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


Olha só quem tá postando capitulo no dia prometido
Músicas: Arms Tonite - Mother Mother
Supermassive Black Hole - Muse
The Hills - The Weekend
Burning Pile - Mother Mother

Capítulo 7 - Fração


Fanfic / Fanfiction Why you only call me when you high - Capítulo 7 - Fração

Fazia uma semana desde que Eren havia me pedido em namoro e iriamos frequentar a primeira festa juntos, não vou mentir que isso me deixava um pouco nervosa por lembrar do que Jean havia feito, e eu me sentia insegura, mas não com Eren, era algo que vinha de mim. Todos os nossos amigos iriam estavam todos muito empolgados ainda mais que a festa seria hoje a noite, Eren passou a tarde toda comigo no dormitório, não fizemos absolutamente nada, só ficamos apreciando e curtindo a presença um do outro, estava quase no horário da festa e eu já começava a me arrumar. 

S/n escolhia um vestido preto colado com alças, por cima do vestido ela colocava um moletom simples sem bolsos e sem touca pois nessa noite fazia frio, enquanto a moça se arrumava os olhos do moreno queimavam sobre ela.

-Que? - digo o encarando 

-Você tá linda - ele disse 

Quando ele disse isso eu corei um pouco e desviei o olhar percebendo que ele estava sorrindo ao ver minha timidez, depois disso eu voltava a olhar para o espelho enquanto fazia minha maquiagem, que consistia num esfumado preto mal feito e um pouco de rímel e um gloss transparente para completar. 

- Faz aquele trequinho preto que você faz no olho em mim? - Ele disse 

-Delineado? - Eu perguntei 

- Deve ser, faz em mim ?

Assenti com a cabeça e o fiz, eu não conseguia entender como ele ficava lindo de qualquer jeito, eu perguntei se ele queria passar em casa pra se trocar mas ele disse que não que iria com aquela roupa mesmo, depois disso fomos para o carro de Eren, logo que entramos o mesmo liga o rádio e seguimos para a festa ao som de  Arms Tonite - Mother Mother, enquanto dirigia o moreno batia os dedos no volante ao ritmo da música, na festa nos divertimos bastante uma coisa me incomodava, Eren mexia muito no celular, e sempre ia falar com uns caras estranhos a sós, o que ele mais falava era com o Reiner o que era dono daquela outra maldita festa, enquanto a noite rolava eu conhecia mais sobre Eren, uma era que ele não morava com os pais, mas ele dividia uma casa com uns amigos, mas que por coincidência estariam fora da cidade, ele propôs para que fossemos embora já que a festa estava bem parada, fomos para o carro, mais uma vez eu notava que Eren tinha um ótimo gosto musical dessa vez tocava  Supermassive Black Hole - Muse, certamente aquela musica combinava com a forma que o mais alto dirigia, ele estava com uma mão no volante e outra na minha coxa acariciando com o polegar, enquanto passávamos as ruas eu notava que o bairro parecia ser de pessoas da elite da sociedade.

Quando finalmente parecíamos ter chegado Eren disse para eu descer e esperar ali mesmo na frente da casa por que ele colocaria o carro na garagem, assim ele o fez, enquanto isso eu fiquei impressionada com a aparência da casa que era enorme, sua cores eram branco, cinza e preto, era bem moderna, quando ele estava voltando já segurando minha mão eu disse.

-Eu sabia que era rico mas isso? - Eu disse 

-Então meu amor o ponto é que eu não sou rico, meus pais são eu só ajudo com o que eu posso no trabalho

-Mas que trabalho é esse? -Eu perguntei 

- Bom algumas pessoas trabalham pra mim e para minha família fazendo negociações, eles vendem umas coisas também mas...

-Mas.. o que, tem algum problema Eren? Eu pergunto preocupada

No fundo eu já sabia o que ele fazia mas eu queria ver se ele me diria claramente mas eu não me importava nem um pouco.

-Não, não tem problema algum, mas o que eu faço é algo muito perigoso e eu não quero te envolver, mas eu peço que confie em mim - Ele disse com um olhar de preocupação 

Sem hesitar eu selo nossos lábios e digo do fundo do meu coração que eu confio no rapaz, assim que encerramos esse assuntos fomos para dentro da casa, conversamos normalmente, comemos, bebemos, rimos até irmos para o quarto de Eren, ele colocara uma playlist para tocar, e iniciamos beijos lentos em cima de sua cama, ele segurava minha cintura firmemente me fazendo arfar, o mais alto se encontrava por cima de mim distribuindo beijos e chupões pelo meu pescoço me fazendo gemer, enquanto ele fazia isso eu desbotoava sua calça, já começando a tocar em seu membro já enrijecido ao som de Burning Pile - Mother Mother, Eren soltava gemidos roucos e respiradas fundas, suas mãos que estavam em minha cintura descem para dentro da minha calcinha tocando minha intimidade que já se encontrava molhada, Eren tinha dedos precisos, eu já sentia meu orgasmo se aproximar, o moreno provavelmente também notou e imediatamente parou, e me encarava chupando seus dedos.

-Ainda não meu amor, eu quero que goze no meu pau - Ele dizia isso apesar de querer que o evento anterior acontecesse mais que qualquer um.

Eu não disse nenhuma palavra apenas o olhei com uma cara emburrada, antes que eu pudesse notar Eren abaixava as alças do meu vestido e ficando impressionado pelo fato de eu não estar usando sutiã, novamente ele me surpreendendo o rapaz começa a chupar e brincar com meus seios me fazendo gemer, Eren fazia contato visual o tempo todo, nisso ele para dizendo que não aguentava mais e que precisava me sentir, vou admitir que eu ansiava para tê-lo dentro de mim, e assim Eren colocava a camisinha lentamente para me provocar, e me colocando de quatro ele me penetrava lentamente fazendo ambos gemerem, ao som de The Hills - The Weekend, ele começava com estocadas lentas com um leve rebolado depois seguia rapidamente após fazer meu corpo se acostumar com seu membro, quando chegamos ao ápice, ele me levava no colo até o banheiro onde tomamos banho juntos e trocamos carinho e cuidados, quando saímos Eren me emprestava uma roupa mais confortável que era um moletom e uma box do mesmo, já na cama ele me envolveu em seus braços, e em meus ouvidos ele dizia com uma voz rouca.

- Eu te amo S/n 

- Eu te amo Eren


Notas Finais


Sim tá bem meloso, sim Eren é filho de traficante uhsadbusdg


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...