História Wind Storms - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bottom!jimin, Bottom!jungkook, Bts, Jikook, Jikook!flex, Jimin, Jungkook, Kookmin, Lobisomens, Menção Jihope, Menção Yoonseok, Namjin, Sobrenatural, Taegi, Top!jimin, Top!jungkook, Vampire!au, Vampiros
Visualizações 1.988
Palavras 2.470
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá amores :3

Bem, chegamos ao final e eu estou toda soft T-T
Muito obrigada mesmo à todos que acompanharam até aqui, agradeço por todo o apoio que me foi dado por meio de comentários, mensagens ou até pelo seu favorito, estou feliz por ter completado mais um trabalho aqui com esse número incrível de pessoas maravilindas que me deram tanto apoio e carinho, logo esterei voltando com mais uma long fic, ainda não sei exatamente quando, mas vai ser em breve, ok gente?

Tenham uma boa leitura :3

Capítulo 29 - Epílogo - Aquela tal felicidade?


Fanfic / Fanfiction Wind Storms - Capítulo 29 - Epílogo - Aquela tal felicidade?

Algumas pessoas parecem que foram destinadas à estarem presentes em nossas vidas para as fazerem melhor, outras apenas chegam para bagunçar tudo e depois vão embora sem deixar rastros, uma tempestade de ventos pode chegar para destruir tudo o que foi construído ou dependendo do ângulo que se olhe, para abrir um novo caminho.

Desde a infância Jimin viu o pior no mundo, cresceu em meio a um ambiente em guerra e imergido na miséria, fugiu de seu país de origem sem saber qual futuro teria, ou se ao menos existiria um futuro, afinal ao sair como clandestino da Coreia, tudo foi incerto, assim como a sobrevivência de si mesmo e de seus pais.

A América não pareceu uma boa escolha no início, em vista de que viver escondido não era o que eles desejavam e uma epidemia quase levou patriarca da pequena família, mas uma proposta um tanto quanto suspeita de salvação surgiu e não puderam negar, os Estados Unidos estava trazendo uma nova chance aos Park’s, mas também trouxe a eles uma maldição eterna.

Descobrir que o mundo poderia ser muito mais do que eles imaginavam com certeza foi inesperado, a vida na terra era algo muito mais amplo e diversificado, aquilo foi surpreendente e com certeza abriu os olhos dos camponeses simples que a família Park era.

Ao entrar naquele novo universo, também puderam ver que não era um mar de rosas, os perigos constantes existiam à sua volta e ter que esconder o segredo do vampirismo também não era uma tarefa fácil, se mudar constantemente e viver tento que controlar a sede e os instintos se tornava uma tarefa cansativa, porém eles estavam conseguindo levar bem e conhecer o mundo também era algo que eles poderiam classificar como sorte grande.

Para Jimin parecia ainda mais estressante, afinal o jovem tinha os seus sonhos e desejos, mas sabia que os realizar não seria possível, ter amigos e um relacionamento amoroso parecia quase que um tabu para seus pais, eles não queriam proibir o seu menino de se divertir, mas temiam que descobrissem o que Jimin era, ou pior, que Jimin acabasse perdendo o controle. 

Com o passar dos anos e a vida da família melhorando e se tornando mais estável, a volta para a Coreia foi iminente, nos seis anos que passaram ali, finalmente o mais novo dos Park’s foi permitido viver como um jovem comum, aquela era a sua terra e os seus pais sabiam que ele já era controlado o suficiente para estar em meio aos humanos.

Assim Jimin teve o seu primeiro real amigo, Kim Taehyung era o seu vizinho, o menino doce e divertido que assim como o Park, escondia um segredo, em seu sangue corria um DNA especial e Taehyung se negava a aceitar tal condição, afinal essa dádiva tinha vindo de seus pais biológicos, porém os mesmo haviam o abandonado ainda na infância, o que fazia o Kim considerar o seu dom especial uma praga infecciosa.

Para Jimin ter um amigo que de certa forma era como ele foi ainda mais especial, o Park havia feito muitos outros amigos, mas nem um deles poderia se comparar ao Kim, pois mesmo que Taehyung negasse aceitar que era um bruxo, ainda sim poderia entender as lamúrias de Jimin, ele sabia bem o que era ser diferente e ter medo de ser descoberto.

O jovem bruxo nunca imaginaria que um dia iria aceitar seus poderes e muito menos gostar do que poderia fazer alguns anos depois, pior ainda que encontraria o amor em um ser de coração frio e sede por sangue, e que essa tal criatura também o ajudaria a superar o passado e encontrar o lado bom em seus poderes.

Já Jimin não imaginava era que além de uma amizade sincera, ele também fosse conquistar o seu primeiro amor, até então o vampiro apenas havia se envolvido brevemente com pessoas aleatórias, e não tendo casos que duraram por muitas noite, até chegou a ter um rápido envolvimento com um caçador, mas o belo Seokjin não se tornou a paixão de Jimin, porém foi uma boa companhia, o Park sabia que mesmo que negasse, o caçador só tinha olhares amorosos e sinceros para Namjoon, o seu “primo” e colega de equipe.

Mas quando Hoseok apareceu em sua vida, Jimin viu sua chance de ser alguém normal novamente, de ter um relacionamento comum e poder viver um amor sem inseguranças, o Park pela primeira vez não teve medo de ser sincero sobre o que ele era.

Porém como as coisas pareciam nunca ser fáceis para Jimin, Hoseok se mostrou alguém um tanto diferente ao descobrir que o Park não era um simples humano, Jung se tornou ambicioso, sua mente cobiçava o poder que Jimin poderia lhe oferecer e Hoseok usou sua inteligência para driblar o namorado, o fazer acreditar que se o amor deles fosse mesmo verdadeiro, deveria se tornar eterno.

Transformar Hoseok com certeza foi uma das coisas que Jimin mais se arrependeu de fazer em toda a sua vida, na época o vampiro não sabia o quanto um elo de criação poderia destruir a relação que antes tinham, a dependência de Hoseok havia se tornado doentia, a sua possessividade com Jimin também soava assustadora e a conversa de um possível término fez o Park ver a verdadeira face do Jung, ele não era mais nem de longe o rapaz que Jimin tinha conhecido há cerca de dois anos.

O Jung nunca chegou a machucar Jimin fisicamente, afinal o vampiro sabia que Jimin era muito mais forte do que ele, mas Hoseok tinha algo no qual o Park não conseguia ir contra, o Jung sabia como machucar a mente de Jimin, as palavras muitas vezes duras e as ameaças assustavam o mais velho, e tudo piorou quando Hoseok decidiu que deveria ser o líder de um clã.

A alimentação escassa e a base de sangue congelado não deixava Jimin muito astuto, mesmo que a fome e a vontade de caçar o perseguissem, o vampiro tinha um controle de dar inveja, mas Hoseok estava disposto a brincar com a fragilidade do Park.

Quando Jung achou que seria divertido provocar Jimin com sangue fresco e quase o induzindo a ir atrás de presas novas, o mais velho soube que o Hoseok que ele conheceu estava morto, e no lugar estava alguém frio e calculista, que não tinha mais compaixão ou pena.

Yoongi foi um dos infortúnios que acabou entrando no caminho de Hoseok, o Jung procurava os seus novos discípulos para seu clã em hospitais, abrigos e centros de correção para jovens infratores, foi assim que conheceu o Min Yoongi, um rapaz órfão, recém saído do lar de adoção em que viveu toda a sua vida, que estava definhando sobre a cama de um hospital público em situação precária. 

Viver na rua só trouxe coisas ainda piores para a vida de Yoongi, e junto da fome e frio, veio a meningite, quase tirando a vida do jovem que viu em Hoseok a sua salvação e perdição ao mesmo tempo. A partir dali, o Min esteve preso ao Jung, tendo com ele não apenas o agradecimento, como também uma admiração grande.

Porém o tempo passou, e a mente de Yoongi começou a mudar, o desejo de servir seu líder não era mais algo tão valoroso, o Min queria a liberdade, o que só pode conseguir algum tempo depois, mesmo que já carregasse o peso das coisas que teve que fazer para Hoseok.

E em meio a tanto infortúnios, Yoongi pode conhecer alguém que realmente mudaria sua vida para melhor, e quem diria que seu futuro noivo seria um bruxo e ainda por cima alguém ele havia atacado num momento de fraqueza há anos atrás?

Mas voltando a nossa história principal: Yoongi foi o último humano a ser transformado por Hoseok, sendo assim quando ele se juntou ao clã, Jimin já havia ido embora e a busca incessante pelo mesmo tinha começado.

Ao fazer de Hoseok um ser imortal, Jimin pode ver o quão louca uma mente antes humana poderia se tornar, agora quem estava em risco não era apenas o Park, mas também sua família, Jimin então soube que naquele instante ele deveria tomar uma decisão definitiva: matar o monstro que ele havia criado ou fugir.

Mesmo sendo um ser sem alma, Jimin mantinha seu coração bom, e isso cooperou para que o vampiro decidisse que era hora de fugir, ir para bem longe daquele que o faria mal, o Park se sentiu um covarde, mas a segurança de seus pais e amigos era mais importante.

Começar uma nova vida em Fallen Hill era tudo que Jimin e seus pais precisavam, tudo começou a entrar naqueles mesmos eixos novamente e o Park sentia que poderia se sentir livre mais uma vez, era um lugar novo com novas possibilidades, era tudo que ele mais queria depois de passar poucas e boas ao lado do possessivo Hoseok.

Porém novamente um golpe de azar do destino veio sobre os Park’s, dessa vez em forma de tornado, levando não apenas a casa em que viviam, como também os sonhos que estavam implantando naquele lugar, novamente Jimin se via perdido.

Ir morar num enorme ginásio, tendo que dividir espaço com em média vinte famílias e ainda adquirindo um cuidado redobrado para não levantar suspeitas sobre quem eles eram se tornava exaustante, mas Jimin percebeu algo que poderia ser sua distração.

E Jeon Jungkook era o nome dessa distração.

O rapaz cheio de segredos era uma incógnita para Jimin, e o vampiro amou conhecer e desvendar cada uma das etapas do jogo que era se infiltrar na vida e mente de Jungkook, mas no início o Park admitia para si mesmo que não pretendia se envolver demais com o moreno misterioso, afinal quanto mais as pessoas sabem, mas podem se afastar ou estar em perigo.

O relacionamento com Jungkook foi uma verdadeira montanha russa, emoções e sentimentos foram despertados de ambos os lados e aquilo pareceu se tornar perigoso para os dois, já que Jeon tinha seus motivos para ser alguém recluso, o passado do moreno escondia mais coisas do que qualquer um ali poderia suspeitar.

Nascido numa família de caçadores mercenários e carregando consigo o sangue licantropo, Jungkook teve que lidar desde cedo com coisas que sua mente de criança ainda não entendia, os pais ausentes e muitas vezes até exploradores de seus filhos, os obrigando a fazer trabalhos pesados e até medonhos que com certeza fizeram de Jeon alguém com os sonhos e pensamentos perturbados.

Fugir também tinha sido uma saída para Jungkook, porém assim como Jimin, um tornado veio em sua vida, tirando de si o que ele mais amava, o seu único irmão.

Jimin e Jungkook mesmo que não tivessem percebido no início, viram um no outro o que faltava neles mesmo, também encontraram as características parecidas e o amparo que precisavam há tantos anos, os segredos e medos puderam ser sussurrados na calada da noite e mesmo sendo um vampiro e um lobisomem, eles tinham o que era necessário para iniciar algo novo, a paixão e o carinho que começavam a cultivar.

Quando Hoseok voltou a ser um tormento na vida de Jimin, Jeon não pensou duas vezes antes de proteger aquele por quem estava apaixonado, mesmo que isso significasse colocar sua própria saúde em risco, o Park pela primeira vez viu alguém arriscar tanto a vida por sua causa e ele soube ali que Jungkook era mais do que especial.

O combate foi difícil, mas com a ajuda de um grupo unido e confiante conseguiram passar aquele aperto com a cabeça erguida, Jimin e Jungkook iniciaram ali um novo passo em suas vidas, agora estavam realmente dispostos a levar o que sentiam para frente.

Alguns anos depois, o casal vivia quase como casados e aquilo parecia se tornar monótono para muitos, mas quando se é um vampiro e um lobo, nada nunca vai parecer entediante, mas afinal, como qualquer outro casal, eles tinham seus problemas, e o mais discutido era o desejo de imortalidade que Jungkook tinha.

Claro que a ambição do jovem não era algo egocêntrico, ele tinha boas intenções e uma vontade pura, apenas queria poder viver para sempre ao lado do homem que amava.

Assim veio a possibilidade de se tornar um híbrido e os medos de todos, afinal era algo incerto e Jungkook em vez de imortalidade, poderia apenas ir conhecer o anjo da morte mais cedo. E Jeon aceitou enfrentar aquilo, não pensando apenas nele, mas também em Jimin.

Jungkook foi atrás daquele que poderia o transformar, mesmo sabendo que Jimin não estava a par daquilo, o vampiro não permitiria que seu namorado passasse por algo tão arriscado, mas alguém cabeça dura como Jungkook não se daria por vencido, tanto que foi atrás de um híbrido sozinho.

Ser mordido por aquele híbrido foi o mais próximo da morte que Jungkook já chegou, enfrentar todas as dores e perigos que a transformação o causava foi assustador, mas Jeon tinha um motivo para lutar, ele queria se mostrar forte, ele precisava ser forte, por Jimin.

Felizmente as coisas se concluíram bem, o Park ainda sim passou um bom tempo um tanto chateado com o mais novo, afinal ele tinha se preocupado tanto e a aflição de quase ter perdido seu amor ainda parecia doer, mas claro que Jungkook soube como se redimir com seu amado.

Hoje se encontram muito bem casados há cerca de cinco anos, Jimin formado em medicina e Jungkook finalmente podendo montar a sua clínica veterinária após algum tempo de estágio numa outra clínica da cidade, estavam com planos de se mudar para o sul da França, talvez adotar um ou dois filhos, a vida dos Park-Jeon’s era pacata assim como a vida de Sumin e seu marido que ainda viviam em Nevada, mas não eram menos felizes por isso.

Hoseok estava em condicional, e pode sair do aprisionamento nesse ano, seu namorado tinha sido liberto alguns meses antes e Jimin tinha ouvido falar que os dois planejavam fazer mochilões por diversos lugares do mundo quando Hoseok se livrasse definitivamente de sua pena, quem sabe passariam por lá também.

Mas torcia que não fosse no verão, pois Jimin e Jeon planejavam ir visitar seus amigos Taehyung e Yoongi — que possivelmente ainda está enrolando o bruxo com promessas de um casamento — em Seul e quem sabe ir conhecer os filhos de Jin e Namjoon quando chegasse o outono.

Talvez a vida de um “ser humano comum” não fosse o que as pessoas imaginariam que um casal formado por um vampiro e um híbrido desejariam, mas os dois tinha a eternidade e gostariam de viver dessa maneira, na paz tão aclamada em suas infâncias.

E hoje, tantos anos de trajetória depois, Jimin finalmente pode dizer que é alguém feliz.

FIM


Notas Finais


Os pais do Jeon nunca mais foram visto e o Jungkook fez um memorial ao seu irmão lá em Fallen Hill, é isso :D

NOVA FIC: https://www.spiritfanfiction.com/historia/ate-que-o-feitico-acabe-11002393

Até uma próxima!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...