1. Spirit Fanfics >
  2. Wincest - Polo App >
  3. Tentando Controlar

História Wincest - Polo App - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpas por não ter lançado o Capítulo como tinha prometido, mas vou tentar me acostumar com o combinado rsrs

Boa Leitura 😁♥️

Capítulo 9 - Tentando Controlar


Fanfic / Fanfiction Wincest - Polo App - Capítulo 9 - Tentando Controlar



Dean 


Uau, eu realmente estou feliz, sério, eu nunca imaginei como era se apaixonar, comi era ter alguém que você ama do seu lado, e nunca imaginei como seria acordar com essa pessoa do seu lado, logo em que vi o Sam grudadinho em mim, eu já me virei para ele e fiquei olhando aquela beleza sexy dele

-Sinto que estou sendo observado (ele diz baixo)

-Bom... não tá errado (beijei a testa dele)

-Acordou a muito tempo ?  (Ele fala com um sorriso leve no rosto)

-Na verdade não, só tava pensando aqui 

-Pensando no que ? 

-Não vô fala (dou um sorriso pra ele)

-Vai sim (ele monta encima de mim)

-Fale agora Dean Winchester! (Ele fala brincando)

-E o que você vai fazer se eu não falar ?

-Terei que ser radical ! (Ele fala aí da brincando)

-Então não direi (ele sorri e eu dou um sorriso de volta)

-Então eu vou ter que te matar (ele se aproxima) de BEIJOS! (ele começa a beijar meu rosto todo, me fazendo rir e então desistir do silêncio) 

-Ok, Okay (falo em meio a risadas) eu falo, só pare 

-Feito. (ele se joga para o meu lado novamente e só me deixa em seus braços) 

-Tava pensando que é bom...ah eu tô com vergonha (minhas bochechas ficam vermelhas)

-Pode falar (ele me beija suave) confia em mim

-Eu confio, eu tava pensando que é muito bom acordar do lado da pessoa que você ama (confesso)

-Ah é ? Bom eu tava pensando na mesma coisa, eu te amo ! 

-Eu te amo muito mais (ele me abraça) 

-O que vamos fazer hoje ? 

-Ah...(penso um pouco, quando me toco que tem aula) Meu Deus Sam, a Aula (saio dos braços dele e pego uma camisa que estava na mesa)

-Não

-Não o que ? (Paro o que estava fazendo)

-Não tem aula hoje Dee (ele começa a rir) 

-Hoje é quinta, claro que tem 

-Mas hoje é feriado Einstein 

-Estou me sentindo um idiota agora 

-Você pode ser qualquer coisas menos burro ou idiota 

-Você tem que rever seus conceitos de elogios

-Foi mal, queria te elogia, mas já que não consegui, venha até mim vossa majestade

-Você fica lindo quando fecha a boca (ele me mostra o dedo do meio e eu vou pro banheiro rindo)

-Você ainda vai se arrumar? (ele fala alto da cama) 

-Vou sim (saio do banheiro) eu preciso comer alguma coisa

-Se você quer comer alguma coisa é só vir pra cama (ele diz usando o famoso Duplo sentido, usou bem, deu até vontade)

-É...pera ai, não (riu) Comer algo que não...ah quer saber, cala boca (nós rimos) 

-Vai se arrumando que eu já vou

-Okay! (Volto pro banheiro e começo a escovar os dentes e me arrumar en geral) quer saber eu acho que vou tomar um banho ! (Grito do banheiro) 

-Beleza vai lá! Eu já vou (ele me responde)



Sam


Era incrível como minha reação de "amor e odeio" com o Dean se transformou só em amor, só amor ele era o amor, o meu amor, nós não tínhamos pensado direto como as pessoas reagiram a isso, mas agora parace que todo mundo já sabe, é normal eu ter ciúmes de uma amiga lésbica do meu namorado ? 

Bom isso eu vou ter que descobrir, logo pego meu celular e vou Stalker essa tal de Charli, quase todos os alunos da universidade seguia o Instagram ou Facebook da instituição, ele estaria lá, com certeza, é só achar uma ruivinha branquela 

Fiquei procurando por alguns minutos, bom o que pra mim pareceu uns 4 a 5 minutos, foi mais, bem mais, quando finalmente achei, dei um suspiro de vitória, então começo a olhar tudo, exatamente tudo quando o Dean senta do meu lado e eu escondo o celular automaticamente 

-O que tava fazendo que eu não posso ver ? (Ele fala com um tom natural, sem raiva, nem ciúmes, só curiosidade)

-Eu, eu nada não, foi rápido, no banho em 

-Na verdade não, demorei uns 20 minutos, você não foi nunca, então decidir sai

-Você acha que eu seria o passivo de novo ? (Ele ri)

-Para de ser idiota (ele fala brincando) agora me fala, o que tava vendo ?

-Não era nada, eu vou tomar banho (me levanto e pego o celular) 

-Tá me escondendo alguma coisa Sam ? Precisamos ser transparentes um com o outro, ao menos é isso que eu quero que sejamos 

-Eu tava vendo o Instagram e aí apareceu o perfil da sua amiguinha, só tava dando uma olhadinha (pego o celular e mostro ele pega da minha mão pra ver a foto)

-Você não tava Stalkeando ela não, né ?

-Não (dou um sorriso de nervosismo) 

-Então por que você está numa foto de 2014 dela ? (Ele ri)

-Porque, aaah, okay confesso, sou culpado

-De que exatamente? além de ter roubado meu coração (eu sorrio e falo) 

-Eu estava stalkeando ela porque eu estava com ciúmes da sua amiga Lésbica (ele começa a rir da minha cara e me abraça) 

-Olha eu te amo e mesmo que a Charli fosse Hetero isso não mudaria 

-Que bom! Agora vou tomar banho (ele concorda e vai se vestir) 

Vou até o banheiro tiro minha cueca e vou tomar banho, entro no chuveiro e fico sorrindo pro nada igual um bobo, realmente estou apaixonado, estou amando e é recíproco, pela primeira vez, antes nunca nem tive esse luxo de conhecer o amor só amei uma menina, mas ela morreu e eu achei que todos os meus sentimentos tinha morrido com ela, mas agora vejo que não, amor é simplesmente lindo, o meu amor é lindo, eu sei, viramos o casal mais gay do mundo, só que não, mas foda-se é o nosso amor e não trocaria por nada nesse mundo, nem por bebidas gratuitas pelo resto da minha vida



Dean



Comecei a arrumar as camas porque apesar de estarem juntas ainda eram duas camas, enfim, quando terminei de arrumar as camas fui ver o resultado do app, eu o Sam estávamos muito feliz que em 1 minuto mais de mil pessoas tinha baixado o app, então hoje pela manhã pensei que no máximo de pessoas que tinha feito o Download seria no máximo três mil no máximo, bom essa era minha base

Quando finalmente abri o celular para ver me assustei com aquele número mais de dez mil pessoas tinha baixado o app, eu fiquei simplesmente desacreditado naquilo, eu fiquei tão empolgado que entrei correndo no banheiro assutado o Sam que já estava desligado o chuveiro na hora

-SAAAAMMMY! VOCE NÃO ACREDITO (falei rápido e alto, estava muito empolgado)

-Meu Deus o que foi Dee ? (Ele me segura pelos braços para eu para de de me mexer) calma, respira, agora pode falar

-O Witcher ele está com mais de dez mil Downloads mais de dois 8 mil aprovados, as pessoas estão gostando 

Aparentemente o Sam ficou muito alegre também, tanto que me abraçou mesmo molhado

-Isso é incrível!! (Ele comenta)

-Eu sei, podemos até ganhar dinheiro com isso agora, é muito bom mesmo

-Sim podemos, eu vou me vestir e a gente já saí pra comemorar

Saio do banheiro e vou terminar de me arrumar, só terminei de arrumar meu cabelo e coloquei um tênis descente, logo vejo o Sam saindo e ir se vestir também, em poucos minutos saímos do quarto quando entramos indo para a saída da Universidade porque iríamos comer fora ouvimos a caixa de som dos corredores e que estão espalhandos na escola falando :

-Senhor Dean Winchester e Sam Hudson, permaneçam na diretoria imediatamente

-O que você fez ? (Pergunto pro Sam)

-Nada, o que eu faria ? 

-Sei lá, vamos lá então


_____________



-Olá rapazes 

-Bom dia Direto Katy (eu falo enquanto o Sam só fica ao meu lado até a diretora mandar nós cantarmos)

-Bom, a universidade recebeu uma ligação dizendo que empresários então de olho no trabalho de vocês e marcas também ligaram pedindo uma oportunidade de patrocinarem vocês

-Ai meu Deus, que incrível ! 

-Isso realmente é muito foda 

-Tomei queria perguntar se eu posso tomar a liberdade de passar o número dos senhores para eles assim que ligarem de novo, assim vocês podem tomar a sua própria decisão

-Sin, perfeito, faça isso diretora e muito obrigada, se não fosse a Senhora o Witcher não estaria ai

-Não tem o que agradecer Dean, só queria saber em quem ficará o nome do projeto?

-Em nosso nome, Sam teve a brilhante ideia e eu com a ajuda dele óbvio coloquei em prática

-Aquele ditado colocamos em prática a teoria (Sam fala em seguida) 

-Nunca ouvi falar (a diretora comenta confusa)

-É porque eu inventei agora 

-Explicado (rimos) 

-Bom meninos, farei isso então, tenham um bom dia 

-Obrigado (nós agradecemos em sincronia, quase como um coral e então saímos da diretoria e vamos direto para algum lugar para comermos)



________________



-Eu conheço um lugar aqui perto da universidade que se chama Diner Yummy 

-Eles servem café dá manhã ? 

-Eles servem de tudo, eles ficam de manhã até a noite, podemos ir mais neles, se você quiser, claro

-Bom, vamos ver se o lugar é legal 

Fomos então para esse lanchonete bem famosa no bairro era muito perto da universidade, umas duas quadras, chagamos e já damos sentar em uma mesa e já começamos a olhar o cardápio, depois de quase um minuto chegou um uma garçonete 

-Olá rapazes, no que posso ajudar ? (Ele fala colocando a tampa da caneta na boca e olhando pra mim, fico meio sem jeito e sem reação, entao falo logo o que queria)

-Eu quero quatro rosquinhas de chocolate e um capuccino, por favor

-Trarei o mais rápido que eu puder, a propósito me chamo Anne e saio às 6 

-Você não tá fazendo isso, né ?! (Sam bate na mesa e fala muito bravo conseguia ver toda a raiva nos olhos dele direcionado a garçonete)

-O que foi esquentadinho ? (Ela responde e ele se levanta furioso, sabia como ele tinha problema em se controlar nessa hora então me levantei também e o seguirei)

-Calma Sammy ! (Falei o segurando)

-Controla o seu cão de guarda aí o bonitão

Quando ela falou aquilo, ela conseguiu deixar o Sam 3 vezes pior do que ele estava antes, ele me empurra fazendo eu cair e dar um grito, ele me jogou praticamente e eu bati muito forte o braço, só então ele para e antes de ir pra cima da menina ele olha pra mim desespero e tenta me me levantar, mas meu braço tá doendo nesse momento

Ele me levanta como podi e me senta no banco de novo 

-Tudo bem Dee ? Desculpa tá bom, eu não queria, eu fiz de novo (ele pega nas minhas mãos) me desculpa por favor (ele agora está beijando minhas mãos) 

-Tá tudo bem sim Sammy, só está um pouco doloroso agora, mas você tem que tentar ficar mais calmo, okay ? (Ele concordou com a cabeça)

No momento em que eu "cai" no chão a garçonete foi embora revirando os olhos e em poucos minutos ela me trás o meu capuccino e minhas rosquinhas de chocolate com cobertura de brigadeiro e consequentemente com granulado em cima, me fazendo ficar com água na boca, então vejo ela pegar k caderninho dela

-O que o grandão vai querer ? (Ela pergunta com um certo desdém na voz)

-Olha, Anne o nome do meu namorado é Sam, então pode chamar ele pelo nome, e me agradeça, porque você conseguiu tirar ele do sério com sua jogada de charme que mais parecia uma sena de filme terror (ela me olhou perplexa e estava muito indignada, principalmente com minha última frase, mas ao menos assim tirei um sorri dos lábios do meu amado) 

-Eu vou querer o mesmo que o meu namorado (ele disse com muita convicção)

-OK! (ela falou alto e brava)

Enquanto esperávamos pelas rosquinhas e capuccino do Sam ele se sentou do meu lado, porque até então entavamos de frente um pro outro, ele começou a fazer uma massagem no meu braço, no começo doeu um pouco, mas pouco a pouco a dor foi sumindo 

-Onde apreendeu isso ? Não tá doendo mais nada, isso é incrível (falo animado)

-Minha mãe adorava que eu fizesse massagem nela, sempre cobrava 50 reais, sim eu cobrava, somos ricos 50 reais pra ela é tipo 5 reais 

-Bom tirando a parte que você e sua família são podres de ricos, eu adorei sua massagem, além de tudo achei relaxante (roubei um beijo demorado dele então quando olhamos pro lado as rosquinhas e o capuccino dele já estavam lá)

-Acho que alguém viu algo que não queria (rimos do comentário do Sam) 

Depois de alguns minutos conversar e comendo, decidi que devíamos ir para algum lugar totalmente novo, diferente, algo que nois dois nunca fomos e no caminho de volta para a universidade Sam tocou em um assuntos um tanto estranhos 

-Agora que você já fez o Witcher nascer você vai fugir de mim ?

-Por que eu fugiria de você ? 

-Só me responde 

-Não, é claro que não (paro o e olho pra ele) tá tudo bem Sammy ?

-Eu te prendi a mim, você foi literalmente Obrigado a fazer o app e você deve tá com tanta dó de mim que não quer me largar

-Eu, não, o que ? Onde você tirou isso Sammy, qual parte do eu te amo você não entendeu ? Eu te amo, te amo muito, não precisa ficar com essas inseguranças toda, eu me lembro que se ofereceu para pagar a minha entrada em Harvard, mas eu aceitei porque queria ficar perto de você e em Harvard não ficaria, como já disse: eu te amo, você vai cansar de ouvir isso saindo de mim, mas eu não vou parar de falar (vejo um sorri enorme em seu lábio)

-Eu te amo muito mesmo Dee (ele me abraça) e não vou cansar de ouvir você falando isso pra mim

-Espero que não mesmo (ele sorri e voltamos andar para a universidade) 


_______________


-Nossa, nem acredito que dia maravilhoso que tivemos hoje, por mais feriados

-Concordo (Diz Sam) 

Nós tiramos os sapatos e nos jogamos na cama ficamos de braços abertos e olhando pro teto 

-Eu tô com preguiça de tirar a roupa (falo com a voz exausta)

-Me imita só hoje e dorme de cueca, só joga a roupa por aí 

-Otima dica Sammy! (Tiro minha camisa e minha calça e a meia) vem deita comigo

-Desculpa pelo o Showzinho na lanchonete 

-Tudo bem, mas me responde uma coisa

-Pode fala

-Se eu não tivesse intervido você iria bater naquela garçonete ?

-Não é, é claro que não, eu posso até ficar fora de mim quando estou puto, mas não sou um covarde, mas se você não tivesse feito nada eu ia dar um chacoalhão nela, mas não pretendia machucar ela

-Eu sei que não, mas você tinha que se ver um Dia, quando você fica muito bravo parece outra pessoa

-É já me disseram várias vezes isso, estou trabalhando nisso, agora vamos mudar de assunto e vamos relaxa 

-Vamos (nos abraçamos e ficamos assim até dormimos) 






Notas Finais


Continua ??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...